~Meives

Meives
Nome: Alice
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São José do Rio Preto, São Paulo, Brasil
Aniversário: 25 de Dezembro
Idade: 17
Cadastro:

Ficha💎Cruel Fate


Postado

Ficha💎Cruel Fate



♫ Nome Completo♫
Victoria Durand
Significado de Victoria: Vitoria, Vencedora, Aquela que vence
Significado de Durand: Permanente e Duradouro

Apelido:
Vic {Esse é o apelido que elas gosta}
Cookie-chan {Esse é um apelido que ela não gosta e esse é o apelido ganhado de Laito}
Tori-chan {Esse apelido foi dado pelo par e ela sempre cora quando ouve essa musica}
Neko{Dado por Ayato}


♫ Idade♫
16 anos ela nasceu no dia 29/12/2000 tendo assim o signo de Sagitário.


♫ Aparência♫
💎Descrição💎
Longos cabelos na tonalidade chocolate que são lisos em cima e cacheados nas pontas e eles chegam em seu quadril e os mesmos são super hidratados e brilhosos e exalam um cheiro de morango e são geralmente deixados soltos, contem uma franja cortada em linha reta um pouco degrade, grandes olhos na cor âmbar brilhantes parecendo uma joia e dão uma ar de inteligencia e bondade e os mesmo contem um brilho especial, ela contem longos cílios grossos e escuros, sua boca é pequena porem carnuda e tem a tonalidade pêssego, pele bem branca pela falta de sol que a mesma tem, ela tem duas maças em seus rosto sendo as mesma naturais, seio tem 88 centímetros oque faz com que eles sejam fartos, ela tem 59 centímetros de cintura, 87 centímetros de quadril, tem coxas grossas e torneadas, tem 1,54 de altura sendo a mesma bem baixinha, seus pés e mãos são delicados, sua pele e macia não contem nem um tipo de marca ou sarda e tem um cheiro de jasmim e a mesma é dona de um sorriso encantador e seu tipo sanguíneo é O negativo.







♫ Personalidade♫
GENEROSIDADE, CORTESIA, INFLUÊNCIA, CARIDADE, COMPANHEIRISMO
Isso é o que sempre fez parte da personalidade de Victoria
Sua generosidade já é percebida na infância, desde muito cedo já sabe dividir, entende a necessidade dos outros e sente-se bem ajudando como pode. Liga-se a profissões onde possa exercer este seu lado. Sempre pensando num mundo melhor, não poupa energia ao participar de atividades de cunho social. Busca atividades rentáveis também, mas não sem um propósito de ajudar o maior número de pessoas possível. Sempre à vontade em todos os ambientes, não carrega em si preconceito de qualquer origem. Muito hospitaleira, raramente se fecha no seu mundinho, por isso está sempre disposta a lutar por seus ideais e de seus amigos também. Como são muito levadas pela emoção, as vezes parecem pouco confiáveis em tomar decisões, pois não conseguem julgar com uso da razão. Manter os pés no chão e mais determinação faz com que as pessoas não vejam seus objetivos como utópicos.

Trabalhadora, incansável, muito dinâmica, inteligente e criativa, possui muita disciplina e está sempre disposta a colaborar sem outra intenção que não seja a de ajudar os outros. Com sua praticidade consegue executar quaisquer tarefas cansativas e monótonas, daquelas que a maioria das pessoas costumam recusar. Não admite ser interrompida quando está trabalhando, e é critico por demais com si mesma e com outros.
analítica, equilíbrio, dever moral, compaixão, bondade, consciência, um grande conselheiro e generosidade, é também a corporificação da autoridade e da lei. Cultua sua autoridade natural e preserva seu senso de justiça.

Victoria é uma garota simpática acima de tudo, que apesar de várias coisas ruins ocorrendo ela consegue ser uma pessoa calma, raramente encontram-na brava, uma pessoa que em todos os momentos consegue carregar um belo sorriso em seu rosto, uma garota calma, que mantém a paciência quando a dos outros já esta esgotada, compreensiva, entende os outros em tudo o que eles estão passando, doce, amigável e confiante no que faz, ajuda nos outros no que for preciso sempre que pode, a garota sempre pensa nos outros antes de si mesma, pode até perder um dia para fazer uma pessoa sorrir novamente, é uma garota confiável, que todos podem se abrir, é uma mulher que gosta de fazer as coisas certas, uma mulher doce e gentil, super educada, uma mulher tão fofa quanto sua mãe.

Sabe aproveitar as oportunidades da vida; não perde a noção de realidade, ao mesmo tempo em que sabe ter como meta o infinito; e recomenda que usemos armas que estão ao nosso alcance, principalmente a originalidade, criatividade e habilidade em qualquer tarefa. Aponta para as possibilidades de sucesso, a versatilidade, o esforço incansável e a capacidade de influenciar pessoas. Força de vontade é o que não lhe falta para conquistar seus objetivos, sempre com caminhos novos pela frente. Para saber que rumo seguir, utilize a intuição e auto confiança
Cultivando mais a prudência e a paciência atinge estado de sabedoria, manter-se informada e exercitar isso lhe proporcionam muitos momentos felizes. Espirito dedicado de muito conhecimento e conquistas nos campos da filosofia, teosofia e ciências

Raramente se torna tímida mais quando fica ela cora violentamente e fica sem saber oque fazer começa a falar muito rápido e falta enfiar sua cabeça em dento de um buraco, é amorosa e gentil e bem inocente com costuma ter nem um tipo de pensamento ou ato malicioso, inteligente ao extremo, ela também não e de se estressar mais quando fica estressada infla as bochechas e vira o rosto, ela fica sem jeito na presença de uma pessoa de sexo oposto ela não sabe como começar um assunto mais logo ela se acalma e conversa normalmente com a pessoa, ela não é muito boa em distinguir sentimentos por isso nunca se sabe se esta apaixonada ou não, ela não é nem um pouco preguiçosa e tem muita energia e sempre esta a fazer algo, ela também é muito aventureira e curiosa ela gosta de se arriscar e quando esta curiosa sobre algo a mesma vai atras e descobre mais as vezes acaba ficando encrencada por causa de sua curiosidade e isso resulta em ter que dar uma desculpa. Ela tem um grande conhecimento em artes e musicas sendo as duas coisas que ela mais ama.

Apesar dela ser amorosa, calma e gentil quando mais nova ela ela era mais madura que as outras crianças do orfanato e falava oque pensava sem ligar para as pessoas ao seu redor mais com o tempo ela amadureceu mais e viu que as palavras machucavam e muito.


♫ História♫
Fui adotada quando eu tinha mais ou menos meus cinco anos, pois eu não lembro de nada antes dessa época, apenas lembro de estar em um orfanato na aria sul dá Itatlia me lembro como se fosse ontem. Era um dia quente o sol era forte e eu estava em meu quarto com a minha colega Abigail ela era bem alegre e vivia me levando de um lado para o outro mesmo contra a minha vontade, o orfanato estava agitado com a noticia de que um casal viria para cá, todos estavam se perguntando como eles eram, sera que eles eram legais, eu nem mesmo queria conhece-los, já fui entrevistada por vários casais mais nem um gostou de mim, acho que por causa de meu jeito maduro acho que eles queriam uma infantil e otimista.

Varais crianças foram entrevistadas naquele dia, eu não estava nem um pouco ansiosa pela minha vez, mesmo sem eu ao menos perceber eles me chamaram, eu fui a uma sala onde avia um casal, eles me encararam com surpresa pois eu não fui correndo até eles eu apenas me sentei na cadeira e esperei as perguntas com com um olhar de "vamos terminar logo com isso" oque fez eles sorrirem e me deixarem confusa o nome deles era Eduard Durand e Lyra Durand, e logo eles vieram com as perguntas tipo, "oque você gosta de fazer?", "quantos anos tem?", "oque quer ser quando crescer?", eu apenas respondi "Ler, tocar violino e estudar", "cinco", "ainda não sei tenho muito tempo para pensar", essas respostas com certeza os surpreenderam, mais se eles perguntaram eu deveria responder sem mentir, pois era isso que as outras crianças do orfanato faziam, mentiam para agradar os outros, mais como eu não estou aqui para agradar ninguém eu falo a verdade, ao termino da entrevista eu fiz uma breve reverencia e retornei ao meu quarto.

Não demorou nem vinte minutos para me chamarem novamente, eu fiquei curiosa pois nunca me chamaram a atenção pois eu era quase invisível no orfanato, como eu sou muito curiosa eu acabei indo, chegando na sala da dona do orfanato ela me olha com repulsa e eu reviro os olhos, com certeza aquela velha disse algo, na sala estava o casal que me entrevistou mais sedo eles tinham um enorme sorriso ao me ver, a mulher veio até mim e colocou as mãos em meus ombros e disse me encarando, "Você vem para casa com a gente", aquilo me deixou pasma só podia ser mentira, mais pelo visto não era, eu apenas dei um sorriso mesmo sendo pequeno era verdadeiro, já a mulher a minha frente estava chorando, e ela me abraçou eu não entendia o porque daquilo tudo mais eu retribui, eles assinaram os papeis de adoção e logo meu nome virou de apenas Victoria para Vitoria Durand, e eles disseram para eu ir arrumar minhas coisas e fui fazer isso, e me despedi de Abigail, que era minha única amiga, eles viram que eu tinha uma amizade muito grande por Abigail, e como eles aviam gostado dela também a adotaram, quando ela descobriu que iria ser minha nova "irmã" faltou voar no meu pescoço, e quando íamos embora do orfanato a dona do local faz uma careta novamente ao me ver e eu dou língua para ela, ela nunca gostou de mim por eu não ser boba igual as outras crianças e não caia na lábia dela e eu costumava a chamar ela de cruela.

Logo aviamos chegado na minha nova casa, ela era enorme e bem bonita, eu iria ter um quarto só para mim e a Abigail iria dormir no quarto ao lado, e pelo visto eles queriam adotar duas meninas mesmo, pois ambos os quartos estavam decorados de uma forma bem feminino e é claro que eu fiquei com o menos rosa.
Eu descobri que eles eram detetives oque me fez gostar ainda mais deles, e eles viram que eu gostava de resolver mistérios, e criavam pequenos mistérios para eu resolver, tipo, "quem pegou o ultimo pedaço de bolo", e que no final eu descobrir ser o meu pai, eles viram que eu tinha talento para isso e como eu deixava nada passar despercebido, e logo eu descobri meu primeiro grande mistério eles me deixaram participar de um que logo foi solucionado, eu tinha que descobrir quem estava matando os cachorros da vizinhança e logo descobri que era o carteiro e ele foi preso.

Mais eu também estudava e tirava as melhores notas da escola e isso resultou numa popularidade indesejada, mais como eu era mais inteligente eu pulei vários anos e aos doze já avia terminado o terceiro ano do ensino médio, e não tinha mais nada para fazer a não ser de desenhar, jogar, tocar e desvendar mistérios, e como eu queria fazer faculdade com dezessete anos eu fiquei em casa ajudando ,minha mãe que estava gravida de um menina, os médicos acharam um milagre pois disseram que ela nunca iria poder ter filhos, e nove messes depois nasceu Maya uma menina que eu amo muito a coisa mais fofa desse mundo.


Agora eu estou com os meus dezesseis anos e minha irmã ficou muito rebelde vive saindo escondida, e se encontrando com meninos, enquanto eu fico em casa tomando toddynho, só para ver como existe vários tipos de meninas, um dia ela chegou bêbada em casa eu quase dei um tapa na cara dela para ver se ela acorda para a vida, ela não dá a mínima para os meus conselhos, eu quase deia ideia de mandar ela para o convento de freiras, até que eu dia que ela estava gritando com meus pais e depois veio gritar com migo eu não me segurei e dei um tapa nela oque deixou meus pais pasmos nos nunca tínhamos brigado e nem nos batido, depois disso ela nos pediu desculpa e tudo voltou ao normal, minha irmã Maya que também estava lá e apenas observa tudo e depois eu pedi desculpa a ela por fazer ela passar por tudo isso, apos isso no outro dia fomos ao parque de diversões e estamos como sempre fomos uma família feliz.

Victoria aos seus doze anos foi considerada a "garota prodígio" pro ter um enorme talento com a arte e com a musica, ela desenhava com uma profissional desde seus oito anos, e tocava e cantava como ninguém, ela ficou famosa pelas suas artes, mais ela não queria isso só queria dar sua arte ao mundo e não desejava nem um tipo de sucesso então ela fazia seus quadros escondido e dava a uma galeria, mais é claro que ela ficava com os melhores, e ela acordava de madrugada para desenhar pois era quando tinha inspiração.


🎼Familia🎼
Pai- Eduard Durand/ 34 anos/ personalidade:
Seu pai era um homem amoroso e muito cuidadoso com sua familia, ele apesar de ser atarefado sempre teve tempo para sua familia, ele é divertido e amigável mais as vezes se torna frio e rigido.(vivo)
http://cdnstatic.visualizeus.com/thumbs/4a/a9/homens-4aa901892bf0a95ca266d4da127bc043_h.jpg

Mãe-Lyra Durand/32 anos/ Personalidade:
Ela é uma mulher muito vaidosa e sempre gosta de agradar as pessoas, amorosa e gentil com tudo e com todos, ela é muito sensível e fica triste facilmente, ela é bem alegre e sempre gosta de ver um belo sorriso no rosto de suas filhas.
http://vignette4.wikia.nocookie.net/aeravelhaenovadenaruto/images/c/cb/Anime_Mizukage_2.jpg/revision/latest?cb=20110717143311&path-prefix=pt

Irmã-Abigail Durand/16 anos/Personalidade:
Louca e divertida, vive entrando em encrencas e coisas malucas ela adora inventar moda, rebelde e decidida sendo as vezes problemática oque faz com que Victoria falte dar um soco nela, ela é gentil e um amorzinho, só que as vezes passa do senso do ridículo:
http://gamehall.uol.com.br/galerias/qdig-files/converted-images/_girls_anime_17/med_1184904990065.jpg

Irmã mais nova-Maya Durand/10 anos/Personalidade:
Ela é uma GRACINHA, muito gentil e ingenua e bem madura para a idade, muito legal e popular em sua escola ela é alegre e sempre faz todos rirem, ela gosta de brincar com todos e demonstrar amor toda hora.
http://4.bp.blogspot.com/-Jcry3c0cOT4/VUbsbBZHx3I/AAAAAAAAkiY/_ODU4iI8g30/s1600/c31ad18ce994ade76176801b0c558f21.png


♫ Gosta: ♫
—Desenhar de madrugada
—Seu livro favorito é "Alice no País das Maravilhas", e ela sabe muitas frases desse livro, as usando em momentos ideais e bons para usar frases.
—Ler em um ligar calmo.
—Olhar a lua.
—Frio
—Cantar pois a mesma tem uma belíssima voz.
—Animais
—Cozinhar principalmente doces e sobremesas.
—Jogar jogos de tabuleiro sempre adorou o xadrez.
—Ouvir musica
—Tocar piano, violino e saxofone
—Aprendera coisas novas
—Bichinhos de pelúcia.
—Filmes, series de terro
—Arquivo X, sleepy hollow ,the walking dead e Coloni ela não perde nem se quer um episodio dessas series.
—Tirar foto.
—Resolver mistérios.


♫ Desgosta: ♫
—Lugares com muitas gente
—Muito calor
—Ficar muito atarefada
—Que mexam com algo que é seu
—Muitas regras.
—Que alguém a subestime
—Cogumelos.
—Pessoas falsas/mimadas/frescas/metidas/hipócritas/preguiçosas
—Pessoas que juguem os outros de primeira sem nem ao menos conhece-las.
—Mentiras.


♫ Tem algum trauma/fobia/medo? ♫
—Ela tem medo de agulhas,
—Hematofobia que e medo de ver sangue,
—Claustrofobia medo de lugares apertados,
—Espetrofobia que é medo de ficar sozinha,
—tem trauma de palhaços e chega a odiá-los pois seus pais a levaram em um circo quando criança e ficou com medo dos palhaços,
—tem medo de perder quem ama,
—medo de bonecas as acha sinistras.
—E ela morre de medo de galinhas não pode ver uma que voa no pescoço da pessoa mais próximo.


♫ Defeitos: ♫
—Tem um péssimo senso de direção
—As vezes não consegue se controlar e chuta o pau da barraca
—MUITO inocente
—Acredita facilmente nas pessoas
—Gosta de agradar todo mundo.(isso pode se tornar uma qualidade)
—Distraída
â€”É um pouco manipuladora
—Pensa mais nas pessoas do que nela mesma


♫ Qualidades: ♫
—Gentil
—Talentosa
—Boa ouvinte
—Amiga
—Apesar de não ser a mais velha, age como uma mãe para as meninas
—Perdoa as pessoas sem pensar duas vezes
—Romântica
—Inteligente


♫ Tem alguma mania/vício? ♫
—Mexer nos cabelos de quem e próximo dela
—"Roubar" casacos masculinos mais ela só pega de quem é bemmmm próximo dela ela costumava pegar de seu pai.
—Fala Kawsaii toda vez que ver algo fofo
—Fingir que escuta alguém enquanto está focada no seu console.
—Usar patins para fugir das pessoas.
—Piromania que é uma mania de ficar brincando ou ascendendo o fogo.
—Fingir de morta quando não quer conversar com alguma pessoa.


🎵Hobbies🎵
Desenhar quadros anoite pois é quando ela tem inspiração, cantar pois a mesma tem uma belíssima voz, ela cria musicas muitos boas, e tocar piano, violino e saxofone e cozinhar sobremesas.


♫ Par?♫
Shu Sakamaki


♫ Relação com par? ♫

Dentre todos da mansão Shu foi oque mais lhe chamou atenção talvez seja o fato dele ser o mais preguiçoso entre todos e nem ligava para nada, ela queria saber o porque dele ser daquele jeito e quando perguntou ao mesmo ele apenas disse que ele era assim e ponto final, mais ela não desistiu e começou a se interessar mais pelo mesmo e ela começou a tentar se aproxima mais dele sendo gentil e amigável com ele mesmo ele sendo do jeito que ele é, mais não era muito bem sucedida, e quando ele disse que não tinha nada a saber sobre o mesmo ela desistiu oque não é muito comum.
Mais quando ela desistiu foi quando ele se aproximou mais dela oque a deixou encabulada, e eles foram se tornando mais íntimos e começaram a conversar mais um com o outro e as vezes tocar junto ele no violino e ela no piano, um dia ele a pegou cantando no jardim meio que olhando para o nada e ele chegou lá e deitou no colo dela e ela acabou parando de cantar e isso o deixou com raiva mais apenas disse "Continue" e ela continuou e por algum motivo completamente desconhecido ela começou a fazer carinho em seus cabelos loiros, e dicaram lá durante um bom tempo.
E aos pouco ela foi começando a sentir algo pro ele oque a deixou meio sem saber oque fazer pois quando ele chegava perto dela seu coração faltava saltar do seu peito e ela não sabia oque era e quase marcou uma consulta no cardiologista para saber oque era, mais antes de a mesma percebesse ela estava completamente apaixonada pelo o loiro mais preguiçoso do mundo e ele meio que começou a sentir algo mais por Victoria, e eles ficaram sem saber oque fazer, e então ela disse oque sentia e por sorte, muita sorte ele sentia o mesmo oque a deixou aliviada e muito feliz.
E ela é a unica menina que sabe que o verdadeiro nome de Shu e Ririe e ela adora passar um tempo com o mesmo e as vezes eles acabam dormindo juntos(não da quele jeito mais quem sabe brincadeira :P), e ela tenta fazer ele se mover mais e viver a vida mais pois ela sabe que eles só tem essa e devem viver cada dia como se fosse o ultimo, e ela vai tentar ajudar ele em tudo oque ele precisar sem exitar e ela percebe que quando ela esta conversando com alguém ou melhor com um garoto ele esta lá observando ela, e desde de o inicio ela percebeu que ele a encarava discretamente e ela ficava sem jeito.

♫ Relação com as meninas?♫
Ela é super gentil com elas e adora velas sorrir, apesar de a convivência ser meio difícil pois elas nunca se viram ela tentou ser mais próxima das mesma e tornar suas amigas pois passariam muito tempo com elas, ela ficou meio surpresa pela mudança radical que aconteceu com ela pois ela era acostumada a com poucas pessoas e ficou com um pouco de medo pois era muitas pessoas e não sabia como reagir mais logo se acostumou com todas elas e adorou o fato de ter novas amigas junto a ela e ela as vezes da uns puxões de orelha nelas, mais também adora deixa-las pensar por si mesmas, ela sera muito sincera e ira dar muitos conselhos, e vai fazer tudo por elas e vai adorar ter cada uma ao seu lado e ira as ajudar no que quer que seja.
Mais ela não ira ganhar a simpatia delas logo de cara pois ela não sabe muito bem como se faz amizades, pois ela fica com medo de ser magoada ou magoar alguém, apesar dela ter fé nas meninas fica sempre com um pé atras pois ela sabe que uma delas podem vir a machuca-la um dia, ela não saberá como reagir quando estiver com todas e mais vai tentar se enturmar, e aos poucos vai começar a perder o medo e ficara mais livre para conversar com elas.


♫ Relação com os outros Sakamakis/Mukami?♫
Sakamaki's:
Reiji
Victoria também admira Reiji, por toda a etiqueta que o vampiro possui, ela também identifica-se muito com ele, ela não tem nada contra ele, ao contrario, são bons amigos, apenas acha que ele deveria aventurar-se um pouco mais, como a garota diz, temos que aproveitar a vida o máximo possível, pois quando ela acabar, não terá mais volta.

Ayato
Ayato vive trolando Victoria, ele muitas vezes pega a garota em várias brincadeiras que ele faz com ela, o que as vezes deixa ela com raiva, mais ela consegue se conter.
Ela gosta de Ayato, , eles também são bem amigos, eles vivem apelidando um ao outro, ela o chama de ruivo e ele a chama de Neko, eles gostam de conversar um com o outro, e quando Ayato precisa de conselhos, vai a procura de Victoria.

Kanato
Kanato e Victoria dão-se be, Kanato sempre encantou Victoria com toda a fofura que o garoto possuía, gosta de conversar com ele, sempre foi muito atenciosa ao garoto, do jeito que vivem, até da para se pensar que um esta apaixonado pelo outro, mais o que realmente ha entre os dois, é uma grande amizade, Victoria trata-o com muita bondade e doçura, sempre foi muito simpática com o garoto, vivem sempre brincando um com o outro e estão sempre conversando, é muito raro vê-los discutindo, pois com a grande amizade que ha entre os dois, não é fácil vê-los discutindo, são amigos, e sempre contam um com o outro.

Laito
Laito foi um dos primeiros com quem ela conversou ela de primeira pensou que ele era uma garota e chegou para ele e disse "Moça" e todos da sala cairam na gargalhada, e quando ela descobriu que ele era um garoto ficou extremamente sem graça e pediu desculpa varias e varias vezes, e ele começou a rir e perguntou para ela se ela queria que ele provasse sobre a sua masculinidade e ela respondeu se afastando do mesmo "Nã-ão precisa já acredito" e ela decorou o nome dele errado em vez de laito era fala Kaito.
Quando Laito chama as garotas de Bitch-chan ela vive o repreendendo, okay, ela concorda que todos podem ser do jeito que querem, mais chamar as garotas de Bitch-chan? Ela não concorda muito com isso, apesar de as vezes dar algumas risadas com as falas do garoto, ela apenas acha que ele deve ser um pouco menos "tarado", mais tirando toda essa gracinha que ele tem para cima de suas amigas, ela o acha um cara legal, e tenta aproximar-se dele o máximo que pode mais não muito.

Subaru
Incrivelmente, ela e Subaru tem uma relação tão boa, talvez porque ele se irrete facilmente e ela não Ayato diz que se tiver uma briga entre ambos, Subaru só vence por ser vampiro, porque se fosse humano ambos iam morrer tentando se matarem. Eles conversam bastante, e muitas vezes concordam com as mesmas coisas. Victoria diz que ele é um irmão que ela sempre quis ter mais nunca teve.

Ruki
Não e de falar muito com ele, mais eles as vezes conversão sobre livros, sobre arte eles se dão bem apesar de tudo ela gosta de ficar com ele quando esta lendo pois ele não diz nada e nem ela, mais a companhia dele é até que boa e isso oque ela acha.

Kou
Ela sabe que ele esconde algo por atras daquela mascara de boa pessoa, mais ela não vai se meter pois para ele fazer isso deve ter um bom motivo mais gosta do Kou o acha bem legal e bem humorado e gosta de brincar com ele, e ele as vezes pede para ela cantar para o mesmo e ela faz isso.

Yuma
Ele adora estressar e ele consegue ela as vezes tenta se controlar mais não consegue ele a irrita demais, mais eles as vezes conseguem aturar um ao outro e ela as vezes faz doces com ele, eles também conversão sobre rosas principalmente as brancas.

Azusa
Ela o acha muito fofo igual a Kanato, porem ele dá mais medo, ela vive tentando fazer com que ele pare de se machucar, e ela fala que não pode fazer isso que isso é errado, mais ele não liga, então ela o deixa se isso o faz feliz oque ela tem a perder, ela também gosta de conversar com ele apesar que o mesmo fale baixo ele a traz uma sensação de calma.


♫ Sua personagem é virgem ou não?♫
Sim é virgem


♫ Música que define a personagem: ♫
https://youtu.be/iiU8AJsGflE


♫ Música que define o casal? ♫
https://youtu.be/jNKMx6RcItc


♫ Como reagiria se: ♫

♫ Descobrisse que está apaixonada? ♫
Ela é um pouco lerda nesse caso então ela não ia saber oque esta acontecendo com ela, vai ficar preocupada achando que era algum tipo de doença.
Ela ira perguntar para as meninas o porque de seu coração acelerar perto de Shu e elas iram começar a rir dela e ela vai ficar la com cara de paisagem e elas vão disser que ela esta apaixonada e a unica coisa que ela conseguira disser é "Há?" e depois vai corar e faltar surtar, e suas amigas todas as vezes que elas estiverem sozinhas iram cantar "E o amor" só para deixar ela estressada e vão conseguir.
Ela também ira negar pois nunca se apaixonou e vai ficar com medo de ser rejeitada ao mesmo tempo e vai ficar com ciume dele mais vai negar se a perguntarem e também não vai fazer nada se o ver conversando com outra garota mais por dentro vai ficar se imaginando torturando a menina.
Ela ira corar toda vez que ver Shu e gaguejar e vai sair correndo oque ele vai achar bem estranho, e ela vai começar a ficar um pouco distante, e ele não vai gostar disso.
Até que ele vai se encher e vai perguntar o porque dela ter se afastado e ela vai ficar em silencio e depois vai dizer oque sente.(um momento bem romântico na minha opinião)

♫ Descobrisse que é metade Anjo e que ela e as outras são irmãs? ♫
No incio iria ficar chocada, e em silencio, ela não ira acreditar que era um Anjo e que as meninas com que estava convivendo todo esse tempo na verdade eram suas irmãs, ela ira se segurar para não chorar de felicidade, ela estará tão feliz em saber disso pois nunca pesou que iria conhecer alguém de sua verdadeira linhagem e não só uma e sim nove, ira ser muita felicidade para uma só pessoa, ela ira faltar voar no pescoço das meninas.
E quando ela descobrisse que é metade Anjo ela vai surtar e vai faltar gritar "CHUPA MUNDO EU SOU METADE ANJO" e depois vai querer saber oque aconteceu e quem é sua mãe e o porque de não estar tipo no "céu".

♫ Sua reação ao descobrir que vampiros existem? ♫
Ela vai ficar em choque e depois vai meio que ficar com cara de "Meu deus eu fui parar em Crepúsculo e ninguém me avisou", ela de inicio vai ficar pensativa mais depois vai sair perguntando para eles tipo "Vocês queimão no sol?" , "Vocês tem alergia a alho?", "Vocês só tomam sangue ou comem também?", "Vocês morrem se eu enfiar uma estaca no seu coração?" ela vai achar muito legal, e depois vai tirar uma foto com um deles, e eles iram perguntar o porque disso e depois vai dizer "Queria saber se vocês aparecem nas fotos", ela vai fazer outras perguntas, e ela meio que já acreditava na existência desses seres e vai ficar repetindo "Eu sabia".


🎵Algo mais🎵
E ela tem um colar que nunca tirou que ganhou de seu pai e ela nunca o tira:
http://g02.a.alicdn.com/kf/HTB1yp_4GXXXXXbFXpXXq6xXFXXX7/220355640/HTB1yp_4GXXXXXbFXpXXq6xXFXXX7.jpg

Frase que representa a personagem
"Posso não desistir fácil, mais não insisto para sempre"

A frase que ela mais usa:
"Seja você mesmo, todos já existem"

Ela tem um álbum de fotos que ninguém sabe mais quando ela tira uma foto com algum deles ela coloca la e de recordação, pois mesmo ela não admitindo os melhores dias da vida foi ao lado deles:
http://4.bp.blogspot.com/-nkHd8kG3cAQ/VaLqfVBbfxI/AAAAAAAABMU/OUKTq2XJUec/s640/aw.jpg

Um dos quadros de Victoria:
http://mlb-s2-p.mlstatic.com/quadros-decorativos-paisagem-varios-modelos-11393-MLB20043393092_022014-F.jpg

Espero que goste.
Beijos da Tia Meives💎


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...