~vallete

vallete
Mad Hatter
Nome: Danny | Valentina | Mrs. Maximoff | Carta de Baralho
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

Máscaras


Postado

Máscaras


Nome Completo:
Harley Isabelle Mazon

Idade (16-20):
18

Casta:
5

Profissão:
Cantora, mas também toca vários instrumentos.

Preferência de Príncipe:
Os dois são lindos, mas vou com o príncipe Brandon. (Se quiser mudar e achar que ela combina mais com o Príncipe Aaron, fique à vontade para mudar.)

Aparência parecida com a da sua Vilã/Princesa:

Kaya Scodelario



Ela mede 1,72 de altura, é bem magra, com seios relativamente pequenos. Cabelos castanhos bem escuros e lisos que batem abaixo dos ombros, mas que parecem ser ligeiramente ondulados pelo fato de estarem sempre desarrumados, quando penteados ficam extremamente lisos. Olhos azuis tempestuosos e sardas quase invisíveis no nariz.

Personalidade:
Teimosa rebelde e rockeira, Harley não é o tipo de pessoa que você veria na Seleção. É determinada, forte, maluca e não desiste de nada, nem aceita derrota facilmente. Não é uma pessoa ruim, muito longe disso, apenas é o seu jeito de ser, com um pouquinho de grosseria não intencional. É sarcástica ao extremo, consegue ser meio chata quando quer e não leva desaforo para casa, o que faz com que discuta muito facilmente. Apesar disso é boa com palavras e diplomacia, faz amigos muito facilmente e com a mesma facilidade ganha inimigos, por causa de seu temperamento meio difícil e sua inclinação a sempre fazer o certo, abominando qualquer trapaça, violência gratuita, injustiça ou discriminação. Nunca seria capaz de ferrar ou de passar por cima de alguma pessoa para se dar bem. Apesar de parecer estranha e ter um comportamento único, ela é uma pessoa justa e uma ótima amiga. É muito educada, mas não é falsa, e faz questão de deixar claro que é uma garota diferente. Tem raciocínio rápido e é boa para criar planos e estratégias, que em 99% das vezes dão certo. E mesmo de sendo calma e calculista, quando alguém a deixa com ódio de verdade, ela fica com vontade de quebrar tudo e de gritar o mais alto que puder, mas quando isso acontece ela grita dentro de um travesseiro para abafar o som.


Família:

Pai:
Anthony Mazon
É músico. Justo, bondoso e divertido, é a única pessoa da família de quem Alyssa gosta. Com a mente aberta, o bom humor incontrolável e sua inegável habilidade de conseguir fazer qualquer um sorrir, era o único que entendia Harley antes de sua morte, quando a garota tinha 14 anos.


Mãe:
Danielle Mazon
É atriz. Uma péssima mãe, tenta fazer com que a filha siga os seus passos e é claramente uma alpinista social. Depois da morte do pai de Harley ficou tentando arrumar um jeito de se dar bem e tenta obrigar a garota ficar “apresentável”.


História:
Desde pequena foi uma garota especial. Não brincava de boneca ou de festa do chá como as outras, mas ficava dentro de casa escutando seu pai tocar e pedindo para ele ensiná-la. Com o tempo essa diferença foi aumentando e era considerada por alguns como “estranheza”, mas nada muito óbvio. Depois da morte do pai de Harley sua mãe se tornou uma completa megera. Não aceitava o estilo próprio da filha e a obrigava a fazer coisas que não queria. Com o tempo tudo só piorava e a convivência em casa tinha se tornado insuportável, por isso resolveu começar a se apresentar para ocupar o seu tempo. Ela não precisava, já que sua família não era pobre e viviam até agradavelmente, apesar de alguns empecilhos, mas mesmo assim ela quis fazer isso pelo simples fato de que não estava disposta a olhar na cara de sua mãe.


Porque entrou na Seleção?
A mãe deu a ideia. Desde o começo Harley odiou a mínima possibilidade de participar da seleção, já que para ela seriam só um monte de garotas mimadas competindo por uma coroa e um príncipe idiota, mas aceitou pelo simples fato de que seria uma oportunidade de se ver livre do fardo que é sua mãe e ainda ter uma vida melhor.

Medos:
Ela tem um caso grave de claustrofobia devido à vez que acabou presa acidentalmente dentro de uma caixa de madeira. Depois de uma hora pedindo socorro seu pai ouviu e veio resgatá-la. Além disso também tem medo de parecer fraca e de deixar de ser quem ela é.

Seu maior sonho:
Ser livre para poder ser quem ela quiser, sem a chatice e a implicância de sua mãe.

Manias:
Tamborilar os dedos e bater os pés quando está nervosa, e gritar dentro de um travesseiro quando está com raiva.

Nomes das criadas e sua relação com elas:
Margot, Ambre e Jeanette. Ela acha essa coisa de ter criadas é completamente desnecessária e faz questão de tratá-las bem e de pedir conselho, ignorando quando elas falam que são apenas criadas e insistindo para que contem coisas engraçadas e se divirtam também.


Coisas que gosta:

• Rebeldia
• Música
• Pessoas justas
• Histórias engraçadas
• Contar piadas
• Comer
• Rir que nem uma hiena
• Explorar lugares
• Escrever músicas
• Deitar na grama e observar as estrelas
• Pássaros, porque quando existem problemas ele podem voar para longe


Desgosta:

• Pessoas injustas
• Falta de senso de humor
• Discriminação
• Ingratidão
• Pessoas chatas
• Pessoas “normais demais”, que não aceitam diferenças.
• Pessoas metidas ou que tiram vantagem por terem dinheiro

Seu estilo de roupas:
Gosta de usar cores fortes, escuras e pesadas, como preto, vermelho e azul escuro. Dificilmente você a vê usando algo que não seja escuro.

Como se comporta na Seleção:
No começo, vai odiar, achar aquilo uma completa babaquice e fazer questão de ser questionadora, não obedecer algumas regras e ficar de cara feia para algumas pessoas, mas mesmo assim conseguir a simpatia da maioria. Mas depois de um tempo vai perceber que pode ser uma experiência legal e vai aproveitar ao máximo, mas sem perder o jeitinho Harley de ver as coisas.


Segredos:
Vou mandar junto com o link.

O que pensa sobre os príncipes:
No início ela acha que os príncipes são um bando de idiotas mimados e arrogantes, mas sua opinião pode mudar e ela acaba ficando amigas dos dois, do tipo que fala besteira e dá risada junto, mas vai acabar nutrindo sentimentos fortes pelo príncipe Brandon


A Autora pode mudar algo se necessário for?
Claro que sim, qualquer coisa.

Roupas que usará durante a Seleção:

(Se achar alguma muito curta, pode mudar o comprimento, eu só quis mostrar como é a roupa, não o comprimento do vestido.)

- Primeiro dia:


- Encontros com o príncipe:





- Festa à fantasia:



- Festas em geral:





- Baile de Máscaras: (2)

e


Com essa máscara:


- Casamento:


Tem conhecimento de que poderá ser eliminada a qualquer momento?
Sim, senhora.

Algo mais?
Ela pode não saber, mas tem a mesma habilidade que seu pai: Conseguir fazer qualquer um sorrir.
Harley toca vários instrumentos e é muito forte, então quando ela entra em uma briga, na maioria das vezes ela ganha, apesar de evitar se meter em encrenca, ela não se acalma quando é desafiada.

Se eu precisar de mais informações sobre suas personagens, as contatarei através de uma mensagem privada.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...