~nickingrid

nickingrid
Deus <3
Nome: Ingrid
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 21 de Julho
Idade: 19
Cadastro:

Amor que vence a morte.


Postado

Amor que vence a morte.

Sangue, sangue por toda parte, corpos inertes caídos sem vida no chão lamacento pelo acumulo de sangue, via-se pisando em um mar vermelho, caminhava entre os corpos sentindo seu rosto banhado e lágrimas, o único som que quebrava o silêncio de morte do local era o barulho que sua armadura provocava quando se movimentava.

Olhava cada rosto contorcido dos cadáveres a procura do seu amado, isso só á fazia chorar mais. Ele não pode estar entre eles, ele não pode estar morto também, ele é poderoso, e prometera-a que voltaria com vida, travava uma batalha mental consigo mesma.

- Por favor, por favor, cumpra a sua promessa meu amor, por favor – entre soluços as palavras escapam de seus lábios, seu coração estava apertado no peito.

Atrás de uma pilha de mortos o vê, caído com o rosto em terra, uma espada o atravessava das costas ao abdômen, em volta de si uma poça de seu próprio sangue havia se formado misturando-se à sujeira da fuligem e o barro, corre até ao seu encontro e cai de joelhos diante de si. Antes chorava agora tendo a certeza de sua vitalidade debulhava-se em lágrimas, como jamais chorara antes na vida, berros de dor e agonia escapavam de seus lábios vindouros do mais profundo canto do coração. Toca sua pele fria, e como sabia só conclui o que já tinha certeza, seu corpo já não tinha vida. Cola seu ouvido ao lado esquerdo de seu peito, seu coração não provocava ruído algum, ele estava morto.

- NÃO! –grita para os céus, gotas de chuva começam á cair ao mesmo tempo em que ela começa a chorar. Vendo o seu desespero, os deuses permitem que o céu também chore. Nesse momento ela não mais se importava com nada, que o céu se desfaça em lágrimas, pensou, só queria ter ele de volta, mas não tinha como voltar mais a trás.

Sente a chuva lavar seu rosto sujo do sangue dos seus inimigos. Mais uma vez volta seus olhos para ele vendo a chuva lavar seus ferimentos profundos. O outro lado de sua face ainda estava sujo de sangue, então com um gesto levanta seu rosto antes de perfil para que a chuva pudesse lava-lo por completo. Puxa a espada que estava atravessada em si, e a lança o mais longe que suas forças assim permitiam e vê a arma sumir no horizonte.

Olhando-o pela ultima vez não consegue evitar e o toma em um abraço. Aperta seu corpo frio e sem vida com força contra si, desejava sentir seus braços a apertarem de volta, mas o aperto não vinha, como ansiava sentir novamente suas mãos em volta de si, seus lábios quentes nos seus, ela não conseguia acreditar que ele estava morto, ele não podia estar, ele prometeu que viveria por ela, e ele nunca deixou de cumprir uma promessa por mais que fosse maligno no passado, os deuses o estaria punindo por suas maldades? Não, os deuses precisavam dela e eles sabiam que se o matassem á afetaria e não mais os serviria, mas então porque ele estava morto?

- Mentiu para mim, não cumprirdes com a vossa promessa – murmurou com o rosto escondido em seu peito lavando-o com suas lágrimas, local onde tantas vezes antes havia me alinhado.

- Não menti para ti, minha Esmeralda – ouve, a essa altura cria que já delirava.

- Sim, mentires para mim, prometestes que tornaria para mim com vida, mas esta não á mais em ti – ainda escondia seu rosto em seu peito, tinha medo.

- Eu estou vivo, meu amor – diz, é quando ela ouve seu coração batendo, com medo de estar tendo uma alucinação, levanta o rosto e olha para ele. Seus olhos ônix a encaravam com amor enquanto uma de suas mãos acariciavam seus cabelos e outra a apertava contra si.

- Amor estas… - antes que pudesse dizer mais alguma coisa ele junta os lábios dele nos seus, apesar do gosto de sangue em sua boca se sentia feliz de poder beija-lo novamente, ele não mentiu, ele voltou para ela.

Um pouco de The Unknown para adoçar a boca ;)
Esmeralda(Sakura)

Lendo: The Unknown (fanfic)
Jogando: Anticlove e Amor Doce

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...