~mmbenetti

mmbenetti
Harém é minha paixão
Nome: Mislaine Benetti
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Jacarei, São Paulo, Brasil
Aniversário: 19 de Setembro
Idade: 31
Cadastro:

Nova fic da Laine <3


Postado

Nova fic da Laine <3

A esfinge está sendo concluída, a savana que cobre o antigo Saara se esvai e chega a hora em que Anúbis que detém o poder supremo sobre o mundo antigo deve entregar o cetro a um homem, um humano e mortal, Chanyeol, o Selk. Mas o deus Chacal, conhecido como Kyungsoo não confia nos homens, mesmo Osíris insistindo que o tempo deles terminou. Assim o grande deus sábio que tudo vê, envia Ammit ao futuro, para buscar sua última encarnação, que detém o conhecimento do mundo para convencer o deus dos mortos a partir do mundo mortal. Porém nem tudo é o que parece e Laine retorna sem imaginar o que a espera na terra onde deuses e humanos caminham juntos rumo a um destino incerto.

[Início dos tempos | última era glacial | Chanyeol| Tao | Kyungsoo | Baek | 10.000 ac | Egito primevo | Deuses Egípcios | Bruxas]


Trecho...

— Acorde, Rubiath!
Laine abriu os olhos e viu a si mesma, mas de uma outra época, diante de si aos pés da cama que dividia com seus maridos. Sua antepassada lhe encarou e lhe deu as costas. Laine tomou cuidado para não despertar ninguém e seguiu sua imagem diáfana até o lago ancestral da pirâmide.
Desde que voltou da floresta de Alessa que não olhava para as águas, já sabia do risco que foi sair dali e temia que houvessem mais chamados que a tentassem a atender. Sabia das consequências, sabia que precisa permanecer quieta ali, até o fim dos dias.
Sua eu do passado que ela conhecia bem, Ammit, lhe sorriu triste:
— Eu sei o que pretendes, mas precisa me ouvir. Agora que voltou para casa... Precisa aceitar o que lhe peço. Anúbis precisa de ti mais do que de mim Rubiath, e de lá pode recuperar a poção de transição para trazer seus filhos para junto de si e mandá-los de volta sempre que quiser sem que isso interfira no equilíbrio do mundo. Isso fará seus homens felizes? Eu sei que fará, eu lhe darei a beberagem e você volta para Anúbis e o faz aquietar seu ansioso coração, a esfinge está quase pronta, as épocas de chuvas já se vão... Anúbis precisa entregar o poder aos homens!
— Como pode vir Ammit? Não deveria ter esse conhecimento...
Laine perguntou ainda sem acreditar em ver sua segunda vida diante de si. Ela sorriu de canto:
— Osíris vai partir, ele me deu o conhecimento sobre o que foi, o que é, e o que será. Por isso vim, você é a única de todas nós que pode acalmar Anúbis. A câmara debaixo da Esfinge que guarda o conhecimento antigo foi selada e isolada. Mas se ele não entregar o poder, os homens perderam a fé. Precisamos de você Rubiath. Venha, volte comigo. Volte para rever Osíris e apaziguar Anúbis.
Laine viu a mão estendida de sua eu antiga e suspirou. Queria seus filhos consigo, sabia o quanto os maridos queriam também, mas por causa do equilíbrio do mundo ela não podia trazê-los, agora Ammit oferecia a chance que rogara aos céus sem esperança. Mas era perigoso. Muito perigoso...
— Rubiath... Por Osíris...
— E seremos duas? Seremos uma? Quanto tempo?
Sua eu antiga sorriu e deu de ombros.
— Quem sabe?
— É perigoso...
— E o que não é? Vamos, não tenho muito tempo... Meu corpo precisa de mim.
Laine olhou ao redor e suspirou, viagem ao passado geralmente não movia o tempo real, assim podia passar meses lá e horas aqui. Ainda assim...
— Voltará e eles ainda vão estar dormindo, agora vamos!
Assentiu e aceitou a mão de Ammit e em milésimos de segundos desvaneceu no presente junto ao seu passado mais longínquo depois de sua primeira vida.
Ammit era a fera de Anúbis, e sua guardiã. E contudo a mortal que ele nunca ouvia...
Até então.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...