~SrtaVersiane

SrtaVersiane
Daughter of Athena
Nome: Daughter of Athena
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 18 de Fevereiro
Idade: 13
Cadastro:

Invadi e saí correndo. q


Postado

Hellooooo~
Aqui é a @iyours invadindo o perfil da Milena pra... bosta nenhuma, só zuar mesmo. qq
Midira.
Bom, eu fiz e postei esse jornal faz um tempinho, eu acho. To postando ele aqui agora porque... sei lá. Midira, eu sei. Eu tô limpando a conta e não quero perder esse jornal super especial que eu fiz pra Milena, até porque ela pediu pra não excluir. q
Mas enfim, é isso. Milena, mozão da minha vida, tudo que eu falei aqui ainda tá valendo, viu? u.u
I ovomaltine you ❣


♪ can you be »my« nightingale? @SrtaVersiane
⤤ sing to me 🌌 I know you're there ⤣
you could be my ❥s a n i t y
bring me peace
sing ✽ me to sleep
─ say you'll be my ❝nightingale❞... ♪


fazer textão pra Milena é difícil, credo. q
vamu lá. okay. respira fundo.
socorro.


Milena

Eu não lembro do dia em que nos conhecemos. Não lembro do assunto da nossa primeira conversa, nem de como ficamos tão próximas. Sei que eramos do mesmo grupinho na escola no sétimo ano, e que vez ou outra conversávamos, mas nada além de papos rápidos. Acho que nunca tentamos passar do "e aí?", mesmo andando juntas todos os dias. Mas aí aconteceu aquela linda treta no grupo, e nós duas nos unimos pra enfrentar aquele bando de falsos que chamávamos de amigos. Começamos a andar juntas, e eu percebi que você era legal. Bem legal. Mas eu, trouxa, logo voltei pro ninho de cobras de onde saímos, e você não. Sempre mais esperta que eu, clinda. Paramos aos poucos de ficar juntas, e acho que isso foi um erro. Assim, só acho. q
No primeiro dia de aula (no caso, foi o segundo, já que tive um ataque de choro e não entrei na sala no primeiro), quando eu te vi, fiquei feliz. Era um rosto amigo naquela sala, que não parecia nada amigável. Não conversamos muito no começo, mas fomos avançando aos poucos. E então, pra nos dar um empurrãozinho final, o dever de geografia surgiu, com uma foto daquela ilha escura, que chamamos de Potatoland depois. E foi graças a isso que viramos o que somos hoje: as melhores amigas que aquela escola já viu. Somos Marlee e America, Sam e Lottie. As rainhas de Potatoland, e a dupla Goteek. Somos as fanáticas por livros, as escritoras amadoras, as loucas por fanfics interativas, hujshujshujs. Nem sei mais o que eu tô falando, socorro. Somos muita coisa.
meus dedos tão doendo, socorro
Ao longo desse ano, nós desenvolvemos essa coisa super louca e estranha que é a nossa amizade. Descobrimos gostos em comum, apresentamos coisas novas uma pra outra, e inventamos um mundo só nosso. O castelo roxo, rosa e preto ─ que foi feito pra simbolizar nossa gayzisse ─ virou um grande reino de batatas humanoides, com províncias, leis e uma família real louca pra caramba. Mas a essência ainda é a mesma: ele é o nosso paraíso. Um lugar onde podemos ser o que quisermos, e quando quisermos. É onde todos os nossos sonhos podem ser realizados, e onde podemos ter novos também. Lá nenhum mal nos atinge, porque somos invencíveis. E acho que isso é o que todo mundo quer, né? Um lugar só seu, onde tudo é possível. E nós duas criamos esse lugar, juntas. And if you have a minute, why don't we go? Talk about it somewhere only we know...
Também tivemos grandes conquistas na sala: as duas isoladas agora tem o próprio bondinho, sjsj. A nerd gótica, o futuro terrorista, o força barra e a geek bipolar, vulgo eu. Criamos uma família, que apesar de não ter durado muito (por minha causa), foi bem legal. Meus filhos, nossos príncipes consortes, nosso irmão usurpador de tronos... era divertido. Nós conseguimos impor certo respeito entre aqueles idiotas da sala, vulgo... idiotas da sala. q E isso é muito legal. Estamos juntas em tudo agora.
Cara, nós duas criamos o Tumblrman! Descobrimos que o mundo é um pato rebelde que voa pro outro lado! Criamos nosso próprio reino! Vivemos o suficiente pra duas vidas com tudo o que imaginamos, percebeu? Nós somos incríveis ─ e muito idiotas ─, não acha?
tá acabando, calma. e eu tô com fome, aaaaaaaa
Bom, depois de tudo o que passamos juntas nesses meses, eu acho que devo te agradecer. Não é tarefa fácil ser minha amiga, mas você tá se saindo muito bem. Eu sou chata pra caralho, sou meio bipolar, te desconcentro na hora de fazer o dever, fico te mordendo ~rçrçr~ e faço um monte de outras coisas irritantes. Mas mesmo assim você continua do meu lado. Você me dá conselhos, escuta meu drama, me aguenta apaixonada e ainda me apresenta bandas boas. Of Monsters and Men <3. E eu te agradeço muito por tudo isso.
Te peço desculpas por todas as vezes em que já vacilei contigo. Serião. q
Espero que continuemos amigas por muito, muito, mas muito tempo meeeeeesmo. Quero que você conte pros seus filhos sobre as loucuras que nós vivemos, e ainda vamos viver. E quero aparecer na sua janela com uma cara psicopata nesse momento, e ouvir eles te perguntarem "Então é a tia Marlee? Ela é a sua companheira de aventuras?Ela é a sua melhor amiga do colegial?". Quero rir deles junto com você, e me lembrar de todos os momentos que passamos juntas.
Então... acho que é isso. Obrigada por ser a melhor amiga que eu já tive, minha querida!

Com muito amor, muito ovomaltine e muito oreo.
Marlee.


eu shippo vietch, 2bjo

Ah, uma última coisa:
Milena Versiane é minha, só minha. Entendido?
✽ adeus ✽

Escutando: Minha priminha falando "papai" :3
Lendo: Meu jornal, uai.
Assistindo: Um filme que não sei o nome.
Jogando: Almas no tártaro. /oi??
Comendo: Bombom. q
Bebendo: Nada que te interesse.

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...