~Azael

Azael
Impromptu
Nome: Margareth Vessalius
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Franca, São Paulo, Brasil
Aniversário: 1 de Janeiro
Idade: 20
Cadastro:

Devaneios de poetisa - Espere esperando esperança esperada


Postado

Se pálpebras se cansam, basta as relaxar
Se olhos se enjoam, basta os vendar
De maneira alguma precisa ver o que não quer

Sentada, descansada
As pessoas falam de amor
Falam de sonhos, desejos, conquistas
E os idolatram como perfeitas ametistas
Ou como coisas que nunca terão
Tendo a esperança de esperar pelo improvável

Para coisas próximas, o contrário:
— Se adverte, ainda é agrário!
Lobo com fome perto da comida
não sabe apreciar aromas gastronômicos
— tampouco os conheceu.
Só almeja devorar a carne crua
Para encher seu vazio e viver seu nada.

Quando se espera, só vem a demora
De que o tempo encurte, a esperança
E esperando o banal, volta-lhe a criança
Totalmente esperada de que você a orgulhe
Espere esperando esperança esperada
E não tenha pressa em viver ou morrer
Carregue o infinito dentro de seu peito
E saiba que bom coração nunca vai falecer


Escutando: Ruz iznachal'naya

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...