~linnie-chan

linnie-chan
KJD
Nome: Linnie Freitas
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Araguaina, Tocantins, Brasil
Aniversário: 7 de Fevereiro
Idade: 22
Cadastro:

Não foi o fim, foi apenas uma página que se virou


Postado

Não foi o fim, foi apenas uma página que se virou

Depois de muito tempo sem poder realmente ler ou escrever/digitar por conta do acidente, eu decidi escrever isso aqui para as minhas amigas.

Aliás, eu amo muito todas vocês.

Não posso dizer que é eterno, pois ano passado a vida me mostrou que nem tudo é eterno, nem toda amizade dura para sempre; mas enquanto a nossa durar, por mais ausente que eu seja, eu estarei amando vocês. Mesmo quando estou longe, em pensamentos, estou pertinho de vocês, é sério, eu penso muito em como seria incrível ter todas bem pertinho de mim.

Depois do meu acidente, eu passei por uma fase bem reflexiva da minha vida, eu poderia ter morrido, mas estou aqui digitando que amo mais vocês que comida.

Okay, não é pra tanto. :') Mas depois da comida, minhas amigas estão em segundo. Porque vocês sabem, comida é comida. ♥

Talvez esse ano eu quase não apareça por aqui e nem pelo twitter, talvez a gente realmente quase não se fale, mas quando vocês se sentirem tristes, lembrem-se de mim e de todas as pessoas boas que já passaram pelas suas vidas e das que ainda estão do seu lado. Um segundo é o suficiente pra gente perder muita coisa e um pequeno descuido, por menor que seja, pode acabar.

Até com a vida é assim, certo?

Foi no dia 20, uma quarta-feira, eu dormi na casa de uma irmã da igreja e saí de lá quase na hora do almoço, passei pela farmácia e fui pra casa. Eu moro em um setor mais afastado do centro, então é comum as pessoas aceleraram um bodinho a mais, e foi o que eu fiz. A última recordação que eu tenho daquela manhã é a de quando passei pela baixada, lembro que voltei as marchas da moto, depois disso, só um grande branco, um espaço que nunca será preenchido por memórias reais.

O acidente foi bem mais afastado do lugar onde eu me lembro de que estava, mas por mais que eu tente, eu não me lembro do percurso depois do que eu já disse. Quem viu o acidente disse que eu tava rápido, então eu me aproximei de onde tinha um trator estacionado, então um cachorro saiu da frente do trator, onde eu não tinha visão, e correu pra frente da minha moto, eu freei e fui lançada cerca de dez metros, rolando e batendo a cabeça. Na realidade, a cabeça foi a primeira coisa que bateu no chão, porque a tonta aqui não afivelou o capacete, então ele foi a primeira coisa que voou quando eu cai.

Eu não acredito que esse tipo de coisa possa ser evitada, existem muitas coisas, boas e ruins, que estão predestinadas a acontecer com a gente, e acredito que esse acidente foi uma das coisas que estava reservado pra acontecer comigo.

É como me falaram, muitas pessoas morrem por bem menos, e eu só fiquei com algumas feridas superficiais (é quando só machuca essa primeira camada de pele), algumas profundas, os olhos inchados e roxos, bem roxos e ainda não posso mexer o braço esquerdo. O médico disse que eu só não quebrei porque sou gordinha, aí “amorteceu”. ELE CLARAMENTE NÃO TEM AMOR A VIDA DELE, NÉ? :’) Mas olhem só, eu já estou andando, fui até pra faculdade, quinta minhas aulas recomeçaram, as tonteiras pararam, não deu nenhuma alteração na tomografia e levanto e deito sozinha sem ajuda de ninguém de novo, e graças a Deus já posso tomar banho sozinha (QUE SAUDADES QUE EU TAVA DE ME LAVAR SOZINHA, DÊ VALOR AO FATO DE CONSEGUIR SE LAVAR SOZINHA, SÉRIO. T_T) Agora tô até digitando isso aqui, mesmo sem conseguir me focar 100%, vim dizer hoje, no dia no meu aniversário, que eu sobrevivi. ♥

Foi muito angustiante eu lembrar o nome de vocês uns dias depois e não lembrar quem realmente vocês eram. Porque eu tentava assimilar com alguém da cidade, mas né, aqui não tem nenhuma Capitã chefona das galáxias, rainha das rainhas. Teve um momento que eu até chorei escondido da minha mãe, porque eu fiquei com tanto medo de esquecer coisas que não deveria, parece pouca coisa, mas você não lembrar quase uma hora da sua vida, é muito angustiante, então eu me esforcei muito pra lembrar da imagem do rosto de vocês, até que eu acordei num dia e eu simplesmente sabia quem era a Yuo. Eu fiquei tentando fazer minha visão focar na agenda do meu celular e achei o número da Yuo e liguei pra ela, e ela não atendeu, mas eu tava bem desesperada e chorei mais um pouquinho, quando eu disse “essa menina nunca me atende”, e foi aí que eu me perguntei de onde eu tinha tirado isso e me lembrei de todo mundo claramente, cada rosto, cada personalidade, e corri e chamei a Teh no wpp e gravei os áudios pra ela. Então, Yuo, obrigada por não me atender? Parece até piada, mas eu realmente queria entender porque eu fiquei confusa sobre vocês, mas né, foi um momento ruim que passou.

Eu percebi que a vida é algo muito simples de ser tirada. A gente nunca acha que vai ficar doente, ou que pode acontecer um acidente fatal... Mas vai, um dia vai. Pra uns vai ser mais tarde, outros mais cedo. Todo mundo fica me dizendo que eu “nasci de novo”, e que é incrível o fato de já estar tão bem, principalmente quem viu o acidente. É que não era a minha hora, não era o meu momento de partir.

Foi um momento bem reflexivo pra mim, já que eu não podia ler e nem assistir nada, eu só ficava pensando. Pensei em tudo que tinha feito até agora, nos meus sucessos e nos meus fracassos, e o quanto eu deixei de viver coisas incríveis por besteiras e infantilidades.

Meninas, de coração, não se enganem. Não deixem a rotina e a procrastinação arrastar a vida de vocês, deem o seu melhor em tudo que vocês acharem que valem a pena e vai ser bom pra vocês próprias. A gente não controla o prazo da vida, mas temos o poder de controlar o que fazer dela, como fazer, se vai ser boa ou ruim. Claro que, infelizmente, não podemos ser felizes 24 horas por dia, mas podemos tentar fazer as nossas emoções andar numa linha mais reta o possível, e não em forma de uma avalanche.

Eu poderia estar morta, talvez vocês nunca nem descobrissem se isso tivesse acontecido. É meio assustador pensar assim, né? Eu sei. Então, a lição que aprendi, que quero passar para vocês é essa: gastem a vida de vocês com o que realmente importa, só vocês sabem o que é e como fazer, então façam, sabe? Se deixar sempre pra amanhã, a gente nunca vai saber como teria sido finalizar hoje, e talvez a gente nem acorde amanhã. Sejam felizes e vivam da forma mais saudável que vocês conseguirem, coloquem tudo de vocês no que vocês amam, não tenham medo da decepção, sejam fortes, mesmo na fraqueza.

Eu realmente amo muito vocês e estou muito feliz. Hoje completo 22 anos e não vai ter festa com presentes, pois eu quis assim. Porque o melhor presente que eu ganhei esse ano foi a minha vida. E perceber tudo de fantástico que eu posso conseguir enquanto viver.

Obrigada por sempre me aguentarem, e eu sinto muito pela preocupação que causei. E estou feliz por poder dizer isso mais uma vez, dentre todas as outras vezes que ainda vou dizer.

Eu realmente amo todas vocês, especialmente a minha preciosa PT-line, Yuo-sunbae e a minha amada Tezinha. ♥

Beijos da Linnie do amor e da justiça! :*

Obs.: Foram dias muito tristes, solitários de certa forma. Chorei bastante, por conta da vulnerabilidade e dos machucados, mas já passou e agora só restou essa coceira dos infernos por causa das casquinhas que se formaram em cima dos machucados. Sei que eu não devia fazer piada, mas cês me conhecem, né? GENTE, ESSA COCEIRA NÃO É DE DEUS, FRANCAMENTE. D: Eu acordo no meio da noite, sento na cama, e fico coçando até dormir de novo, e o chato que um braço meu ainda não está muito utilizável, é bem triste. É a verdadeira sinfonia do coça-coça, coça pra lá, coça pra cá. :')

Obs.²: E digitei isso tudo praticamente com uma mão só, me amem, escrevam poesias dedicadas a mim.

Obs.³: DANIK GOSTOSA! RAINHA DO MEU OXIGÊNIO! (É pra não perder o hábito, pra ela não achar que se livrou tão fácil assim de mim).


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...