• Ficha para Fanfic “Ah?? Diferent Sacrifices??” •


Postado


Nome
Ciel Phantomhive

Idade
15 anos

Data de nascimento • 
14/12

Signo • 
Capricórnio

Aparência
Ciel possui uma aparência extremamente delicada e fofa, totalmente condizente com sua idade, e isso somado as roupas que ele costuma usar o fazem parecer um live doll perfeito, porém meio inexpressivo.
Os cabelos lisos em um tom preto acinzentado lhe caem até a nuca em um corte degradê e sempre estão perfeitamente alinhados.
Os grandes olhos emoldurados por cílios longos de orbes bicolores, uma tem um belo tom azul oceânico e a outra, a qual ele sempre esconde sob um tapa olho, tem um incomum tom púrpura vibrante, o nariz pequeno e levemente arrebitado, as bochechas suavemente proeminentes e a pequena boca de lábios pálidos, mas de aparência extremamente convidativa, lhe rendem uma imagem infantil, que realmente caem bem ao rapaz.
Seu corpo, apesar de ser totalmente magro, esguio e desprovido de músculos, possui medidas impecáveis e curvas muito bem delineadas, como sua cimturinha fina, que frequentemente ficam escondida sob as roupas, mas é impossível não notar suas coxas roliças e suas nádegas redondinhas através dos shorts que o mesmo usa.
Da mesma forma, não há como deixar de notar a beleza de sua pele, tão branca que chega ser translúcida em alguns pontos, tão macia quanto as pétalas de uma flor, totalmente livre de qualquer imperfeição e dona de um característico aroma de morango e baunilha, que apesar de parecer uma combinação enjoativa, é muito agradável ao olfato de todos que se aproximam do pequeno.
Mede exatos 1,56 m de altura e pesa 49 kg.






Personalidade • 
À julgar pela aparência, ele parece ser um garoto frio, prepotente e arrogante, que se acha muito melhor do que as demais pessoas por causa de seu QI elevado e de seu status social, porém é como dizem, “não julgue o livro pela capa”.
Ciel é um rapaz inesperadamente doce, inocente e frágil, o total oposto do que aparenta. Na verdade, o garoto praticamente vem com um “Me proteja!” escrito na testa, seus únicos problemas são não saber se expressar corretamente e não ser a criatura mais sorridente que já habitou a terra.
Em um primeiro contato ele é um pouco reservado e tímido, fala pouco e as vezes dá apenas respostas monossilábicas, porém basta ganhar a confiança dele (o que não é muito difícil) para ele mostrar o gatoto gentil, sensível, amigável e até mesmo simpático que é. De qualquer forma, ele sempre recebeu a típica educação rígida inglesa, então sempre age como um verdadeiro “gentleman”, ou seja, é extremamente cavalheiro, educado e cortês, independente da pessoa e da situação.
Como ele vivia apenas entre os muros da mansão de seu pai e tinha contato apenas com seu mordomo, ele não aprendeu a se expressar ou ler as expressões dos outros, por isso muitas vezes confunde ou interpreta mal as expressões das pessoas, porém isso é algo que ele deseja poder mudar em si.
Apesar de ser extremamente inteligente, ele é inocente em vários aspectos. Não vê a maldade nos atos das pessoas, não vê malícia em selinhos ou em atos como sentar no colo e não reconhece coisas como falsidade, inveja e desejo nas pessoas que o cercam. Claro que ele sabe o que são essas coisas e que tudo isso existe, porém é bondoso (ou bobo) demais para ver isso nas pessoas que se aproximam de si.
E ele é extremamente sincero em relação à tudo o que pensa, diz e faz. Aliás, a sinceridade do garoto chega à ser um problema, uma vez em que ele não mede ou ameniza suas palavras, é bem direto e objetivo, então as vezes fere os sentimentos das pessoas por conta disso, mas é algo que ele não consegue evitar, e ele realmente se sente mal quando isso acontece.
A despeito disso, ele é muito cuidadoso, atencioso e carinhoso com as pessoas que ele considera íntimas, se preocupa quase excessivamente e tende a tomar as dores alheias para si, além disso, confia cegamente em tudo o que lhe dizem, e isso é um de seus principais pontos negativos, pois ele acaba se magoando muito por causa disso.

Gostos • 
– Flores, especialmente rosas
– Perfumes
– Ver o nascer do sol
– Observar as estrelas
– Andar de bicicleta
– Jogos de tabuleiro e de cartas
– Livros
– Música (clássica, pop e rock)
– Cantar
– Tocar piano
– Cozinhar
– Desenhar
– Pessoas sinceras
– Crianças
– Comida italiana
– Doces
– Dias frios / Neve
– Cachorros

Desgostos • 
– Ser mal interpretado
– Ser menosprezado
– Perder as coisas que gosta
– Magoar alguém
– Fazer alguém chorar 
– Odores desagradáveis
– Bagunça
– Desordem
– Injustiça
– Mentira
– Bullying
– Valentões
– Pessoas mal intencionadas
– Comidas apimentadas
– Calor

Qualidades • 
– Inteligente
– Educado
– Sincero Até demais
– Honesto
– Sensível
– Empático
– Atencioso
– Fiel
– Amigável
– Carinhoso
– Carente
– Afetuoso
– Superprotetor

Defeitos • 
– Não sabe se expressar
– Perfeccionista
– Inocente
– Ingênuo
– Distraído
– Infantil
– Egoísta (Em certos aspectos)
– Possessivo
– Física e emocionalmente frágil

Manias • 
– Morder o lábio inferior quando está tentando se conter (de sorrir, de chorar, de falar demais ou quando está irritado)
– Corar fortemente quando está constrangido, envergonhado ou quando é elogiado
– Enrolar uma mecha de cabelo no dedo indicador quando está pensando em algo, ou quando está desenhando
– Se isolar em um lugar onde possa ficar sozinho quando está aborrecido
– Discutir consigo mesmo em francês ou em coreano quando está muito irritado
– Acordar cedo para ver o nascer do sol
– Fazer doces e guloseimas pra dar para as pessoas quando ele acha que as irritou
– Desenhar as pessoas que chamam sua atenção por causa da beleza ou por causa do sorriso
– Transformar as pessoas que ele acha que são bonitas em bonecas no estilo Ball Jointed Doll

Hobbies • 
– Ler
– Tocar piano
– Cantar
– Compôr músicas
– Andar de bicicleta
– Jogar jogos de tabuleiro ou cartas
– Andar à cavalo
– Fazer jardinagem
– Desenhar
– Cozinhar

Medos/fobias • 
Tem medo de perder as coisas e pessoas que são importantes para si e de decepcioná-los. Tem coulrofobia (medo irracional de palhaços), acluofobia (medo do escuro), claustrofobia (medo de lugares pequenos e/ou apertados) e talassofobia (medo do mar). Tem trauma de agulhas, de hospitais e de dentista.

Segredo
Mando por MP, caso ele seja aceito :3

Habilidades
Ele é extremamente bom quando se trata de jogos, principalmente os de tabuleiro e de cartas. Não é bom em esportes, mas é um bom equitador, adora patinar no gelo e é realmente bom no golf e no baseball. É um ótimo desenhista, um bom pintor e esculpe com perfeição, além de ser um talentoso doll maker. Toca piano maravilhosamente bem e tem uma voz linda. É o tipo da pessoa que conhece de tudo um pouco, e pode conversar sobre qualquer coisa com facilidade. É poliglota, atualmente falando, além de sua língua materna, o inglês, japonês, coreano, russo, francês e italiano. É muito bom cozinheiro, principalmente quando se trata de doces.

História
Ciel é filho único do Conde de Phantomhive, Vincent Phantomhive, e da condessa de Hampshire, Rachel Phantomhive, o sétimo na linha de sucessão ao trono britânico.
Para a mídia, o nascimento do herdeiro dos Phantomhive era a coisa mais comentada desde o nascimento do príncipe William, alguns anos antes, e o senhor Phantomhive agia como se essa fosse a melhor coisa que aconteceu em sua vida, porém somente os poucos que viviam dentro dos muros da mansão sabiam que aquilo estava longe de ser verdade.
Vincent jamais foi de acordo com o nascimento da criança, principalmente depois que descobriu que a gravidez de sua amada era de risco, e fez de tudo para convencer a loira de não ter a criança, mas a doce Rachel jamais aceitaria tal coisa.
Ela era uma pessoa extremamente doce e gentil, encantadora em todos os aspectos, e seu carisma era tanto que foi capaz até mesmo de quebrar o gelo do coração frio de Vincent. Ele era um homem impassível, indiferente e frio, como sua função requeria que ele o fosse, porém não conseguiu resistir à doçura da filha dos Dalles. Para Rachel, e só para Rachel, Vincent se mostrava alguém melhor.
Mas essa imagem caiu por terra quando ele pediu que ela abortasse seu filho. “Como o homem que amo pode pedir para que eu usurpe a vida de alguém, ainda mais de um filho nosso?” era o que a loira se perguntava, e mesmo com todos seus medos e dúvidas, insistiu na ideia de dar a luz ao bebê.
E, como era esperado, ela, que era frágil de saúde, não resistiu às dores do parto e veio a falecer pouco após dar a luz ao bebê, à quem deu o nome de Ciel. Teve forças ainda para pedir que sua irmã mais nova, Angelina, cuidasse de seu pequeno por si.
Desde esse dia, Vincent, que já era alguém que pouco se via, passou a viver recluso em sua mansão após o funeral de Rachel. Ann ainda ficou lá por um ano, dando todo o cuidado e o carinho que o pequeno Ciel poderia necessitar, mas o Conde a expulsou da mansão assim que conseguiu alguém para cuidar do bebê, e a proibiu de se aproximar de suas terras novamente.
Nunca se deu o luxo de olhar para criança, o entregou nas mãos de seu subordinado, e deixou com ele a responsabilidade de criar aquele “monstrinho”, e desta forma Ciel ficou aos cuidados de Sebastian. Ele era um homem elegante e inteligente, porém totalmente frio e inexpressivo. Dava ao garoto somente o necessário, o educava de forma extrenamente rigorosa e, como o pai do garoto lhe ordenou, não deixava que ele saísse de seu quarto.
As únicas vezes que o garoto podia ir para outros lugares na propriedade de seu pai eram nas poucas vezes em que o homem saia e em seus aniversários, onde Sebastian o acompanhava até o estábulo e deixava ele montar ou jogar baseball e golf, e assim ele foi crescendo, sem nunca ver o rosto de seu pai.
Vincent conheceu KarlHeinz por acaso, em uma das raras vezes em que deixou sua mansão. Ambos trocaram algumas palavras na ocasião, e Karl contou à ele que estava à procura de jovens que pudessem noivar com sua “prole”. O conde ranzinza viu ai sua oportunidade de se livrar do garoto a quem nunca reconheceu como filho, e então o ofereceu, em troca de que Karl o mantivesse longe do Reino Unido. E assim Ciel virou um dos noivos de sacrifício e foi parar nas mãos dos vampiros.

Familiares

Mostrar Spoiler: Descrição
Pode-se dizer que Ciel é a cópia infantil do Conde de Phantomhive.
Vincent possui pele bem pálida, cabelos lisos em um tom preto acinzentado, um belo rosto composto por olhos fendados com orbes azuis oceânicas, com um sinal sob o olho esquerdo, nariz reto e fino, bochechas modestas e lábios finos. Já seu corpo, ao contrário do corpo delicado de Ciel, possui porte atlético e é bem definido, mas sem exageros, desde os ombros largos, os braços firmes, o abdômen definido e as pernas bem delineadas.
Mede 1,84 m de altura e pesa 64 kg.


Nome:
Vincent Phantomhive
Idade:
37 anos
Relação:
Apesar da aparência dócil e amigável, Vicent é um homem extremamente rígido e enigmático, então a relação dele com Ciel não era nada próxima desde o nascimento do garoto, quando sua esposa morreu ao dar à luz. Ambos tem muito pouco contato um com o outro, e o mais velho realmente não sente nada pelo menor além da obrigação de criá-lo, afinal mesmo sendo um impecilho em sua vida, o pequeno não deixa de ser um Phantomhive.



Mostrar Spoiler: Descrição
Rach possuía pele clara e livre de imperfeições, longos cabelos loiros lisos, mas levemente ondulados em sua extensão, rosto de boneca, com grandes e arredondados olhos azul céu, nariz e boca pequenos, com lábios em formato de coração.
Seu corpo era delicado, sem atributos físicos em excesso, mas bem curvilíneo e esguio, com seios medianos, cintura fina, quadril estreito, bumbum mediado, coxas roliças e pernas bem delineadas.
Media 1,69 m de altura e pesava 59 kg.


Nome:
Rachel Phantomhive
Idade:
Tinha 20 anos quando faleceu
Relação:
A relação da doce Rachel com Ciel se deu somente nos meses em que ela abrigou o pequeno em seu ventre, porém ela sempre o amou muito, tanto que mesmo sabendo que sua gravidez era de risco, ela preferiu dar a luz à provocar um aborto, o que fora indicado por Vincent.



Mostrar Spoiler: Descrição
Ann possui pele bastante pálida, que contrasta muito com a cor de seus cabelos extremamente vermelhos, cortados em um corte assimétrico.
Seu rosto possui traços marcantes, com olhos fendados de cílios longos e orbes rubras, nariz pequeno e afilado, bochechas modestamente cheinhas nas maçãs do rosto e boca pequena, com lábios finos.
Seu corpo é magro e curvilíneo, com seios fartos, cintura fina, quadril estreito, bumbum mediano, coxas roliças e pernas bem torneadas.
Mede 1,70 m e pesa 59 kg.


Nome:
Angelina Dalles
Idade:
29 anos
Relação:
Angelina, também conhecida como Madame Red, é uma mulher de personalidade forte e excêntrica, mas que tem um enorme carinho por Ciel, seu sobrinho. Quando Rachel faleceu, foi Ann que ficou sob a responsabilidade de cuidar e educação o menino, porém Vincent a afastou dele assim que ele conseguiu achar alguém para cuidar de Ciel, então a relação entre ela e o garoto não é muito próxima. Ele pensa que ela não gosta dele, por isso não vem o ver, mas continua a adorar a ruiva, e ela fica agoniada por não poder acompanhar o crescimento do sobrinho, porém Vincent não a deixa se aproximar.


Mostrar Spoiler: Descrição
Sebastian possui a pele extremamente pálida, que contrasta com seus cabelos negros e lisos.
Seu rosto possui traços elegantes, com olhos vendados emoldurados por cílios longos e orbes cor de sangue, nariz reto e lábios finos e pálidos.
Seu corpo tem porte atlético, com todos os membros proporcionais à sua altura e os músculos aparentes, mas sem exageros, desde os braços firmes, os ombros largos, o abdômen definido, o bumbum modesto, as coxas roliças e pernas bem delineadas.
Mede 1,89 m de altura e pesa 64 kg.


Nome:
Sebastian Michaelis
Idade:
32 anos
Relação:
Ele é um homem reservado e enigmático. Nunca falava mais do que o necessário, fazia somente o que lhe era ordenado e não fazia nada além disso, apesar de ter certa dó de Ciel. A relação deles era apenas a de mestre-tutor, nada além disso, mas mesmo ele, que era a indiferença e a falta de tato em pessoa, via que era errada a forma como Vincent tratava Ciel, mas não dizia nada, apenas fazia o que podia, mesmo que não pudesse fazer muita coisa.

Par
Kou Mukami

Relação com o par
Ele achou que Kou era uma das pessoas mais bonitas que ele já viu. Ciel ficou encantado com o loiro, quem ele julgou ser uma boa pessoa, porém quando descobriu o por que de estar ali naquela mansão e quem Kou realmente era, o encanto acabou, e ele se sentiu perdido. Não detestava o loiro, apesar de saber que Kou era o tipo de pessoa que ele menos gostava, por isso apenas tentava evitar o vampiro, apesar disso ser algo inevitável.
Kou, inicialmente, não levou o casamento à sério. “É uma piada de mal gosto, não é?” era o que pensava antes de conhecer o garoto. Mas depois que o viu, interessou-se pelo menino pequeno e magrinho que parecia ter saído de um livro da era vitoriana, e seu interesse só aumentou quando ele viu o quanto Ciel era inocente, gentil e encantador.
O relacionamento de ambos começou de forma lenta. Ciel não oferecia resistência aos ataques do loiro, e Kou se aproveitava disso para ir tirando a inocência do menino, que tinha um cheiro tentador e o sangue mais doce que ele já havia provado. E então ele se viu viciado no pequeno, e o menor se viu preso aos encantos do loiro.

Relação com Nash
Assim como com os outros garotos, Ciel é um pouco distante de Nash no início, mas com o passar dos dias, os dois superam a primeira impressão e vão se aproximando, cada um do seu jeitinho, e quando isso acontece eles viram amigos bem próximos, quase irmãos. Ciel, as vezes, tenta se basear no maior e agir como ele, porém acaba aparecendo ainda mais fofo quando faz isso.

Relação com os outros garotos
Em um primeiro momento, como ele nunca teve contato com muitas pessoas de faixa etária igual ou próxima da dele, Ciel age de forma quieta e reservada, o que faz os outros garotos pensarem que ele é arrogante e metido.
Porém, à medida que ele começa à se soltar, logo mostra seu lado naturalmente encantador, meigo e amigável, não demorando a fazer amizade com todos, e como ele nunca teve amogos antes, dá um valor enorme para cada um dos demais rapazes e tem um forte senso de lealdade para com eles.
É superprotetor com aqueles com quem ele realmente se importa, é atencioso, gentil e carinhoso, um verdadeiro amigo para todas as horas, e se mostra um bom ouvinte, um ótimo conselheiro, e além disso, ele está disposto à tudo por seus amigos, os apoia sempre que eles estão em apuros e os protege quando eles estão ameaçados de qualquer forma, mesmo se isso custar seu próprio bem estar ou colocá-lo em risco.

Como reagiu em saber que seriam noivos?
Foi um grande choque para si, já que ele só soube quando já estava com os demais garotos na mansão. Ele sequer sabia que relacionamentos entre homens eram possíveis, então ficou totalmente surpreso ao saber que tinha um noivo.

Quer que algo aconteça de especial?
Queria ver meu Ciel tendo um caso com o Nash, se for possível. Não sei por que, mas shippei os dois (*-*)
Mintira, sei sim por que! EU AMO O RANRAN

Cores favoritas
Praticamente todos os tons de azul, branco, preto e vermelho
 
Estilo • 
Vitoriano

Roupas









(Como ele tem trauma de mar/praia, o máximo que ele consegue é ficar no deque. E é só nessas situações que ele se permite vestir roupas normais.)






Mostrar Spoiler: Casamento


¹(Ignore o Sebastian, please -qq)
²(Ele irá usar vestido por exigência do Kou)


Mostrar Spoiler: Aliança




Algo mais?
Pode caprichar nos hard lemons, com direito a mutilação, meu Ciel sofrendo e ficando cada vez menos inocente mas mãos do loiro sádico :3

Escutando: Be the Light – Block B <3
Lendo: Minha ficha -qq
Assistindo: O Órion brincar com a Maconha (minha nova gata *-*)
Jogando: Wands of Fortune (Tô amando o Est *-*)
Comendo: Pipoca de milho com leite condensado (feitos pelo koi ♡)
Bebendo: Toddynho

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...