~CrazyInsanity - Clan Impossibile

CrazyInsanity
Coffee Lover
Nome: Edmund Lorena ✘ Sammy ✘ Freak Show ✘ Angel Of The lorde ✘ Sourwolf ✘ Srt. Sherlock ✘ Rainha Cliche
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

Ficha - Criminal Case


Postado

M u r d e r


•IMPORTANTE!
Você prefere narração em primeira pessoa ou em terceira pessoa? Terceira pessoa, adoro.

•Nome completo: Edmund Mikaela Quesydia.

•Apelido: Ed - Mika

•Idade: 21.

•Detetive Aprendiz ou Sênior: aprendiz.

•Aparência: (imagens e Photoplayer. Descrição é opcional.): Photoplayer: Lu Han.








Edmund tem naturalmente cabelos castanhos escuros, quase pretos e lisos, mas por habito, acaba sempre pintando de alguma outra cor e fazendo um corte novo, o ultimo sendo as madeixas mais bagunçadas e descoloridas com luzes, deixando a raiz intacta ainda. Tem belos olhos escuros e profundos, levemente puxados normalmente por ser oriental junto com suas feições finas e delicadas, parecendo incrivelmente macio e sensível ao toque, como uma boneca de porcelana, uma beleza quase imaculada. Labios finos e rosados, junto com um conjunto bem alinhado de dentes brancos e um nariz também fino.
Tem no máximo 1,70 e um corpo magro e levemente franzino, com curvas femininas demais. Certamente, lhe faltaria apenas uma peruca pra parecer uma garota.

•Personalidade: Edmund é dono de uma personalidade distinta, tanto no sentido de inteligencia quanto humor. Sua personalidade, de boca em boca, é mais considerada como a de um felino domestico, e o que lhe falta para se tornar um é o rabo e as orelhas felpudas. Sorrateiro e manso, ele demora a ser notado geralmente, mas quando o notam, não é fácil simplesmente desgrudar seu olhar dele. É de cabeça e orelhas erguidas, como dizem, sempre mais ocupado em observar o ambiente ao seu redor e analisar o comportamento e atitude das pessoas por perto, um pouco mais silencioso do que seria considerado normal. Detalhista, isso é um fato, prefere saber e ver os mínimos detalhes de algo para ter certeza absoluta, por isso sempre é meio rígido com o próprio trabalho, isso ajuda bastante na hora de investigar, mas vira um defeito na hora de socializar com as pessoas, pois geralmente é desconfortável pra alguem estar sendo analisado por ele de modo calculista.

É mais técnico e robótico com pessoas que náo conhece e um pouco mais descontraído com amigos ou pessoas mais próximas, agindo de modo mais amigável e menos profissional com quem é mais familiarizado. Edmund tem uma espécie de bolha de segurança ao seu redor, preferindo manter um certo limite de contato ou aproximação, o que o torna meio distante e inalcançável e.. Ele fica meio nervoso e sem saber o que fazer quando invadem seu espaço pessoal, porque geralmente ele espera estar preparado mentalmente para conversar com alguém, então conversas repentinas e sem preparo realmente deixam ele nervoso. Não é um fato que ajuda muito em manter um bom relacionamento, mas com certo tempo de convivência, ele pode até se mostrar um pouco menos frio e mais carente e protetor.

Não é surpresa que seja distante, para certas pessoas é realmente irritante quando ele acaba as ignorando por estar concentrado demais em outra coisa, as vezes isso é um defeito: se concentrar em uma única coisa e ignorar todo o resto, é uma atitude meio infantil, mas ele fica pensando tanto naquela coisa especifica que acaba ignorando a pessoa sem saber.

Incrivelmente paciente, o que é uma coisa que ajudou muito pra começar a carreira como detetive e talvez pelo fato de ter cuidado dos seus irmãos mais novos, ele é realmente pacifico e sabe controlar uma situação de pânico se pensar direito. E, apesar desses fatos, não gosta de adquirir um titulo ou posição como líder, preferindo deixar outra pessoa liderar e apenas ajudar essa pessoa a resolver tudo. Prefere deixar os holofotes pra outra pessoa e se contentar apenas em continuar atrás das cortinas, é inteligente o suficiente pra saber que atenção demais pode, de certo modo, trazer consequências e é melhor ser acusado de fantasma do que de príncipe chamativo.

•História: Edmund faz parte de uma familia grande: sua mãe, Lorena; seu irmão gêmeo, Ezequiel; seu irmão mais velho, Joshua e seu irmão mais novo, Isaac.
Nasceu na China, em Pequim, mas logo criança veio com a familia para os Estados Unidos para viver junto com seu primeiro padrasto, que era terrivelmente irritante e que Edmund apenas suportava porque o homem lhe dava diversos livros de mistério e suspense. O casamento dele com sua mãe não durou muito, mas eles continuaram nos Estados Unidos mesmo assim, isso apenas mudando quando Edmund e Ezequiel se mudaram para a Inglaterra. Só uma família de classe alta.
Edmund e seu gêmeo sempre foram "os filhos do meio", o que sempre gera apenas mais uma onda de normalidade, nunca são famosos e populares como o irmão mais velho e nem tímidos e inocentes como o irmão mais novo, mas sempre foram incrivelmente unidos, tendo apenas se separado por causa das diferentes faculdades e carreiras, enquanto Edmund ficava atrás das câmeras, afundando em romances policiais e sua paixão por Sherlock Holmes, Ezequiel mostrava um real talento para musica, tanto para dança tanto quanto para canto, tornando este o ídolo teen da família.
Nunca realmente teve muitas experiências traumáticas ou marcantes, sendo que estranhamente teve uma vida bem normal, sendo ainda desconhecido o porque de sua personalidade tao fechada, considerando que cresceu numa família comum, alegre e acolhedora.

•Gostos/Desgostos: gostos: café, livros, vinho, filmes de terror, inverno, neve, casacos, musica, instrumentos musicais clássicos, doces, flores.

Desgostos: vodca, praias, areia, agricultura, animais de fazenda, verão, golfe, romances "melosos" demais.

•Hobbies: fotografia de paisagens retrô ou naturais. Tocar piano. Montar quebra-cabeças.

•Manias: Morder o lábio inferior, sempre! Quando você olha, ele está mordendo os lábios de novo.

•Medos/fobias: tubarões, pássaros, alturas excessivas e hospitais.

•Escolaridade: Completou ensino médio e fez faculdade de fotografia.

•Orientação sexual: homossexual.

•Quer par? Já tem uma idéia de como pode ser o par? Se sim, como? Quero par, com Alabaster Moore. (Minha amiga, lily_Santiago, mandou uma ficha também e seria ótimo se nossos personagens fossem um par aqui.)

•Relação com Logan: Uma relação profissional, não tem aqueles conflitos de "detetive melhor" e etc. Trata ele de modo educado e de acordo com seu trabalho e assim vai indo.

•Relação com o par:

(Relação escrita junto com @lily_Santiago)

Alabaster nunca fora o melhor exemplo de príncipe perfeito para relacionamentos, pelo contrario, a sua lista de apelidos insultuosos é enorme. Conhecido por se deitar tanto com garotas quanto com garotos, o loiro tem a filosofia de nunca levar a mesma pessoa para cama mais de duas vezes.

Edmund nunca teve muita sorte no amor, talvez tivesse desistido mesmo depois de tantos rompimentos, tanto por desmarcar encontros por causa dos estudos ou ignorar chamadas. Ele já tentou uma vez ou outra tentar dar mais certo, mas simplesmente não conseguiu manter o namoro.

Foi Alabaster quem enxergou o oriental primeiro e o que era no inicio apenas chacotas e implicâncias, acabou se tornando amor da parte do loiro, afinal quem resistia a carinha fina e delicada de Edmund ?

E que de primeira impressão, simplesmente ignorava o loiro e não dava atenção as chacotas deste, Edmund acabou no fim prestando atenção no lado bom de Alabaster e vendo que ele não era tão ruim e mimado quanto parecia.

Custou muito para Alabaster finalmente admitir que gostada de Edmund. Foram meses de brigas e encrencas, onde o loiro não dava o braço a torcer, mas morria de ciúmes do oriental arruinando todo e qualquer pretendente que aparecia. Assim como Edmund se aborrecia com os relacionamentos de única noite de Alabaster, ignorando mais ainda o loiro quando aborrecido e ficando irritado com mais facilidade do que seria considerado normal para alguém calmo como ele. E secretamente, tentando negar que gostava de Alabaster na própria cabeça.

A calmaria de Edmund foi o que mais os aproximou, afinal Alabaster era a tempestade e precisava do temperamento do garoto para voltar a consciência e simplesmente não pirar, sendo apenas o cheiro do oriental o suficiente para o loiro sossegar.

E foi mais por descobrir o lado carente de Alabaster, que Edmund passou a tentar ser mais amigável com este, se confortando em descobrir um lado menos arrogante do loiro e observar seus, finalmente, sorrisos sinceros e sem arrogância ou malicia. Enquanto Edmund o acalmava, Alabaster quem conseguia enlouquecer o oriental aos poucos com um mero sorriso.

Claro que não são um casal comum, de modo que podem parecer fofos e inocentes na frente de todos, mas é entre quatro paredes que eles realmente liberam todo o amor que sentem um pelo outro, de modo que após uma noite de sexo tanto Edmund quanto Alabaster estão totalmente marcados e cheios de hematomas. Fazer o que? Eles gostam!

E apesar do relacionamento discreto ao publico e toda a contradição considerando as brigas e implicações do passado, Edmund o ama com sua vida mais do que poderia imaginar e não poderia ficar mais feliz quando Alabaster demonstra o mesmo amor sentido por ele. Um ótimo exemplo que a linha tênue entre o ódio e o amor pode tornar eles dois mais próximo do que o esperado.

•Relação com o chefe Andy: o respeita por ter mais experiencia e tenta ser educado sem parecer nervoso com este. Uma relação muito "chefe e funcionário".

•Como age sob pressão: tem um certo nervosismo interno, mas procura agir com calma e resolver rápido a situação.

•Vai comentar? (Se não comentar, seu personagem vai aparecer menos e provavelmente pode morrer) sim, vou comentar.

•Favoritou? Sim.

•Idéias ou sugestões? Náo.

•Algo mais/Extras: Ele é alérgico a amendoim e camarão.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...