Comentários Do Autor: Fiction More Than That (Capítulo 10: Lights On - Parte II)


Postado

Comentários Do Autor: Fiction More Than That (Capítulo 10: Lights On - Parte II)

OLÁ ABIGUINHOS!
Estou de volta com mais um "comentários do autor". E desta vez não é da fanfiction Howl, mas sim da fiction original chamada More Than That! E eu estou muito animado porque eu não tinha ideia de quando eu postaria um capítulo novo e aqui estou eu, finalizando o capítulo para postá-lo depois.

Mas vamos com calma. O que é More Than That e porque o "Thor" está na capa deste jornal!?
Eu não sei se já deu pra perceber, mas eu tenho uma certa queda pelo Chris H, que atua como Thor nos filmes da MARVEL e eu escolhi me inspirar um pouco na aparência do autor para criar um dos personagens principais da minha história.



More Than That é uma história romântica entre dois homens da mesma família, ou seja, incesto gay. Mas porque eu resolvi falar deste assunto na história? Bom, tudo começou quando eu vi uma notícia na internet de um rapaz que estava casando-se com sua irmã ou algo do tipo. E lá haviam muitos comentários de ódio enquanto eu fiquei pensando "e daí? no que o casamento deles vai mudar a minha vida? eu não considero como normal, mas não é por isso que eu vou sair por aí espalhando o ódio sobre isso" e foi quando eu tive a ideia de passar esse meu pensamento à diante a partir de uma história. Só tinham alguns problemas: primeiramente, eu tenho certas dificuldades em trabalhar relacionamentos héteros em história (não sei porquê) e a história me pareceu mais atrativa relacionando dois homens, porque daí já trataria de mais de um assunto ao mesmo tempo. O segundo problema foi que, ao invés de os personagens serem irmãos na minha história, acabou tornando-se tio e sobrinho, e isso se deu ao fato de eu me inspirar em atores para criar os personagens (Chris H. como Nash e Zac Efron como Logan). Apesar de isso ter me atrapalhado um pouco no começo, a história se desenvolveu bem, creio eu.



Para quem está lendo esse jornal e ainda não leu a história: Bom, a história é narrada por Logan e Nash, que descobrem sentimentos um pelo outro logo após uma série de desventuras na vida dos dois. A mãe de Logan morre devido ao câncer e este passa a morar na casa do tio, Nash e à medida que os dois vão se "reconhecendo" (devido à distância que mantinham até então), eles percebem sentimentos que já estavam lá, porém, escondidos e/ou reprimidos.

O Hiatus: o hiatus sem aviso prévio se deu ao fato de que eu estava sem ideias para desenvolver o capítulo mesmo eu tendo me programado antes e já "em mãos" com a ideia principal para o mesmo e, também, pelo fato de eu estar no último período da minha faculdade e a coisa lá estar feia. O bicho está pegando! :D

Isso significa que eu voltarei a ser assíduo!? Infelizmente eu não sei. Eu gostaria que sim e vou me esforçar para isso, mas não é uma garantia. Ainda mais agora que eu estou reavaliando o planejamento da história. Como Assim!? Eu havia planejado a história toda e ela teria, no total, 20 capítulos (com cada capítulo contendo 1000-4000 palavras), porém, eu desenvolvi certos pontos da história que acabaram tornando-se um pouco mais complexo do que eu achei que seria, como a relação do Logan com Hannah e Edward e Marcus, o amigo de Júlia. Esses são alguns exemplos de pontos que eu sinto que devem ser melhor explorados.



Mas vamos ao que interessa que são os comentários sobre o capítulo.
Eu estava com muita dificuldade de desenvolver a desconfiança da Julia sobre a relação do pai com Logan e porque ele cuida do tio como se esse fosse um namorado. Eu não sabia ao certo como desenvolver isso e foi quando percebi que deveria reavaliar meu planejamento. Mesmo que não sendo na intensidade que eu havia pensado, eu expus um pouco dessa desconfiança dela.
Nesse capítulo eu falei bastante das certezas e incertezas de Nash (que é o narrador do capítulo) e um pouco das incertezas de Logan. O capítulo anterior serviu como um salto no tempo e por isso, achei que seria interessante trazer de volta algumas dúvidas e talvez sentimentos, que eu poderia ter explorado em dois ou três capítulos caso o capítulo 9 não fosse um salto no tempo.
A separação em partes de "Lights On" também foi algo proveitoso porque na primeira parte tem a busca de Logan e Nash por uma luz para a situação deles, na segunda parte tudo fica mais claro para alguns personagens e na terceira (e última) parte é quando tudo muda para todo mundo, então a transição através desses três capítulos ficou (e ainda vai ficar no próximo -q) bastante interessante.
Teve também um pouquinho de "pegada sexual". Não, a minha história não deixou de ser yaoi para tornar-se um lemon, mas eu achei que seria legal e ia amenizar um pouco o drama. Não ficou nada muito "estou me sentindo no redtube", mas também não ficou "santo" demais. Eu adorei.


O que está por vir?
O que eu posso afirmar com certeza é de que haverão mudanças, algumas serão bem significantes e outras nem tanto. Quais serão as mudanças eu ainda não sei. Entre elas, eu estou considerando aumentar o total de capítulos, os títulos dos capítulos, mais interações com personagens variados (pra não ficar só Nash e Logan dentro de casa), a introdução de novos personagens e o que serão as consequências apresentadas no próximo capítulo (que não, eu não sei quando vou postar -q).

Basicamente, é isso. Ainda hoje (domingo) tem capítulo novo de More Than That e semana que vem eu devo postar os dois últimos capítulos de Howl. Espero que vocês gostem do capítulo de hoje e até a próxima!



Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...