~White_Santoryu

White_Santoryu
Fangirl of Marichat, only.
Nome: Ñ SEI
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: 3 de Novembro
Idade: 16
Cadastro:

Akira Nakamura - My Precious Gift


Postado

Akira Nakamura - My Precious Gift

"Seus olhos me deixam sem ar, seria medo ou paixão, Reiji?"

Nome Completo: Akira Nakamura

Akira - Significa “brilhante ou talentoso”, “luminoso”, “iluminado”, “leis, normas”, “excelente outono”.

Nakamura - Naka = dentro, centro; Mura = povoado, aldeiaz: Meio da aldeia/Aldeia central

Os dois nomes dela são japonês.

Apelidos: Naka - normalmente são colegas que não são muito seus amigos, por exemplo: Sabe quando você vai chamar uma pessoa, mas não a conhece suficiente para chama-las pelo nome? Então, normalmente eles a chamam pelo sobrenome.

Aki - É para pessoas de quem ela realmente gosta, tanto que as outras pessoas a chamam de "Naka", só sua mãe chamava assim.


Idade/Data de nascimento/ Signo: Ela tem 15 anos de idade e nasceu em 11 de novembro de 2001. Ela é escorpiana, ou seja tem o signo de escorpião.

Aparência:



Ela tem os cabelos anormalmente em um tom de cor arroxeado escuro. As vezes ela alisa o cabelo, que fica um pouco lambido e as vezes ela não alisa e o deixa mais cheio e curto. Ela possui uma franja que cobre seu olho esquerdo, ela gosta bastante do estilo "emo", além de que seus cabelos são bem repicados nas pontas. Seus olhos tem um cor violeta com brilho inocente e gentil, com cílios grandes e negros. Tem o nariz arrebitado e os lábios em um tom anormalmente rosa clarinho. Seu sorriso demonstra um ar de inocência e bondade, assim como seu olhos. Seus traços são leves e delicados, suas bochechas já são anormalmente rosas, e ficam vermelhas de quando está com vergonha.




Ela é baixinha tendo só 1,60 de altura. Ela é bem magra e não tem um corpo de se invejar, mas tem um corpo charmoso e diferente do politicamente correto. As vezes atraí a atenção de alguns homens na rua. Os seios delas podem ser pequenos mas bem torneados e até que chamativos. Ela tem uma cintura bem demarcada e fina, mas não aparece tanto nas suas vestes. Sua pele é pálida, é tão pálida que parece um giz de lousa, tendo sempre que passar protetor solar para proteger sua delicada pele, além disso ela tem que tomar cuidado ao se machucar pois facilmente sua pele fica facilmente roxa e preta. Suas mãos e pés são pequenos e macios, as vezes chamando atenção por conta do tamanho. Suas pernas são finas e sem muita curvas, mas que são charmosas mesmo sem as curvas. Sua nádegas ou bunda são pequenas, cheias e arrebitadas. Seus ombros são finos e charmosos, além de ser macios.




História:

Tudo começou quando sua mãe e seu pai se conheceram. O nome do seu pai era Lin Takashimi e sua mãe se chamava Kana Nakamura. Eles se conheceram em uma das missas da Igreja que os dois frequentavam. Os dois eram muito religiosos e queriam fazer parte da Igreja, Lin queria ser padre e Kana freira. Enquanto Lin era bem tradicional, Kana era mais aberta a novas experiências. Mas como eles se apaixonaram rapidamente, eles desistiram da ideia de ser freira e padre. Depois do casamento dos dois, eles tiveram gêmeas, as irmãs de Akira. A mais velha se chamava Lee e a mais nova Sakura. Bom como podemos dizer... As duas eram extremamente religiosas, sempre rezando três vezes por dia, indo a missa todos os domingos e tendo uma enorme devoção por Jesus e Deus. Depois de seis anos de casado, e tendo duas filhas meninas, Kana queria realmente ter outro bebe. O marido, o pai de Aki, não gostou muito da ideia de ter que relações novamente com a sua mulher, mas aceitou e eles tentaram ter outro bebe.

Akira Nakamura nasceu dia onze de novembro de 2001 numa noite de fim de outono, fria e escura. O pai ao ver a pequena garotinha de diferente cabelos roxos, viu uma futura freira para família. Mas não foi bem isso que aconteceu, Aki, ao seis anos não era tão religiosa e não gostava de ficar rezando o tempo todo como suas irmãs gostavam naquela idade. Ela era diferente. Ela preferia mil vezes desenhar ou tomar chá, ou até mesmo ler algum livro mais intelectual e interessante do que as doutrinas religiosas. Enquanto seu pai se arrependia de ter tido aquela garota e chama-la de filha, a mãe dela a via como uma garota perfeita. E você se pergunta: "Se os dois eram tão religiosos, por que o pai estava estranhando a filha e a mãe não?" Simples, o pai dela queria que suas filhas se tronassem freiras para redimir o pecado que ele e a mulher dele cometeram ao não trabalharem para Igreja. enquanto sua mulher não. Ela amava suas filhas do jeitinho que elas eram. E é claro que isso resultou em grande briga entre os pais de Aki. Quando fez oito anos de idade, Aki, foi presenteada por seu pai com um simples bíblia. Era pedir demais ter atenção do próprio pai? pensava sempre a pequena Aki. Percebendo que seu pai só dava atenção a suas irmãs religiosas e amantes de Deus. Começou a estudar a bíblia e a rezar todo dia, para quem sabe ganhar um pouco de atenção. Ela começou a saber as passagens da bíblia e entender todas as coisas que ela pregava, ela se tornou uma extrema conhecedora do livro de Deus.


Com o tempo, seu pai começou a ter orgulho dela, e isso a deixou feliz! Era o que ele mais queria! Mas isso não deixou sua mãe nada satisfeita. Sua mãe não gostou muito dela parar de ser ela mesma para impressionar seu marido, mas aceitou, se sua filha estava feliz, ela estava feliz.

Ela aos doze anos, já sabia todas as passagens da bíblia e seu pai tinha um orgulho imenso dela. Ela não gostava de ter que ler tudo aquilo, mas gostava de ser reconhecida por seu amado pai. Mas as vezes era bom fazer alguma coisa de que ela realmente gostasse, ela então foi aprender a tocar alguns tipos de instrumentos e aprender a nadar. Sua mãe ficava feliz ao ver que ela ainda gostava das mesmas coisa, pois ela sabia que sua filha não gostava mesmo da religião católica, só suportava, fingindo que gostava da religião católica só para impressionar seu pai. Aos treze anos, ela se mudou para um colégio católico onde suas irmãs estudavam. Teve que deixar todas a suas amigas e seus amigos. E aí as coisas começaram a ficar ruins. Ela começou a sofrer um bullyng naquele colégio, sendo chamada de "satã" ou "demônia" essas coisas. O motivo? Apesar de saber todas as passagens da bíblia, ela nunca mencionou nenhuma passagem ou o nome de Deus, além de nunca mencionar sua devoção por Deus. Ela não gostava de ser religiosa, mas ela queria tanto o orgulho do seu pai. Ela finalmente tentou acreditar em Deus, para ver se ele era misericordioso como todos diziam. E ela rezava todos os dias, implorando, pedindo para que Deus a ajudasse. Realmente acreditando que um dia ele ia fazer que todo aquele sofrimento fosse embora. Sempre se ajoelhava e rezava pedindo, implorando para que Deus a livrasse de todo esse sofrimento. Mas nada funcionava, ela só rezava, e rezava, e rezava, chorava, e chorava litros de água. Ela ao 15 anos, só rezando, e percebendo que nada mudou, parou de pedir a Deus e nunca mais rezou. Virou o que é mais conhecido na sociedade como "ateía". Seu pai e suas irmãs ficaram com raiva! Como ela ousava deixar de acreditar em Deus?! Eles então passaram a ignora-la. Como se ela não existisse. A única pessoa que entendia Aki, era sua mãe. Kana iria dar uma basta nisso! Mesmo amando Lin, Kana percebeu o quanto Akira sofria com todo o desprezo que recebia de seu pai e pediu divorcio de seu marido.

Lin, querendo afogar as mágoas, foi para um bar qualquer e acabou passando do limite. Que menina mais... Demôniaca! pensava ele. O religioso havia ido beber um dia antes do Natal. E ficava olhando para guarda daquela peste, que ele tinha que chamar de filha. Foi quando conheceu um homem estranho que estava bebendo uísque, Tougo Sakamaki. O pai, que ficava falando que havia pecado ao ter uma filha ateu, começou a reclamar de sua filha. Mas para o Sakamaki, o que ele tanto desprezava não eram defeitos e sim qualidades. Ele já tinha em mente do que fazer com aquele senhor e com sua filha. Ele percebendo que aquele homem estava completamente bêbado, lhe propôs um acordo, se ele ganhasse um jogo de dardos, ele ficava com a filha de quem ele tanto reclamava e se ele perdesse ele pagava a Lin uma quantia enorme de dinheiro. O pai muito bêbado aceitou e é claro, perdeu. Ao acordar, ele só se lembrava de ter assinado a guarda da filha para um estranho qualquer. Ele desesperado, contou para sua esposa, que chorou e disse que nunca iria perdoa-lo, que o odiava. Ela gritava como ele podia ter feito isso com a sua própria filha, e ela, pobre Kana, não podia fazer nada. A mãe de Akira ficou com a garota o dia inteiro antes do Natal e chorou a noite inteira. "Iria perder seu bebe... " Era isso que ela pensava... As irmãs ficaram felizes ao saber que "aquela" estranha iria sair da casa de seu precioso Deus e que poderiam viver em paz com a sua mãe, longe daquela "ateu".

No dia do Natal, o pai de Aki, simplesmente falou que Tougo era um tio distante de seu pai e que podia confiar nele, e quando ela perguntou o por que de não poder passar o natal com sua mãe, seu pai respondeu que era um castigo por ela deixar de ser cristã. Ela simplesmente mandou uma mensagem para sua mãe, dizendo: "Feliz natal, mãe, eu te amo". E ela foi com aquele "Tio" distante de seu pai e nunca mais viu sua amada mãe.


Personalidade:

Séria, preguiçosa e otimista


Ela é uma garota muito formal e sem brincadeiras, sempre levando as coisas a sério. Tentando sempre ser responsável e correta. Não demonstra tanta animação como os outros mas gosta de sorrir as vezes. Mas não quer dizer que ela não é uma pessoa feliz, ela sempre se anima para sair e ver o sol lá fora, ou até mesmo a chuva mas normalmente é uma pessoa extremamente séria. Não curte choros, reclamações e resmungos, sempre tentando fazer com que lagrimas virem um lindo sorriso. Ama ver sorrisos nos rostos das pessoas, simplesmente odeia tristeza e sempre quer ouvir gargalhadas. É uma garota preguiçosa, preferindo mil vezes ficar sentada ou dormindo, do que fazendo algum tipo de esporte ou atividade física. Para ela esporte já é acordar cedo e fazer maratona na Netflix, conta? Essa preguiça toda faz com que ela seja horrível em esportes. Ela sempre acredita que as coisas vão dar certo, mesmo que seja impossível, ou seja é otimista.


Gentil, compreensível e educada

É sempre gentil com tudo e a todos, sempre sendo calma e doce ao falar com desconhecidos, inimigos, amigos/amigas, melhores amigos/amigas e família. Sempre tentando deixar todos confortáveis e seguros de quem são realmente. É muito compreensível, sempre desculpando as pessoas pelo pior que elas tenham feito a ela, ela pode acabar não perdoando só se for em relação a alguém que ela realmente ame. Nunca comendo de boca aberta ou falando muito alto, sempre falando; "Obrigada" ou "Por favor". É muito educada, sempre sendo cortês e fica irritadíssima com pessoas mal-educadas. Qual necessidade de arrotar ou não falar um simples "obrigado" sempre pensa ela. É uma garota bondosa e gosta muito de ajudar necessitados, sempre ajudando pessoas de quaisquer tipo e isso as vezes, vira burrice. Mas ela não consegue evitar, faz parte da personalidade da personalidade dela.


Brigona, curiosa e calada

Ela mesmo não parecendo gosta muito de arrumar briga, com quem critica as pessoas de quem ela realmente gosta, mas quando é consigo, ela costuma não brigar tanto, fica simplesmente ignorando a pessoa. Ou seja é uma mistura entre a paciência e a impaciência. É um tanto quanto curiosa, sempre querendo saber as coisas, mas não é por que quer usar isso contra a pessoa e sim por que quer saber que as pessoas demonstram confiança nela. Ela é muito calada, ama o silêncio, mas é claro que as vezes gosta de conversar, mas prefere o silêncio, se sente livre para pensar.

Sensível, romântica e carinhosa

É sensível, sempre chorando quando vê um filme romântico que acabe em tristeza, se debulhando em lagrimas silênciosas. Gosta de chorar as vezes, pra ela as vezes é ótimo chorar. É romântica sempre querendo demonstrar e querer demonstrações de afeto. Sempre abraçando as pessoas carinhosamente e dando beijos na bochecha, sempre tratando todos com um imenso carinho. Ela pode até ser considerada carente por conta da necessidade de demonstrações de afeto e gosta de dar demonstrações de afeto fofas.


Corajosa, destemida e engraçada

Sua coragem chega a ser as vezes uma bela de uma burrice! Sempre tentando escalar coisas que ela sabe que vão machuca-las, mas desde que seja divertido ela irá amar se arriscar. Sempre querendo ser desafiada e mostrar do que é capaz, acabando por se irritar quando não demonstra a sua verdadeira força. É: Ela tenta ser engraçada, mas quase nunca consegue e quando faz uma piada não engraçada, suas amigas a olham com uma cara de tipo: "Nossa, que engraçado... Estou quase morrendo de rir"... E aí elas reviram os olhos.


Inteligente, esperta e inocente

Ela não é considerada a "estudiosa" pois não fica o tempo todo estudando com as cara nos livros, ela simplesmente tem muita facilidade de aprender. Por esse motivo ela ia adorar se tornar uma medica. Ela gosta de ser inteligente, mas não demonstra muito. E por incrível que pareça ela consegue ser inocente e esperta ao mesmo tempo. Ela é inocente em questões de relações sexuais e cantadas em geral, nunca vendo muito a maldades nas pessoas. Mas, sempre que suas amigas fazem alguma piada ou pegadinha ela sabe dizer se ela está mentindo ou não.


Gulosa, honesta e desleixada

É uma garota muito gulosa e está pouco se ligando se as pessoas vão a olhar com nojo ao verem ela comer uma tonelada e meia de comida, ela ama comer! Fazer o que, né? Ela é bem honesta sempre falando a verdade, mas tem algumas coisas que ela guarda em segredo. É um pouco.... Muito desleixada. Sempre se jogando nos lugares, se espreguiçando e sempre fazendo as coisas pela metade ou de um jeito estranho.


Introvertida, meiga e meio tímida

Mesmo não parecendo, ela é uma garota mais na dela, é claro que demonstra a sua personalidade, só não gosta muito de estar rodeada por muita gente, para ela, uma ou duas amigas já é o suficiente ou simplesmente prefere a companhia de seus livros. As pessoas se surpreendem ao verem ela ser uma mistura de yin e yang, sendo introvertida e animada ao mesmo tempo. Esperta e inocente ao mesmo tempo. Uma mistura estranha, mas que fica perfeito da maneira que é. É uma garota muito meiga, sempre falando com leveza e calma, nunca levantando a voz numa discussão. Ela normalmente levanta a voz quando está animada, o que é acontece as vezes. Como eu já disse ela demonstra essa aura feliz e gentil para todos, só que nem todos são seus amigos. Ela é sempre tímida e sempre fala baixo com as pessoas com que ela realmente está interessada amorasamente, mas com os outros ela é normal e até um mistura entre séria e gentil.

Avoada, pensativa e distraída

É uma garota que vive pensando em qualquer coisa que não seja para ela pensar naquela hora, o que faz com que os outros se enfureçam ao ver ela ficar "viajando". É muito pensativa e criativa, sempre pensando se algo iria acontecer ou algo que não irá acontecer! Ela é bem distraída, sempre que ela está conversando com alguém e a pessoa é alguém com que ela não se dê bem, ela ficará viajando pensando em coisas mais importantes, do que para a pessoa a sua frente. A pessoa com certeza vai ficar irritada e vai começar a estalar os dedos na frente dela.

Anti-social, confiante e delicada

É uma menina que mesmo que seja as vezes amiga prefere mil vezes ficar sozinha para pensar, mas gosta de ter alguns amigos/amigas, mas isso não muda o fato de que ela gosta as vezes de ficar sozinha. É confiante, sempre acreditando em si mesma, não importa no que. Sempre feliz do jeitinho que é. É bem delicada, nunca sendo bruta ou maldosa com os outros, sempre tratando tudo com delicadeza e cuidado.

Qualidades:

- Confiante - Sempre confia em si mesma e nos outros.

- Delicada - Nunca é rude, sempre trata tudo com cuidado.

- Pensativa - É uma garota que sempre pensa em tudo.

- Meiga - É uma garota que fala com calma e leveza com as pessoas.

- Honesta - É uma pessoa que prefere morrer do que falar ou contar uma mentira.

- Inteligente - É uma garota que sempre tem as respostas para as perguntas dos professores.

- Esperta - É uma garota que sabe desvendar se alguém está mentindo para ela.

- Séria - Ela é sempre responsável, sempre mantendo uma expressão séria e formal.

- Corajosa - É uma garota que pode ser considerada aventureira, que sempre se anima para uma aventura.

- Destemida - É uma garota que sempre consegue o quer, por nunca desistir.

- Romântica - É sempre romântica, sempre gostando de ouvir histórias românticas e fofas.

- Carinhosa - Ela sempre dá beijinhos nas pontas dos narizes das pessoas de quem ela ama.

- Gentil - É uma garota com a voz calma e fofa, sempre sendo amável.

- Compreensível - Entende quando as pessoas erram e as perdoa, sem pensar.

- Educada - Sempre falar "por favor" ou "obrigada", sendo sempre respeitosa.

- Engraçada - Isso é uma mistura ente defeito e qualidade. Pois ela tenta ser engraçada mas não consegue, mas vale a tentativa, né?


Defeitos:

- Sem graça - Isso é uma mistura ente defeito e qualidade. Pois ela tenta ser engraçada mas não consegue, mas vale a tentativa, né?

- Anti-social - É uma adolescente que não vê muita necessidade de ter muitos/as amigos/as, só um/a basta.

- Avoada - É uma garota que está sempre no mundo da lua, sempre imaginando coisas inexistentes.

- Distraída - É uma garota que está sempre prestando atenção em algo que não é para prestar atenção. Como quando ela está conversando e de repente, vê
uma borboleta voando, ela começa prestar atenção na borboleta e é capaz, de deixar a pessoa falando sozinha e correr atrás de borboleta.

- Introvertida - É uma garota que equilibra, demonstra seus sentimentos, mas nem o tempo todo.

- Preguiçosa - É uma garota que sempre dorme em lugares aleatórios, em cima da mesa, em prateleiras e nunca tem vontade de fazer nada.

- Inocente - É uma garota meio inocente em relações a cantadas e a piadas com segundas intenções.

- Desleixada - É uma garota que não se importa muito com a aparência dela e prefere vestir algo confortável do que bonito.

- Gulosa - É uma garota que. Ama. Comer! Sempre está com um pote de salgadinhos nas mãos ou com algo na boca.

Gosta:
Ler:

- Livros

Ela amar livros de tragédia e medicina. Ela prefere ler pois ele são sempre bem melhores do que não fazer nada.

- Mangás

Ela ama ler principalmente: One Piece; Naruto; Fairy Tail; Tokyo Ghoul.

- Anotações

Quando não tem nada para ler, ela costuma ler anotações que ela faz em sala de aula.

Desenhar...

- Os esboços de pés dela.

Mas ela só consegue desenhar pés, o resto parece um desenho de uma criança de cinco anos, fazer o que né?

- Bebidas:

- Café

Ela ama café por causa do gosto meio amargo.

- Chá

Ama chá! Meu deus, ou está tomando chá ou café. E normalmente é chá. Ela gosta de chá pelo gosto doce e quente.

- Cerveja

Gosta muito de cerveja, quando está feliz e quer comemorar, ela normalmente toma, escondido claro.

- Vinho

Ama tomar vinho de todos os tipos, rose, branco e tinto, e normalmente toma quando está triste. Ela os acha deliciosos.


- Pistolas

Ela gosta de pistolas, mas principalmente poli-las. Acha armas interessantes.

- Compor músicas

Começaram com poemas, e acabaram virando músicas.

- Tocar instrumentos:

- Guitarra

Ela gosta de tocar guitarra quando está triste ou melancólica.

- Trompete

Ela gosta de tocar quando está feliz. Ama aquele som limpo e estridente.

- Bateria

Ela toca bateria quando está com raiva. Ela se acalma tocando.

- Mexer no computador ou PC

Ela prefere computadores, a algumas pessoas.

- Rir:

- De piadas

Quem não gosta de piadas?

- Das pessoas se ferrando

É muito engraçado para ela ver alguém se ferrando.

De yaoi...

AMA YAOI, SÓ DIGO ISSO.

De comida...

- Pizza

Adora aquele queijo derretido na sua boca.

- Hambúrguer

É sua comida predileta.

- Sorvete

Adora sentir aquele geladinho na boca.

- Pocky

Hmm, tem pocky aí?

- Borboletas

Ama borboletas, é o único inseto que ela gosta.


Musicas...

- Rock

Ama ROCK, não suporta outros tipos de musicas. Só rock!

- Vinil

Ama dicos de vinil, tem um monte daquelas belezinha... Acha o som melhor quando saí do vinil.

- Romances

É uma bobinha apaixonada.

- Chuva

Ela ama chuva, assim ela pode ficar o dia inteiro só mofando no sofá.

- Gatos

Ela adora gatinhos, os acha um tanto quanto fofos.

- Por do sol

Ela ama ver o por do sol, sempre que pode ela o observa.

- Noite

Ama a noite, para ela, sinceramente, a noite é a melhor parte do dia dela.

- Costurar

Adora costurar, quando não lendo ela sempre costura. Ela se acalma costurando.

- Mexer no celular.

É viciada em mexer no celular e ama jogar joguinhos.

Desgosta:

- Doces

Ela os acha muito sem gracinha.

- Dançar

Ela é horrível dançando, e isso a fez pegar raiva.

- Rezar

Odeia rezar mais que tudo. Por conta de sua família.

- Sucos

Odeia suco, principalmente de laranja. Ela sente repulsa em tomar suco.

- Cantar

ODEIA CANTAR, ELA ACHA QUE ELA TEM UMA VOZ DE TAGUARA RACHADA. Dá muito raiva para ela cantar qualquer coisa.

- Chorar

Não gosta de chorar, odeia. Sempre que chora ela dá um jeito de sair correndo e se esconder de todos.

- Esportes

ODEIA ESPORTES, para ela esporte é maratona do Netflix.


Vadias - acho que não preciso dizer por que ela não gosta de vadias, né?

Ela odeia poucas coisas... Não podemos fazer nada, né?


♡ Habilidades físicas:

Força bruta - Ela tem uma força monstruosa, mas ela não vê muita necessidade de usar.


Ginasta - Ela é muito boa em ginástica rítmica. Sabe dar espacate, "estrelinha" etc...


Natação - Mesmo não gostando de esportes, ela curte nadar.



Manias:

- Cutucar a comida - Normalmente ela gosta de cutucar coisas que ela nunca comeu.


- Quando ela está comendo algo que ela realmente goste ou está achando gostoso, ela costuma enfiar na boca da pessoa mais próxima dela.


- Ela costuma plantar bananeira quando não consegue ter uma ideia, ela diz que o sangue sobe para o cérebro e isso a ajuda a pensar melhor.

- Ela gosta de ficar fazendo um o barulhinho de bateria quando alguém faz uma piada, como: "Pa-tuts!"

- Ela tem a mania de rasgar a pontinha dos livros quando está lendo, destruindo alguns livros que ela realmente gostava.

- Quando está envergonhada, ela tende a corar e ficar se balançando para frente e para trás, enquanto abaixa o olhar e cora fortemente.

- Ela tem a mania de ficar enrolando o cabelo de um jeito fofo.

- Quando ela mente para uma pessoa que ela gosta muito, enquanto ela fala a mentira ela tende a ficar rindo... E muito.


Vícios: Bom, um dos vícios está nos segredos.

- Ela tem vício em ler.


- Tem um vício enorme em mexer no celular.


- Ela tem um vício em ficar rasgando papel.

Ela tem um grande vício com café e chá.



Hobbies:

- Gosta de tocar instrumentos, como:




- Costurar.


- Natação.


- Desenhar pés.


- Compor músicas.


- Mexer no PC.


- Andar pelas ruas geladas.


- Ginástica rítmica.


Talentos:

- Ela é uma incrível ginasta. Como pode ver.

- Ela tem um talento incrível para compor músicas e poemas.

- Ela tem um talento incrível para fazer deliciosos chás.

- Tem um talento incrível para costuras, e sempre faz um bom trabalho.

- É muito inteligente, e sempre tem respostas na ponta da língua.

- É muito forte, e pode acabar quebrando um nariz de uma pessoa se ficar irritada.

- Sabe trocar vários instrumentos.

- E ela sabe desenhar os pés muito bem das pessoas.

Segredos:

Sim, ela fuma um cigarro ocasionalmente. Não é viciada, mas quando precisa pensar, ela fuma.

Ela começou a fumar quando tinha 14 anos, ela roubou um maço escondido do pai dela e viciou.


Medos/Fobias:
Acrofobia — medo de altura.
Agrafobia — medo de abuso sexual.
Blennofobia — medo de limo ou coisas viscosas.
Cristãofobia — cristofobia ou cristianofobia — medo dos cristãos.

Traumas: Trauma de "rezar".


Como age com os outros...

Par: Reiji Sakamaki.


Ao ver Reiji pela primeira vez, ela o achou... Assustador. Mas não era pessoal, todos daquele cômodo lhe davam frio enorme na espinha. Ela o achou fora do padrão, sendo o mais bonito para ela. Ela ficou surpresa ao saber que era uma noiva, e isso a irritou? Não, ela simplesmente deixou ele chupar o sangue dela enquanto chorava.

Eles começaram a ser dar realmente bem e ter uma química depois da terceira "chupada" de sangue nela. Ela estava chorando silenciosamente e sentindo ainda a dor da mordida. Ela para se sentir mais forte e melhorar de se sentir traída pelo próprio pai, ela preparou um gostoso chá de hortelã. E é claro que ao sentir o cheiro forte de chá, Reiji foi ver que noiva estava fazendo o chá e se surpreendeu ao ver que era sua noiva que estava tomando o chá mais cheiroso que ele já havia sentido. E assim surgiu o primeiro tipo de assunto para uma conversa: Chá. Ela ainda estava muito melancólica pelo que havia acontecido e chorou na frente de um vampiro lindo e sádico. Ela simplesmente enxugou as lagrimas e eles tiveram uma conversa realmente agradável. Ela gostou dele, enquanto achou que ele ia ter pena dele, ele não teve e ela gostou disso nele. Eles dois demoraram para se relacionarem... Pois ela tinha medo dele, além de que ele a via como uma simples bolsa de sangue, deliciosa e irresistível.



Depois disso surgiu um novo assunto entre os dois: Livros. Foi aí que eles tiveram um contato que poderia ser mais que amizade. E Reiji ficou feliz e surpreso ao saber que ela não era uma garota que ficava lendo livros "teens" e sim livros de tragédia. E ficou mais surpreso ainda quando descobriu que ela gostava de ler livros didáticos de medicina. Ele havia gostado disso nela, "Uma noiva inteligente?" Era um sonho. Yui era inocente demais e parecia ser tonta e burra, diferente de Akira. Eles começaram a discutir sobre os livros e coisas em comum, as vezes concordando e as vezes discordando. Eles acabaram tendo outros assuntos com o tempo, e ela ficou surpresa ao saber como era o passado dele. Ele começou a gostar da educação dela, normalmente as noivas eram tão escandalosas... Mas ela não, era quieta e na dela. E ficou mais interessado nela quando ela diz que gostava de escrever poemas. Ele a cada dia gostava da companhia daquela garota intelectual e educada. A cada dia os dois se surpreendiam ao ver o quanto eles tinham em comum. O que o mais deixou surpreso foi ver que ela fumava e ela acabou viciando ele também, sério. Podia se dizer que o Sakamaki já a achava sexy, só não esperava acabar se preocupando com uma mera noivinha. Ele realmente ficava preocupado, pois com o tempo que ele ficava com ela, vê-la com dor o deixava desconfortável e excitado ao mesmo tempo, mas e por que a preocupação? Por que sempre que ele chupava o sangue dela, o pescoço ficava vermelho e roxo. E ele odiava isso.



Mesmo ela não admitindo, ela acordava cedo só para encontra-lo lendo ou fazendo um delicioso chá. E ele achava interessante ao ver que a garota de cabelos arroxeados o observava. E os irmãos Sakamaki estranharam pois ele ficava o dia inteiro lendo e conversando com ela, o que ele não costumava fazer. Era estranho. Ela se apaixonou rapidamente por ele, enquanto o de quatro olhos demorou um tempo até que realmente admitisse que gostava de ficar com ela e que sentia uma atração. E quando os dois perceberam o que sentiam um pelo outro, ela se admitiu a ele e ele? Simplesmente disse a ela que ela era "idiota" e passou a ficar mais perto da garota. O orgulho não lhe deixava falar que a amava. Ela as vezes viajava conversando com ele, o que o irritava. Ele no inicio gostava de tentar ficar irritando ela, mas ele nunca conseguia fazer ela perder a paciência com ele, o deixando ainda mais interessado nela. O que o deixou abismado e intrigado foi ver o quanto estava gostando de ficar com aquela garota, e isso o irritou. Além de não perder a paciência com as piadinhas dele, no começo ele ficava mandando nela e ela só ignorava. Mas depois de um tempo parou com isso, era mais interessante ouvir sua voz do que vê-la o ignorando.


Eles também pegaram uma mania de falar o final da frase das pessoas que falam algo importante, como: "... Hoje seis mil pessoas morreram de hipotermia aguda" E eles vão fazer um sinal de exercito na cabeça e vão falar ao mesmo tempo: "Hipotermia aguda", e com tempo até as outras pessoas ficavam raiva ao ver os dois fazendo isso. Ela também irrita ele bastante ao roubar os óculos dele e ficar fugindo, e isso acontece o tempo todo. E para ela é extremamente divertido ver ele ficando irritado. Eles com o tempo, já se sentiam necessitados de ter uma conversa por dia um com outro, ela queria ouvir a voz dele e ele ver o rosto dela... Ela gosta de conversar com ele pois Reiji a entende, e ele ama conversar com ela pois ela inteligente, educada e faz um ótimo chá... As vezes nem palavras eram realmente era ditas, o silêncio era necessário... Ele já se importava com ela, sempre que dormia ao ler até a madrugada ela a levava para a cama dela. E o sangue que ela tinha que dar ele? Com o tempo ela se acostumou a dar o sangue para ele, pois depois para repor as energias eles tomavam um gostoso chá de maçã.

Depois, como todo Sakamaki, ele passou a ficar possessivo com ela, sempre que ela falava com algum garoto ele ficava com raiva e a puxava para perto dele, e as vezes até dava broncas nela e ela só ria. E ela? Ela não é tão ciumenta, só vai arrebentar a cara da garota que está falando com o de óculos. Nos encontros ela sempre segura na mão dele, que sempre toma um susto ao ver ela fazendo isso, mas mesmo assim retribui o aperto da mão dela. Eles demoraram a ter alguma séria, mas valeu para os dois cada segundo esperar. Ele e ela podem ter demorado para ficar juntos, mas foi incrível sentir ciúmes, amor, tristeza, até chegar na palavra saindo da boca dos dois: "Eu te amo"

Ela é carinhosa. Ele é romântico de uma maneira sedutora. Ela é bondosa. Ele é violento. Ela é inocente. Ele tem mente suja. Ela é amorosa. Ele não demonstra os sentimentos. Ela é gentil. Ele é sem alma. Humana e vampiro. Yin e Yang. Uma mistura estranha que dá certo. Ele e ela podem ser diferentes um do outros, mas sem um ao outro eles não são completos. Podem ocorrer brigas mas sem um ao outro eles não fazem sentido. É um clichê que eles adoram viver...




(espero que goste da relação deles! E desculpa se ficou clichê! :3)





Os outros...

Shuu Sakamaki:

Bom, gosta dele. O acha calado, e se identifica com ele por isso. Acha engraçado quando todos estão fazendo barulhos, discutindo ou gritando, e ele está pouco se "fudendo" para o que está acontecendo. Além disso, ela o acha extremamente bonito e charmoso.

Subaru Sakamaki

Ela fica confusa em relação a ele. Ou ele está super esquentadinho ou ele é fofo. Ele é bipolar por acaso? Isso a irrita. Mas se ele a tratar com respeito, ela pode até desenhar os pés deles. Ela não gosta da muito aparência dele, mas ela o acha diferente do normal.

Ayato Sakamaki

Ela... Como posso dizer? Ela odeia o Ayato. O acha um chato de galocha! Além de sua educação ser horrível, ela sente muita pena da noiva dele. Motivo? O cara é possessivo demais com as noivas deles, claro que ciúmes é uma coisa normal entre o casal, mas o dele chega a ser obsessão! Ela não curte ele e ele também não curte ela não, ou seja, o sentimento de ódio entre os dois é recíproco.

Laito Sakamaki

Ela surpreendentemente gosta bastante de Laito, além de ser o que mais fala, ela acha muito engraçado os fora que ele fica levando da noiva dele. Ele também gosta dela pois ela sempre equilibra o jeito de ser, nunca sendo tão doida ou tão séria. Ela se diverte com as cantadas deles... Que cá entre nós, que cantadas enfadonhas!

Kanato Sakamaki

Senhor! No começo morria de medo daquele satã com carinha de inocente que carregava aquele urso encapetado. Mas isso foi tudo no começo, depois de um tempo na mansão, sem querer, Kanato acabou rasgando uma das partes do seu querido Teddy. E ela muito boazinha consertou o ursinho, o costurando. Ela acabou ganhando até um pequeno abraço de Kanato por ela ter salvado seu querido urso. Ela desde então viu que Kanato não era exatamente uma pessoa má, só doente e sádico.

Kou Mukami

Ela não vê nada demais naquele loirinho. Ela não curte muito ele, mas é gentil e sempre o cumprimenta, só não curte muito ele, o acha um pouco... Egoísta. Ela o suporta... Não é pessoal, é só que ela não gosta de pessoas egoístas...

Azusa Mukami

Esse sim fazia ela querer se trancar no banheiro com uma cruz! Cruz credo! Aquelas bandagens são pra que? Além disso ele parece ser mais o masoquista de todos e isso a assusta... E muito! Pois explica um pouco sobre o motivo daquelas bandagens!

Ruki Mukami

Ela o acha interessante mas muito... Parecido com algum dos Sakamakis. Ela simplesmente o acha interessante mas nem tanto, quando ela o vê, ela o cumprimenta e dá um sorriso gentil para ele.

Yuma Mukami

Gosta muito do jeito rebelde e sádico dele. Ela gosta dele, só que ela tem a leve impressão de que ele não gosta dela. Ela o acha interessante e sexy, mas nada que a chame mais atenção do que Reiji a chamou.

(desculpe não exagerar nos Mukamis, ela se da bem mais com os Sakamakis ;-;-; .)

As outras noivas: Ela mal fica com elas, pois sempre está com Reiji. Ela queria ter amizade com alguma delas, mas só conseguiu com a noiva do Subaru, as vezes ela fica com elas para ver as tretas que estão rolando. Mas gosta delas.

Tem alguma melhor amiga? Ela não costuma muito falar com as outras noivas, mas é muito amiga da noiva do Subaru, ela sempre pergunta como ela aguenta aquele esquentadinho.

Uma frase que a define: "Tudo que sei é que nada sei"

Músicas:

Dela:


Par:


Roupas

Casual:





Formal:




Dormir:

Não ligue para o bebes.

Banho:


♡ Agora, sua personagem estará em nossas mãos, você aceita isto?
Sim, claro espero que goste dela!

♡ Irá acompanhar a fanfic? Saiba que se não comentar por três capítulos seguidos (sem avisos) sua personagem morrerá, tem consciência disto?
Sim irei, é o mínimo que eu posso fazer!


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...