~deIicate

deIicate
[/3 words, 8 letters.png]
Nome: ˗ˏˋmaduˎˊ˗
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil
Aniversário: 12 de Janeiro
Idade: 15
Cadastro:

[/;fichas do amor]


Postado

—–––––––––––––––––––––––– 𝓓𝓡𝓐𝓜𝓐 —––––––––––––––––––––––––

Good girls better get bad
𝓝𝓸𝓶𝒆 𝓬𝓸𝓶𝓹𝓵𝒆𝓽𝓸:
𝓐deline 𝓔lise 𝓓iLaurentis.

𝓢𝓲𝓰𝓷𝓲𝒇𝓲𝓬𝓪𝓭𝓸𝓼 𝒆 𝓐𝓹𝒆𝓵𝓲𝓭𝓸𝓼:
𝓞 nome “Adeline” é originado da França; vindo a partir do germânico athal, que significa “nobre” ou “nobreza”. A partir disto, o nome fora começar a significar “aquela que é nobre” ou “amiga da nobreza”. Alguns etimologistas consideram a versão Adeline como um apelido ou diminutivo de Adele, nome que também possuía essa mesma raiz etimológica. 𝓞 nome-do-meio –– Elise –– também é de origem francesa, que vem do latim, significando “pessoa feliz”, “irradiante”.

𝓢eus apelidos variam em dois: Adele ou Line.

𝓐𝓭𝒆𝓵𝒆 costuma ser bastante usado por seus pais. Estes quando descobriram que o embrião viria a ser mulher, obtiveram a ideia de chamá-la pelo o nome próprio Adele, que por sua vez os encantou com o significado. Porém em um dos livros de nomes havia também o nome Adeline, que poderia ser chamada, carinhosamente, de Adele. E por que não dois em um? Seus amigos de longa data também o utiliza às vezes, pois sabem do significado. Geralmente o utilizam apenas quando estão irritados ou magoados com a garota.

𝓛𝓲𝓷𝒆 é utilizado por seus amigos mais íntimos. É uma variação para não chamá-la formalmente de Adeline, pois a maioria deles costumam opinar sobre o nome ser bastante bonito e encantador, combinando perfeitamente com o interior e exterior da garota. Uma vez que a mesma não gosta de seu nome próprio, gosta de ser chamada assim por todos, mas principalmente por seus amigos.

𝓘𝓭𝓪𝓭𝒆 𝒆 𝓓𝓪𝓽𝓪 𝓭𝒆 𝓪𝓷𝓲𝓿𝒆𝓻𝓼𝓪𝓻𝓲𝓸:
19 anos de idade, sendo nascida no dia 24 do mês de outubro do ano 1997.

𝓒𝓾𝓻𝓼𝓸: 𝓓ança.
Adeline é praticante de danças desde seus cinco anos de idade. Começou com seu sonho de ser bailarina, insistindo para que seus pais a colocassem nas aulas de balé no estúdio mais próximo de sua casa. E nessas aulas ela continuou até os treze anos, tornando-se pré-experiente em Balé Clássico. Há ainda vestígios do Balé em si, pois o concilia com todas suas outras danças, além de treiná-lo todos os dias. A partir da sua fase pré-adolescente, interessou-se por Dança contemporânea onde ficou até seus quinze anos. Aprendeu Dança de Rua através da Internet, obtendo certa habilidade quando o assunto é esse estilo de dança. Mas no Colégio exerce apenas o Balé Clássico.


𝓒𝓪𝓵𝓸𝓾𝓻𝓪 𝓸𝓾 𝓥𝒆𝓽𝒆𝓻𝓪𝓷𝓪?: 𝓥eterana.

𝓐𝓹𝓪𝓻𝒆𝓷𝓬𝓲𝓪:

𝓟𝓴𝓸𝓽𝓸𝓹𝓵𝓪𝔂𝒆𝓻: 𝓕reya 𝓜avor
𝓐deline é realmente muito bonita. Diversas vezes sendo comparada à modelos da alta classe ou aquelas bonecas de porcelana antigas, que possuem delicadeza nos traços e expelem meiguice. Os fios possuem o tom de um loiro que toma sua raiz até as pontas, demonstrando a naturalidade na tonalidade, sendo nascida desta forma. A raiz, por sua vez, é lisa. Porém do meio para baixo é ondulado, caindo medianamente até um pouco abaixo dos seus ombros, não passando disso. O rosto possuí formato quadrado –– tornando-a desprovida de bochechas ––, que é extremamente “pintado” por inúmeras sardas. As sobrancelhas não são nada menos do que muito bem desenhadas possuindo um formato que as deixa arqueadas, sendo sempre muito amparada quando se é possível. As íris azuis, são de alguma forma, algo que chama muita atenção sozinhas, sem ser preciso de muitas camadas de rímel para conseguir um olhar marcante. Estas podem ficar mais claras dependendo da luz do ambiente que estiver, mas principalmente quando está exposta a luz do sol ou qualquer outro estilo de iluminação. É bem dotada de cílios. Os lábios formam o formato de um coração, pois o inferior é bem mais preenchido do que o superior, que por sua vez é desprovido de preenchimento natural. Estes estão sempre num harmônico tom de vermelho, sendo este bem vívido, transmitindo a sensação da garota ter os mordiscados por alguns segundos. Seu sorriso é capaz de iluminar cidades inteiras, pois chama bastante atenção por ser um pouco estendido e brilhante.
O corpo é algo deslumbrante. Nos seus 1,65 há bem mais do que imaginam. A barriga é sem ondulações, tornando-se chapada, e com uma cintura bem delineada. As coxas são bastante fartas, e são mostradas diariamente com shorts que ela faz questão de usar, afinal o que é bonito é para ser mostrado. Não é diferente com seu bumbum, que é bastante empinado e torneado sem algo extravagante. Os seios são medianos, sendo empinados e sem ser diferente das coxas, ela faz questão de demonstrá-los com decotes.

𝓟𝒆𝓻𝓼𝓸𝓷𝓪𝓵𝓲𝓭𝓪𝓭𝒆:
“𝓘ntensa como um furação, para ela é tudo ou nada. Não têm essa de meio termo não. Acredita em fatos comprovados, usando sempre a sua razão. Ela gosta de se aventurar, sensual em tudo o que faz. Para todos que já a tiveram, ela sempre deixa um gostinho de quero mais. Menina revolucionária, sempre lutando pelos os seus ideais. E aí de quem entrar no seu caminho. Gosta de amigos, farra, preza sempre pela boa companhia. Se encanta e encanta por onde passa. Mas não há limites, nem tente comprovar o contrário.

𝓘𝓷𝓽𝒆𝓷𝓼𝓪 𝒆 𝓐𝓹𝓪𝓲𝔁𝓸𝓷𝓪𝓭𝓪
𝓐deline é alguém que vive em extremos. Na natureza violenta dos seus sentimentos e paixões, não há lugar para o meio termo, sendo sua personalidade inteira definida no velho ditado “08 ou 80”. Aqueles que desfrutam a companhia de Adeline no dia-a-dia tendem a perceber que, para tudo nesta vida, ou ela está totalmente obcecada ou totalmente desinteressada. Ela ama ou odeia e... sabe odiar da forma mais fria e cruel possível. Sendo capaz de nutrir grandes simpatias por aqueles que a rodeiam, também é capaz de sentir uma enorme empatia por aqueles de quem não gosta. De todas as pessoas é a que possui os sentimentos mais mesquinhos, capaz se se empenhar em vinganças, traições e de espalhar o seu veneno por todos os que se arriscam em tocá-la sem boas intenções ou magoá-la nos seus bons princípios. É muito apaixonada naquilo que deseja, esteja este desejo alojado nos seus planos profissionais ou nos planos afetivos. Tornando-se extremamente determinada e focada para conseguir sua meta final, é capaz de passar por cima de qualquer um que venha a atrapalhá-la. É alguém de decisões firmes. Dito uma vez, ela não volta atrás e nem se arrepende de suas decisões mesmo sendo tomadas em momentos de aflições. Afinal, é alguém muito decidida naquilo que acredita, capaz de nunca dá o braço a torcer para ninguém, preferindo morrer acreditando nos seus bons princípios.
Ela é alguém que vive na área do “demais”. É daquele estilo que sofre demais e é feliz na mesma intensidade. Aproveita sempre todos os lados dos acontecimentos, para ela não têm tempo ruim pois é otimista demais para perceber se algo dará errado ou não. Vive cada um dos seus dias como se fosse o último, sabendo tirar proveito de todas as situações. É agente da sua vida: vive o momento e não se arrepende depois. Movida pela paixão, pode destruir ou até se autodestruir, mas jamais permitirá que sejam os outros a destruam.


𝓔𝓶𝓸𝓽𝓲𝓿𝓪 𝒆 𝓟𝓪𝓼𝓼𝓲𝓸𝓷𝓪𝓵
𝓟ara Adeline a vida não obteria qualquer significado se não houvessem emoções. O seu humor é instável, o que faz com que a convivência com ela seja um pouco conturbada. Extremamente exigente, não só com si como também com todos os que a rodeiam, sendo uma líder nata em todas as ações. O seu negócio é comandar, No seu ponto de vista tudo precisa sair sem o defeitos, sem interrupções em seus planos, e isso vai ao encontro das suas motivações mais profundas para explicar o resultado dos seus atos. No fundo, a garota gira em torno dos seus desejos e das suas consequências. Consegue quase sempre o que deseja graças à sua inteligência, sagacidade e determinação, mas nem sempre é diplomática porque, uma vez que preza a honestidade, diz tudo o que pensa e o que sente. Ela esconde-se atrás de uma imagem de aparente frieza e desconfiança, levantando à sua volta uma barreira quase intransponível. Bastante inteligente e misteriosa na mesma intensidade, junta esses dois atributos para desvendar em dois tempos alguém que impõe uma máscara. Não é qualquer um que consegue saber quem ela é realmente atrás dessa imagem fria, pois ela consegue não entregar os pontos do seu jogo. Dona de uma lábia incomum, seduzir quem a rodeia é quase um dom; sempre dizendo o que eles gostariam de escutar, os envolve com conversas nada tediosas, perguntando sobre a vida da pessoa –– metas, sonhos, desejos, fetiches –– deixando-os comendo nas palmas de suas mãos e depois usando isso contra a qualquer um deles. A cada três frases, sempre lança sorrisos que derrete qualquer um.
Desconfiada, demora muito tempo para ceder o suficiente para dizer que confia em alguém, e este defeito faz com que as pessoas acreditem que é difícil conhecê-la. Além de obter uma fama de ser soberba, porém não é bem assim já que uma vez é extremamente dona de si. É alguém que não liga para opiniões de terceiros, pois acredita que se estiver bem consigo mesma, ninguém é mais importante. E por isso, é muito confiante. Por conta das suas emoções “08 ou 80”, é de causar conflitos, pois geralmente você ama ou odeia. Caso seja para odiar, ela dará mil e uns motivos para isso.


𝓒𝓸𝓻𝓪𝓳𝓸𝓼𝓪 𝒆 𝓢𝓲𝓷𝓬𝒆𝓻𝓪
𝓐deline sempre que magoa alguém sem razão, reconhece o seu erro e pede desculpa. Adora ajudar quem se encontra em dificuldades e não espera que lhe retribuam o gesto, Mas ‘aí’ do infeliz que ousar trair a sua amizade ou confiança! Toda a sua bondade, confiança e desejo de ajudar o próximo, transformam-se em sede de vingança e ela nunca conseguirá, jamais, perdoar aquele que a traiu. É persistente, paciente, introspectiva e capaz de vencer quaisquer obstáculos. Se for necessário, move montanhas para conseguirem alcançar seu objetivo final. Não possui medo de enfrentar qualquer situação, luta com armas que lhe são inerentes e acredita no resultado final, mesmo quando a situação não lhes é favorável. Se for preciso, luta sozinha, contra tudo e contra todos. Inteligente, sagaz, determinada, séria, extremamente perfeccionista e exigente consigo mesma, exige o mesmo tipo de desempenho e a mesma entrega por parte de todos que a rodeiam. Domina o ambiente com suas ideias criativas, o seu dinamismo e jamais se conformara com superficialidade das coisas. Já que é profunda, porque os outros não podem ser também?
É alguém muito sentimental e emocionalmente intensa e profunda. Adeline representa os segredos e a sedução, possuindo um enorme magnetismo, quase sempre carregada de mistério, com a qual sabe tão bem lidar e envolver. No entanto, mostra-se sempre desconfiada, especialmente no que diz respeito aos seus próprios sentimentos e detesta responder a qualquer estilo de pergunta intima e direta. Por conhecer os mistérios que envolvem a natureza humana, escolhem as suas companhias com extremo cuidado e está sempre desconfiada, porque teme descobrir, a qualquer momento, o lado mais sombrio dos outros. Por vezes, a sua falta de flexibilidade leva-a a perder boas oportunidades. E por conta disso, é muito manipuladora.


𝓐𝓷𝓲𝓶𝓪𝓭𝓪 𝒆 𝓢𝒆𝓷𝓼𝓾𝓪𝓵
𝓓e natureza insubmissa e amante do poder, está ciente da força da sua sensualidade, nunca abre mão de um desejo e nem sequer lhe passa pela cabeça fazer quaisquer concessões relativamente às suas decisões. Precisa, sem dúvida, de saber controlar o seu orgulho e o seu espírito crítico e temperamental. Adeline é aquela amiga que está em todas as festas e organiza todas elas, desde despedida de solteiros até festas de aniversários. Possuí uma necessidade enorme de fazer outros sorrirem, sempre fazendo piadinhas ou trocadilhos com duplo sentidos. É conhecida na roda dos amigos por animar os locais, pois com sua mente criativa sempre cria jogos para apimentar. É bastante engraçada e alto-astral, impossível ficar 10 minutos com ela e não rir pelo menos uma vez.

𝓗𝓲𝓼𝓽𝓸𝓻𝓲𝓪:

𝓕𝓪𝓶𝓲𝓵𝓲𝓪:
𝓜ãe || Amélia M. DiLaurentis || 45 anos de idade || Desempregada.

𝓡elação: A relação das duas não poderia ser melhor.
𝓟ai || Robert DiLaurentis || 44 anos de idade || Corretor de imóveis.

𝓡elação:

𝓖𝓸𝓼𝓽𝓸𝓼:
Objetos ou histórias retrôs ↔ Rock alternativo ↔ Praticar dança ↔ Andar de moto ↔ Passeios ao ar livre ↔ Fotografar ↔ Escrever ↔ Leituras prolongadas ↔ Silêncio ↔ Pequenas reuniões ou festas ↔ Status ↔ Socializar ↔ Bebidas alcoólicas ↔ Cigarros de maconha ↔ Beijos ↔ Sexo ↔ Provocar ↔ Dominação ↔ Sorrisos ↔ Seriedade ↔ Internet ↔ Mitologia ↔ Filmes de terror ↔ Jogos de basquete [o time para qual torce é Golden State Warrios] ↔ Sua família ↔ Tatuagens.

𝓓𝒆𝓼𝓰𝓸𝓼𝓽𝓸𝓼:
Críticas ↔ Quebrar regras ↔ Afeto demasiado ↔ Abraços ↔ Falsidade ↔ Pouca seriedade ↔ Mudar de opinião ↔ Ilusão ↔ Pessoas sonhadoras ↔ Expectativas ↔ Gostos fortes ↔ Culinária japonesa.

𝓔𝓼𝓽𝓲𝓵𝓸 𝓭𝒆 𝓻𝓸𝓾𝓹𝓪:1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11.

𝓢𝓸𝓫𝓻𝒆 𝓡𝓲𝓬𝓱𝓶𝓸𝓷𝓭:

Como foi sua audição?:
Minhas mãos estavam suando frio e meus pés andavam por si próprios, sendo impossível ficar parada por mais de cinco segundos. Minha cabeça latejava apenas com a suposição de todo meu esforço ir por água abaixo, e borboletas flutuavam livremente sobre meu estômago, dando a sensação de estar a beira de um abismo. Estes eram claros sinais que o sentimento de nervosismo estava me tomando por completo. Os professores responsáveis pela a audição aclamaram meu nome, me fazendo andar apreensiva até a cortina vermelha, ficando no campo de visão dos mesmos. Minhas mãos permaneciam do mesmo estado, me fazendo secá-las timidamente na minha calça-pano mole. Um dos professores me passou o sentimento de segurança, dizendo-me que não era preciso tamanha nervosismo. Então contei mentalmente até o numeral dez, aspirando ar o suficiente para meus pulmões sentirem-se confortáveis. Pedi para que tocassem a música escolhida por mim, enfim começando minha audição. As notas dos violinos soaram aos meus ouvidos, me acalmando ainda mais, fazendo com que minhas pálpebras fechassem sozinhas. Comecei com simples passos das mãos, seguindo para os pés. Rodopiei duas vezes seguidas, demonstrando minha habilidade no Balé Clássico. Logo depois de cinco minutos, a música aclamava suas notas finais, sendo terminada apenas com o som de uma flauta, que reconheci ser doce. Exerci mais três passos, enfim terminando minha apresentação. Os professores aplaudiram semelhante ao que fizeram com os alunos antecessores de mim. Eles disseram elogios, mas também me disseram críticas construtivas. E naquele momento, eu não desejei em estar em nenhum outro lugar do mundo. Não existia mais o pesar sobre meus ombros, e o sentimento de alívio me tomou por completo.


O que a Richmond significa para você?:
Richmond significa demasiado para mim, mas fora como uma luz no fim do túnel. Há inúmeros e diversificados talentos esbarrando-se nos corredores todos os dias, talentos estes que eu torço para que deem certo após todo o ensino que está sendo nos proporcionado. Então estar entre um desses talentos é gratificante para mim, pois Richmond é bastante conhecida no país inteiro e são poucas vagas para inúmeros talentos. Aprimorar meu dom neste colégio prestigiado me trás um sentimento de “dever cumprido”, já que obtenho plena consciência sobre o quão meus pais batalharam para que minha matrícula fosse concluída. Ambos estão numa situação financeira horrível, mas conseguiram juntar o suficiente para ao meu bem, pois todas as minhas propostas de trabalho foram recusadas por eles. Estes também sabem o quão a dança é importante para mim, e estar em Richmond é algo da mesma intensidade. Estou aqui para não decepcionar meus pais; honrar cada centavo doído que eles investiram. Então o colégio é de imensa importância não apenas para mim, mas também para meus pais. Além de estar relacionado com o que espero do meu futuro, que é aprimorar meu talento e passar isso para as pessoas.


O que pretende fazer em seu futuro?:
Após me formar em Richmond pretendo me tornar conhecida o suficiente para estrelar em grandes estúdios, como por exemplo o Balé do Teatro Bolshoi. Conhecer o mundo com a minha arte é uma das coisas que eu desejo, profundamente, do meu futuro. E há outro desejo que pode ser considerado impossível, mas meu pai sempre me disse que nada é impossível nessa vida, basta querermos. Irei montar um estúdio de dança, onde ensinarei Street Dance, Balé Clássico e Dança contemporânea para crianças/adolescentes carentes financeiramente. Funcionará como um projeto social, pois não irei cobrar nada desses jovens e os ajudarei em relação à estudos e saúde. Após contratarei mais ajudantes para começar ensinar adultos e idosos.


Como se comporta com os professores?:
A minha preocupação em manter uma boa reputação no colégio é uma ótima desculpa para me manter fiel aos meus ideais, sendo extremamente educada com todos, mas principalmente com os professores. É algo semelhante a ser alguém exemplar dentro das salas-de-aula. Sou realmente muito atenta à tudo o que eles ensinam, sempre em modo de aprimorar e aprender ainda mais os passos. Eu possuo muito respeito por todos eles, então não me atrevo à afrontá-los. Sou muito focada naquilo que me interessa, então não me permito à me desconcentrar das aulas.


Há algo de especial que gostaria de apresentar na Richmond?:
Sim! O especial “O Quebra-Nozes”. Além de ser um espetáculo belíssimo e muito delicado em todas suas performance, fora a primeira apresentação de Balé profissional que eu assisti. Este possuí um significado sentimental enorme não apenas para mim, mas também para o meus pais, que concretizaram minha paixão por dançar quando me levaram para assisti-lo.


Deçoração do meu lado do quarto no dormitório.

𝓡𝒆𝓵𝓪𝓬𝓲𝓸𝓷𝓪𝓶𝒆𝓷𝓽𝓸𝓼:
Par? Qual o modo que irá se comportar com ele?:

𝓢im!
Quando Adeline estiver caminhando para o início da paixão, conseguirá enganar a si mesma que “as borboletas presentes em seu estômago e a respiração falha” causadas na aproximação do garoto não passam de sintomas de uma gripe. Afinal, ela prefere que seja uma doença do que amor. Intensa, a garota veio para experimentar todas as facetas do amor, mesmo que negue de todas as formas possíveis. Adeline realmente se jogará no amor e viverá todas as experiências. O relacionamento deles irá começar de maneira mais leve e superficial, sem muitas demonstrações de ambas as partes, pois Adeline levará um tempo para assimilar que está gostando de alguém, já que ma vez gosta de histórias de amor, por isto está sempre envolvida com alguém, desde um pequeno "rolo" até uma grande paixão. Mas depois esse sentimento irá assumir grandes proporções. Pelo fato de vivenciar a área afetiva como quem salta de paraquedas, é claro que Adeline poderá ter seus machucados na área afetiva. Por causa disso, alguns irá se fechar e se proteger quanto ao amor, tentando ter controle desta área. Fará de tudo um pouco para se afastar do garoto, chegando a tratá-lo mau, para ver se o sentimento diminui.
A postura de Adeline mudará conforme o tempo for passando. Irá perceber que fugir dos sentimentos serão em vão, pois de um jeito ou de outro continuará apaixonada. Enfim, admitindo a si mesma que está gostando de alguém, depois tendo personalidade o suficiente para declarar-se ao garoto com todas as palavras. Não diferente de suas outras relações amorosas, tornará-se devota do amor. Sempre com muito bom-humor, fará de tudo um pouco para agradá-lo, desde presentes bobos até a realização dos fetiches mais insanos. Rotina é algo que detesta, então estará sempre inovando, fazendo o garoto se sentir mais atraído e hipnotizando nela. Com seu método de ser uma sedutora nata, gostará de encantá-lo ainda mais com suas ações. Irá gostar de cuidar dele, se preocupando com diversas coisas, mas principalmente se ele está ou não bem naquele dia. Adeline sempre gostará, acima de tudo, ser amiga dele. Alguém que ele poderá contar para todos os momentos; que poderá confidenciar seus segredos, que poderá dividir seu dia-a-dia; alguém que ele sabe que tem um ombro amigo para contar sempre. Gostará de demonstrar que, a cada dia que passa está mais apaixonada com simples ações. De sua forma maliciosa, gostará de provocá-lo com sua especialidade em dança. Fará movimentos sugestivos, não ligando para opiniões ou se alguém irá perceber. Há quem diz que o ciúmes apimenta o relacionamento, e Adeline possuí absoluta certeza sobre isto. O seu ciúme não chega a ser algo exagerado, mas há sempre aquela incerteza em alguns momentos, que são cortadas pelo o garoto, que sempre diz o quão aquilo é desnecessário. As demonstrações de carinho não acontecerão quando eles estiverem em público, já que a loira não suporta isso e também detesta demonstrar à todos. Eles podem se beijar no refeitório, por exemplo, mas não acontece com frequência.


Irá querer amigos? Como se comportaria com eles?:


𝓐𝓵𝓰𝓸 𝓶𝓪𝓲𝓼:
𝓐deline possuí esta tatuagem.

“Arte é o que fazemos, do que somos feitos.”[/i]


—–––––––––––––––––––––––– 𝓝𝓔𝓡𝓥𝓔 ––––––––––––––––––––––––—

𝓘t's obvious you're meant for me彡
Every ¸.*piece of ⊹you it just fits⊹ [perfectly]
]Nome completo: 𝓕lorence 𝓔lise 𝓓iLaurentis.
𝓢𝓲𝓰𝓷𝓲𝒇𝓲𝓬𝓪𝓭𝓸𝓼: 𝓢eu primeiro nome significa “alguém que floresce”, “pessoa próspera” e “florescente”. É, por sua vez, a versão francesa/inglesa de Florença, nome originado no latim Florentius, que quer dizer “florir”.𝓞 nome do meio também é de origem francesa, que vem do latim, significando “pessoa feliz”, “irradiante”.

Idade: 19 anos.

Data do Nascimento e signo:
23 de Outubro de 1995 || 𝓕lorence pertence ao signo Escorpião ♏

Aparência: 𝓑arbara 𝓟alvin.

Dona de uma beleza extraordinária, Angeline atraí múltiplos olhares por onde passa e, é considerada por alguns “uma escultura dos anjos enviado à Terra”. Suas madeixas castanhas-escuras são naturalmente onduladas, em comprimento mediano, estendem-se até seu busto. Suas íris são um verdadeiro poço de atração para quem encara-as: possuem uma tonalidade inconfundível de azul-celeste que, quando em contato com a luz solar ou qualquer outro tipo de iluminação podem tornar-sem mais claras, dando um efeito de que são feitas de vidro. Seus olhos possuem um desenho puxado que, quando sorri, tornam-se mais puxadinhas; além de serem envolvidas por longos cílios, que estão quase sempre cobertos por algumas poucas camadas de rímel. O design de suas sobrancelhas são arqueadas e, além de estarem bem-feitas, são de uma tonalidade mais clara do que seus cabelos. Não é por todos, mas seu nariz é considerado fofo, já que uma vez é delicado e empinado com uma pontinha extremamente fina no fim do mesmo.
Depois dos seus olhos, o que mais chamam atenção em si são seus lábios: carnudos, possuem formato de coração, pois o lábio inferior é um pouco mais preenchido do que o superior e estão sempre em tom avermelhado vívido –– dando a leve impressão de que o mordeu por alguns longos duradouros segundos. O tom alva de sua pele é resultado dos anos residenciando em Londres, na Inglaterra, esta também não possuí nenhuma marca de expressão ou natural, além de ser extremamente lisinha. Angeline pesa por volta de 57kg. Seu corpo é em formato violão, já que uma vez causa inveja e desejo em muitos.

Sexualidade: 𝓗eterossexual.

Gênero: 𝓕eminino.

Nacionalidade: 𝓕lorence nasceu na cidade de Marselha, que por sua vez é a segunda mais populosa de toda a França e a mais antiga do país. Localizada na antiga província da Provença e na costa do Mediterrâneo, é o maior porto comercial do país, além de oferecer um ótimo turismo. Atualmente, sua residência fixa localiza-se no condado de Manhattan, Nova York. Seu apartamento é próximo do Central Park, a oferecendo uma ótima vista.


Personalidade: [Bem, essa categoria pode ser a mais importante da sua ficha, pois é com ela que vamos ter uma ideia de como usar seu personagem, por isso, caprichem.]

História:
NASCIMENTO:
𝓞 Outono castigava a cidade de Marselha na noite do dia 23 de Novembro. As folhas das árvores balançavam gradativamente conforme as rajadas de ventos aumentavam a intensidade, estalando espécies de zumbidos nos ouvidos dos respectivos moradores. Névoa cobria os campos-de-visões, dificultando ainda mais o caminho de Sophie e Pierre DiLaurentis até a maternidade mais próxima da casa em que moravam. O homem, de aproximadamente 25 anos, intercalava o olhar entre a estrada e sua esposa no banco de trás. Sophie soltava gemidos de reprovação enquanto suplicava para que seu marido acelerasse o carro. A chuva começou a cair fortemente, resultando na preocupação de Pierre, pois sua mulher choramingava no banco de trás do seu carro e sua primeira filha poderia nascer à qualquer momento. Ele, por sua vez, aumentou a velocidade do carro: ver Sophie sofrendo com possíveis dores-de-parto estava o corroendo por dentro. Não foram nem 01 minuto desviando sua atenção da estrada para sua mulher e um enorme acidente ocorreu naquela noite. Um enorme caminhão de carga chocou-se contra o automóvel da família DiLaurentis. Fora apenas 03 dias depois que Pierre acordou, voltando a si totalmente. Seus olhos abriam-se lentamente, acostumando-se com a luz forte ambiente, fazendo-o remexer-se um pouco contra a cama. O quarto em que estava fora decorado com alguns buquês de rosa e sua mãe, Annabel, balançava-se na poltrona-reclinável. A senhora então deu de conta que seu filho finalmente havia acordando, soltando gritos de exclamações de felicidade, e pedindo graças à Deus.
Algumas horas depois, Pierre peguntou se sua filha e sua mulher encontravam-se bem. Annabel fizera uma expressão amarga, sentindo um peso enorme nas suas costas, mas por recomendações do médico, não iria afetar a saúde mental dele se ela a contasse do ocorrido.
A mais velha sentou-se ao lado dele na cama, choramingando e fungando baixo. Pierre franziu o cenho e a perguntou o motivo de um possível choro. Annabel sorriu
[Queremos do nascimento até o fato de porque ter se cadastrado em NERVE.]

Família: [Nome - Parentesco - Aparência - Relação - Vivo ou Morto?]

É um jogador ou um observador?: [Lembrando que, os observadores não serão de nenhum modo desmerecidos, eles serão extremamente importantes para o enredo da historia.]

°•Q U E S T I O N Á R I O•°

Qual foi o real motivo do personagem se inscrever nesse aplicativo?:

Qual o Nick do personagem?:

Já ouviu falar sobre esse jogo antes de participar do mesmo?:

Seria capaz de trair um amigo neste jogo?:

Denunciaria o jogo para a polícia? Claro, mesmo sabendo que é proibido:

Qual seria o desafio impossível?:

Qual sua equipe? Vermelha ou Azul?:

Como seria a relação com Daniel Joseph Slaviero?: [Personagem do @Alpha-]

Como seria a relação com com Ruby Raed Morgenstern?: [Personagem da @Lightwood-]

Como seria a relação com Simon Argent?: [Personagem do @bulsht]

•°THE END°•

Estilo de roupa: Roupa 01 | Roupa 02 | Roupa 03 | Roupa 04 | Roupa 05 | Roupa 06 | Roupa 07 | Roupa 08 | Roupa 09 | Roupa 10 | Roupa 11 | Roupa 12 | [Perdoa a quantidade de roupas e não desiste de mim]

Algo a mais?:


––––––––––––––––––––––––— 𝓣𝓔𝓔𝓝𝓢 ––––––––––––––––––––––––—

𝓨ou have no idea that you're in [deep]?彡
I've dreamt about you ¸.*nearly every ⊹⋆̥*̥̥night this week⊹
𝓝𝓸𝓶𝒆:
𝓐mélia 𝓒arter 𝓑utterfield.

𝓐𝓹𝒆𝓵𝓲𝓭𝓸𝓼:
𝓑arbie || Há quem utilize esse apelido, principalmente os rapazes do seu Colégio. Não sabe-se ao certo quem começou a chamá-la dessa forma, porém fora criado por conta de uma metáfora –– as semelhanças físicas que Amélia possuí com a boneca. Praticamente todos a chamam de 'Barbie Butterfield', enquanto só desejam desfrutar das carracas lançadas a cada um deles, já que uma vez, a garota odeia ser chamada assim.

𝓐my || Este é bastante informal e combina perfeitamente com os momentos ocorridos com seus amigos ou até mesmo colegas –– basicamente, todos ao seu redor a chamam assim, tornando-se bastante acostumada e estranha quando algum deles não o utiliza.

𝓛ia || Pouco utilizado, apenas os mais chegados a chama dessa forma. Amélia não admite, mas adora ser chamada assim, pois sente-se aconchegada e especial por/para estes.


𝓓𝓪𝓽𝓪 𝓭𝒆 𝓪𝓷𝓲𝓿𝒆𝓻𝓼𝓪𝓻𝓲𝓸: 29/10/1999

𝓘𝓭𝓪𝓭𝒆: 𝓓ezessete anos.

𝓐𝓹𝓪𝓻𝒆𝓷𝓬𝓲𝓪:

𝓟𝓴𝓸𝓽𝓸𝓹𝓵𝓪𝔂𝒆𝓻: 𝓖abriella 𝓦ilde.
𝓓ona de uma 'beleza extraordinária', Amy é alvo de múltiplos olhares e pensamentos pecaminosos — alguns consistem dizer que ela é um [i]''feito dos anjos enviado à Terra''
. Durante toda sua infância, costumava a fazer parte de concursos de Beleza, adquirindo algumas faixas e coroas para sua estante. Os traços consistem em ser extremamente delicados, iguais ao de uma boneca de porcelana. O rosto possuí formato pequeno e quadrado, deixando seu maxilar um pouco à mostra, e tornando-a desprovida de bochechas; a pele é em tom alva — resultado do clima frio do Canadá, igualmente ao seu desgosto em relação aos poucos dia quentes — extremamente branquinha e sem manchas ou marcas, totalmente macia. Sem sombra de dúvidas, a cor de seus olhos chama muita atenção para quem encara-os: um azul-extremamente-claro predomina, podendo passar a impressão de que são feitos de vidro. As madeixas são loiras e onduladas de natureza, estas que ela não dá-se o trabalho de alisar ou mudar, e caem até a metade de suas costas. Sempre impecáveis, são hidratadas constantemente, expelindo um aroma agradável de morango. Seu nariz é pequeno e delicado, possuindo pequenas sardas ao decorrer do mesmo. Os lábios possuem o formato pequeno, mas são bem preenchidos e estão quase sempre em um tom avermelhado — dando a leve impressão de que ela o mordeu por alguns segundos. Seus cílios são tão claros quanto o tom de seu cabelo, porém estão quase sempre com boas camadas de rímel, o que moldura magnificamente os olhos azuis da garota. O corpo não é muito magro, já que uma vez possuí muitas curvas, como suas coxas totalmente acentuadas e bumbum avantajado.


Orientação sexual: 𝓗eterossexual.

𝓓𝒆𝓼𝒆𝓳𝓪 𝓹𝓪𝓻? 𝓢im.

𝓟𝒆𝓻𝓼𝓸𝓷𝓪𝓵𝓲𝓭𝓪𝓭𝒆:
𝓐my reserva a maior parte de si para os sentimentos intensos. As pessoas que convivem com ela tendem a perceber que, para tudo nessa vida, ou ela está totalmente obcecada ou totalmente desinteressada — não importa o que seja, mas principalmente suas emoções e ações, a dominam de forma absurda. Em um resumo bem simples, ela é 8 ou 80. Sem filtro algum, não pensa nas consequências que podem ocorrer com suas ações impulsivas, sendo tudo improvisado: Amélia sente uma enorme vontade de expor o que sente e, com muita sinceridade e sem papas na língua, domina na arte de ser franca com todos. Não contêm nenhum medo de entregar-se totalmente à alguém, seja num relacionamento ou numa amizade. Sempre muito dócil, gosta de demonstrar que a pessoa é importante para ela em pequenas ações, por mais simples que estas sejam. Fazer os demais sorrirem é quase um dom: dona de uma alegria sem fim, está sempre pronta para fazer piadinhas ou trocadilhos. Bastante generosa, gosta de ajudar quem precisa, não importa a situação ou a pessoa, dá ombro-amigo há quem estiver precisando. É meiga na medida do possível: nem sempre trata-se de ser delicada, pois há momentos em que explode sem pensar duas vezes se vai ou não ferir alguém. Às vezes é totalmente vulnerável a coisas fúteis, por exemplo, ofensas — algo que não sabe lidar muito bem, já que uma vez, chora quando está nervosa ou discutindo. Como no velho ditado, Amélia é telhado de vidro: tacou pedra, quebra. Outra coisa que não sabe lidar são elogios. Do fundo do seu coração, ela admira aqueles que são elogiados e não ficam com as bochechas vermelhas e, muito menos com vontade de enfiar a cabeça na terra igual um avestruz. Não muda de opinião tão fácil e não pode ser manipulada na mesma intensidade. Geralmente, ela costuma ser bastante manipuladora, deixando os demais na palma de sua mão. Costuma ter uma boca bastante, digamos, suja, já que uma vez está quase sempre falando palavrões.

Extremamente tímida, não consegue ser extrovertida, mas sim simpática, pois é uma daquelas que não consegue permanecer encarando alguém por muito tempo, igualmente à falar em público, já que começa a gaguejar. Não é de falar muito, mas quando torna-se íntima de alguém, faz questão de agradá-la e mantê-la ocupada. Quando engata em uma conversa, faz de tudo um pouco para que a pessoa sinta-se no máximo confortável com sua presença. Ou então, estará totalmente desinteressada na conversa. Está sempre pronta para inovar, seja com novas roupas ou um novo penteado. Bastante inteligente, não precisa fazer esforço para entender metáforas, piadas internas ou algo complexo para se concluir. Por vezes é muito distraída, sonhando acordada, pronta para dar esbarrões com qualquer um nos corredores e, por vezes, passar uma vergonha básica.
Possuí um coração enorme, mas às vezes é 'abusada' por ser assim. Alguns a taxam de idiota, mas não é bem assim, já que uma vez é bondosa e não burra. Não pise no seu calcanhar de Aquiles ou então sofrerá com as consequências. Muito vingativa, quando é magoada, não pensa nem duas vezes antes de retribuir o sentimento ruim que uma vez já sentiu. Um dos seus maiores defeitos é ser rancorosa demais. Torna-se extremamente fria quando enganada em seus bons princípios, detestando ser enganada por alguém que já confiou. Por vezes é orgulhosa, detestando admitir que sofre, que ama ou que sente falta. Muito ambiciosa, está sempre com planos em sua cabeça para conseguir o sucesso. Odeia usar sua beleza para benefício próprio, mas quando é necessário ela aposta em todas as armas. É muito manipulada, pois todos a acham ingênua demais — algo que ela é, sim — para dizer um "não" ou contestar com algo. Adora provocações, mas gosta de, principalmente, provocar. Detesta estereótipos ou de ser julgada sem nem se quer ser conhecida.

𝓗𝓲𝓼𝓽𝓸𝓻𝓲𝓪:

𝓕𝓪𝓶𝓲𝓵𝓲𝓪:
Parentesco, nome, idade, profissão e relação

𝓜𝓪𝓽𝒆𝓻𝓲𝓪 𝒇𝓪𝓿𝓸𝓻𝓲𝓽𝓪: 𝓑iologia.
𝓝ão sabe-se ao certo se é por conta do seu pai, mas Amélia realmente adora as aulas de ciências humanas ou da natureza. Sempre muito empolgada em querer aprender mais e mais, é a aluna mais prestigiada dessa matéria.

𝓜𝓪𝓽𝒆𝓻𝓲𝓪 𝓺𝓾𝒆 𝓶𝓪𝓲𝓼 𝓸𝓭𝒆𝓲𝓪: 𝓠uímica.

𝓞 𝓺𝓾𝒆 𝓶𝓪𝓲𝓼 𝓸𝓭𝒆𝓲𝓪 𝒆𝓶 𝓾𝓶𝓪 𝓹𝒆𝓼𝓼𝓸𝓪: 𝓕alsidade.
𝓐mélia admira pessoas que conseguem transparecer suas verdadeiras intenções ou sentimentos. Às vezes apresenta fadismo em suas ações, mas odeia mentiras ou enganações, sempre fazendo de tudo um pouco para desmascarar quem age desse modo. Para ela, se alguém têm algo para falar, mesmo que magoe outro, há necessidade de falar cara-a-cara.

𝓞 𝓺𝓾𝒆 𝓶𝓪𝓲𝓼 𝓰𝓸𝓼𝓽𝓪 𝒆𝓶 𝓾𝓶𝓪 𝓹𝒆𝓼𝓼𝓸𝓪: 𝓒aráter.

𝓒𝓸𝓶𝓸 𝓿𝓪𝓲 𝓽𝓻𝓪𝓽𝓪𝓻: 𝓐𝓶𝓲𝓰𝓸𝓼

𝓘𝓷𝓲𝓶𝓲𝓰𝓸𝓼:

𝓓𝓲𝓻𝒆𝓽𝓸𝓻𝓪:


𝓟𝓪𝓻: 𝓠uando 𝓛ia estiver no princípio da paixão conseguirá enganar a si mesma que, 'as borboletas no seu estômago e a respiração falha' causadas pela aproximação do par, não passam de sintomas de uma gripe. Afinal, ela prefere que seja infarto do que amor. Sua postura extremamente tímida fez com que se afastasse dos grupos de amizades que se formavam, e o seu único hobby era ficar encarando seu par. O rapaz a encantou com sua beleza e com sua personalidade, e mesmo senão quisessem, os olhos azuis da garota sempre paravam na postura distraída que ele assumia enquanto sorria ou exercia movimentos bastantes simples. Com o passar do tempo nada mudará e sua confiança será totalmente abalada com o pensamento de que ele não dará atenção, fazendo com que Amy ainda não encontra-se segura o suficiente para iniciar um diálogo com ele, de forma com que este tomasse iniciativa quando pegou-lhe no flagra encarando-o. De início ele soltará soltava prolongadas risadas quando ela começar a gaguejar quando ele soar malicioso ou fazer piadas/trocadilhos de duplos sentidos, fazendo com que ela também core violentamente. Outra coisa que o faz sorrir é perceber que ela está o encarando, então ele a encara de volta, fazendo-a ficar envergonhada. Irá adorar elogiá-la, mesmo sabendo de sua fobia de receber elogios. Seus tempos juntos prolongam-se por horas e horas, sempre com conversas e noites de sexo.
A postura de Amélia não mudará em relação ao seu par. Irá tornar-se devota do amor, mergulhando de cabeça na relação como sempre faz nas suas outras. Sempre com muito bom-humor, fará de tudo um pouco para agradá-lo, desde presentes bobos até a realização dos fetiches mais insanos. Gostará de cantar para ele após o sexo ou quando estiverem sem nada para fazer, apenas deitados em sua cama. Então partirá para a fase de descobri-lo por completo: saber dos medos, sonhos, metas, desejos dele, porém sem ser o estilo chata-tagarela, pois sempre dará espaço para ele expor suas opiniões também. Bastante maliciosa, gostará de provocá-lo com danças/movimentos sugestivos mesmo em público. Sua maior preocupação é saber se o sentimento é recíproco ou não.


𝓜𝓪𝔂𝓪 𝓗𝓲𝓵𝓵:

𝓐𝓵𝓵𝓲𝓼𝓸𝓷 𝓦𝓪𝓭𝓭𝓸𝔁:

𝓥𝓲𝓬𝓲𝓸𝓼: (Me refiro a drogas, álcool, mutilação)

— Situação Financeira (Também ponha se tem bolsa)

Classe social:

— Segredos

𝓤𝓶𝓪 𝓹𝓪𝓵𝓪𝓿𝓻𝓪 𝓺𝓾𝒆 𝓭𝒆𝒇𝓲𝓷𝒆 𝓪 𝓹𝒆𝓻𝓼𝓸𝓷𝓪𝓰𝒆𝓶: 𝓘ntensa.

— Uma musica que defina seu(a) personagem (link/video e nome da musica e do artista)

— Favoritos (Bandas, cantores, atores, series, filmes, livros...)

— Musica favorita

𝓒𝒆𝓵𝓾𝓵𝓪𝓻: 𝓘phone 6S dourado.


— Medos/Fobias/Traumas

— Sonhos

𝓡𝒆𝓭𝒆𝓼 𝓼𝓸𝓬𝓲𝓪𝓲𝓼:
𝓘nstagram: @Amy.butterfield || 𝓣witter: @amybutterfield || 𝓕acebook: Amélia Butterfield || 𝓢napchat: liabutterfield || 𝓣umblr: doucebaiser.tumblr.com

𝓡𝓸𝓾𝓹𝓪𝓼:

𝓒asual/𝓔scola: O1 and O2 {Há 06 roupas, então desculpe por isso}
𝓕ormal: [url=]O1[/url] (1)
𝓟ijama: O1, O2 and O3
𝓑anho: O1 and O2 (2)
𝓕antasia: Supergirl (1)

— Se eu precisar mudar algo em seu personagem esta de acordo?

— Algo mais? (sem pet's)

Comendo: —––––––––––––––––––––––––
Bebendo: 𝓐 𝓑 𝓒 𝓓 𝓔 𝓕 𝓖 𝓗 𝓘 𝓙 𝓚 𝓛 𝓜 𝓝 𝓞 𝓟 𝓠 𝓡 𝓢 𝓣 𝓤 𝓥 𝓦 𝓧 𝓨 𝓩 𝓪 𝓫 𝓬 𝓭 𝒆 𝒇 𝓰 𝓱 𝓲 𝓳 𝓴 𝓵 𝓶 𝓷 𝓸 𝓹 𝓺 𝓻 𝓼 𝓽 𝓾 𝓿 𝔀 𝔁 𝔂 𝔃

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...