~MaahChan

MaahChan
Mazinha
Nome: Maah Chan
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 3 de Dezembro
Idade: 19
Cadastro:

Minha Amada no Espelho


Postado

Minha Amada no Espelho

Fito-me no espelho frequentemente. Não gosto do que vejo. Aquele reflexo que me crava de volta... Sinto que não pertence a mim. É uma garota ora magrela, ora gorducha, feia, irritada e, constantemente, depressiva. Odeia o mundo em que vive e, principalmente, odeia a si mesma.

Olhar forte e arrepiante. Cabeça levemente baixada, com os olhos erguidos... Fixam-me de baixo. Cabelos negros e despenteados, opacos. A falta de movimentos incomoda-me e, invariavelmente, assustam-me. O que dizer àquela garota refletida? Aliás, primeiramente, as questões mais importantes: quem é Ela? Quem sou eu? Quem somos nós? Afinal, somos a mesma pessoa ou apenas ilusões de madrugadas mal dormidas? Qual de nós duas é real...?

Aproximo-me do espelho e Ela faz o mesmo. Somos duas partes da mesma pessoa. A contradição. Somos iguais, embora diferentes. Temos as mesmas ideias, mas nossos meios de expô-las diferem. Nossos atos divergem, ainda que sejam realizados frente ao espelho. Ela sussurra palavras inaudíveis e quase sem nexo para mim. Pego-me tentando entendê-la quase todas as madrugadas, em vez de voltar a deitar e cair no sono.

Na verdade, não posso simplesmente deixá-la presa no espelho enquanto volto a dormir. Ela ficará lá, sussurrando palavras sem que alguém possa interpretá-las. Então, desperdiço alguns momentos tentando compreendê-la, inutilmente. Franzo meu cenho e assopro o espelho, visando embaçá-lo. Peço para que Ela escreva o que tenta me dizer, mas não o faz.

Novamente, aquele olhar gélido me fita. Meus pés descalços, em contato com o chão frígido, não sofrem tanto quanto minha alma a encarar aqueles lagos negros e profundos... Aqueles olhos satíricos e ameaçadores. Meu coração, por vezes, acelera. Insulta-me por continuar ali, estática. Meu cérebro anuncia o perigo e o dever de voltar para cama, local mais seguro para repousar e tentar esquecer a garota presa no espelho. Contudo, não ouço nenhum dos dois.

Não quero ouvi-los. Quero tentar abranger os motivos pelos quais aquela garota me encara daquela forma, tão desonestamente honesta. Frívola. Entender o porquê Ela não busca por uma melhor comunicação para comigo ou porque sua voz não me alcança. E, enquanto faço isso, Ela continua a sussurrar, inutilmente. Trinco meus dentes e cerro meus punhos. Não posso entendê-la. Sinto que jamais conseguiria, mesmo que passasse todas as horas de todos os meus dias tentando. Eu nunca poderia compreendê-la.

Ora, minha cara alma gêmea... Minha doce, porém, cruel parte de mim, a qual procuro ignorar durante os minutos em que vivo... Não quero continuar a encará-la. Cada vez que busco por meu reflexo, ali está você. Fitando-me. Não posso entendê-la, porque não posso me entender. E você também não pode me entender, meu amor. Porém, não a ignoro porque a odeio, mas porque a amo incondicionalmente. E, por te amar tanto assim, que não quero vê-la enquanto não puder ajudá-la. Sem ironias, sem sarcasmo... Nós somos duas partes iguais e distintas de uma pessoa em pedaços. Precisamos nos entender, mas, para que isso ocorra, é necessário que juntemos nossos fragmentos.

Sendo assim, naquela fria e escura madrugada, soquei o espelho em que minha amada estava presa e Ela fez o mesmo. Transformamo-nos em cacos. Ou, talvez, apenas tenhamos regressado à verdadeira forma. Desse modo, aquele vermelho escuro, que escorria por entre meus dedos e pingava nos estilhaços do espelho, começou a nos conectar novamente e a nos moldar como éramos.

Finalmente, eu pude compreendê-la e você pôde me compreender, minha flor. Compreendemos que não há nada no mundo que possa nos machucar mais do que nós mesmas.

Escutando: Burning In The Skies (Linkin Park)

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...