~concrete

concrete
Nome: Letícia
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

Fichas || Succession 👑


Postado



✖ Nome ✖
Rose Marie Beauchamp.


✖ Idade ✖
Vinte e um.


✖ Aparência ✖



Scarlett Rose Leithold



✖ História ✖
Desde que se conhece por gente vive no castelo, nasceu e cresceu em meio a realeza, mesmo sendo filha da cozinheira com o domador de cavalos. São pobres, porém dignos, todos gostam da família Beauchamp.
Acabou se tornando uma grande amiga da princesa, brincavam de todo tipo de jogo, eram crianças enérgicas.
Ninguém se surpreendeu quando Rowena nomeou a criada como sua dama de companhia, a garota era alguém de sua extrema confiança, não havia escolha melhor. Rose segue a amiga por onde for, são bastante próximas, protegeria ela com sua vida e fará se for preciso.
Sua mãe sempre diz que servir aos d'Argeville era uma tarefa honrada que muitos não tinham a sorte de possuir e, por isso, ela deveria agarrar a oportunidade com unhas e dentes. Não considerava a ideia de agir de outra forma.


✖ Personalidade ✖
Extremamente desastrada, seu maior dom é tropeçar nos próprios pés, o chão já faz parte do seu ser. É comum encontrar objetos quebrados por onde passa, vasos são, sem dúvidas, sua maior especialidade.
Pode-se acrescentar também que é alguém bastante manipulável, mas não burra. Ela saberá exatamente do que a pessoa está falando e suas intenções, mas não será capaz de tomar uma decisão por si própria sem ser influenciada.
Um tanto quanto infantil e enérgica, adora pregar peças nos amigos, correr e se esconder, não consegue ficar parada por muito tempo. Está sempre rindo e sorrindo, nada pode abalar o seu bom humor. Muitas das pessoas perdem sua essência com a maturidade, mas não Rose, ela não quer crescer.
Sua inocência lhe proporciona um ar juvenil, o que a torna muito adorável. Não costuma entender piadas de duplo sentido ou cantadas, por conta disso sua forma de amar é a mais pura possível.
Se dá muito bem com pessoas, é bastante comunicativa e alegre, capaz até de encantar o mais escuro dos corações. Fazer novas amizades não é um problema, a timidez não está presente em seu dia a dia.
Não é aconselhável que briguem e gritem com ela, é alguém de natureza sensível, ficará extremamente magoada e envergonhada caso tal ato ocorra. Não saberá como agir, apenas silêncio virá de sua parte.
Abomina a falta de inteligência, pessoas que não sabem responder a perguntas simples a irritam. Não precisa ser um gênio, só tem que saber a diferença de a gente e agente.


✖ Sexualidade ✖
Heterossexual.


✖ Reino que quer participar ✖
França.


✖ Posição social no reino ✖
Dama de companhia.


✖ Gostaria de um par ✖
Sim.


✖ Algo mais ✖
Não.


✖ Está ciente de que posso fazer o que quiser com o personagem? ✖
Sim.





✖ Nome ✖
Sebastian Louie Vasseur.


✖ Idade ✖
Vinte e quatro.


✖ Aparência ✖



Landon Liboiron



✖ História ✖
Fazer parte da guarda real francesa nem sempre foi uma opção considerável para Sebastian, mas seu pensamento mudou após o ocorrido com sua irmã mais nova.
As crianças da família Vasseur cresceram rodeadas de muitos cuidados e carinho, eram protegidas e amadas como ninguém. Cada um tinha sua personalidade, seu jeito de encantar as pessoas, Anne conseguia isso por meio de sua beleza estonteante e sua doçura, não havia uma pessoa que não se sentia feliz perto dela. Não era surpresa que a garota cativava a muitos, inclusive os rapazes, estes que disputavam veementemente por sua atenção. Mas Anne cometeu o erro de se apaixonar pelo cara errado, entre tantos escolheu justamente Phillip. Tenho que admitir que o garoto era um ótimo ator, convencia a todos com seu jeito cavalheiro e usando de palavras cordiais, até parecia um bom menino. Mas tudo era apenas uma máscara para esconder o quão perturbado, masoquista e obsessivo ele era.
A jovem lhe deu confiança, prometeu se entregar a Phillip e somente a ele quando estivesse pronta, mas parece que o rapaz não estava disposto a esperar. Usou e abusou da pobre menina, era gratificante, assistir a dor da moça a sua frente o enchia de um sentimento de prazer inexplicável. Havia deixado uma marca de trauma em alguém e nem se importava com isso.
Anne sofreu muito após a divulgação da história, Phillip Archibald fora para a faculdade e livrou sua participação da história, mas ela permaneceu e teve que aprender a lidar com a vergonha de andar na vila e ser julgada com olhares. Ninguém iria querer uma garota violada, era um caso perdido e não podia fazer nada a respeito, para todos ela era a culpada.
Sebastian ficou furioso, irado, não acreditava no que tinha acontecido e na injustiça que sua irmã estava passando.
Repentinamente - mas não por acaso - se candidatou a guarda francesa, foi aceito com facilidade, queria se certificar de que nenhuma outra mulher passaria por isso novamente. Acabaria com homens da "espécie" de Phillip, eles estavam com seus dias contados.


✖ Personalidade ✖
Extremamente condescendente, não é do tipo que julga, gosta sempre de ver todos os lados antes de criar sua opinião. Um tanto reservado, sua vida pessoal é um mistério, não se pode considera-lo um livro aberto, apenas pessoas que consigam conquistar sua confiança terão acesso a suas intimidades. Contudo não é alguém tímido ou averso há socialização, não costuma ser bem humorado, mas tentará fazer a pessoa sorrir caso ela esteja triste. Ao mesmo tempo não tem medo de impor respeito, não guarda sentimentos e sempre deixa o que sente as claras.
Paciência é seu nome do meio, dificilmente o tirarão do sério e, mesmo sendo pacífico, não tem medo de participar de uma boa briga para defender algo ou alguém.
Fugir de desafios é humilhante para ele, então não espere tal ato vindo do mesmo, irá encarar tudo o que lhe for proposto sem pestanejar. Jamais deixará a entender que é um covarde.
Odeia receber falsas acusações e odeia acima de tudo ser chamado de mentiroso, são ações que o tiram do sério, fica irado ao ponto de gritar com a pessoa que o acusa. Pode se tornar insistente na tarefa de provar o contrário, não admite que duvidem da veracidade de suas palavras.
Abomina mulheres e homens sem personalidade e arrogantes, todos temos a nossa dignidade e isso é total perda dela.
Sempre estará disposto a ajudar quem precisar, é muito prestativo e trabalhar não é um problema para Sebastian.


✖ Sexualidade ✖
Heterossexual.


✖ Reino que quer participar ✖
França.


✖ Posição social no reino ✖
Soldado.


✖ Gostaria de um par ✖
Sim.


✖ Algo mais ✖
Não.


✖ Está ciente de que posso fazer o que quiser com o personagem? ✖
Sim.





✖ Nome ✖
Angélique "Angel" Eloise Deveraux.


✖ Idade ✖
Vinte e seis.


✖ Aparência ✖



Sarah McDaniel


✖ História ✖
Sua infância não foi nada fácil, perdeu o pai muito cedo e teve que lidar com a profunda tristeza em que sua mãe se afundou. Margot passou de uma mulher doce e encantadora para uma amargurada e ranzinza, ter a companhia da filha não bastava, seu humor só melhorou quando outro homem se mostrou interessado. Por um tempo se sentiu mulher, desejada por alguém novamente, entrou em um estado de completa submissão por Anton, o filho do dono da loja de tapeçaria.
Angélique - ou Angel, como prefere ser chamada - não se surpreendeu quando seu possível novo padrasto mostrou certo interesse em sua pessoa, já tinha o conhecimento de que ele era um completo imbecil, mas sua mãe não obteve a mesma percepção. Sentiu-se traída pela própria filha, não conseguia mais olhar para a garota sem enxergar uma concorrente em potencial e, por conta disso, a expulsou de casa. Preferia perder a filha do que o companheiro, o amava mais do que sua própria prole e isso era claro para todos.
Por ser muito nova, tinha por volta dos quatorze anos na época, e não ter experiência de vida alguma, acabou por entrar no mundo da prostituição, tudo para conseguir se manter. Roubar não era um opção, não levava jeito, decidiu por usar sua beleza única e exótica. Algum tempo depois seu foco mudou apenas para os integrantes da alta sociedade, conseguiria recompensas melhores com eles.
Atualmente sua ocupação é como amante daqueles que estão insatisfeitos com suas companheiras(os) ou os que apenas querem alguém para exibir aos amigos nas festas. Aprendeu a gostar do que faz, pode arriscar dizer que é feliz.


✖ Personalidade ✖
Inteiramente exibida, gosta de ser a atração e, por conta disso, tende a ser um tanto escandalosa. Caso não esteja recebendo a atenção desejada, irá intervir para que os olhares se voltem para sua figura e somente para ela. Por ser extremamente semelhante a Narciso - mito grego de um herói famoso pela sua beleza e orgulho - constantemente é comparada como sendo a versão feminina do mesmo.
Está sempre com um expressão inabalável, um leve ar de superior, deixa a entender que nada a atinge. Mas quem a conhece sabe que é uma mulher covarde, as palavras podem afeta-la caso colocadas de forma ameaçadora.
Egoísmo não faz parte de seu dicionário, apesar de ter grande apresso por suas coisas, gosta de ostentar o que tem. Não é difícil a encontrar dissertando sobre a seda com a qual foi feita seu vestido.
Perfeitamente bem articulada e esperta, usa de sua excelente lábia como meio de distração para que formule planos e, com isso, consiga o que quer.
Suas expressões faciais deixam claro suas emoções e seu humor, costumeiramente faz caras e bocas, é algo instantâneo.
Se dá muito bem com pessoas, é bastante comunicativa e atraente, capaz até de encantar o mais fiel dos corações. A timidez não é algo comum em Angel.


✖ Sexualidade ✖
Bissexual.


✖ Reino que quer participar ✖
França.


✖ Posição social no reino ✖
Cortesã ou, usando o termo vulgar, amante.


✖ Gostaria de um par ✖
Não algo sério, apenas trabalhos.


✖ Algo mais ✖
Não.


✖ Está ciente de que posso fazer o que quiser com o personagem? ✖
Sim.





✖ Nome ✖
Nico Tommaso Alizaga.


✖ Idade ✖
Vinte e três.


✖ Aparência ✖



Nico Mirallegro



✖ História ✖
A família Alizaga está a anos servindo a monarquia inglesa, tudo começou com Javier - tataravô de Nico - e continou até os dias atuais. São uma mistura um tanto complexa entre espanhóis e italianos, imigrantes que com muita sorte conseguiram estabilizar suas vidas na pequena Inglaterra. Com muito custo conquistaram, aos poucos, seu espaço e se tornaram funcionários de confiança do rei, são bastante conhecidos onde vivem.
Nico aprendeu - e aprende - com o pai, Carlo, a produzir armamentos de todos os tipos para que, em um futuro, possa assumir seu lugar e prosseguir com o negócio da família. Não é o melhor trabalho do mundo, mas é agradável a seu ver, apesar de ser na maioria das vezes desgastante, da o seu melhor para entregar tudo em ordem e no tempo estipulado.
Sempre muito apoiado pelos pais e irmãos, sabe o que quer e sabe que teve escolha, mas optou por permanecer em seu cargo. Não pretende e nem se imagina fazendo algo diferente.


✖ Personalidade ✖
É um piadista nato, sempre tem algo engraçado a ser dito na ponta da língua, nenhuma situação é ruim o bastante ao ponto de ser levada a sério. Gosta de causar divertimento e risadas nos demais, nem que para isso ele precise ser o central motivo. É um verdadeiro palhaço. Porém seu lado divertido não atrapalha o seu lado sério e focado, existem raros momentos em que é possível ve-lo centrado.  
Tristeza, desmotivação e desânimo não existem em seu dicionário, levar a vida levemente é seu fundamento. É difícil o pegar de cara feia ou de mal humor, isso acaba por ser irritante para alguns.   
É ótimo em discussões. Porém costuma responder a ofensas com sorrisos, o bom humor é sempre a melhor arma.  
Destaca-se também a sua inteligência e esperteza, seu raciocínio é rápido. Costumeiramente prega peças nas pessoas mais próximas, sempre sorrateiro para não ser descoberto.  
Ama crianças com todo o seu coração, seus amigos dizem que esse afeto vem do fato de que a mentalidade é praticamente a mesma, o que não o incomoda.  
Sabe dos limites e não irá fazer um comentário estúpido em momentos errados. 
Por um lado é extremamente alegre, mas por outro é bastante sensível, um escorregão e tudo pode ruir.  
Abomina pessoas ignorantes, atiradas, forçadas, grosseiras, que não se dão valor e com o raciocínio devagar demais, esse tipo de gente pode tira-lo do sério.


✖ Sexualidade ✖
Homossexual.


✖ Reino que quer participar ✖
Inglaterra.


✖ Posição social no reino ✖
Criado, fabrica as armas.


✖ Gostaria de um par ✖
Sim.


✖ Algo mais ✖
Não.


✖ Está ciente de que posso fazer o que quiser com o personagem? ✖
Sim.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...