~_Heisenberg

_Heisenberg
A rainha das OC's
Nome: I am the one who knocks
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Brasilia, Distrito Federal, Brasil
Aniversário: 28 de Abril
Idade: 22
Cadastro:

Minha amiguinha Falsa Coral (Oxyrhopus guibei) e guia sobre não matar e respeitar


Postado

Minha amiguinha Falsa Coral (Oxyrhopus guibei) e guia sobre não matar e respeitar

Como uma moça fissurada e apaixonada por serpentes, meu curso me ofereceu um conhecimento amplo e bacana sobre esses répteis maravilhosos e gostaria de compartilhar com vocês!
O que vocês estão vendo é uma falsa coral (Oxyrhopus guibei) minha antiga colega, em uma foto que eu mesma tirei, e ela está nas minhas mãos como podem notar. Agora vem a parte importante: como diferenciar uma coral falsa de uma verdadeira? Saber diferenciar garante duas coisas importantes: sua vida e a vida da própria cobra, que muitas vezes é tirada por falta de conhecimento das pessoas. As vezes você encontra uma dessas e não sabe se é verdadeira ou falsa, então você vai lá e corta a cabeça dela pra evitar correr perigo. NUNCA faça isso! Não matem as cobras por apresentarem perigo considerável. O que se deve fazer é isolar a serpente, seja jogando uma caixa por cima dela ou a prendendo de alguma forma, claro, sem aproximar as mãos! Após isso, liguem para a polícia ambiental, pois eles saberão o que fazer e como manusear a serpente.
Agora, vamos aprender a diferenciar! É pelas cores? NÃO. É pelo padrão de "amarelo seguido de preto"? NÃO.
É tudo bem mais simples do que você pode imaginar. Com o auxílio de uma boa câmera com zoom ou mesmo manter uma distância boa o suficiente para não receber um bote, você pode diferenciar! É simples: a coral verdadeira tem olhos MUITO pequenos, quase que vestigiais, como se fossem apenas um pontinho preto. Por que? A coral verdadeira tem hábitos fossoriais, o que quer dizer que elas vivem enterradas ou em locais úmidos, longe da superfície, o que gera a falta de necessidade de enxergar bem. Elas não precisam ver bem, pois passam a vida se enterrando e se escondendo.
A coral falsa tem olhos bem grandes! Isso é bem notável! Você pode procurar no google imagem de ambas e comparar o tamanho dos olhos. É grande? então é uma coral falsa, ou seja, não representa perigo considerável e você não precisa se desesperar e matar a coitada (olhos grandes pois são bichos que realmente vivem no substrato, andando sobre a terra como qualquer outra cobra). Não pensem que ela não tem veneno, disso eu não posso falar com certeza, mas a coral falsa tem dentição Opistóglifa, ou seja, a presa inoculadora de veneno fica lá no fundo da boca, então caso te morda, talvez a presa não chegue a te furar, mas é bom evitar, não é mesmo?
Gente, são apenas dicas sobre como diferenciar, mas por favor! Caso vejam uma, é melhor realmente evitar e deixar o bicho ir embora na dele. Não é bom ver uma no meio do mato e querer diferenciar, o melhor a se fazer é ir embora e deixar a cobra em paz. Isso não passa de curiosidade, ok?
A dica aqui é: NÃO MATEM! Se não houver alternativa, se a situação realmente for sem escapatória, pelo menos tenha cuidado... mas evitem matar esses animais.
Essa coral falsa foi atropelada por alguém na estrada. Quando a encontramos, a mandíbula estava ferida, o que nos possibilitou manuseá-la com todo o cuidado, mas no mais essa cobra é muito tranquila e bem mansinha! Em geral as corais não são agressivas, mas por favor, não saiam por aí querendo pegar a cobra na mão pra brincar! São animais que tem instintos, e é sempre perigoso manusear qualquer animal selvagem.
Não estou incentivando ninguém a pegar cobras, a não temê-las, apenas estou mostrando um guia prático anti-desespero e anti-assassinato. Ligar para a polícia ambiental é sempre a solução!
Respeitem as serpentes! São os animais mais belos e incríveis do mundo! Tenham cuidado ao andar pelo mato e por favor, evitem matar!


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...