Somos todos Chape


Postado

Somos todos Chape

Hoje, 29 de novembro de 2016, é um dia triste para o futebol brasileiro. Um dos clubes mais carismáticos que já vi, nos mostrou como a vida é um sopro, e que estamos aqui apenas de passagem.
Chapecoense, clube guerreiro. Clube que nos ensinou que não existe pequeno nem grande, existe apenas dedicação, amor, comprometimento e vontade. Sucesso? Só se chega lá após muito trabalho. E não é necessário ter grife ou luxo.
Momentos como esse, mostram como o futebol não é apenas um jogo. Ele engloba e envolve muito mais coisas. Mostra como a rivalidade deve existir apenas dentro daquelas quatro linhas. Brigas, ódio e ofensas, mesmo que vindos por parte de uma minoria, não levam à nada. Deve se viver intensamente e curtir cada momento dessa nossa paixão.
Isso também nos leva à pensar que dessa vida não levamos nada, apenas o bem que fizemos e o amor e a energia positiva que partilhamos. No final, nada material terá valor algum. Perante aquele que nos criou, isso de nada vale.
Por isso devemos fazer nosso melhor todos os dias, não cultivar rancor, ódio e pensamentos ruins dentro de nós. Devemos perdoar, dizer àqueles que amamos o quanto são importantes para nós. Devemos espalhar amor, carinho, palavras positivas e emanar luz e paz aos que nos cercam. Lutar pelos nossos sonhos, ideais e nossa felicidade.
Cada um desses que se foram, vão deixar saudade à muitos. Em suas vidas batalharam por um sonho e um ideal. E no meio desse sonho, por uma fatalidade, partiram repentinamente.
E se aquela bola no último lance entrasse? Muitos se perguntam... Mas as coisas na vida acontecem sem que possamos controlá-las. Não adianta querer culpar Deus por isso. Ele não tem nada a ver com isso. Foi, e infelizmente aconteceu...
Que estes guerreiros encontrem a luz divina e que suas alma descansem em paz. Que o autor de nossas vidas o acolha com muito carinho. Ele cuidará deles perfeitamente. Às famílias, muita força e fé em Deus. Que fiquem as boas lembranças e a saudade. E que o amor dure para sempre. Jamais serão esquecidos.

Essa foto, ilustra todo meu apoio, amor e carinho às famílias, amigos, torcedores e todos nós que estamos abalados com essa tragédia.
Danilo, goleiro assim como meu ídolo, me faz ter diversos pensamentos que me atormentam. E se fosse com ele? Eu realmente sinto muito, e só de pensar, as lágrimas chegam à meus olhos.
Danilo herói, guerreiro. Dessa vez não foi possível fazer uma defesa, meu anjo. Tenho certeza de que aí no céu, você tá em casa. Cada goleiro tem um pouco de anjo dentro de si. Voar para fazer aquelas defesas só pode ser obra divina. É para poucos. Eu via suas atuações e te admirava muito, mesmo nesse pouco tempo. Foi um dos melhores jogadores deste ano. Um orgulho para quem ama essa profissão. Mas você deixou seu legado com esse pequeno, e sei que tua continuidade está em boas mãos.
Hoje, a terra chora, mas o céu está em festa. Chegaram muitos anjos para reforçar o elenco do time celestial.
A Chape foi em busca de uma estrela, mas ganhou várias.


Somos todos Danilo, Cléber, Kempes, Bruno, Lucas, Filipe, Ananias, Thiego, Dener, Caramelo, Gimenez, Marcelo, Sérgio, Matheus, Thiago, Josimar, Gil, Arthur, Aílton e todos os outros.

Somos todos Chapecoense.

Que Deus nos abençoe!


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...