~little_tiger

little_tiger
Sweet Serial Killer
Nome: Cindy
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: 8 de Junho
Idade: 18
Cadastro:

Nova era - Ficha


Postado

Nova Era


I'm a wanderess
I'm a one night stand
Don't belong to no city
Don't belong to no man
I'm the violence in the pouring rain
I'm a hurricane


Nome:
Beatrice Meyer Young

Apelido:
Bea ou Trice

Idade:
17 anos || 14/06 || Geminiana

Sexualidade:
Heterossexual

Pais: Eles não são da marvel, são originais.
Anne Meyer Young || 43 anos || Cientista.


Pierre Meyes Young || 44 anos || Cientista.



Aparência:
Ela possui longos cabelos ruivos naturalmente lisos, mas que estão na maioria das vezes ondulados, sua pele é alva chegando a ser um pouco pálida, mas nada que lhe dê aparência enferma, macia e com poucas sardas quase imperceptíveis sobre o nariz, maças do rosto e ombros, olhos verdes oliva que possuem cílios volumosos, nariz pequeno levemente arrebitado, lábios um tanto cheios, rosados e bem desenhados que contrastam com os dentes certinhos e branquinhos, bustos um tanto fartos, cintura fina, quadril, coxas e bumbum medianos, medindo 1,64 de altura.








Photoplayer:
Holland Roden

Poderes:
Pirocinese (Fogo) Capacidade de gerar, controlar e absorver calor. Aumentando a energia cinética dos átomos para gerar calor e combustão, possibilitando manipular as chamas, causar incêndios, controlar as rochas, concentrar calor suficiente para derreter chumbo como se fosse manteiga ou manipular as explosões, poder manipular o magma e a lava, também poder fazer o fogo fica semi-solido, muda a cor do fogo, absorver energia solar.


Sedução - Sedução é a capacidade de seduzir qualquer pessoa através do olhar ou até mesmo de sua voz, influenciando-a a diversos afazeres tudo por amor que está encantando-a.


Clarividência: Capacidade de obter informações sobre um objeto, pessoa, a localização física ou evento que aconteceram, estão acontecendo, ou vão acontecer. Estas informações podem vir na forma de visão simples, ou presença.



Codinome:
Firegirl

Vai querer par? Se sim, eu escolho ou você manda?
Sim! A escolha fica ao critério da autora da fic ^^

Habilidades/Talentos:
- Luta corpo a corpo.
- Tem facilidade com laminas e coisas do gênero.
- É muito talentosa com a escrita.
- Com facilidade para esportes, acaba sendo ótima neles.
- Toca piano.

Uniforme:
(este foi produzido com um tecido especial que não desintegra com suas chamas, ao contrário de suas outras roupas)


Personalidade:
Primeira coisa que deve saber sobre Beatrice é: Não se engane com seu jeito de ser e nem se deixe levar por seus meigos sorrisos.
Ela é uma garota super comunicativa sempre puxa conversa com as pessoas e nunca deixa uma conversa acabar no "tô’ bem também.", bastante curiosa acaba se metendo em algumas enrascadas, mas nada que ela não consiga resolver rapidamente com uma boa desculpa, inteligente mesmo que não demonstre sempre, é muito inteligente tendo o raciocínio rápido e lógico que a ajuda em situações imprevisíveis, mas não sem antes surtar um pouco. As vezes fala muito, por isso está até acostumada a ouvir um "Cala boca Beatrice", ela tem o costume de falar muito rápido e as vezes misturar os assuntos, o que pode deixar a pessoa com quem conversa um tanto confusa. É uma garota de caras e bocas e que costuma gesticular enquanto fala, o que faz algumas pessoas rirem.

Trice é muito determinada e gosta de concluir o que começa, por isso raramente desiste de algo e sempre está correndo atrás do que quer. É o tipo de garota que está sempre sorrindo e anima todos sempre que pode, muito bem humorada vive com piadas e alfinetadas na ponta da língua o que às vezes a leva a se meter em algumas encrencas, muito maliciosa e um tanto pervertida, pode facilmente deixar alguém sem graça sem nem ao menos notar.
É totalmente fiel aos seus princípios só os mudando caso houver argumentos fortes contra o seus provando que está errada. Ela se distrai com facilidade e por conta disso pode deixar uma pessoa falando sozinha sem querer ou simplesmente deixar a torneira ligada e ir tomar banho, sim ela é meio desligada. Bem inconsequente sempre agindo por impulso, dificilmente pensa antes de agir.
Tem uma sinceridade sem igual, fala tudo o que pensa sobre a pessoa na cara e sobre o assunto que conversam, pode ser considerada falta de filtro entre o cérebro e a boca, algumas vezes sua opinião pode não ser muito bem aceita por outros que acabam por considera-la rude ou sem educação, o que faz ela se sentir mal e sair do local, já que ela faz isso sem pensar e perceber. Esperta pega as coisas fácil sem precisar se esforçar muito, mas quando tem dificuldade em algo ela persiste até conseguir, desistir realmente não é com ela, a não ser que não seja algo importante para ela.
Fiel e companheira é amiga para todas as horas seja elas boas ou ruins, pode não aparentar, mas sempre sabe que conselho dar aqueles que precisam, mas nunca tem um conselho para si própria, Trice é muito carinhosa com seus amigos e sempre faz questão demonstrar isso, mas também é muito protetora com eles sempre querendo o melhor para os mesmo e por estar sempre cuidando deles acaba aparentando ser ciumenta, mas na verdade não é, pois é uma garota que gosta de prezar pela liberdade e como não consegue se ver totalmente presa a alguém também não gostaria de "prender" muito as pessoas a ela.
Beatrice não costuma se estressar por qualquer coisa, entretanto é uma bomba relógio, guarda tudo o que lhe dá raiva e lhe magoa atrás de seus olhos verdes brilhantes e sorrisos largos, mas cada vez que guarda esses sentimentos os minutos para essa bomba explodir vão acabando e quando finalmente acabam se conhece uma outra Beatrice, uma que parte pra briga, grita e extravasa tudo o que guardou e no final são as lagrimas que sempre esconde de todos que tomam o lugar mostrando como é frágil, já que acha desnecessário as pessoas saberem das coisas que lhe magoam e se faz o tempo todo de menina feliz e impossível de ser afetada, o que é pura fachada.
Rancorosa, quando algo lhe chateia muito acaba por guardar rancor da pessoa de uma forma que ela mesmo despreza em si, mas não consegue evitar e só de olhar para pessoa se entristece e enraivece, é raro que em uma dessas situações chegue a perdoar totalmente a pessoa e caso chegue, acredite, é alguém extremamente especial na vida dela.

História:
Beatrice nasceu em Lyon na França, em uma madrugada fria de junho, filha de cientistas que trabalhavam para o governo. Porém Beatrice nasceu prematura e com a doença da Membrana Hialina, tendo recebido como diagnostico apenas algumas semanas de vida com ajuda de aparelhos, seus pais como cientistas queriam fazer qualquer coisa para salvar a vida da filha e foi quando optaram por uma medida arriscada. Estavam com um projeto que envolvia dna e células artificialmente criadas a alguns anos que havia dado bons resultados em animais, mas nunca havia sido testado em humanos e se o que Anne e Pierre estavam pensando estivesse certo, a filha seria a primeira humana a ter contado com o projeto e seria salva. Fora trabalhosa conseguir tirar a criança do hospital com aparelhos certos para mantê-la viva, mas conseguiram e levaram-na para o laboratório onde a "experiência" e tentativa de salvar a filha começou, após injetarem um liquido na veia da criança que chorava a mesma foi se aquietando, ficando calma, mas por volta de cinco minutos depois empalideceu e parou de respirar, Anne entrou em desesperou e agarrou a menina nos braços em prantos, mas por sorte, destino ou como queira chamar, a criança voltou a respirar, de vagar, ao poucos, surpreendendo os pais, eles haviam salvo a vida da pequena Trice, mas dado a ela gênesis que a faria diferente de muitas pessoas, eles só não sabiam disso, ainda.
Anne e Pierre tentavam dar a vida mais normal possível para filha, mas por volta de duas vezes na semana a garota tinha que ir até o laboratório, passar por exames e ficar algumas horas em observação, era criança e não entendia o que ocorria, mas por ser assim desde que se entendia por gente, achava normal.
Foi aos sete anos enquanto conversava com a Dra. Harris que sua pirocinese se fez presente, estava chateada e queria ir embora, mas a mulher dizia que a mesma deveria permanecer na sala, tentou sair mas não conseguiu e em um surto de fúria chamas saíram de suas mãos queimando as mangas de sua blusa e o braço da Dra. que teve uma queimadura de segundo grau. Ao descobrirem o poder da menina, passaram a fazer mais e mais testes, seus pais fascinados com a descoberta se tornavam cada vez mais cientistas e menos pais para a garota que passou anos sendo estudada como um experimento em exito, quando se deu conta do seu poder de sedução, já aos 15 anos passou a manipular as pessoas a sua volta e ter o que queria, conseguindo muitas vezes que testes e exames fossem cancelados.
Cansada da vida que levava, da forma que era tratada, procurava uma forma de se ver livre de todos, mas foi quando a solução veio até ela, uma mulher denominada Jean Grey travou o caminho da garota, dado-lhe a opção de ter uma nova vida no instituto, ela não precisou pensar muito para concordar e desde então viver no local.

Relacionamento com:
- Família: Unica que mantem contato é a mãe que sempre liga para saber como está, Anne se arrepende de ter tratado a filha como uma experiência e ter esquecido o que realmente era importante para uma criança, Trice diz que a perdoou, mas no fundo sabe que ainda guarda magoa da mãe e uma ainda maior do pai, mas tenta ser o máximo gentil com Anne.

- Amigos: Fiel e companheira, sempre ao lado deles gosta de apoia-los e ser um ombro amigo, porém se for preciso irá também repreender, pois como costuma ser protetora só quer o melhor para eles. Mas muito divertida e as vezes se metendo em enrascadas juntos até porque ela mesma diz: "Se for pra se ferrar, que se ferrem todos juntos."

- Par: Como preza pela liberdade não seria muito grudada ao par, claro que carinhosa, compreensiva e um tanto pervertida, mas como gosta de ter seu espeço também daria a ele, não seria melosa, pois não curte este tipo de relacionamento.

Qualquer coisa pode acontecer com seu personagem após ele ser aceito, está ciente disso?
Sim, totalmente ciente!

Algo mais sobre seu personagem?
* Quando está tendo clarividência ela desenha o que está vendo e são sempre desenhos detalhados e realistas, porém se não estiver tendo uma clarividência não consegue desenhar nada direito.
* Mantem sempre caneta e cadernos próximos a si, por causa do poder, e as vezes simplesmente para escrever.
* Antes do instituto, não sabia o que era frequentar escola pois estudada no laboratório e em casa.

Palavra-Chave: Never forget, mutant and proud.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...