~Maori-san

Maori-san
Outsoar the Rainbow
Nome: Maori
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 8 de Março
Idade: 18
Cadastro:

Found by Myself


Postado

O que eu faço para ignorá-los atrás de mim?
Sigo meus instintos cegamente?
Escondo meu orgulho por trás desses pesadelos
E mergulho em pensamentos tristes que estão me enlouquecendo?

Devo sentar aqui e tentar ficar aguentar?
Ou tento os pegar em flagrante?
Devo acreditar em alguns e ser enganado pela falsidade?
Ou não confiar em ninguém e viver na solidão?

Porque eu não posso aguentar ser tão extenuado
Faço os movimentos certos mas estou perdido dentro deles
Eu levanto minha máscara diária mas então
Eu termino me ferindo de novo

Sozinho, sozinho
Me pergunto porque, mas na minha mente eu encontro
Eu não posso confiar em mim mesmo, mim mesmo
Me pergunto porque, mas na minha mente eu encontro
Eu não posso confiar em mim mesmo
Não consigo me segurar
Ao que eu quero quando sou tão extenuado
É demais para se suportar
Não consigo me segurar
A qualquer coisa, vendo tudo girar
Com pensamentos de falha se afundando em mim

Se eu der as costas, fico indefeso
E ficar cego parece insensato
Se eu esconder meu orgulho e deixar tudo passar
Então, eles tirarão de mim até que tudo se acabe

Se eu os deixar ir, serei superado
Mas se eu tentar pegá-los, Serei deixado pra trás
Se eu for morto pelas questões como um câncer
Então, eu serei enterrado no silêncio da resposta

Sozinho, sozinho
Me pergunto o porquê, mas na minha mente eu descubro que
Eu não posso confiar em mim mesmo, mim mesmo
Me pergunto o porquê, mas na minha mente descubro
Eu não posso confiar em mim mesmo
Não consigo me segurar
Ao que eu quero quando sou tão extenuado
É demais para se suportar
Não consigo me segurar
A qualquer coisa, vendo tudo girar
Com pensamentos de falha se afundando em mim

Como você pensa?
Eu perdi tanto, estou com tanto medo
E estou fora de alcance
Como você espera que eu saiba o que fazer
Quando tudo o que eu sei é o que você me diz?

Você não sabe?
Eu não posso te dizer como fazer
Não importa o que eu faça, o quão duro eu tente
Eu não pareço convencer a mim mesmo do por que
Eu estar preso do lado de fora

Não consigo me segurar
Ao que eu quero quando sou tão extenuado
É demais para se suportar
Não consigo me segurar
A qualquer coisa, vendo tudo girar
Com pensamentos de falha se afundando em mim

Escutando: Meus fantasmas

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...