~Kuraminha

Kuraminha
Kura
Nome: Kuraminha
Status: Usuário
Sexo: Masculino
Localização: Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil
Aniversário: 12 de Janeiro
Idade: 20
Cadastro:

O que há de novo no amanhecer?


Postado

O que há de novo no amanhecer?

Uma imensidão de coisas pequenas, trazidas pelo um vento incerto, que eu sentia pela manhã ao acordar.

Meus olhos abriam trêmulos, e eu demorava um minuto a mais para abri-los. Nunca notei a imensidão de um minuto, e de como a junção de mais um tornavam-se dois. Patético não notar, a adição de um simples conjunto ao outro, como uma equação mal resolvida, que esqueci de simplificar. Você sabia, que o "delta" nunca pode ser negativo na equação? Pois assim as coisas se tornam irresolúveis.

A soma de pequenas coisas, me trouxeram a um resultado quase perfeito, transformando-se em um resultado de fração. Você sabe, na matemática, quando um resultado gera uma fração, você pode simplificá-lo, com dois cortes iguais.

Quando aprendi a simplificar, minha professora havia dito: A simplificação é o resultado correto para a equação, pois caso não à façam, estará incorreta.

Pois estou aqui, tentando entender no que a simplificação irá melhorar, no que ela mudará daqui pra frente, e mesmo neste instante, ainda sinto a necessidade de simplificar estas grandes coisas, que se tornarão pequenas, em quantidades imensas.

Na matemática, simplificamos as coisas para facilitar o resultado, mas na teoria, o resultado será o mesmo, mesmo não simplificando.

Hoje acordo, e demoro de dez a trinta minutos para realmente abrir os olhos, e de uma hora para levantar. Um a um, os pequenos minutos se tornaram horas, e me tornaram complicado, difícil até mesmo para os melhores matemáticos deste mundo. Nunca notei que estes pequenos minutos, tornaram-se parte de meu cotidiano, como dizer bom dia, boa tarde, ou boa noite. Estes três cumprimentos se tornaram códigos, para algum tipo desconhecido de equação. Aquela que cada um carrega dentro de sim.

Bom dia: Acabe este dia.

Boa tarde: Que a noite não me guie

Boa noite: Que eu não acorde na manhã seguinte.


Simplificações demais, tornam a equação final, apenas um número.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...