By cookie


Postado

Em nome das autoras de Sweet Princess, Suke e Mei, e seus amigos próximos.
No dia 16 de outubro, ás 21:00, a fanfic Sweet Princess, a top 1 da categoria Undertale do site Spirit Fanfic foi excluída devido a uma infração ao termo III c. Isto a maioria já sabe, agora os motivos e toda a história por trás está sendo distorcida de todas as formas.

Devo ressaltar que a história em questão possuía RESTRIÇÃO DE IDADE E AVISOS SOBRE ESTUPRO, mesmo não ocorrendo de fato, pois é proibido apenas se isto é tratado de forma positiva, outra coisa que não acontece em Sweet Princess. As pessoas que não gostam ou até mesmo repugnam esse tipo de conteúdo, peço que apenas não leiam.

A protagonista possuía quinze anos no começo da fanfic, o que foi posteriormente editado para que ficasse com dezoito anos, mesmo não sendo necessário, afinal o mínimo de idade para hentai é quatorze anos, como visto no termo de envio III a.

Sobre a infração III c: o personagem Sans, que estuprou a protagonista Frisk, foi criticado na história e taxado de vilão, o que caracteriza uma situação em que o ato é visto como ERRADO. Não foi retratado positivamente de forma alguma.

Antes de chegar á parte do furdúncio que houve nos últimos três dias, quero deixar claro que tentamos e AINDA ESTAMOS tentando recuperar Sweet Princess através da equipe do Spirit.
Contatamos a administração do site diversas vezes, entre elas devo citar pedidos formais que solicitavam o envio dos capítulos por e-mail, assim as autoras não perdiam todo o trabalho, no entanto fomos IGNORADAS, não apenas uma vez, DUAS e acredito que seremos muito mais vezes até conseguirmos o que queremos: O envio dos capítulos. É o mínimo que se pode fazer por duas autoras que não foram ao menos comunicadas antes da fanfic ser excluída.

Um grupo de autores do site realizou uma denúncia em massa contra a história em questão, defendendo diversos motivos, tais como: idade imprópria da protagonista Frisk, estupro, erros gramaticas e ortográficos, dois deles já justificados neste texto. No entanto, a verdade é que estes foram movidos por problemas íntimos entre eles e a autora Suke.

A autora Mei estava em um grupo de Whatsapp em que os integrantes comentaram a derrubada da história Sweet Princess, do qual logo saiu após se pronunciar e manifestar sua tristeza ao ler tudo que foi postado. Existe um pequeno histórico de desentendimentos entre os envolvidos, o que pode ter acarretado as denúncias.
Segue link com prints em que é possível perceber o ressentimento das pessoas presentes contra Suke. Em respeito á privacidade, os números foram censurados, porém se forem levantadas hipóteses de que os prints são falsos, faço questão de explanar os números. Na segunda print, em um privado com uma autora, é afirmado que Mila_M estava brigada com a Suke e solicitou as denuncias, o que reforça o meu argumento.
http://prnt.sc/cwglmy
http://prnt.sc/cwgw5n
Sobre a segunda print, em que é afirmado que mesmo com o aviso devemos estar cientes de que menores de dezoito anos estão vendo a fanfic. Quanto a isso, não temos nenhuma responsabilidade, isto é a falta dela por parte DOS PAIS DA CRIANÇA, que não monitoram o que ela faz na internet.

Contudo, os autores das denúncias estão caluniando o nosso grupo, defendendo que os ameaçamos de morte. Claramente é uma mentira, pois nenhuma prova foi apresentada até a postagem deste texto, dia 19 de outubro.

Nas prints a seguir, podemos perceber uma pequena comemoração e um comentário irônico de um dos integrantes do grupo em questão, que de fato ofendeu e entristeceu a autora Mei, além de perguntas sobre o anonimato das denúncias.
http://prnt.sc/cwhcqs
http://prnt.sc/cwhdpc

E a última print deste grupo, em que revela que a Suke nunca havia feito nada de ruim para nossas “rivais”, ou pelo menos para a pessoa que declarou isto. Neste momento, Mei já havia se pronunciado no grupo.
http://prnt.sc/cwh7vh

Enfim, isto é tudo que eu tinha para dizer. Espero que todos compreendam e tenham paciência para ler essa coisa gigantesca.

Atenciosamente, uma leitora indignada.

CREDITOS: cookie


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...