~Sentenced

Sentenced
111
Nome: Watanabe
Status: Usuário
Sexo: Masculino
Localização: Florianopolis, Santa Catarina, Brasil
Aniversário: 20 de Março
Idade: 18
Cadastro:

História para vocês ( 'ω')


Postado

História para vocês ( 'ω')

Era uma noite, quase 10 horas. quando o surdo escutou o mudo dizer que o cego viu o aleijado correr atrás de um carro parado, e ali perto a 200km, em um dia frio de 45 graus em que o sol iluminava a palida noite, uma velha de 15 anos deitada num banco de pedra feito de madeira dizia calada que preferia morrer do que perder a vida

ok apenas para isso aqui ficar mais inteligente .. hum
Você sabia? Que jamais encostamos em alguma coisa, de fato?
O que existe dentro de um átomo é um enorme espaço VAZIO!
Se o núcleo de um átomo fosse do tamanho da cabeça de um alfinete, o átomo teria o tamanho do ESTÁDIO do Maracanã!
Mas... como podemos tocar em pessoas ou objetos se átomos são grandes espaços vazios?
Na verdade, não nos encostamos em NADA! Quando nos aproximamos, temos a sensação de o estar tocando.
Nosso corpo desenvolveu-se para 'projetar' sensações que nos são úteis á sobrevivência, uma delas é o tato, apesar de ser uma sensação irreal.
Existe transferência de calor, você pode sentir uma pedra fria, um metal quente, perceber vibrações... mas encostar de fato, é uma ilusão criada pelo teu cérebro...
O que acontece é a chamada repulsão elétrica, um fenômeno em que duas partículas que possuem cargas elétricas iguais se repelem.
Então podemos chegar muito perto de outro corpo, mas nunca tocá-lo!
"Se corto minha mão em um caco de vidro foi o vazio que cortou minha mão?"
O objeto faz uma repulsão eletromagnética maior em uma área da sua mão, separando os átomos da determinada parte, causando o corte. Como se fosse a repulsão de imãs com polaridades iguais. Considere que sua pele é um imã de polo norte, e um objeto também de polo norte se aproxima, eles exercem uma força de repulsão um no outro, ao ponto do imã mais "forte" "abrir" um caminho no meio do imã menos resistente, que é sua mão. Lembrando que usei imãs como analogia

Escutando: Impossible - James Johnson
Lendo: Anjo A face da mal
Assistindo: nada
Jogando: nada
Comendo: nada
Bebendo: chocolate quente com marshmallow ( 'ω')

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...