~Evelise

Evelise
Master Peanut Candy
Nome: ¢ลя๏ℓýииэ ♥✿♫
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Uberaba, Minas Gerais, Brasil
Aniversário: 11 de Setembro
Idade: 14
Cadastro:

Ficha Para "Demon Soul - Interativa"


Postado

.:。*゚・.•°∴ .㆒✿ ƒıcнα ✿ ㆒.:。*゚・.•°∴ .



❝ É mais fácil obter o que se deseja com um sorriso do que à ponta da espada. ♪ ♥ ❞

『 ❤ 』 εvεℓιşε ηαяα нιчαкυια『 ❤ 』


❀ฺ ησмε ❀ฺ
█▄ Evelise Nara Hyakuya ▄█


{ ● } Evelise: Significa “avelã” ou “a vivente que tem Deus como juramento”.

Nome com dois possíveis étimos. Pode ser uma variação de Eveline, que tem origem no nome de família alemão Avelina, originado a partir do nome da cidade italiana de Abella onde havia o cultivo de um fruto anteriormente conhecido como de noz de Abella, hoje chamado de avelã, portanto Avelina significa “avelã”.

É provável ainda ter surgido como uma variação da união dos nomes Eva e Elise. Eva vem do hebraico Hawwá, Havah, a partir de hawá “ele viveu”, significa “a vivente”. Já Elise é uma variante de Elisa, um apelido de Elisabete, que tem origem no nome hebraico Elishebba, que quer dizer "o meu Deus é um juramento" ou "Deus é abundância". { ● }



❀ฺ ąթɛℓɪɗѳ ❀ฺ
█▄ Eve ─ Lis ─ Nara ─ Moon ─ Rose Quartz ─ Insanity ▄█


{ ● } Moon é um apelido usado preferencialmente por pessoas próximas a ela. Apenas pessoas realmente próximas podem a chamar assim, tais como amigos de infância e familiares que ela goste. Eve, Lis e Nara são comuns, também são adicionados sufixos a esses apelidos. Qualquer pessoa pode lhe chamar assim. Caso uma pessoa se sinta especial apenas por chamá-la por esses três apelidos, ela logo diz para não se sentir, pois não sabe nada de sua vida. Insanity é a alcunha da garota, todos em Fiore a conhecem assim. Portanto, ela se sente respeitada quando chamada assim. E, por fim Rose Quartz. Ama ser chamada por esse apelido, por causa da cor de seus cabelos e da pedra do quartzo.



❀ฺ ɪɗąɗɛ/ąɴɪvɛʀʂáʀɪѳ/ʂɪɢɴѳ ❀ฺ
█▄ 17 Anos ─ 11 de Setembro ─ Virgem ▄█


{ ● } Evelise nascera numa madrugada friorenta, possui 17 anos atualmente e é nascida no dia onze de setembro, pertencendo ao signo de Virgem, sendo assim uma virginiana. { ● }



❀ฺ รεאσ ❀ฺ
█▄ Feminino ▄█


{ ● } Resta alguma dúvida? { ● }



❀ฺ รεאµαℓเ∂α∂ε ❀ฺ
█▄ Heterossexual ▄█


{ ● } Nunca pensou muito nisso, apesar de ser sádica. Porém, tem certeza de que não sente atração por mulheres. { ● }



❀ฺ ąթąʀêɴɔɪą ❀ฺ
█▄ Evelise, dona de uma beleza impecável, certo? ▄█











{ ● } Seus cabelos são naturalmente rosados e longos. Não, ela não gosta de cabelos curtos, simplesmente porque acha que eles não combinam com ela e prefere muito bem continuar com seus lindos cabelos longos. Seu corte chega a ultrapassar sua cintura, com uma franja irregular que tampa pouco de seus olhos. Ela odeia quando arruma seus cabelos e a mais fraca brisa vem e estraga tudo. Os olhos de Nara são naturalmente azuis. Evelise consegue gerar desconforto nas pessoas com seu olhar sarcástico e superior quando quer. Seus cílios são grandes e longos. Suas sobrancelhas são finas e bem desenhadas num tom novamente rosa, mas a diferença é que ela se mantém numa cor rosa claro. Os traços de seu rosto são finos e delicados, quase como o de uma boneca de porcelana nada haver com a personalidade dela. Lábios pequenos e macios, sempre num tom avermelhado e brilhante, como se fossem verdadeiramente de uma boneca e sempre curvados num sorriso doce, bem como seu olhar quando não quer irritar alguém. Seu nariz também é pequeno, com a ponta levemente arrebitada.. Suas bochechas são fofas e completamente apertáveis, num tom visivelmente avermelhado também: o que faz as pessoas terem vontade de apertar suas bochechas, principalmente quando ela se envergonha. Sua pele é pálida, macia e delicada. Seu corpo não há nada que relativadamente a impressione comparado as outros corpos. Seios fartos assim como suas coxas, uma cintura fina com ombros pouco largos: pés pequenos, calçando por volta de trinta e cinco para trinta e seis com mãos pequenas e dedos finos e delicados, com as unhas médias. Seu quadril não é tão pequeno nem tão grande, pode ser considerado até “fofo”. As pernas são torneadas e delicadas, mas nada tão exagerado: assim como a cintura, que é fina, porém não tão delicada assim. Sua altura a irrita, e muito: tendo somente 1,54, acaba sempre ouvindo o quanto as pessoas comentam e zombam de sua altura, isso a irrita muito. Provavelmente deve pesar por volta de quarenta ou quarenta e cinco quilos, apesar de comer como um caminhoneiro, não entende o porquê de não engordar, mas mesmo assim continua a comer, embora seja preocupada com seus visuais. { ● }



❀ฺ קэяร๏иลℓเ∂ล∂э ❀ฺ
█▄ Evelise não é como as garotas que se vê por aí. ▄█

{ ● } Meiga, tímida, fofa; não pense que Evelise é assim. Muito ao contrário, é como uma mistura louca de adjetivos ruins. A definição perfeita para ela é tão longe destes três pequenos adjetivos... Egocêntrica. Sim, sim, egocêntrica, aquela pessoa que se importa apenas consigo mesma. Evelise é assim. Entre ela e um amigo, faria questão de matá-lo e ainda usaria seu sangue para banhar suas plantações de morango. Como se egocêntrica já não bastasse, adquiriu o hobby de assistir ao sofrimento alheio e sorrir, assim se tornando uma verdadeira sádica. Sem nenhuma exceção, sempre sorri ao ver o caos na vida de alguém, principalmente se for um inimigo. Falando em inimigos, como ela acabaria com eles? Ah, os torturando. Adoraria ver as feições de sofrimento no rosto de quem mais odeia. Lhes daria um sofrimento inimaginável, desde psicológico até físico. Competitiva é pouco para demonstrar sua obsessão por vencer. Caso perca, ela pede revanche, ela terá revanche. Perder não está em seu vocabulário, assim como compaixão. Vencer não é algo como um acaso, é sua obrigação. Apesar de levar isso muito a sério, usa o tempo em que compete por algo para usar de seus joguinhos sádicos. Sempre testando novas táticas estratégicas nessas horas, assim como sorrindo. Para conseguir o resultado perfeito, esperado, faz de tudo. Desde mentiras, até truques sujos. Sendo uma ótima mentirosa, nada a irrita, consegue sempre manter o belo sorriso sarcástico no rosto, com um leve tom de ironia. Até mesmo as pessoas mais inteligentes e perceptíveis podem cair em seu olhar encantador e imperceptível. Sarcasmo, isso faz parte de sua rotina. Qualquer coisa que chegue a verdadeiramente lhe atingir trata como algo inovador, então sorri e apenas começa a pensar na maneira mais prazerosa em que derrotará a pessoa que lhe fez sentir isso. Mas não pense que será de maneira rápida, a pressa é a inimiga da perfeição, que também é inimiga de Evelise. Para conseguir armar esses jogos sádicos, é preciso inteligência, e muita. Por isso, considerada mestre em jogos, Evelise tem muita cautela em cada passo que dá para sua vitória planejada. Agir sem pensar é uma coisa que nunca fez, nunca fará e nem pensa em fazer. Cada truque seu é muito bem calculado, mesclado com sua incrível capacidade de mentira. Isso é um de seus maiores orgulhos, não que expresse tais sentimentos. Hm... Sentimentos, um ser assim seria capaz de tê-los? Talvez. Disfarçadamente, pode haver maneiras de encontrar o caminho certo de seu coração e de algum jeito se infiltrar lá. O amor nunca foi presente na garota, mas pode ser que ela ache algum outro mestre em jogos que a encante. Não, essa não é a palavra certa... Acho que ela gostaria de algo que a intrigasse, que mexesse com ela. Além do amor, a amizade também não é seu forte. Como uma onça, apenas é dócil quando lhe é conveniente e apropriado. Caso contrário, ataca sem compaixão. Porém, Evelise não ataca, apenas... brinca. Afinal de contas, como um monstro como esse pode manter essa máscara? Parece impossível, mas para ela não. Com sua bela aparência engana e manipula todos à sua volta, para, no momento certo, abandona-los como se não fossem nada. O difícil não é isso, para ela o pior é ter que aturar os sufixos adicionados ao seu nome. Odeia isso, porém não se irrita. Gosta de ser chamada de Insanity, no caso sua alcunha. Todos temem à Insanity, a grande e insana maga. Chamada assim, se sente respeitada. Adora coisas novas, que fazem seu coração bater mais forte, que enfim a trazem adrenalina. Como seu dia a dia é monótono e chato, por mais que faça missões o tempo todo, nada chega a causar-lhe o verdadeiro medo, desespero. Quando tal dia chegar, será capaz de tudo para ter, ou matar, dependendo dos atos da pessoa, o ser que a fez sentir isso pela primeira vez. Se garante sempre, afinal, perder não consta em seus arquivos. Confiante e sarcástica, em um campo de batalha sorri constantemente, como se nada a atingisse. Ter vergonha, ser tímida, ou coisas que seriam para oprimi-la nunca são visíveis. Caso precise tomar banho junto de garotos, o fará, a menos que esteja com sua máscara de garota fofa que apenas serve para cair e ser chamada de fofa. Isso me fez lembrar, por que usa essa tal "máscara", e finge ser o que não é? Simples, poder. Gosta de manipular as pessoas, a beleza apenas a ajuda mais, mas monopolizar as pessoas para ter o que quer é algo satisfatório para ela. Como um prato cheio, se delicia com suas ações e não se importa se está certa ou errada, a máscara estará presente e ela a usará. Agora, vamos comentar sobre o que ela finge ser. Como uma personalidade chata e sem graça como essa não tem muito a se comentar, vamos resumir. Com uma vida dupla, em uma finge ser tímida, gentil, que se sacrificaria por todos, é inútil e principalmente; ama a todos. Tal máscara perfeita de garota inocente, a concede tudo o que deseja. Se mantém tão perfeita, parecida com uma delicada boneca, que chega a se fantasiar como ela. Às vezes, por tanto fingir, se sente como se verdadeiramente fosse assim, ficando um pouco confusa, mas faz questão de lembrar-se de quem é, e o que gosta de fazer. Voltando a sua personalidade original, possessividade é algo que lhe incomoda. Sim, ela é muito possessiva, mas odeia isso. Sente como se estivesse com ciúmes, o que é verdade, mas tenta esconder. Gosta de tudo o que lhe pertence, ou acha que deve pertencer, ao seu lado. Faz questão de manipular todos á sua volta para ter o que quer consigo. Muitos dizem que a vingança é um prato que se come frio, Evelise também acha isso. Cada momento conta, é necessário estratégia para a vingança perfeita; mesmo que demore, ela a terá. Repleta de sentimentos ruins, a única coisa que quer, que realmente planeja é seu próprio prazer. Ver o caos. Pessoas sofrendo, aos seus pés. Um detalhe importante sobre ela ser sádica, é que Evelise prefere apenas observar. Ela pode causar toda a desgraça, colocar guerreiros, magos, seja o que for, uns contra os outros e sentar-se em uma cadeira para apenas observar. Apesar de ser muito ágil, hábil, usar magia e saber lutar, ela prefere ficar olhando... apenas isso. Caso precise lutar, o fará com mestria. É praticamente uma espadachim profissional, como contado em sua história. Gananciosa, pouco para descreve-la. Pensa em como sua vida mudará se tiver algo que não tem, por isso almeja tal coisa até consegui-la. Adoradora de frutas vermelhas, cultiva-as com amor. Na verdade, isso é uma das poucas coisas que ela realmente envolve o amor. Odeia que alguém as toque, para ela são como filhos. Outra paixão sua são os gatos. Simplesmente não aceita que os toquem com intensões ruins. É capaz de matar pelos felinos, o que, para ela, não é novidade. Orgulhosa como só ela. Jamais aceitaria algo que ela não conquistou. Gosta de ter as coisas em mãos, mas ao seu modo, não de mão beijada. Uma coisa que assusta as pessoas na garota é ela aparecer simplesmente do nada. É como um imã, é só dizer seu nome que ela aparece. Mania de arrumação é uma coisa estranha sempre presente junto a ela. Gosta de suas coisas no lugar, alinhadas e arrumadas. Aliás, por falar em coisas parecidas, ela simplesmente ama vestidos e enfeites para o cabelo. Seu hobby, quando não é assistir o sofrimento alheio e sorrir, é comprar e experimentar vestidos e laços, ou tiaras. O que a deixa realmente brava, é não conseguir experimentar esses acessórios em seu tempo livre. Calma é algo comum na vida da garota, mas quando se trata disso estérica é pouco para descrever. Se isso a irritar muito, pode ser capaz de colocar fogo em tudo e sair por aí. Realmente, não parece ser filha de quem é, mas tal coisa foi adquirida em outra vida, da qual não pôde se livrar. Finalmente, um último ponto a se ressaltar nesse monstro; tem obsessão por sorrisos. Quando alguém sorri, significa que algo lhe agrada, algo que ela poderá estudar, analisar cada detalhe, para finalmente aniquilar o que faz tal pessoa sorrir. Resumindo, não hesita em calcular cada passo para passar por cima de alguém que lhe incomoda, ou simplesmente para conseguir o que quer. Amo ser a louca antagonista qq { ● }



❀ฺ ʜɪʂ†óʀɪą ❀ฺ
█▄ Não há nada de especial a se contar. ▄█


{ ● } Conhecida como The evil's daughter, ou The Princess Of Lucifer (Não está nos apelidos.), Evelise teve uma vida estranha. Nasceu em uma aldeia, junto de sua irmã gêmea. Essa aldeia era aconchegante e todos se tratavam muito bem. Quando as gêmeas nasceram, foi descoberto que as duas possuíam Memory Make, porém, apenas metade.Por isso, receberam 2 talismãs que representavam seus poderes. Era estranho. Por tal motivo, os aldeões condenaram as meninas a ser mortas na noite em que completassem 4 anos de idade. Quando essa noite chegou, a irmã mais velha protegeu a mais nova, Evelise, a todo custo, assim recebendo o reconhecimento dos aldeões, que viram que a garota era forte. Evelise então passou a ser ignorada e foi vista apenas como sombra da mais velha. Isso gerou ódio no coração da pequena. Então, ao completarem 12 anos, Evelise preparou uma surpresa para a mais velha. O sino da velha igreja badalou 12 vezes. Era meia noite. As duas saíram pelo campo em busca da "surpresa" que Evelise havia preparado. Chegaram a uma floresta escura e sombria. A mais velha não teve medo de entrar, e a mais nova já sabia o que havia lá dentro. Evelise então sorriu. Lobos, mais como demônios, apareceram. Eles avançaram na mais velha, enquanto a pequena observava e sorria freneticamente. Como não havia mais volta, Evelise apenas se certificou de que a irmã estava morta e tomou o talismã da mesma. Logo após foi embora sorrindo, sem nenhum remorso. Dias de procura se passaram, e nada da mais velha. A mãe das gêmeas, enquanto dobrava e guardava as roupas das gêmeas, achou o talismã da mais velha em meio as coisas de Evelise. Para a mãe, tudo estava claro. Chorando, avisou ao pai, que correu a aldeia para avisar. A mãe pegou a garota pelo braço e a libertou junto com os dois talismãs na floresta antes que a pegassem. E foi dai que teve de se virar. { ● }



❀ฺ ℓ๏¢ลℓ ∂ล мลя¢ล ∂ล φµเℓ∂ล ❀ฺ
█▄ Na nuca ▄█


{ ● } Um local onde só pode ser visto caso ela puxe seus longos cabelos róseos. Também serve como estratégia, caso algum inimigo precise saber se ela é de tal guilda, ficará bem escondida. { ● }



❀ฺ ¢๏я ∂ล мลя¢ล ∂ล φµเℓ∂ล ❀ฺ
█▄ Azul ciano ▄█


{ ● } Não tem motivos especiais, apenas é sua minha cor favorita. { ● }



❀ฺ ʍąɢɪą ❀ฺ
█▄ Memory Make ▄█


{ ● } Memory-Make (記憶造形メモリー メイクMemori Meiku): um feitiço antigo de tempos passados e um tipo raro de moldagem de magia que lhe concede o controle sobre o peculiar "elemento" de memória. { ● }



❀ฺ ą†ąqʋɛʂ ❀ฺ
█▄ Memory-Make permite Evelise "memorizar" outras formas de magia, eis que por acaso e, em uma forma similar a mímica, para utilizá-los como seus próprios. O que esta magia especial, no entanto, é a possibilidade de combinar mais feitiços memorizados para criar outros completamente novos, que fundem os efeitos de originais; algo que torna a memory-Make extremamente versátil. Uma vez que uma mágica tem sido memorizada, Evelise também é capaz do "esquecimento", tornando-a capaz de fazer o oponente se esquecer de certa magia, assim o oponente não poderá utilizar daquela magia ou de certo ataque. Além disso, ela pode usar memórias de si mesma a um grau, criando afterimages que podem atuar como distrações quando entra em batalha. Enquanto empregando esta magia dela, bem como muitos outros magos de moldagem, ela tem mostrado mais comumente, assumindo uma postura, que ela tem que apontar a mão e estender os dedos indicador e médio de ambas as mãos em direção as têmporas; um gesto que é seguido pela geração de vários glifos em espiral na proximidade, geralmente atrás dele. Memória-Make tem uma limitação, esta residindo no tempo necessário para memorizar técnicas dos outros: se eram para ser executada muito rapidamente, Lis não consegue acompanhar e corretamente se apossar delas. Resumindo, não há ataques, isso irá depender de qual foi o último ataque que ela memorizou. ▄█



❀ฺ ɢѳʂ†ą ❀ฺ
█▄ Principalmente do caos, ser agredida verbalmente, tiaras e vestidos, sorrisos, jogos estratégicos e que tudo saia como o planejado.. ▄█

{ ● } Ama vestidos e tiaras. São coisas muito presentes em seus visuais, desde pequena. Caos é uma de suas maiores paixões. Sorrisos é apenas uma obsessão sua, não tem muita importância para uma pessoa normal, mas para ela sim. Ama a cor de seus cabelos. Ah, uma coisa que realmente ama é fazer seu par sorrir; sério, o ama muito, uma coisa rara, ainda mais quando está sorrindo. Comer, caos, gatos, frio, escuridão, sombras, frutas vermelhas e mentir. { ● }



❀ฺ ɗɛʂɢѳʂ†ą ❀ฺ
█▄ Principalmente, que mexam em seu cabelo e que toquem no que é seu no caso, o par qq. ▄█


{ ● } Não gosta de CARNE, pois é vegetariana; não é por ser uma junção de adjetivos ruins que não tenha certos sentimentos. Odeia que machuquem gatos em sua frente. Desgosta coisas doces demais, que toquem em algo que é seu, viver à sombra de alguém, perder a calma, que descubram quem ela é de verdade, também odeia que não caiam em suas armadilhas, que machuquem algo que é seu seu par qq, e, por fim se sentir fraca. { ● }



❀ฺ мэ∂๏ ❀ฺ
█▄ Ah... um monstro teria medos? ▄█


{ ● } Sim. Uma única coisa que não tem coragem de nem sequer experimentar. Ter de enfrentar seus próprios joguinhos. Sabe muito bem que é inteligente, e calcula bem cada passo que dará ao iniciar seu divertimento, por isso, tem medo de ela mesma ter de se enfrentar. { ● }



❀ฺ αямα ❀ฺ
█▄ Aldan. ▄█


{ ● } É uma bola de crista que Evelise mantem flutuando sobre a palma de sua mão quando vai usá-la. A verdadeira extensão de seus poderes ainda não foi revelada, mas é visto que ela amplia e age em conjunto com a telecinesia de Evelise. Além de poder exibir locais sempre que Evelise pretende olhar para ele. { ● }



❀ฺ нคЪ¡ł¡dคdεร cครuคł ❀ฺ
█▄ Hm... Sobre habilidades? ▄█


{ ● } Além de ser uma ótima mentirosa? Uma bela atriz, consegue interagir com perfeição com cada personagem.. Sua máscara é tão perfeita, até os mais perceptivos podem cair em sua lábia. Outro ponto forte a se destacar é que interpreta muito bem o que as pessoas querem dizer, sabendo se estão mentido, já que apenas um mentiroso reconhece outro. Atenção é como seu segundo nome, percebe os mínimos detalhes, assim ajudando em muitas coisas. { ● }



❀ฺ нคЪ¡ł¡dคdεร dε cσмЪคтε ❀ฺ
█▄ Te garanto, são muitas. ▄█


{ ● }Como dito antes, são muitas. Maneja muito bem katanas e armas brancas do tipo, porém não aproveita tal habilidade. Gosta de apenas observar, pensar nas estratégias e ordenar para que outras pessoas façam o que ela pensou. Caso precise utilizar armas, faz bom proveito de sua Aldan. Essa arma é como se fosse parte de seu corpo, a controla muito bem. { ● }



❀ฺ թąʀ ❀ฺ
█▄ Sim, ela irá querer. ▄█


{ ● } Eles têm uma relação estranha. Como não possui vergonha de absolutamente nada, vive o perseguindo, mas nunca admite que o ama, talvez por orgulho, ou então apenas quer ter posse dele por ganância. Sente um ciúme extremo, por isso não o deixa sozinho. Diz que o persegue pois é forte e tem de defender o único "amigo", o que ele questiona, mas não pode fazer nada. Com sua falsa delicadeza, tende a abraçá-lo, apenas para provocar, o que deixa o garoto confuso. Ele é uma das únicas pessoas que realmente gosta, além de gostar um pouco de seus pais. { ● }



❀ฺ яεℓαςόξş❀ฺ
█▄ թąʀ ▄█


{ ● } Eles têm uma relação estranha. Como não possui vergonha de absolutamente nada, vive o perseguindo, mas nunca admite que o ama, talvez por orgulho, ou então apenas quer ter posse dele por ganância. Sente um ciúme extremo, por isso não o deixa sozinho. Diz que o persegue pois é forte e tem de defender o único "amigo", o que ele questiona, mas não pode fazer nada. Com sua falsa delicadeza, tende a abraçá-lo, apenas para provocar, o que deixa o garoto confuso. Ele é uma das únicas pessoas que realmente gosta. { ● }

█▄ α σc ∂σ αυтσя ▄█

{ ● } A trata igualmente. Se a tratar como inimiga, será tratada como tal, se não, será tratada "normalmente". Com "normalmente", quero dizer com sarcasmo, calma, o que irrita algumas pessoas e há de sobra na garota, competitividade e estrategicamente, assim pensando no melhor para ela mesma. { ● }

█▄ мεรтяε ▄█

{ ● } O trata com respeito. Apenas em sua frente, é leal e comportada, mas longe dele é capaz de tudo para se ter o resultado esperado. { ● }

█▄ σuтяσร мεмЪяσร ▄█

{ ● } Sempre prestando atenção, observa-os e estuda-os, para saber como agir. Tende a sempre fazer o que acha que é melhor para si, o qual sempre dá certo. { ● }



❀ฺ σp¡ห¡ãσ รσЪяε คร gu¡łdคร łεgค¡ร. ❀ฺ
█▄ Não liga. ▄█


{ ● } Simplesmente faz o que lhe convém, e, no momento, tal coisa é destruí-los. Seja para ver o caos, ou obedecer ao seu mestre, não importa, quer destruir eles. { ● }



❀ฺ σp¡ห¡ãσ รσЪяε σ cσหรεłнσ мág¡cσ. ❀ฺ
█▄ Abominar é uma palavra forte... Digamos que... Os odeia. ▄█


{ ● } Muitas vezes o conselho mágico acaba por estragar os planos de Evelise. Com eles em seu caminho, nada dá certo, por isso, os odeia, quer matá-los. { ● }



❀ฺ dคя¡ค รuค v¡dค pεłค gu¡łdค? ❀ฺ
█▄ Jamais ▄█


{ ● } Isso não lhe traria nenhum benefício, pois estaria morta. { ● }



❀ฺ dคя¡ค รuค v¡dค pσя คłguéм? ❀ฺ
█▄ Não ▄█


{ ● } Nem pelo par. Como conseguiria causar o caos não estando lá? Pois é. Ela ama o caos, não alguém { ● }



❀ฺ мคтคя¡ค คłguéм dค gu¡łdค? ❀ฺ
█▄ Sim. ▄█


{ ● } Sem a menor sombra de dúvidas. Ainda por cima faria questão de utilizar do modo mais demorado. { ● }



❀ฺ тяค¡я¡ค ค gu¡łdค? ❀ฺ
█▄ Claro. ▄█


{ ● } O que mais importa é o seu bem estar. A guilda para ela é apenas uma fase. { ● }



❀ฺ รคЪε quε รεu pεяรσหคgεм εรтá εм м¡หнคร мãσร ε pσรรσ ƒคzεя σquε qu¡รεя cσм εłε? ❀ฺ
█▄ Ahan. ▄█


{ ● } Eu sei sim. { ● }



❀ฺ εรтá c¡εหтε quε รε หãσ cσмεหтคя pσя pεłσ мεหσร 3 cคpíтułσร, รεu pεяรσหคgεм pσdε мσяяεя? ❀ฺ
█▄ Sei ▄█


{ ● } Comento em todos, não se preocupe. { ● }



❀ฺ คłgσ мค¡ร? ❀ฺ
█▄ Hm... ▄█


{ ● } Nope. { ● }


♥℘.s. Æ ℓ٥ﻻ ﻉ√٥υ♥


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...