~MisuzuKusakabe - Clan Draftus

MisuzuKusakabe
Innocent Malice
Nome: Miss
Status: Usuário
Sexo: Indisponivel
Localização: Indisponivel
Aniversário: 20 de Abril
Idade: 15
Cadastro:

Liriel Aruha


Postado

♣Warriors To Death:

• Nome:
Liriel

• Sobrenome:
Aruha

• Apelido:
Li ou nenhum

• Idade:
17

• Espécie:
Híbrida (humana e lobisomem)

• Aparência ( imagem ):


• Estrutura Corporal:
magra, 1,70 de altura busto médio e pernas finas

• Sexo:
Feminino

• Sexualidade:
Bissexual

• História:
Sua mãe, que naquela época ainda não tinha engravidado, foi colher frutos na floresta e nunca mais voltou. Depois de 6 meses perdida ela reapareceu com uma surpresa: estava grávida, por mais que sentissem falta da menina, seus pais não a quiseram de volta e a única pessoa da aldeia que a acolheu foi o Padre, que também fez seu parto e escutou suas últimas palavras antes de morrer por hemorragia pela filha, que a rasgava por dentro querendo sair.
Lhe disse que sua filha era de um lobisomem que tinha encontrado no caminho e que queria que o nome da criança fosse Liriel Aruha, o sobrenome que era de seu pai lobisomem que provavelmente nunca iria conhecer.
Liriel cresceu na Igreja, não podia sair pois o Padre dizia que ela era especial, ela aceitava pois ele era a única coisa que tinha no mundo e não queria desapontá-lo. Ficava o dia inteiro na parte mais alta da Igreja vendo as pessoas passarem, conseguia ouvir a conversa de todos da aldeia, sabia de todas as fofocas que aconteciam lá, até sabia o nome de cada um.
A noite, quando o Padre e todo mundo dormia, ela passeava na floresta e em uma dessas caminhadas noturnas ouviu uma mulher lhe chamar. Disse que era sua avó e contou tudo o que Liriel queria saber: disse que seu pai vinha de uma linhagem de lobisomens puros muito antiga e não a via porque tinha medo e vergonha de a encarar.mas também disse que não gostava da atitude de seu filho e se Liriel quisesse, a levaria agora para vê-lo
Liriel aceitou, ela considerava o Padre como seu pai mas gostaria de saber como era seu pai de verdade.
A velha a levou até um circo dos horrores e a deixou lá dizendo que castigou severamente seu filho por ter se metido com uma humana e que tinha nojo de ter uma neta bastarda dessa humana. Depois disso foi embora e Liriel ficou no circo,
Aqueles dias foram os piores da vida dela, eles a trancavam em uma jaula e colocavam uma camisa de força que a impedia de se transformar, e no show, na hora eles não tiravam a camisa mas mesmo assim a obrigavam a se transformar e entreter o público, com torturas e abusos e ela sempre se esforçava para se transformar e eles pararem de bater nela.
Liriel era de guardar rancor, ela se obrigava a engolir todas as coisas de ruim que acontecia e então, quando o copo enchia... ela nunca soube o que acontecia
Aquela foi a primeira vez, Liriel estava no meio de um show, estava sofrendo muito com todos os abusos e torturas e de repente ela sentiu toda a angústia, frustração, raiva e todos os sentimentos que estavam acumulados dentro dela multiplicados, doía mas ao mesmo tempo era confortável.
Quando os sentimentos passaram, ela acordou, não se lembrava de ter dormido, não se lembrava de nada que tinha acontecido, mas estava deitada no chão e ao seu lado uma cratera enorme com trapos do pano circo, ela até hoje não sabe o que aconteceu mas por causa disso estava livre

Agora ela se arranja para poder viver, faz trabalhos desde ser ajudante de padeiro até ladra de aluguel, esse último emprego apenas poucas pessoas a contratam, aquelas que sabem de seus poderes e que tem dinheiro. No caso as pessoas que tem envolvimento com a realeza para saber do seu segredo.

• Filiação:
hun... seu pai...


Sua avó que a enganou...

Ela é muito católica e preza muito pela família, mesmo sendo uma lobisomem

• Arma:
Chakram

É uma arma de vôo reto de maneira a ricochetear.É lançado manualmente e, por ter bordas cortantes, ao bater nas lanças ou em outras armas, pode cortá-las, tendo sido usado na antiguidade inclusive para decepar membros ou, como mais comumente, degolar o oponente. Como uma arma de combate imediato, pode facilmente matar o inimigo.

Fonte: Wikipédia ^-^


• Poder:
Metamorfose, consegue se transformar em qualquer pessoa ou animal que quiser apenas sussurrando o nome dela com os olhos fechados. Também consegue se transformar na pessoa tocando nela, a segunda forma é mais eficaz pois não consegue apenas sua aparência física como também sua identidade (seu poder, suas memórias, seus conhecimentos...) mas não consegue ficar mais do que 7 horas,sua mente bloqueia essa metamorfose e ela é forçada a voltar a sua forma original e não consegue mais se transformar nela, por isso prefere a primeira opção.

♠TRAGES ( todas imagens/ roupas do tempo medieval ):

• Roupa casual:


• Roupa de Dormir:


• Roupa de Treinamento:
ímg]http://g01.a.alicdn.com/kf/HTB1KXI6IpXXXXazXXXXq6xXFXXXj/Wood-font-b-Elf-b-font-Dagget-Sleeve-Cincher-Medieval-Fancy-Dress-Adult-Women-s-font.jpg[/img]

• Roupa de Banho:


♦AMIZADES:

• Amigos:
Nunca fale mal de seus amigos, para ela seus amigos são as melhores pessoas e ela corta sua cabeça sem hesitar. Se fizer alguma mancada com ela e ela não *se importar* você tá livre, mas não espere que vire amiga dela de novo
Não é impossível ser amiga dela, mas também não é muito fácil, ela repara muito no jeito que você se comporta com outras pessoas, não gosta de pessoas que tratam outra pessoas mal, pra ser amiga dela tem que tratar todo mundo bem, pelo menos na frente dela.

• Inimigos:
Ela considera todas as pessoas que conhece e não são suas amigas, seus inimigos. mas não liga muito pra eles porque não gosta de guardar rancor (embora guarde), se ela não te matar na hora, nem se preocupa mais

• Safira:
Já viu uma vez, quando estava trabalhando para uma pessoa do castelo

• Dylan:
Já ouviu falar

♥RELACIONAMENTOS]:

• Par?:
Quero

• Eu escolho ou você?:
Pode escolher

• Querer cenas de sexo com seu personagem?:
Eu voto sim \o/


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...