~DoceAmanhecer

DoceAmanhecer
Nome: Sweet Dawn
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: Indisponivel
Cadastro:

Ficha: Gossip Girl


Postado

Ficha: Gossip Girl

Sasha Pieterse as Katherine E.C. Chermont


⭐ Nome & Sobrenome ⭐
Katherine Elena Campbell Chermont

🌙 Apelido 🌙
× Kath | K = é como a maioria das pessoas - como suas inimigas e "aliadas" - costuma chama-la.
× Kitty Kath = seu namorado gosta de chama-la assim por ser um apelido carinhoso.
× Lena = é a forma como seus amigos mais próximos a chamam.
× Cher = seus pais a chama assim por serem de uma família original da frança, e a palavra significar "Querida".

⭐ Idade ⭐
15 anos

🌙 Data de Nascimento & Signo 🌙
15 de Novembro de 2001 | Signo de Escorpião

⭐ Aparência & Gifs do personagem ⭐
- Katherine é dona de longos cabelos louros, batendo abaixo dos ombros, com leves ondas que vão desde o meio até as pontas. Sempre tão brilhantes e lustrosos, alguns acham que eles são capazes de refletir o rosto de uma pessoa, como se fosse um espelho.

- Seus olhos possuem um tom de azul claro, tão penetrantes e límpidos quanto um céu de primavera. Às vezes, as belas orbes azuis ficam mais densas e escuras - podendo até mesmo ficar acinzentadas -, muito semelhantes à um céu nublado de inverno, sendo capazes de intimidar qualquer pessoa.

- Possui lábios cheios e desenhados, com uma cor rosa-claro natural. Mesmo não sendo extremamente necessário, Katherine sempre mantém seus lábios cobertos de batóm, na maioria das vezes variando entre tons de rosa e vermelho.

- Sua voz doce e melodiosa se torna mais sexy e excitante devido ao seu sotaque francês que, mesmo morando longe da França, não se perdeu com o tempo.

- Dona de um nariz arrebitado, bochechas levemente coradas, e uma pele de marfím com brilho perolado, as feições de Katherine podem facilmente ser comparadas as de uma boneca.









⭐ Photoplayer ⭐
Sasha Pieterse

⭐ Personalidade ⭐
Katherine é um demônio disfarçado de anjo, um fenômeno incontrolável da natureza, tão fatal, perigosa e atraente quanto um tornado.
Mesmo tendo tido uma vida conturbada e problemática, K ainda consegue ser uma das pessoas mais alegres e carismáticas que alguém pode conhecer. Dona de um ótimo senso de humor e uma risada contagiante, Kitty Kath consegue fazer qualquer um sorrir até nos momentos mais difíceis. Mesmo que o mundo esteja desmoronando ao seu redor, Katherine sempre mantém um sorriso no rosto, pois ela mesma diz: "seu mundo pode estar em ruínas, mas sorria, pois se você continua em pé, isso significa que você é forte".
Katherine não expressa seus sentimentos com facilidade, pelo contrário, ela pode estar em mil pedaços por dentro, mas não vai derramar nem uma lágrima se quer, por pior que seja sua situação. Ela sempre repete para si mesma que chorar é uma fraqueza, e que todas as cicatrizes que possui a fazem ser o que ela é de verdade.
Uma pessoa extremamente educada e gentil, com quem quer, Katherine é muitas vezes elogiada por suas boas maneiras. Geralmente diplomática, K é uma garota que sabe o que falar, na hora que tem de falar.
Não é do tipo que leva desaforo pra casa, então se lhe fizerem algo, pode ter certeza de que vai ter volta. Toda vez que entra em uma briga, Katherine entra pra ganhar, e geralmente é o que acontece. Muito vingativa, Kath é o tipo de garota que nunca esquece o que lhe fizeram, mesmo que se passem três anos, ela vai lembrar e vai fazer a pessoa se arrepender de ter lhe conhecido.
Todos têm um lado sombrio, e com Katherine não é diferente. Ela é manipuladora, e não se importa de magoar algumas pessoas para conseguir o que quer. Muitas vezes é vista como egoísta por se colocar em primeiro lugar, e isso faz com que muitos tenham raiva dela. Katherine é a prova viva do ditado: "amada por muitos, odiada por todos".
É uma pessoa observadora, que sabe reconhecer a menor falha que seja em uma pessoa. Melhor do que um teste de polígrafo, Kath consegue identificar até quando o melhor mentiroso está mentindo. Uma caixinha de surpresas, ninguém sabe qual será, e em quem será, a próxima bomba que Katherine irá soltar. Kath é aquela que sabe os segredos de todos os amigos, mas ninguém sabe os dela, pelo simples fato de ela ser a "Queen B" do grupo e ninguém ter coragem de desafia-la.
Determinada Kathe nunca desiste de ter o que ou quem deseja. Teimosa e orgulhosa, é praticamente impossível mudar a cabeça dela, e quando ela acha que algo está certo, faz de tudo para provar que tem razão.
Para se tornar "amigo" de Kath, é preciso ganhar a confiança dela primeiro, o que não é nada fácil já que você deve provar sua lealdade á ela. K costuma usar de ironia e sarcasmo para afastar as pessoas de perto de si, dessa maneira protegendo a si mesma e aos seus segredos.

⭐ Classe Social ⭐
Classe alta, vive em Upper East Side.

⭐ Família ⭐
Pai = James Thierry Chermont, 40 anos | Cirurgião Neurologista.



James é o herói de Katherine desde que a mesma tinha 5 anos. James sempre esteve ocupado demais com o trabalho para dar atenção aos filhos, e isso afetava muito Katherine. Depois que Kath descobriu o segredo que seus pais esconderam durante 10 anos, a mesma se afastou ainda mais de James.

×××

Mãe = Charlotte Marjorie Campbell Chermont, 37 anos | Designe de Moda



Charlotte e Katherine não são um exemplo de relacionamento mãe e filha, as duas são muito distantes uma da outra por diversos motivos, com por exemplo: o segredo sobre a existência de Annabeth; o fato de Charlotte sempre estar ocupada demais com o trabalho para dar atenção para os filhos; etc. Desde que Kath descobriu sobre a irmã gêmea, Charlotte vem tentando se re-aproximar da filha, mas não tem tido muito sucesso.

×××

Irmão = Peter Jean Campbell Chermont, 18 anos | Estudante do 3° ano.



Peter não é apenas o irmão de Katherine, ele é também o melhor amigo dela. Os dois sabem que podem contar um com o outro, por isso sempre que um deles se mete em problemas, o outro está lá para ajudar. Peter e Kath compartilham segredos, e juram lealdade um ao outro.

×××

Irmã = Annabeth Eloise Campbell Chermont, 15 anos | Paciente no Walker Sanatorium.



Annabeth e Katherine só tiveram contato uma com a outra até os 3 anos de idade, e elas não se lembram dessa época. Katherine não se lembrava da existência de Annabeth até dois anos atrás, quando ouviu uma discução de seus pais sobre a mesma estar internada em um sanatório na Pensilvânia.

×××

⭐ História ⭐
Nascida em Paris, durante o auge do outono francês. Filha caçula de um rico e importante casal de origem europeia, um médico francês renomado e uma designe de moda britânica conceituada, Katherine nasceu em berço de ouro, cercada dos luxos da tão romântica França.
Três anos antes do nascimento de Katherine nasceu Peter, o filho primogênito do casal Charlotte e James Chermont, que muitos conhecem como sendo o único irmão de Kath. Só que, a história verdadeira do porquê família Chermont saiu de Paris para Manhattan é desconhecida por todos.
Annabeth, era o nome da irmã gêmea idêntica de Katherine. Durante os três primeiros anos de vida das gêmeas, Charlotte e James cuidavam das duas como se as mesmas fossem suas vidas. Kath era uma criança doce, mas com quase 3 anos, era muito fechada e isolada, enquanto Anna sempre gostava de ser o centro das atenções. Alguns meses depois das gêmes completarem 3 anos, Anna tentou asfixiar Kath, por achar que estava sendo ignorada pelos pais, e só foi impedida porquê Peter chegou há tempo.
Sem muitas opções, Charlotte e James tentaram tratar os problemas psicológicos que Annabeth desenvolvia, mas depois de dois anos, eles não viram outra solução á não ser se mudar para New York e internar Anna em um sanatório na Pensilvânia, onde ninguém os conhecia.
Não demorou para que Kath e Peter se adaptassem a nova casa, afinal eles haviam sido alfabetizados em dois idiomas: francês e inglês. Com o passar do tempo, Charlotte convenseu os filhos de que Annabeth era apenas uma amiga imaginária que havia ido em bora. Os dois irmãos foram crescendo, e com o passar do tempo se esqueceram da irmã do meio.
Katherine foi se tornando uma jovem bela e popular no colégio Constance Billard, onde estudou desde os 6 anos, e com a idade vieram as ofertas para campanhas de publicidade. Mesmo não sendo essa a profissão que pretendia seguir, Kath começou a fazer campanhas para marcas famosas - como Channel, Dior, Gucci, YSL, etc - apenas por diversão.
No ano passado, poucos dias antes do começo das férias de inverno, Kath ouviu uma discução de seus pais sobre Annabeth estar internada em um sanatório na Pensilvânia, o que causou um distanciamento da família. Assim que as férias começaram Katherine viajou para a casa de sua madrinha, Brittany Evans, na Inglaterra, onde passou todo o período de férias.
Depois de retornar de Londres, Katherine conversou com uma antiga amiga, Blair Waldof - que ela conhece desde pequena e que a ensinou tudo que ela sabe hoje -, e resolveu que voltaria a agir como antes, mas manteria distância de seus pais até que eles resolvessem trazer á público o fato de existir uma terceira herdeira Chermont.

⭐ Seu estilo ⭐

Katherine é bem "patricinha", mas tambem pode ser bem "formal" e "clássica", então está sempre com roupas delicadas, fofas e sexys, sem se apegar muito ao rosa.

















⭐ Deseja par? ⭐
Sim!

⭐ Relação com o seu par ⭐
Katherine é bem possessiva e ciumenta, deixando bem claro que não gosta de ver as garotas se atirando em cima dele. Gosta de provoca-lo, às vezes até curte fazer ciúmes nele, diz que deixa as coisas mais interessantes. Quando está junto dele, Katherine é meiga e carinhosa, chega á ser fofa e romântica com a pessoa que gosta.

⭐ Uma frase que defina seu personagem ⭐
- Eu não sou perfeita, sou original.

- Seja como um diamante: lindo, brilhante, valioso e único.

- Duas pessoas só podem guardar um segredo se uma delas estiver morta, então não se meta na minha vida.

⭐ Medos & Manias ⭐

~ Medos ~
Aranhas | Morrer | Ser magoada | Ser trocada por alguém "melhor" | Annabeth (depois que a mesma retornar do sanatório).

~ Manias ~
Revirar os olhos quando contrariada ou quando é obrigada a fazer algo chato e intediante;
Morder o lábio inferior quando está sendo maliosa ou quando flerta com um garoto;
Colocar o cabelo atrás da orelha quando envergonhada;
Levar o dedo indicador aos lábios e fazer "shhh" em sinal de silêncio depois de contar um segredo;
Inclinar a cabeça quando fala algo que sabe que a pessoa não vai saber como respondeu, provando que ela está certa.

⭐ Favoritou a fic? ⭐
Sim!!!


Sasha Pieterse as Annabeth E.C. Chermont


⭐ Nome & Sobrenome ⭐
Annabeth Eloise Campbell Chermont

🌙 Apelido 🌙
× Anna | A = é a como a maioria das pessoas - como suas inimigas e aliadas - costuma chama-la.
× Annelise = seu namorado gosta de chama-la assim de uma forma meiga e carinhosa.
× Ellie = é a forma como seus amigos mais próximos a chama.
× Honey = sua família a chama assim para que ela saiba que eles se importam com ela, já que a tradução significa "Querida".

⭐ Idade ⭐
15 anos

🌙 Data de Nascimento & Signo 🌙
15 de Novembro de 2001 | Signo de Escorpião

⭐ Aparência & Gifs do personagem ⭐
- Annabeth possui os cabelos louros medianos, batendo pouco abaixo dos ombros, um pouco menos ondulados que os de Katherine. Mantém os cabelos sempre brilhantes e lustrosos, cintilantes como se fossem fios de ouro.

- Seus olhos são médios e de um azul claro com um leve brilho opaco. Límpidos e cintilantes, os olhos de Anna podem facilmente parecer acinzentados, principalmente quando ela está com raiva, os tornando frios e intimidadores.

- Assim como Kath, Anna possui lábios cheios e desenhados, com uma cor rosa-claro natural. Mesmo não precisando, Anna sempre tem um gloss na boca, geralmente variando entre rosa e vermelho.

- Seu sotaque frânces é mais leve e menos explicito do que o de Kath e Peter, mas também é sensual e envolvente como o dos irmãos. O som de sinos tilintando de sua voz é doce e melodiosa de se ouvir.

- O nariz arrebitado, as bochechas levemente coradas, e a pele de marfim com brilho perolado deixam as feições de Anna mais suaves e delicadas, como o rosto de uma boneca.









⭐ Photoplayer ⭐
Sasha Pieterse

⭐ Personalidade ⭐
Annabeth é como um anjo da morte: bonita, atraente e fatal. Sua aparência é apenas um belo, e bem feito, disfarce para sua personalidade traiçoeira e perigosa.
Sua vida problemática a ensinou a esconder suas emoções, dito isso, Anna nunca demonstra o que está sentindo com facilidade. Sentimentos são algo que ela finge não ter diante de pessoas inferiores e insignificantes, sendo muitas vezes chamada de "Princess of Ice", assim como sua irmã.
Anna é uma garota carismática e divertida com seus "amigos". Dona de um ótimo senso de humor e uma risada contagiante, Annabeth consegue fazer qualquer pessoa sorrir até nos momentos mais difíceis. Anna conquista a todos com seu jeito espontânio e extrovertido. Não importa o que aconteça, Anna sempre mantém um sorriso nos lábios, por que ela sabe que deve ser forte para atingir seus objetivos.
Annabeth sabe ser gentil e educada com as pessoas à sua volta, assim como pode ser bem irônica e sarcástica com seus inimigos e pessoas "inferiores". Esnobe, Annabeth deixa bem claro que ela não se mistura com pessoas inferiores. Seus pais são os únicos que vêem Annabeth como uma garota ingênua, quando na verdade, ela e Katherine são os pesadelos das classes inferiores do colégio. Sabe ser diplomática quando necessário, e essa é a característica que mais é alvo de elogios em Anna.
Não é o tipo de pessoa que leva desaforo para casa, então se você fizer algo que possa prejudicar Anna, pode ter certeza de que vai ter volta. Sempre que entra em uma briga, Annelise entra pra ganhar, e geralmente é o que acontece. Muito vingativa, Honey nunca se esquece do que lhe fizeram, podem se passar 10 anos que ela não vai se esquecer de se vingar, pois como ela mesma diz: "tudo que vai, volta".
Diferente da irmã, Katherine, Annabeth se mostra uma garota doce diante das pessoas, e só mostra seu "verdadeiro eu" quando está longe das multidões e dos holofotes. Mesmo tentando se fazer de garota doce e inocênte, a maioria das pessoas sabe que Anna não é esse anjo que finje ser diante da família e dos amigos. Annabeth é a prova viva do ditado: "amada por muitos, odiada por todos".
Anna é fria, manipuladora e calculista, por isso não se importa com a quantidade de pessoas que vai usar e magoar para conseguir o que quer. Muitos a vêem como egoísta por se colocar em primeiro lugar, e isso faz com que muitos a odeiem.
Impaciênte e imediatista, Annabeth não descança até ter o que - ou quem - quer na hora que ela quer.
Anna é o tipo de garota que protege seus segredos como se sua vida dependesse disso, e quando alguém tenta desvenda-los, ela usa os segredos da pessoa para ameaça-la. Não é fácil se tornar "amigo" de Annabeth, já que para isso você deve provar sua lealdade à ela.

⭐ Classe Social ⭐
Classe alta, acaba de se mudar da Pensilvânia para Upper East Side.

⭐ Família ⭐
Pai = James Thierry Chermont, 40 anos | Cirurgião Neurologista.



Desde que foi internada no Walker Sanatorium, James é quem sempre vai visitar Annabeth. Sempre que James está por perto, Anna tenta ser uma garota controlada, mas quando ele comenta algo sobre a vida dos irmãos dela - principalmente de Katherine - a mesma não se controla e acaba surtando.

×××

Mãe = Charlotte Marjorie Campbell Chermont, 37 anos | Designe de Moda.



Charlotte quase nunca vai visitar Annabeth no sanatório pois, segundo ela, ela não consegue ver a filha nessa situação. Anna acredita que Charlotte não se importa com ninguém além dela mesma, pois James conta á ela sobre as constantes discuções que "Lotte" têm com os filhos.

×××

Irmão = Peter Jean Campbell Chermont, 18 anos | Estudante do 3° ano.



Para Anna, Peter é um dos responsáveis por ela ter sido internada no sanatório, porquê, segundo ela, se não fosse por ele, ela teria se livrado de Kath e estaria vivendo feliz na França. Depois que retorna do sanatório, Annabeth finge se dar bem com Peter, mas tudo o que ela quer é arrumar uma maneira de faze-lo pagar por te-la colocado naquele sanatório.

×××

Irmã = Katherine Elena Campbell Chermont, 15 anos | Estudante do 1° ano.



Annabeth e Katherine só tiveram contato direto uma com a outra até os 3 anos, que foi quando Anna tentou matar Kath. Depois de muitos anos no sanatório, A culpa K por ter ficado presa naquele lugar. Agora que saiu do sanatório, Anna quer transformar a vida de Kath em um inferno, mas talvez ela veja que a vida com uma irmã pode ser melhor do que a vida com uma inimiga.

⭐ História ⭐
Nascida em Paris, durante o auge do outono francês. Filha do meio de um rico e importante casal de origem europeia, um médico francês renomado e uma designe de moda britânica conceituada, Annabeth e Katherine nasceram em berço de ouro, cercadas dos luxos da tão romântica França.
Três anos antes do nascimento das gêmeas nasceu Peter, o filho primogênito do casal Charlotte e James Chermont, que muitos acreditam ser o único irmão de Katherine, quando na verdade ninguém conhece o real motivo da mudança da família Chermont de Paris para Manhattan.
Annabeth e Katherine eram duas crianças adoraveis. Sempre amadas e paparicadas por todos á sua volta, as gêmeas eram tratadas como jóias raras que deveriam ser protegidas contra todo e qualquer mal. Aos 3 anos Annabeth era sempre alegre e risonha, sempre querendo ser o centro das atenções, enquanto Katherine ficava sempre no canto isolada e sozinha. Anna oprimia a irmã gêmea, e por isso Kath sempre evitava chamar a atenção.
Um dia, James comprou dois medalhões para as filhas e um caderno de desenhos para Peter, que, desde pequeno, sempre fora um ótimo desenhista. Em cada medalhão havia uma foto da família, com uma inscrição em francês atrás que dizia: "Mas do que minha própria vida", e a inicial da filha. Por um deslize, James esqueceu o medalhão de Anna na loja, então saiu para busca-lo. Quando Katherine dormia durante a tarde, Annabeth pegou seu travesseiro e tentou asfixiar a irmã, e só não conseguiu porquê Peter chegou e impediu.
Depois disso, Annabeth foi diagnosticada com TPB (Transtorno de Personalidade Borderline), e isso fez com que Charlotte e James a afastassem dos irmãos. A família Chermont se manteve em Paris por mais 2 anos, e quando o tratamento não foi suficiente, eles se mudaram para New York e internaram Annabeth em um sanatório na Pensilvânia.
Desde os cinco anos, Annabeth ficou internada no Walker Sanatorium, pensando como seria a vida em New York. O medalhão com a foto de sua família, que fora o motivo de ela ter ido parar naquele lugar, era sua única lembrança da família feliz que eles foram um dia. Seu pai a visitava duas vezes por mês, mas isso não era o suficente. Toda vez que James chegava contando sobre como era a vida de Peter e Katherine, Anna tinha um surto de raiva, e acabava sedada em seu quarto.
No dia em que seu pai chegou contando que Peter e Kath sabiam sobre ela, e que ambos estavam fora do país, Anna resolveu que era hora de sair daquele lugar. Durante um ano, Annabeth se dedicou por completo ao tratamento, convensendo a todos que ela estava pronta para ir pra casa, no dia anterior a volta ás aulas no Constance Billard.

⭐ Seu estilo ⭐
Annabeth adora roupas curtas e coladas, principalmente em tons escuros como preto e azul-marinho, mas não discartas as roupas fofas e delicadas - que ela usa principalmente para se parecer com a irmã - nas cores rosa, salmão, vermelho e creme.















⭐ Deseja par? ⭐
Sim!

⭐ Relação com o seu par ⭐
Annabeth é bem soltinha, então não liga muito de ver o namorado conversando com outras garotas, ela só banca a posseciva ciumenta quando vê alguma p*** se atirando em cima dele. Gosta de provocar ciúmes nele, pois diz que assim as coisas ficam mais interessantes. Quando está com o par, Anna se mostra doce e carinhosa, até um pouco romântica ás vezes.

⭐ Uma frase que defina seu personagem ⭐

- Até as melhores rainhas têm irmãs ilegítimas para desonrar a família.

- Não tenho medo do que o futuro guarda para mim, mas você deve temer o que eu guardo pra você.

- Meus segredos são o que fazem de mim o que sou, então, se você preza a sua vida, não entre em meu caminho.

⭐ Medos & Manias ⭐
~ Medos ~
Cobras | Agulhas | Morrer | Ser trocada pela Katherine | Que ela seja realmente louca, e nunca consiga ser boa o bastante para sua família.

~ Manias ~
Revirar os olhos quando contrariada ou quando é obrigada a fazer algo chato e intediante;
Morder o lábio inferior quando está sendo maliosa ou quando flerta com um garoto;
Colocar o cabelo atrás da orelha quando envergonhada;
Cruzar as pernas e enrolar a ponta do cabelo enquanto olha para cima quando conta uma mentira.

⭐ Favoritou a fic? ⭐
Sim!!!


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...