~styl3scat

styl3scat
Nome: ☪**
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil
Aniversário: 23 de Novembro
Idade: 18
Cadastro:

Carta para um futuro amor


Postado

Carta para um futuro amor

Futuro amor,

Antes de começarmos, quero dizer que talvez eu te ame. “Talvez” porque eu não tenho certeza se é você mesmo - aquele que eu pensei ser - que está lendo. Pode ser que você seja completamente o oposto das palavras aqui escritas, mas saiba de uma coisa, se eu lhe deixei ler isso… É porque meus sentimentos com relação a nós dois já estão completamente amadurecidos e você é perfeito para mim. Isso soou um pouco estranho? Espero que não… Você vai entender quando chegar ao final.

Todavia, quero lhe contar uma história. A história de uma menina que andava procurando, em todos os cantos, em todos os rostos, o seu rosto. E que, a cada um que via passar, sentia-se cada vez mais distante de você. Olhava em cada esquina atenciosamente, procurava em cada verso de música um sinal de que você estaria chegando. E nada. Nada, nada, nada. Apenas um pouco mais de decepções. Mas quer saber? Valeu a pena. Ela conseguiu aprender, a cada passo errado, uma nova maneira de andar nessa estrada que se parecia interminável. E escura. Mas, você já ouviu falar sobre a luz no fim do túnel? Então, na mente dessa garota, essa luz era você. E, no fim das contas, ela encontrou. Não faço a mínima noção de como. Pode ter sido na fila do supermercado, dentro de um avião, na estação do metrô, dentro da sala de aula, na escadaria do prédio, no meio da rua… Mas ela encontrou, preparada para receber mais uma decepção, e você mudou tudo. Você já percebeu que essa garota sou eu e que todo esse conto sem pé nem cabeça é o conto de mim mesma te esperando? E eu ainda nem terminei…

Pode parecer precipitado da minha parte estar lhe escrevendo esse tipo de carta bem agora, mas acredite, quando chegar a nossa hora, talvez isso até te ajude a entender um pouco sobre mim. Pareço um pouco estranha falando desse jeito, posso até mesmo não ser a mesma pessoa que fala com você todas as manhãs… Mas sim, sou eu. E se não for, é porque de uma maneira ou de outra, eu mudei. E, meu anjo, foi por você. Por todas as vezes que eu desejei ver um sorriso no seu rosto. Por todas as vezes em que você fez aquela cara feia que me faz querer te abraçar e não soltar nunca mais, por todas as vezes em que você disse “você é perfeita” e eu quis ser mais ainda… Só por você.

E saiba que eu mudaria muito mais. Porque se eu gosto de alguém, eu gosto de verdade. E quero fazer com que esse alguém esteja cada dia mais dentro da minha vida. Quero que esse alguém me abrace e encaixe a cabeça na curva do meu pescoço, mesmo que mais alto que eu. Quero que esse alguém escute as minhas histórias malucas que eu contaria apenas para quem eu confio toda a minha vida. Quero que esse alguém assista meus romances preferidos – e melosos – ao meu lado, falando mal dos personagens mas que no fim diga “eu gostei de ver com você”. Quero que esse alguém descubra todas as minhas músicas secretas, e escreva pequenos versinhos em meus cadernos, meus materiais do escritório, nas etiquetas das minhas camisetas. Quero que esse alguém me mande uma sms de madrugada e faça o favor de me tirar o sono o resto da noite, e eu não me importe nem um pouco com isso. E, por último, mas não menos importante, quero que esse alguém seja meu melhor amigo. Mas não no quesito companheiro e sim no quesito que sabe tudo sobre mim. E que saiba que, no final de uma briga, eu quero ser calada com um beijo. Que ao se despedir de mim, me beije na testa e não nos lábios. Que pegue na minha mão e brinque com meus dedos engraçados. E você quer saber? Pode até ser que você não faça tudo isso. Mas de uma maneira ou outra, você conseguiu se parecer com meus clichês. Porque eu me apaixonei por você: e as pessoas não se apaixonam por qualquer coisa ou qualquer um. Se apaixonam por quem elas se identificam e por quem elas querem sentar um dia numa varanda bem velhinhos e rir de tudo já feito e aprontado nessa vida.

E, meu amor, não se sinta acanhado se eu estou falando demais… Esse é meu jeitinho detalhista. Eu juro que já estou terminando. Terminando assim tão rápido, e tirando essa rapidez de perto da nossa vida. Porque com você, eu não quero nada rápido. Nada que comece aqui e termine na mesma página. Nada que seja apenas um abraço, apenas um beijo, apenas um minuto. Quero que dure uma eternidade de palavras ainda não ditas e beijos ainda não trocados. E que no final de tudo, eu possa olhar para você com essa carta em mãos e dizer: Obrigada por ser quem você é, e ser quem eu procurei. E ao ler isso, espero que você tenha certeza de que é sim quem eu sempre procurei. E que você é quem eu sempre quero ter ao meu lado. Por mais mil eternidades.

E esquece aquela história do talvez… Eu te amo com todas as minhas forças.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...