~Killyan - Clan Akatsuki

Killyan
Konichiwa mina !!
Nome: **********
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Rio Brilhante, Mato Grosso do Sul, Brasil
Aniversário: 16 de Março
Idade: 13
Cadastro:

Our Curse Is Our Power - Interativa


Postado

Our Curse Is Our Power - Interativa

*Nome Completo*
Ubon Mochizuki

*Significado*
Ubon: Lotus
Mochizuki: Lua cheia
Ubon Mochizuki: Lotus da lua cheia

*Idade*
19

*Aparência*






Descrição: Seu cabelo é curto e bate um pouco abaixo de seus ombros e são meio ondulados, possuí uma tonalidade caramelo, são sedosos e muito bem cuidados, seus olhos são de um castanho claro, apesar das nacionalidades seus olhos são bem grandes, cílios longos e finos, pele pálida, bochecha e boca rosadas, em seu ponto de vista seu corpo é ideal, seios medianos, cintura fina e bumbum mediano também, pesa 45Kg e tem 1, 63 de altura.
Dona da aparência: Taeyeon


*Personalidade*
Ela é uma garota desligada do mundo ao seu redor, por achar tudo sem graça e tediante, prefere ficar no seu canto fazendo suas atividades preferidas ao enturmar-se com os outros. Muitas vezes reclamam do quanto ela é silenciosa ou até mesmo por conta dela nunca se envolver com algo, oque as pessoas não sabem é que ela sempre está atenta aos acontecimentos, mas sempre fica neutra aos fatos. Quando é dirigida a palavra ou percebe que é o momento para se pronunciar, suas palavras saem em um tom calmo e distante, em alguns momentos das frases pode dar leves pausas, geralmente para repensar em sua fala, respirar ou até mesmo por gostar de causar ansiedade nas pessoas. Ao tocarem em algum assunto que seja de seu interesse, a jovem irá expor um pouco mais sua atenção, algo que pode ser mínimo, como um breve olhar ou uma leve mordida no lábio inferior, mas dentro de si ela estará ansiosa para saber mais.
Um de seus outros gostos é a música, principalmente clássica, adora o som suave do violino e de como ele combina com a melodia do piano, às vezes vai até a sala de música para ouvir essa “divindade”, ela mesma toca os instrumentos e fica atenta a cada nota, devido a seu gosto e aos possíveis erros que podem ocorrer caso haja alguma desconcentração. O conteúdo de música clássica a faz se sentir em harmonia consigo mesma, assim como o mar, chuva, a brisa e os jardins, para ela a maneira de como as flores, folhas e frutos se desenvolvem e depois morrem é bela, esse ciclo tem um grande significado, é a história de vida dos seres vivos. É uma garota segura de si e de seus atos, ou seja, é autoconfiante, decidida e independente da opinião dos outros, porém, sempre pensa muito antes de tomar alguma decisão, sendo calculista. Não gosta de se meter na vida dos outros e nem que eles se metam na sua. Para ela, tirar conclusões precipitadas das pessoas é errado, se não sabemos o suficiente de alguém, o melhor é descobrir primeiro e depois tirar uma conclusão concreta. Sua memória é boa, mesmo sem nenhum treino em jogos ou atividades de raciocínio. Muitos acham que Ubon é uma garota metida, pelo fato dela não interagir com os outros, mas os que dizem isso estão errados, ela nunca foi aquela filinha de papai, que tem tudo oque querem na hora que pedem, pelo contrário, nunca esbanjou esse poder.
Menina de conceito bom entre o bom e o ruim, digamos assim, realista, perspicaz e persuasiva. Sabe bem que uma hora ou outra o sonho que na verdade é apenas um momento bom na vida, acabará alguma minuto ou hora. Ela, simplesmente, não entende o fato da vida querer brincar com as pessoas desse jeito. Ela já se cansou desta brincadeira faz muito tempo. Ubon não é flor que se cheira, seus sentimentos nunca estarão ou estavam algum dia á flor de sua pele e nunca foi a garota mais confiável para alguém. Dificilmente fala direito, pois quando alguém fala com ela a mesma pode gaguejar 1 palavra a 3 -- isso devido á pouca conversa com as pessoas desconhecidas de hoje em dia. Conversa mais com seus pais, eles são a sua única salvação.
Por não ter muito convivo social, Ubon é fria e seca, quase não demonstra suas emoções, embora seja tímida as suas respostas são quase sem humor ou sentimentos. Aparentemente, nenhuma pessoa a sabe definir. Por que: Ubon mente, Ubon desmente, Ubon cora, Ubon repreende, Ubon ignora, Ubon rebate. Ela é imprevisível quando se exalta, mas isso é muito raro, já que é bem paciente e pacifica. É meio antipática também, insensível, muito insensível, não liga para as emoções, mas sim pelas razões. Mas não quer dizer que não se sente solitária e sozinha sem ter alguém para conversar durante estes milhares anos de vida. Bom, podemos a definir como uma loba solitária e independente do que for, seu destino parece estar selado.

*Gosta*
- Animais;
- Ler;
- Cantar;
- Dormir;
- Lua cheia;
- Coisas frias;
- Lugares altos;
- Flores;
- Tocar piano e bateria;
- Escutar musica.

*Não gosta*
- Lugares apertados;
- Lugares com muitas pessoas;
- Sol;
- Coisas quentes;
- Comidas doces;
- Carne.
-Que mexam em suas coisas sem pedir;
- Que acham que podem mandar nela, apenar por serem mais velhas;
- Pessoas que desistem sem tentar;
- Pessoas fracas.

*História*
O caso de Ubon sempre foi um pouco mais complicado, pois sua vida não era uma das melhores, seu pai havia abandonado sua mãe, quando a mesma ficou gravida, Ratree mãe de Ubon, nunca a culpou, por isso ter acontecido, porem também nunca a tratou como deveria, com amor e carinho. Elas sempre viveram em condições precárias e o que ganharam, foi por que Ubon cantava em uma praça e ganhava algumas misérias.
Quando o meteoro passou por lá, Ubon estava cantando, e naquele momento, enquanto fazia algo que realmente amava, sentiu uma dor horrível, a pior dor já sentida, seus olhos ardiam, e sua visão ficou turva, e mesmo cambaleando foi atrás de sua mãe, e a encontrou coberta de chamas, pensou que sua mãe havia morrido mero engano, quem controlava as chamas era sua mãe, ela estava fazendo tudo aquilo, e Ubon por ter um raciocino rápido, ligou os pontos, do nada, na mesma hora e lugar pessoas começaram a sentir dor, ou mostrar sinais de transformações, pessoas estão ganhando poderes? Ela pensou e enquanto ajudava sua mãe, lembrou-se do meteoro, ele estava dando poder as pessoas, ele era a causa de tudo isso, ele fez com que sua mãe se machucasse tanto, afinal ele estava com queimaduras horríveis por causa das chamas, ela não aguentaria, sabia disso, dito e feito, na manha seguinte sua mãe morreu.
Ela preparou um pequeno funeral, apenas ela e a mãe dela, Ubon pegou as poucas coisas que tinha e foi embora, ela queria saber mais sobre tudo o que estava acontecendo, pois se sentiu dor também é porque adquiriu algum poder, mais qual ela se perguntava. Na estrada, ela foi parada por uns homens de preto e um deles ela reconheceu por ser Kota, seu pai, ele estava do lado dos caçadores antes de ter tempo para dizer algo um deles, a fez desmaiar.
Ubon acordou em uma maca em um quarto totalmente branco, ela havia sido pega por caçadores, que a acharam suspeita e a levaram, fizeram muitos exames e coisas com ela e finalmente descobriram seu poder, roubar um bom poder, Ubon quando soube disso, começou a tramar um plano, e enquanto pensava, pensou: “E se eu roubei o poder de minha mãe e não sei?”, ela depois de muito tentar, conseguiu, usou as chamas para escapar, e assim fugir de lá.


*Medos*
- Ser traída por quem ama;
- Bichos, principalmente aranhas;
- Fogo.

*Talento*
Steal – Roubar/Roubo
O seu poder é roubar, ela pode roubar o poder de alguém, assim que coloca os olhos na pessoa, porem pessoas que possuem poderes mentais, são um pouco mais complicadas, por isso necessitam de contado físico, para poder roubar o poder, mais pessoas mais capacitadas um mero toque não adianta, precisa de mais, um beijo é a melhor saída, mais como “roubar” é uma palavra muito “forte”, ela costuma dizer “Pegar sem pedir permissão”.

*Qualidades*
- Cantar;
- Boa conselheira;
- Inventar desculpas;
- Sabe cozinhar;
- Aprender as coisas.

*Defeitos*
- Agir sobre pressão;
- Improvisar;
- Ir contra algo;
- Insensível;
- Preguiçosa.

*Roupas*













*Vai querer par? Prefere que eu escolha ou você?*
Pode escolher você.

*Frase e/ou musica que define seu personagem*
“Não quero palavras, quero atitudes...
Não quero promessas, quero realizações...
Não quero sonhos, quero realidade.”
- Joker


Monster - Meg & Dia



Naquela noite ele a enjaulou, machucou e a quebrou
Ele se esforçou mais perto e então ele a roubou
Pulsos roxos e então seus tornozelos
Dor silenciosa
Então aos poucos ele viu que os pesadelos deles eram seus sonhos

Monstro.
Como eu deveria me sentir?
Criaturas deitam-se aqui
Olhando através das janelas
Eu ouvirei as vozes deles
Eu sou uma criança de vidro


*Outros*
Sua voz:


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...