~Siena

Siena
Cuteness overload
Nome: Marina ✩ Mylk ❝ Park Jihye 박지혜 ❞
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: 3 de Maio
Idade: 19
Cadastro:

Cubos de Gelo Também Derretem


Postado



Mostrar Spoiler: morangos aqui
Tudo bem, eu não mostro muito sentimentalismo para o mundo. Eu tenho plena consciência disso.

Eu tenho consciência de que eu pareço uma muralha da China às vezes. E que os sentinelas tem cara de mal amados. Eles nem sempre estão de bom humor e passar pela muralha é realmente difícil.

Mas acreditem, alguns passam. Deixe-me corrigir: MUITOS passam. Porque entrar é uma coisa. Entender como acontece e chegar ao centro da muralha é outra coisa absurdamente diferente e milhões de vezes mais difícil. Porém eu não vim aqui falar sobre amar todos vocês e jogar confetes e fazer um carnaval. Eu ainda não voltei para esse momento colorido.


Eu vim falar de uma pessoa específica.
Sim, a senhorita que está com uma puta raiva de mim.
Você leu direitinho.


Às vezes a raiva é boa para esclarecer as coisas. Vezes como essa. Não falo só de você. Falo de esclarecer as minhas também.

Cubinhos de gele derretem, sabia? Eles são frios, são duros. São até sem graça dependendo do que se quer com eles. Mas espere um pouco, se você for o tipo certo, se for a temperatura correta, eles derreterão. Ah, dona bolacha. Eu fui tão cubinho de gelo assim até hoje? Eu mantive uma foto do cubo de gelo na frente do copo de água que eu virei?

Eu vou ser o mais sincera possível em dizer que realmente, eu não acreditava ter toda essa importância. Melhor do que ninguém ainda ligado à essa conta você sabe o que se passou e talvez entenda o porque de eu ter essa lado um pouco desacreditado em como as pessoas lidam com as coisas aqui nesse site. Um dia eu acreditei e.. Não deu muito certo.

Mas não acreditar parece não ter dado também, né?

Desculpa.

Eu estou parecendo uma trouxa chorando às 12h45 da madrugada escrevendo isso. Mas eu não vou largar isso esperando o amanhecer do sábado. As coisas tem nível de importância e essa tem nível "responder agora". E é, eu não sou fácil de lidar, eu sou um muralhinha cheia de problemas.

Só não duvide quando eu digo que eu voltei para esse site em Novembro/Dezembro e fui em primeiro lugar atrás da senhorita. Porque era a única pessoa que eu sabia que estaria aqui. Não duvide nunca que a gata ganhou o seu nome lá em 2014 por sua causa. Não duvide que eu realmente choquei quando você saiu do grupo pela besteira que eu cantei. Eu fiquei sem reação desde aquele dia, não seria mais fato ainda que eu ficaria agora?

Eu deveria ter entendido o que o ei significava. Eu devia ter imaginado que ficou preocupada com o jornal. Eu não disse sobre não pedir para perguntar sobre estar tudo bem porque queria que ignorasse isso. Eu nunca quis que ignorasse porque eu acredito que se importe. Mas eu não queria alguém para derramar drama. Eu não queria falar mais ainda das coisas ruins. Eu só queria alguém para trazer o brilho. Porque é isso que eu procuro quando não estou bem. Alguém que me faça sentir melhor, não que me faça revisar todos os problemas.

Além disso, eu me preocupo com as pessoas, você sabe disso. Se com as pessoas eu sou assim, com você adicione uns 500%. Você está falando da dor de cabeça há dias. Você sabe também que eu não cutuco as pessoas quietas. Eu tenho medo de incomodar. Eu não vou ficar enchendo de mensagens se você fala que está com dor e encerra o assunto. Você sabe disso melhor que qualquer um aqui.

Em resumo: eu não imagina o tanto de importância que eu tenho e eu não mostrei o tanto de importância que você tem. Um erro tão idiota quanto quem o cometeu.

Seus abraços tem sim um nível de importância maior. Eu posso abraçar a tl toda. A tl toda não é você. Como eu disse no jornal anterior, eu penso complexo demais, eu penso metaforicamente demais. Eu penso demais. E talvez o pensar me faça não mostrar. Porque eu tenho medo de incomodar pessoas, eu tenho medo de irritar pessoas. E o medo de te incomodar ou irritar é muitas vezes maior. Foi por isso que eu demorei tanto em te procurar quando você sumiu, foi por isso que eu fiquei esquisita e sem reação no whats quando te procurei aquela vez.

Parece que se eu incomodar uma vez não vai ter segunda. É como se eu estivesse destruindo três anos em uma mensagem de whats. E isso vale para tudo. Eu não grito ciumes como você. Eu não grito ciumes para nada. Não significa que eu não tenha. Eu sou taurina, por favor.

Não é porque seu presente está colocado no livro que ele vale menos. Não é porque não estou usando ele na sign que ele é menos importante. A importância não está numa edição. Você acha que se um dia eu estiver na cadeirinha de balanço lendo um livro e falarem Valentina na rua eu vou lembrar da sign conjunta ou do dia que ficaram com uma puta raiva de mim porque eu sou um super cubo de gelo que derrete? Ou do dia que cortaram o cabelo e ficaram com uma franja com cachos?

Vou lembrar da sign primeiro, com toda certeza. ironia? magina

Enfim, desculpa ser o cubo-de-gelo-man, desculpa não gritar ciumes para deixar evidente que eu me importo, desculpa não ser externamente o que eu sou internamente. Como eu já disse, eu tenho um defeito terrível chamado: não saber demonstrar o que sente de bom pelas pessoas. Eu sou fechada demais com isso, coisas demais fizeram isso acabar assim e infelizmente não é fácil de tentar evitar. Desculpa não saber evitar.










Esteja com raiva de mim ainda ou não você ainda é a dona bolachinha apaixonada por morangos, vermelho e rosa, que odeia que cantem certa música com o seu nome e que tem dois irmãos e vive a base de brigadeiro, além de não gostar do padastro e sequestrar o notebook dele vez ou outra

Eu continuo sendo idiota, afinal
Jimin biased afinal
Marina afinal

Escutando: Through the dark, One Direction

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...