~MacKenzieBlake

MacKenzieBlake
Nome: I'm Boss Ass Bitches
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

Ficha - Fanfic Internato Sobrenatural


Postado

Pretty Little Liars, Supernatural, The Vampire Diares, The Originals, American Horror Story, How to get away with murder e Grey's Anatomy


✧Nome Completo ✧
R: Talene Marie Hildegard Jonnes Beaumont - se lê Taline Marrie Riudegar Jonnes Bomun -

Não se sabe ao certo o significado do nome Talene, mas sabe-se que sua origem é francesa. A mãe de Talene colocou esse nome por ser a junção do seu nome, com o nome do pai da garota (Taylor + Madelene = Talene)

Marie é a variante francesa do nome Maria. No original em hebraico, "myriam" significa senhora soberana, ou "aquela que ocupa o primeiro lugar".

Hildegard é a variante de Hilderico. Esse nome é de origem teutônica, e significa aquele que tem o poder da guerra. Sua mãe colocou esse nome em homenagem a sua mãe, ou seja, avó de Talene.

Jonnes e Beaumont são os sobrenomes dela. Jonnes é um sobrenome inglês que herdou de seu pai, e Beaumont é um sobrenome francês que herdou de sua mãe.

✧Seus apelidos ✧
R: TJ, Tay, Mary, Hild, Hildegard e Jonnes

TJ, Tay e Jonnes é como ela é chamada pela maioria de seus amigos.

Hild ou Mary é como sua mãe lhe chamava carinhosamente. Talene sempre tenta esconder esses apelidos, principalmente Hild. Pois ele é um apelido do seu terceiro nome, Hildegard, que ela detesta, não tem uma explicação muito concreta do porquê não gostar dele, apenas não gosta e pronto.

Hildegard é seu terceiro nome, ela simplesmente o odeia. Graças a sua querida mãe que colocou esse nome em homenagem a sua avó materna, que também se chamava Hildegard. Toda vez que algo acontece, sua avó Olívia, sempre a chama, ou melhor, grita por ela usando esse nome. Ela sempre evita ao máximo falar do mesmo, dizendo que seu nome é apenas Talene Marie Jonnes Beaumont.

Ah, e pessoas que não são consideradas suas amigas, simplesmente a chamam de Talene.

✧Idade ✧
R: Dezessete anos

✧Data De Nascimento ✧
R: 26 de julho

✧Signo ✧
R: Ela é do signo de leão, com ascendente em virgem e lua em escorpião.

✧Gênero ✧
R: Feminino.

✧Sexualidade ✧
R: Bissexual


✧Nacionalidade ✧
R: Talene nasceu em Marselha, na França. Entretanto, quando tinha uns onze anos de idade, ela se mudou para Los Angeles, nos Estados Unidos.


Marselha - França

✧Poderes ✧
R: Manipulação mágica - Capacidade de usar forças sobrenaturais para graus variantes. Geralmente para simular outros poderes, como controle de mentes e ataques elementais. Pode encantar objetos, podendo controlar ou gerar efeitos mágicos sobre o mesmo, como fazer uma porta não poder ser aberta por qualquer pessoa ou deixar um cadeado indestrutível, por exemplo.

Basicamente ela comanda forças elementares, consegue curar, transformar e transportar objetos, manipular mentes, e atacar seus oponentes com explosões de energia, além de ter imunidade mental a ataques psíquicos. Consegue criar ilusões de objetos maiores, como mesas, geladeiras e ilusões humanas, mas essas não falam, apenas se mexem.

Tem acesso à magia arcana, criando feitiços relacionados ao clima, e a natureza em pequenas proporções, como uma chuva de raios, uma nevasca, ou de forças naturais, tudo temporariamente (não chega a durar uma hora). Consegue conjurar feitiços mais complexos, como prender alguém dentro de um espelho - uma dimensão inversa a real - ou fazer uma alma trocar de corpo com a outra.

Consegue conjurar feitiços de absorção, podendo absorver a energia dos ataques - menos físicos como um soco, por exemplo - ou cancelar magias, deixando o feiticeiro mais forte. Consegue prever acontecimentos como se fosse uma visão, esse em questão acontece por vontade própria, ela não consegue controlar.

Porém o uso excessivo de seus poderes pode exauri-la a ponto de entrar em um espécie de coma e só despertar após um longo período de descanso, ela não chega a morrer, é como se ela entrasse em um sono profundo, tipo a Bela Adormecida. É importante ressaltar que apesar de seu poder ser classificado como ômega, ela não sabe controlar todos.

✧Aparência ✧




































(ps.: Fui eu que fiz o video pra sua ficha)

Talene tem o corpo delicado, sua pele é pouco bronzeada e macia como pêssego. Tem delineadas e jeitosas curvas e possui 1,68 m de altura e pesa 54 kg. Seus cabelos são curtos e ficam pouco abaixo dos ombros. Eles são castanhos escuros com alguns fios dourados, o que dá um contraste perfeito com sua pele. Tem rosto fino, bochechas rosadas, intensos olhos azuis claros, nariz fino e lábios grossos. Dona de um sorriso estonteante e que arranca suspiros facilmente. Seus ombros são medianos e acompanham o formato do seu corpo, tem seios fartos, coxas médias assim como seus quadris e cintura fina. Ela possuía dois piercings no nariz, mas atualmente ela só tem um. Ela tem dois piercings na orelha direita e cinco na esquerda. Ela possui uma tatuagem de pássaro atrás das orelhas, que representa sua liberdade, um coração no dedo anelar da mão esquerda, um M e um B, que sao as iniciais do nome de sua mãe, Madelene Beaumont, e por fim, ela tem uma tatuagem de Henna no antebraço esquerdo














✧Personalidade ✧
R: TJ é notada e adora ter uma corte ao seu redor para que seja admirada, talvez essa tenha sido uma das poucas características que puxou de sua avó. Nunca negou que prefere animais do que crianças por nunca levar muito jeito com as mesmas. Se faz de sonsa em algumas vezes, embora já tenha entendido a muito tempo. Flamejante, extremamente popular e inteligente. Ela sabe se afastar daqueles que a incomodam e fazem sombra sobre ela (se aproveitam dela). Ela é forte e sabe se impor e permanecer na liderança. É bem durona, mas por dentro tem um coração mole, sabe dar conselhos como ninguém, mas não sabe segui-los.

Sempre falando de forma calma, porém séria. Talene tem uma paciência de dar inveja. Ela é gentil, generosa e prestativa com as pessoas sempre dando um de seus enormes sorrisos entre as conversas. Ela é uma boa ouvinte, por isso é considerada uma ótima conselheira. Com seus amigos, Tay não muda muita coisa, apenas é um pouco mais divertida e gosta de fazer brincadeirinhas bobas. Ela é bastante misteriosa e reservada, dificilmente ela irá contar algum segredo ou coisa que está acontecendo com ela para você, ela tende muita a guarda para si. Ela é daquele tipo de pessoa que as pessoas não sabem muito sobre ela, somente o básico, porém ela sabe o segredo da maioria, e se ela não sabe, cedo ou tarde ela consegue descobrir devido a quantidade de informantes que ela tem. Ela provavelmente sabe de várias coisas, mas dificilmente as dirá pois sua boca é como um túmulo, por isso suas amigas sempre compartilham segredos com ela, pois além de confiarem muito nela, elas sabem que Talene jamais dirá.

Calorosa, divertida, corajosa, tem raciocínio rápido, positiva e muito criativa, ela é leal, racional e íntegra. Fala tudo na maior sinceridade e tudo o que pensa na mais pura verdade “nua e crua”. Aprecia o poder e tem todas as qualidades para ter sucesso tanto pessoal como profissionalmente. Seu brilho natural e fluência verbal fazem com que às vezes ela pareça muito autoritária. Ela é, então, muito calorosa e sua criatividade e sua inteligência não deixam indiferença. Uma jogadora, ela sabe captar a atenção para, enfim, arrebatar o seu círculo.

Tay é uma lutadora que quer ter sucesso e fará tudo ao seu alcance para subir os degraus, um a um. É tenaz e não suporta o fracasso, porém sabe admitir quando está errada. Gosta de deixar sua marca em tudo o que toca e em tudo aquilo que lhe é pedido. Ama a perfeição e está convencida de que pode alcançar esse nível de excelência sozinha.

Ama dar seu conselho, sua impressão, sua opinião. Ela tem necessidade de reconhecimento antes de qualquer coisa! E quer, com frequência, impor suas ideias e seu ponto de vista.

Ela é muito ciumenta, nunca admite e sempre tenta se controlar mas quando dá uma de suas crise, aguenta que você vai escutar e muito, mas isso dificilmente ocorre, ela costuma ser mais reservada, ficar um pouco brava com a pessoa até ela se tocar o que está acontecendo. Perfeccionista, costuma fazer tudo do seu jeito, quando aceita a ajuda de alguém se a pessoa coloca um fio fora do lugar ela refaz tudo.

Ela não fala muito de relação amorosa com os outros, muitas vezes as pessoas acabam achando que ela nem liga pra isso, mas mal sabem eles que ela é daquele tipo de pessoas em que acredita em alma gêmea. Para ela, amor é sinônimo de compromisso eterno!

É sincera, correta, prestativa, leal e íntegra! Seu forte carisma faz dela uma pessoa sem igual! Ela é capaz de proteger as pessoas que considera mais fracas do que ela até que elas possam encontrar autonomia suficiente ao trazer uma confiança interior pouco comum, o que faz dela uma líder muitas vezes idolatrada. Ela não é ingênua e não se deixa enganar pela bajulação.

Apesar de não parecer, Talene gosta muito de festas, de beber e diversão, porém tudo dentro do limite. Quando ela bebe ela faz coisas que certamente se arrependerá no outro dia.

Uma coisa que TJ não faz é desmerecer e julgar as pessoas, apesar de sua personalidade bastante forte, ela acha uma coisa imoral e jamais faz isso. Além disso, muitos acham que ela é metida, mas quando a conhecem bem, descobrem que estão totalmente errados.

Talene nasceu para liderar. Ela gosta de assumir responsabilidade, chefiar equipes e vencer desafios. Mas não se sente muito à vontade quando recebe ordens. Ela é boa em resolver impasses, e até mesmo em consertar erros, mas prefere trabalhar sozinha - trabalho em equipe, só se for coordenando. Apesar de ter fama de durona, ela também pode ser muito carinhosa e adora proteger e cuidar das pessoas que ama.

Quando briga com alguém, ela fica fria com e pessoa, e apenas trocas palavras de boas maneiras como “Bom dia”, “Boa tarde” e “Boa noite”. Ela ignora a pessoa e a trata tão formalmente que chega a irritar. Ela não para até a pessoa perceber o que está acontecendo e pedir desculpas.

Um de seus defeitos é que ela desperta ciúmes e muitas vezes é tida como arrogante, inflexível e manipuladora. Por vezes autoritária, sua firmeza a abandona.

Como definir Talene Marie Hildegard Jonnes Beaumont? Bem, ela é aquele tipo de garota responsável. Ela gosta de estar na liderança, isso acaba causando certas brigas, porém não se deixe enganar, ela é daquele tipo que prefere que não haja brigas. Caso haja brigas, e seus amigos estejam no meio, tenha certeza de que ela irá defendê-los até o último segundo, independente de quem esteja certo. Como eu disse, ela não gosta de brigas, porém não abaixa a cabeça fácil, muito menos leva desaforo pra casa, ela é curta e grossa, sempre dando respostas à altura. Ela é uma garota forte e tida por muitos como durona, mas quando está sozinha em certas horas ela chora, e ODEIA quando lhe pegam chorando, ela se sente frágil e muito vulnerável. Em uma família, Talene seria a irmã mais velha, sempre cuidando de seus amigos, e zelando pelo bem estar e harmonia entre todos.

✧História ✧
R: Taylor, era um jovem de vinte e dois anos que havia acabado de se formar na faculdade de direito, em Harvard. Ele e alguns amigos foram comemorar a formatura viajando para França. Dinheiro para eles não era problema, já que todos vinham de famílias muito boas e ricas.

Assim que chegou em Paris, Taylor decidiu visitar a torre Eiffel, já que era a primeira vez que ele viajava para França e desde criança sonhava em conhecer um dos mais famosos monumentos do mundo. Foi então que ele avistou uma linda jovem de cabelos castanhos escuros com lindos olhos azuis claros, sentada em um banco de frente para a torre, fazendo anotações e tirando fotos do grandioso monumento. Ela certamente era a mulher mais linda que ele já havia visto. Não aguentando a tentação, Taylor decidiu conversar com a moça.

Seu nome era Madelene, ela tinha dezoito anos e estava iniciando a faculdade de fotografia. Ele ficou estonteado pela fascinante garota e então a convidou para sair. Maddy até resistiu nos primeiros minutos, mas depois concordou com a ideia, pois logo foi cativada pela personalidade e forma de agir de Taylor.

Uma das qualidades de Taylor, certamente era sua personalidade divertida e carismática, fazendo com que Madelene se sentisse atraída por ele já no segundo encontro.


Taylor ficou na França por cinco meses, e nesse tempo ele e Maddy começaram a namorar. Tudo estava lindo e perfeito, ele até estava pensando em se mudar para lá permanentemente, mas um dia, Madelene acabou descobrindo que estava grávida.

Desesperada, a primeira coisa que ela pensou foi em contar para o seu namorado. Ela só não contava que Taylor tivesse a atitude infantil, imatura e arrogante de dizer que ela era uma vagabunda e que ele não tinha certeza se aquela criança era mesmo dele, depois ele simplesmente fugiu e voltou para os Estados Unidos, a largando grávida em outro continente.

Mais atordoada ainda e agora sozinha, Maddy decidiu ter a criança com ou sem a ajuda de alguém. Ela decidiu se mudar para antiga casa de seus falecidos pais em Marselha, e decidiu interromper a faculdade. Como seus pais haviam morrido em um acidente quando ela tinha dezessete anos, e sua única família era uma tia muito idosa e debilitada que estava internada em um asilo, ela notou que não teria o apoio de ninguém.

A gestação foi tranquila, sem muitos problemas, porém no sétimo mês de gravidez, a bolsa rompeu muito antes do previsto. Talene nasceu no dia vinte e seis de julho numa manhã quente de verão (lá na França é verão em julho), ela nasceu prematura, mas com a aparência de uma criança normal e saudável.

Nos primeiros meses foi difícil, não só pela chegada de uma criança, mas também por ser abandonada pelo seu grande amor naquela situação, querendo ou não ela ainda sentia algo por ele, além de ter a esperança de que ele voltaria algum dia. Porém, aos poucos ela foi perdendo a esperança, e o fogo de sua paixão por Taylor estava se apagando.

Sempre eram apenas as duas. Uma mãe solteira e abandonada, com uma garotinha sem pai. Madelene sempre tentou fazer contato com Taylor, ou com a família do rapaz, não por ela, já que o único sentimento que tinha pelo rapaz agora era ódio e dor por ter abandonado a filha, e sim pela filha, pois ela não queria que a mesma crescesse sem a presença de um pai, porém ela nunca obteve sucesso. Poucos meses depois de Talene completar seis anos e sua mãe voltar a estudar fotografia, Madelene começou a namorar com Marcel, um cara que fazia faculdade de arquitetura na mesma faculdade que ela.

Marcel sempre cuidou de Talene como se fosse o próprio pai da garota, já que seu maior sonho era ter filhos, porém ele até já desacreditava na possibilidade desse sonho se realizar por poucos meses atrás ter descoberto que era estéril.

Talene sempre perguntava sobre seu pai para sua mãe, e a mesma sempre mudava de assunto tentando contornar a situação. Entretanto, depois que sua mãe começou a namorar com Marcel, ela começou a chamá-lo de pai e ele a chamava de filha. Foi então que Marcel decidiu assumir a paternidade de Talene, dando para ela seu sobrenome, Chermont. Pouco tempo depois, Madelene e Marcel se casaram.

Desde criança, Talene sempre demonstrou ser diferente. As vezes quando ela dizia que não iria para escola porque estava nevando em pleno verão, sua mãe olhava para janela e percebia que era verdade, mas uns quinze minutos depois a nevasca parava. Ou então quando a garota sempre se machucava mas nunca os machucados ficavam por muito tempo, quanto mais as cicatrizes, que nem sequer chegavam a existir. Em certas vezes, objetos pequenos, como um brinquedo, ou um biscoito, ou então a câmera de sua mãe, misteriosamente sumiam e apareciam em outro lugar. Ela ainda conseguia em certas horas “prever o futuro”, claro, coisas pequenas, como por exemplo, descobrir o que os outros fariam ou então ela tinha pequenos flashes do que aconteceria no dia.

A vida estava perfeita, quatro anos já haviam se passado, Talene estava com dez anos. Ela tinha agora um pai e uma mãe, seus pais tinham empregos bons e ela vivia de forma bastante confortável. Mas então, um fantasma do passado apareceu na porta da casa. Era Taylor, o mesmo homem que abandonou Madelene grávida e sozinha em Paris.

Todos ficaram surpresos. Marcel sabia da história, e apesar de não conhecer, não gostava nem um pouquinho de Taylor. Madelene ficou numa mistura de felicidade com ódio, ela ficou feliz por ele aparecer, mas com muito ódio por aparecer justamente quando sua vida estava perfeita. Talene não conhecia o homem, muito menos sabia algo a seu respeito, por isso ela não entendia o motivo dos pais ficarem bravos com o misterioso homem.

Taylor conversou com Madelene e se explicou dizendo que estava arrependido e que queria lhe pedir desculpas e dizer que ele queria voltar a ter uma vida com ela e agora com a filha também. Madelene agiu de forma fria e rancorosa com o ex, ela ainda disse que eles nunca mais voltariam por ela estar casada agora, o que deixou Taylor furioso. Ela ainda terminou dizendo que ela não negaria se ele quisesse participar da vida da filha, já que isso era um direito dele, mas nunca mais eles teriam algo.

Taylor não gostou nem um pouco da ideia, mas foi obrigado a aceitar. Ele ficou irritado, e sabendo que sua ex amava Marcel, ele decidiu entrar na justiça para tirar o sobrenome Chermont do nome da filha e conseguir tanto a guarda dela, como sua paternidade na certidão de nascimento, como uma forma de vingança. Isso irritou Madelene de uma forma sem igual. Taylor conseguiu na justiça tirar o nome Chermont da filha e colocar o seu, Jonnes, porém ele não conseguiu a guarda da menina.

No dia do aniversário de onze anos de Talene, Madelene foi buscá-la na escola, mas um carro que estava em alta velocidade, bateu no carro em que ambas estavam, fazendo ele capotar e cair de um barranco. Surpreendentemente, Talene não teve um arranhão sequer, já sua mãe não teve a mesma sorte. Madelene levou uma pancada muito forte na cabeça e entrou em coma, ela quebrou quatro costelas, teve uma perfuração no pulmão, quebrou o fêmur esquerdo, e o braço direito.

Taylor se aproveitou disso, para novamente pedir a guarda da filha, e infelizmente dessa vez ele conseguiu. Já que a mãe estava inconsciente e internada em estado grave no hospital, e entre o padrasto e o pai, o juiz preferiu deixar a garotinha com o pai biológico do que com o padrasto.

Taylor então levou Talene consigo para Los Angeles. Marcel tentou entrar na justiça para conseguir a guarda da menina de volta, mas foi em vão. O mais surpreendente foi que Taylor jogou suas responsabilidades de pai para cima de seus pais, fazendo com que os avós da menina que tomassem conta dela.

Talene não fazia ideia do que estava acontecendo. De repente ela e sua mãe sofreram um acidente, depois aquele homem misterioso a havia levado para outro país, e agora senhores idosos estavam cuidando dela. Seus avós então lhe explicaram toda a história. Ela não teve uma reação boa ao saber que Taylor era seu pai, mas também, quem teria?

Pouco tempo depois Marcel conseguiu ligar para Talene e todas as noites eles conversavam por telefone para saber como foi o dia um do outro, mas quando Taylor descobriu, ele simplesmente a proibiu de atender qualquer ligação de Marcel ou qualquer forma de contato, fazendo com que Talene ficasse com mais raiva dele. Depois daquele dia, Talene nunca mais falou com Marcel ou soube de sua mãe.

Conforme os anos foram se passando, Talene foi amadurecendo ainda mais assim como seus poderes que cada vez mais apareciam, mas ela sempre os ignorava e acreditava ser coisa de sua cabeça. Ela tinha algumas briguinhas com seu pai e algumas pequenas irritações com sua avó mas nada fora do comum.

Quando completou dezessete anos, Talene ganhou um carro de aniversário de seu pai, ela saiu com o carro, e quando voltou estava “cheia” de tatuagens e piercings. Isso irritou sua avó, já que ela era muito conservadora. Elas tiveram uma briga, e quando seu avô se intrometeu, Talene perdeu o pouco controle que tinha sobre seus poderes e sem querer acabou prendendo seus avós em um pequeno espelho que havia no local. Depois disso, Taylor fez com que Talene se sentisse culpada e a obrigou a concordar com a decisão do pai de mandá-la para um internato com pessoas como ela.

✧Gostos ✧
R: Frutas e doces.
• Frio.
• Lugares quentes onde possa ler e escrever.
• Caminhar.
• Brincadeiras bobas.
• Escutar música.
• Passear com os amigos.
• Pensar que tudo vai dar certo.
• Mostrar que pode conseguir algo quando dizem que ela não conseguiria.
• Provar que ela não é apenas bonitinha, e sim que tem várias qualidades.
• Treinar suas habilidades mágicas.
• Animais.
• Carros e dirigir (apesar do acidente com sua mãe, ela ama dirigir)
• Liderança .
• Tirar fotos.
• Parques de diversões.
• Seu rímel.
• Moda e tudo relacionado a mesma (roupas, maquiagens e sapatos).

✧Desgostos ✧
R: Quando tudo dá errado.
• Pessoas que julgam.
• Que desmerecem os outros para se sentirem melhores.
• Que falem mal das pessoas ou dela, sem saber sequer a história da pessoa e/ou pelo que ela passou para estar lá.
• Pessoas inconvenientes.
• Quando mentem, são falsas e fofoqueiras.
• Que abusem de sua boa vontade e prestatividade.
• Que tentem a fazer de trouxa.
• Que pergunte sobre sua família (ainda mais sobre sua mãe).
• Que mexam em suas coisas, não que tenha algo para esconder, só acha desnecessário a pessoa sem autorização mexer no que não é dela.
• Quando a ignoram.
• Quando a desrespeitam.
• Quando questionam sua liderança.
• Quando lhe tiram a paciência.
• Que a chamem de Hildegard.

✧Hobbies ✧
R: Organizar as coisas, tirar fotos, escrever e estudar.

✧Manias ✧
R: Ela é perfeccionista, então qualquer coisa que ela ver fora do lugar, ela vai arrumar porque ela, digamos que é paranóica quanto a isso. Ela faz caretas quando está pensando ou falando sozinha. Morder os lábios.





✧Qualidades/Habilidades ✧
- Corajosa.
- Responsável.
- Racional.
- Raciocínio rápido.
- Inteligente.
- Leal.
- Ótima conselheira.
- Positiva.
- Carismática.
- Prestativa e gentil.
- Verdadeira e muito sincera.

✧Defeitos/Desvantagens ✧
- Arrogante.
- Mandona.
- Durona.
- Fria (em certas horas).
- Irritante.
- Chata.
- Teimosa.
- Ciumenta.
- Perfeccionista.
- Grossa.
- Misteriosa.

✧Sonhos ✧
R: Saber que sua mãe acordou do coma. Rever sua mãe e seu padrasto. Tirar seus avós do espelho. Querer fazer algo muito importante (fazer a diferença).

✧Segredos ✧
R: Ninguém sabe que seus avós estão presos em um espelho, apenas a coordenação do internato. Ela também não conta muito sobre sua família, por isso a única que sabe sobre sua mãe estar em coma é Margo. Sobre seus nomes do meio serem Hildegard e Marie.

✧Medos ✧
R: Tylene costuma ser corajosa e valente diante das muitas dificuldades e obstáculos que a vida traz e não recusa nenhuma luta, enfrentando direta ou indiretamente qualquer problema que a vida lhe apresentar. No entanto, por trás de tamanha valentia, existe um medo secreto de não se sobressair pelas suas qualidades, sejam elas físicas, emocionais ou mesmo mentais. Basicamente ela tem medo de não ser boa o suficiente.

✧Traumas ✧
R: Depois do que aconteceu com seus avós, ela tem muito medo de sem querer prender alguem em um espelho novamente, por isso ela tenta não permanecer muito tempo em lugares que tenham pessoas e espelhos.

✧Fobias ✧
R: Ela tem as seguintes fobias:
• Aracnofobia - Aranhas
• Claustrofobia - Lugar fechado e pequeno
• Cleitrofobia - Medo de ficar trancado em lugares fechados
• Coulrofobia - Medo de palhaços

✧Família ✧


Mãe | Madelene Beaumont (se pronuncia Madeline Bomun)| Francesa | 37 anos | Fotógrafa







Ela ama sua mãe. Depois que seu pai ganhou sua guarda, ela nunca mais a viu. Elas eram muito ligadas e muito próximas pois durantes os primeiros seis anos da garota, era tudo somente as duas. Se ela pudesse ela daria sua vida no lugar de sua mãe, mas infelizmente ela não pode. Ela ainda se culpa muito desde o acidente por ela não ter um machucado sequer, enquanto sua mãe estava toda ferida à beira da morte. Seu maior sonho é que um dia sua mãe acorde do coma.

Pai de consideração/padrasto | Marcel Chermont | Francês | 40 anos | Arquiteto







Ela o amava e o considerada como um pai, assim como ele também a amava e a considerava como sua filha. Se você for perguntar o nome do pai dela, ela vai dizer Marcel Chermont. Ela admira muito ele e o tem como exemplo. Depois que ela foi para Los Angeles, ela ainda manteve contato com ele, pois ele ligava para saber como ela estava todos os dias, porém depois que o pai da garota descobriu, ele a proibiu de falar com ele, por isso ele nunca mais soube da mãe e do padrasto.

Pai | Taylor Harrington Jonnes | Americano | 41 anos | Empresário







Ela o odeia e não aguenta sua irresponsabilidade. Ela o trata muito formalmente e sempre que pode, ela o ignora. O que ela mais odeia nele, é quando ele joga seu papel de pai para os avós da garota, isso a deixa furiosa. Eles não se vêem com tanta frequência, já que ele sempre está fazendo alguma viagem de negócios super importante. Depois do acidente do espelho, ela foi obrigada pelo seu pai a concordar em ir para o internato.

Avô | Robert Jonnes | Americano | 72 anos | Empresário







Ela adora muito seu avô, pois ele sempre cuidou dela. Ele a defendia e protegia de sua avó, isso tornava eles cúmplices. Eles até tinham uma “gangue”, a gangue do biscoito, onde os dois eram os únicos membros. Eles sempre bolavam planos para roubar biscoitos ou fazer alguma brincadeirinha pela mansão Jonnes. Depois do acidente, ela sempre carrega o espelho em que seus avós estão presos, na esperança de um dia conseguir tirá-los de lá.

Avó | Olivia Harrington | Americana | 66 anos | Estilista







Ela gostava muito de sua avó, porém a achava um pouco rígida. Quem vê Talene sendo séria, rígida, mandona e arrogante, nem sabe que ela é assim graças a sua avó. Depois do acidente do espelho, ela se dedicou a tentar conseguir de alguma forma tirar seus avós daquele lugar.

✧Par?Se sim quem?Quer que eu escolha?Ou só que romances casuais? ✧

R: Sim, pode escolher.

✧Hot?Se sim como quer pesado ou romântico? ✧

R: Sim, vai da preferência da autora.

✧Relação com ✧

• Amigos -
R: Ela fará de tudo para protegê-los, mas quando digo tudo, é TUDO mesmo, até mesmo arriscar a própria vida. Ela é como uma irmã mais velha, sempre cuidando deles, separando nas raras ocasiões que há brigas, sempre protegendo, dando conselhos, tanto amorosos quanto conselhos de vida. Ela adora fazer brincadeirinhas bobas e passear com seus amigos, mas a coisa que ela mais gosta mesmo além de conversar.

• Inimigos -
R: Talyne pode até não admitir, mas sabe que tem inimigos pelo internato. Ela não dá muita atenção para alguma provocação ou xingamento, sempre mandando a pessoa ir fazer alguma coisa mais interessante na vidinha medíocre e inútil dela. Porém… Não xingue a mãe dela, caso você xingue, se prepare porque com toda certeza ela vai ACABAR com você. Ela vai fazer da sua vida um verdadeiro inferno, além de que acidentalmente algum importante segredo seu pode ser revelado (mas deixando bem claro, isso raramente acontece porque além de ser respeitada por ser correta, não mexer com ninguém e sempre ficar na dela, ela tem muita paciência e dificilmente ela faria algo do tipo, porém se a pessoa a provocar muitas e muitas vezes, isso pode mudar drasticamente).

• Par -
R: Quando encontra “sua alma gêmea”, Tay se torna mais carinhosa, gentil, mais bondosa, mais alegre, afetuosa, impaciente, na maioria das vezes está sempre de bom humor, sempre está com um sorriso no rosto e ela sempre está tentando demonstrar seu amor.

Conquistadora e dominadora, ela sabe impor a seu par a lei de seus desejos imperiosos e de suas fantasias sem inibições. Dotada de uma sensualidade poderosa, ela precisa ser admirada não só por sua inteligência, mas também pelo seu corpo.

Exigente, com certeza! Mas nunca egoísta. É preciso que seu par demonstre sua admiração para que ele tenha direito sobre a parte da desprovida de qualquer inibição e cheia de paixão. Usa criatividade para persuadir o ser cobiçado. Muito elegante, Hild é apaixonada e romântica e sabe usar de artifícios para que a escutem e a notem. Ela gosta de ser mimada e amada pelo seu par.

• Outros do internato -
R: Ela sempre vai ser gentil e educada, sempre tratando bem e dando um sorriso quando se encontram e/ou conversam. Ela tem princípios de boa maneira e raramente arranja brigas com alguém.

• Margo -
R: Margo e Talyne são parecidas em alguns quesitos, mas totalmente diferente em outros. Talvez seja por isso que a amizade delas flui tão bem. Talyne ama andar com Margo porque mesmo a ruiva não querendo, ela sempre acaba arrancando uma risada da amiga. Talyne age como uma irmã mais velha, ela sempre cuida e protege Margo - mesmo a ruiva já sabendo se defender muito bem nas brigas ou em qualquer outra situação. Ela sempre tenta ajudar a amiga nos estudos e sempre tenta a botar na linha, na esperança de que ela siga as regras - o que convenhamos, é totalmente em vão... Da mesma forma que a amiga tenta a puxar para vida mais "divertida" - o que não é totalmente em vão

✧Porque foi parar no internato? ✧
R: Por se descontrolar, ela acabou perdendo o pouco controle sobre seus poderes e acidentalmente prendeu seus avós em um espelho. Depois disso, seu pai a obrigou a concordar de que ela precisava se afastar e ir para um lugar com pessoas como ela.


✧Seu estilo ✧
R:Seu estilo seria o famoso estilo “tumblr”. Ela gosta bastante de saias, apesar de preferir shorts, calças e macaquinhos. Ela combinar croppeds com saltos altos, para ela é uma ótima combinação. Ela gosta também bastante de botas, ainda mais se elas tiverem saltos.

- Dia a dia -









- Sair -







- Formal -







- A noite -







- Pijama -






✧Música tema ✧
R: Sweater wearther - Neighbourhood, Roses - The Chainsmokers






✧Música tema da sua personagem com seu par ✧
R: Side to side - Ariana Grande, Into You - Ariana Grande





✧Tem algum objeto especial? ✧
R: Sim, uma câmera de sua mãe. Um álbum de fotos que tira para guardar todas as suas fotos. O espelho onde seus avós estão presos.






✧Algo mais? ✧
R: Depois de que se mudou para Los Angeles, ela todos os dias pegava a câmera fotográfica que era de sua mãe - uma das poucas coisas que ela tem de sua mãe - e tirava uma foto e colocava em seu álbum, ela tinha esperança de que quando sua mãe acordasse, ela iria mostrar aquele álbum que contava sobre todos os dias da garota, enquanto sua mãe estava em coma. Porém atualmente ela tem mais de doze álbuns-diários.

✧Sabe que seu personagem está em minhas mãos é que posso fazer o que bem entender com ele?✧
R: Sim. Cuide bem da minha TJ

✧Caso precise estarei fazendo mudanças em seu personagem, está de acordo? ✧
R: Só peço que cuide bem da minha Talene

✧Vai comentar em todos os capítulos? ✧
R: Lógico, esse é um dos principais papéis de um leitor, comentar e motivar o autor a continuar a escrever história.

✧Leu as regras? ✧
R: Sim, sim.

✧Favoritou? ✧
R: Com certeza, monamour.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...