~crownx

crownx
*;?babe
Nome: [ ❀ natália ❀ || .*・。゚crazy .*・。゚|| nat™ ]
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Brasilia, Distrito Federal, Brasil
Aniversário: 18 de Dezembro
Idade: 4
Cadastro:

Girls like Girls - Interativa


Postado


Holland Roden as Emily Jean Olsen:


Saw your face, heard your name, gotta get with you
Girls like girls like boys do, nothing new
Isn't this why we came? Gotta get with you
Girls like girls like boys do, nothing new
Girls like Girls – Hayley Kiyoko


It’s me :3
Nome Completo: Emily Jean Olsen
Mas para os íntimos é chamada apenas de Emma, seu apelido

Idade : 17 anos

Aparência:
Dona de lindos cabelos ruivos acobreados, indo até o meio de suas costas e repleto de cachos definidos que vão até a altura de seus seios. Tem maxilares bem marcados e maçãs do rosto salientes, boca de lábios carnudos e naturalmente rosados, que são bem “convidativos”. Seu nariz é pequeno e levemente arredondado, possui olhos escuros um pouco esverdeados, que lembram o leve tom das lagoas no outono, o olhar da garota é calmo e traz consigo uma espécie de encanto, sendo impossível não encará-los.
Sobrancelhas finas e sempre bem feitas, coisa que proporciona maior profundidade ao olhar da garota. Pele clara e levemente pálida, Emma é bastante alta, mais até que a maioria dos garotos ou garotas, seu corpo é escultural e bem distribuído, chamando atenção por onde passa.












Personalidade:

A palavra perfeita para definir a personalidade da garota é insanidade, para Emma algo só vale realmente a pena se fizer seu coração bater mais rápido, se for capaz de fazê-la perder o fôlego, ela não tem medo de arriscar a sua vida para se sentir “completa”.
É orgulhosa, nunca dá o braço a torcer por mais que esteja errada. Teimosa e até certo ponto birrenta, tendo um sério problema em seguir as regras, defendendo suas opiniões até o fim. Emma tem o pavio curto e quando alguém é capaz de irritá-la ela começa a falar todos os palavrões que conhece, sendo bastante ‘’boca suja’’.
Emma é bastante carismática, capaz de encantar a todos com apenas um sorriso, ninguém consegue ficar para baixo quando ela está por perto, é muito extrovertida e faz piadas de tudo e todos, até nos momentos mais inapropriados, ela está sempre sorrindo mesmo com as dificuldades que enfrenta e sempre vê o lado bom das coisas. Pouca coisa a assusta, sendo bastante destemida e determinada, nunca desiste de nada sem ao menos lutar. É calculista e misteriosa, sabendo esconder seus sentimentos com perfeição, ela sempre diz a si mesma que seria uma excelente atriz.
Emma é alguém bastante pé no chão, sabe melhor que ninguém que a vida não é um conto de fadas, por esse motivo, se recusa a se apaixonar por alguém, guardando seu coração a sete chaves. Sempre diz que não gosta de relacionamentos sérios, e é apenas mais um caso de uma noite.
A garota é irônica e usa o sarcasmo como sua principal fonte de defesa, ela sempre sabe o que dizer para sair ilesa de qualquer situação, sempre tendo uma resposta na ponta da língua. Ela é meio feminista e odeia quando a tratam com inferioridade, defendendo com todas as forças os direitos que tem.


História:
Emma era filha única de uma simples família de joalheiros, desde pequena foi tratada com muito amor e carinho pelos pais. Mas uma semana antes dela completar 12 anos eles sofreram um acidente de carro, quando estavam viajando para comemorar o seu aniversário, os dois morreram e ela foi a única sobrevivente.
Desde então a garota vive com a sua tia, com o marido dela e com sua prima, mesmo que não seja oficialmente da família, todos a tratam como se ela realmente fosse, principalmente por que sabem o quanto a garota sente falta dos pais, embora Emily não admita isso para ninguém. Ela trabalha no pequeno hotel que sua família tem, como recepcionista, hotel que infelizmente vai de mal a pior, ela odeia o trabalho, mas felizmente a garota consegue constantemente escapar de sua função e ir para o seu lugar preferido de todo o mundo, o telhado do hotel, onde ela fica horas sentada observando as nuvens ou as estrelas (que são a sua verdadeira paixão).
Mas como nem tudo são flores, seu tio decidiu forçar o namoro da garota com um dos filhos de seus amigos ricos, na época ele não sabia da sexualidade da sobrinha.
Emma se recusou, mas o homem continuava insistindo, pois dizia que isso poderia salvar o hotel da família.
Depois de muitas brigas e discussões, Emily finalmente assumiu sua sexualidade, em um jantar da família onde seu tio tentou forçar a garota a beijar o “namorado”. Todos ficaram chocados e como era de se esperar, não aceitaram que ela fizesse essa “escolha”, levaram-na a psicólogos, terapeutas e até mesmo para lideres religiosos, na intenção de “curar a doença”. Mas por fim, se viram obrigados a aceitar Emma como ela era, embora ainda continuem provocando-a e nunca a deixem trazer amigas para sua casa.
Na intenção de mudarem a mente da garota, a enviaram para um internato.


Gostos:
│Cavalgar │Desenhar │Tocar piano│Dias ensolarados │ Ler todo e qualquer tipo de livro│Flores (principalmente margaridas)│Piadas│Mar │Fotografia│Cheiro de pinheiros│Brisa leve do amanhecer│Frio│Bebidas quentes│Silêncio│Pessoas com bom senso de humor │Festas │Fumar│

Desgostos:
│Barulho│Provocações│Ser comparada com alguém│Chuva│Receber ordens│Pessoas preconceituosas│Drama│Ignorância│Pessoas medrosas│

Manias:
Tem mania de morder os lábios quando está tendo alguma ideia; e mania de mexer nos cabelos quando está lendo algo.

Hobbies:
Ela cavalga desde os dez anos de idade e é excelente nisso
Tira foto de tudo e todos com sua Polaroid; sendo uma verdadeira viciada em fotografia
Toca piano desde os sete anos
Fuma escondida de vez em quando para se “divertir”

Medos:
Possui acrofobia (fobia de lugares altos) e fica rapidamente enjoada e com dor de cabeça quando se encontra em uma altura elevada.
Medo de perder alguém que ama.

Gostaria de ser par de quem? Sim; Olivia Welter.

É assumida ou não?:
Sim; ela tem certeza que os pais a aceitariam, mas seus tios acham isso um verdadeiro absurdo.

Família:
Marie Jean Olsen – 14 anos – Prima

De longe a pessoa com que Emma mais se dá bem na casa, Marie é a única que entende a prima e não a julga. É uma garota doce e meiga que sempre está disposta a ajudar a todos.


Natasha Jean Olsen – 48 anos – Tia
É uma mulher calma e amigável, sempre está com um sorriso no rosto e animada, a não ser quando se trata da sexualidade da sobrinha, ela não consegue entendê-la, por mais que tente.


Robert Jean Olsen – 49 anos – Tio
De longe a pessoa com que Emma tem mais problemas, ele sempre a julga por ser homossexual e por isso, os dois brigam constantemente.


Escutando: Colors - Halsey

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...