~GablyChan

GablyChan
Rainha dos Clichês
Nome: Gabriella
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil
Aniversário: 27 de Janeiro
Idade: 20
Cadastro:

"Crazy for you"??? EU É QUE FIQUEI CRAZY!!!


Postado

"Crazy for you"??? EU É QUE FIQUEI CRAZY!!!

Pois é, Batatinhas... Andei bem sumida nesses dias.
Basicamente, virei um urso na caverna. Tem dias que eu nem mesmo saio de casa. Às vezes a TPM ataca e eu dou esses ataques, enfim... -q

Esses dias eu estava tentando focar nas minhas fics - inclusive, estava pensando em uma nova -, porééém, fui pega em mais uma onda de crise criativa. E pra quem escreve, sabe que isso é uma bela merda. '-'
Quando eu entro nessas crises, eu fico com muita raiva de mim! Ainda mais se eu prometo capítulos com frequência.
Mas boas notícia no meio de mil outras: o capítulo 6 de "S.O.S., meu namorado é um Gangster!" já está pronto. Só preciso revisar e vou postar mais tarde, já que eu tenho 1000 comentários para responder ainda hoje. kk' <3

Mas voltando ao conteúdo do jornal:
Sempre que eu entro em uma crise criativa, eu leio mangás shoujos. O site que eu recomendei no jornal passado, o Toshi wa Yume, publicou mais dois mangás completos; um com 3 volumes e outro com 6.
Fiquei animadíssima! Afinal, eu já vasculhei todos os mangás daquela joça! kk'
O primeiro que eu li foi perfeito, baseado em um Drama chinês, que teve adaptação para o coreano - que, por um acaso, eu ainda não assisti -, fiquei até feliz em encontrá-lo, afinal, eu não consegui assistir a um Drama de 70 e poucos capítulos de 50min à 1h, desculpem, sou pura preguiça. Mesmo sendo bom, não deu!
E, graças a Deus, o mangá só teve três volumes.
Mas aí, não satisfeita, fui ler o segundo.

Eu sou uma papa-mangás, onde tem shoujo, eu tô.
Eu acho que esse mangá, "Crazy for you", foi um dos PIORES QUE EU JÁ LI NA MINHA VIDA!
Completamente destruiu a minha animação. '-'

Eu já estava "toda": Uh... Esse mangá está me animando, já-já minha cabeça vai voltar ao normal para escrever os capítulos. Não estou reclamando do pessoal do Toshi wa Yume, afinal, como sempre, a tradução deles estava ótima. O meu problema é com a autora dessa merda que chamam de mangá shoujo! PQP, só xingando, eu nunca fiquei tão abismada com tanta babaquice!!

Vocês até me desculpem... Eu acabei de deletar essa merda e vim logo comentar. Por isso, eu tô irritada pra danado!

A história é seguinte:

Sachi Takamura é uma colegial de 17 anos que nunca namorou na vida. (A história é até um pouco parecida com SOS, mas no começo. Não sou de me gabar, mas SOS é muito melhor que isso! >:0) Mesmo estando nesta situação, Sachi se sente feliz; tendo namorado ou não.
Então, o namorado de sua amiga, Akemi, monta um Goukon para as amigas encalhadas da Akemi. E, claro, Sachi vira a peça principal desse passeio, já que aceita imediatamente o convite.
No Goukon, Sachi conhece Yuki, que se mostra ser um doce rapaz e depressa pega amizade com Sachi, já que ela é muito simpática.

Só que... Yuki se torna o primeiro amor de Sachi em apenas 5 meses.


Takamura Sachi.


Se estiverem interessadas no mangá, vou deixar o link! Se este for o caso, parem de ler por aqui, porque vou colocar MUITOS SPOILERS e minha opinião esmagadora à essa história.

Toshi wa Yume - CRAZY FOR YOU (baixe aqui)

Antes de tudo, a autora desse mangá se chama "Karuho Shiina"; para quem não a conhece, ela foi a ilustre autora de "Kimi ni Todoke". Obra famosa e, na minha opinião, muito fofa, mesmo que me irrite um pouco no anime. Eles puxaram muito para o lado da fofura extrema; isso não combina muito comigo.


"Kimi ni Todoke" anime.



Kimi ni Todoke mangá.


Mas enfim, Kimi ni Todoke está longe de ser o erro de Shiina, já que é um mangá muito doce, mesmo com as altas enrolações.
O meu problema é "Crazy for you".

Por onde eu começo?
Esse mangá, além de mostrar uma protagonista enjoada, indecisa e idiota, conseguiu me abismar de uma maneira que eu NUNCA imaginei ser possível em um mangá shoujo japonês.
Como algumas aqui, que acompanham os meus jornais, sabem que eu dou crédito aos manhwas - mangás coreanos - que são ótimos em desenvolver os sentimentos dos personagens, além de ter um enredo rolando ali. Os manhwas não focam só nas cenas kawaiis e esquecem do enredo, eles se preocupam mais com a história em si e é por isso que fica tão bom.

Mas eu admito que já peguei muitos mangás japoneses que são uma verdadeira figura. Dos personagens se conhecerem e no mesmo dia dizerem que se amam e se devorarem - sim, isso mesmo que vocês estão pensando, danadas - e continuarem se amando e o mangá mostrar o típico "nossas vidas continuam, mas nos amaremos para sempre."
Não cara, não é assim.
Isso está pior que Disney.

Obviamente, eu também conheci diversas obras japonesas que me encantaram!

Lovely Complex

Hana Yori Dango - inclusive, a mestra "Yoko Kamio", na minha humilde opinião, é uma das melhores mangakás de shoujos. Eu amo cada obra dela! <3

Até mesmo Kimi ni Todoke;

Foram obras realmente boas! Obras que valeram o tempo que eu passei vidrada no computador. Por isso, ainda tenho esperanças em autoras de mangás shoujos. Porém, com exceção de Kimi ni Todoke, eu tenho certeza absoluta que nunca mais na vida vou ler mais alguma obra de Shiina.
Isso foi uma decepção traumatizante.

Basicamente, como todo o shoujo, o mangá começa fofinho.
Sachi conhece Yuki, se apaixona, as pessoas, inclusive sua amiga Akemi, avisam que ela não deveria ficar com ele, porque ele a faria chorar e bláh-bláh-bláh... Sachi caga pra todo mundo e investe seu "amor" em Yuki, o príncipe do Goukon.
Acontece dele avisar que ela se machicaria ao estar com ele, ela caga, novamente; E assim, eles começam a construir uma forte amizade, simplesmente pelo fato de Yuki saber que ela gosta dele - pois está na cara -, mas continuar a deixar a coitada na friendzone, e adivinhem? ELA ACEITA!

Isso mesmo, ela aceita estar na friendzone, só porque conheceu um cara e o amou após desgraçados 5 meses!!!! E vale dizer que foi o primeiro amor dela (e mais bláh-bláh-bláh).

O Yuki a rejeita 2 vezes. Não satisfeita, ela o pega beijando sua melhor amiga, Akemi, que, até então, só se mostrava incomodada pelo fato de saber que Sachi estava loucamente apaixonada por Yuki. E, claro, Akemi tinha namorado. E isso foi mais um dos motivos que me deixou MUITO BOLADA com essa história.

Sachi descobre que Akemi é, na verdade, a pessoa que Yuki mais ama.
Papo vem, papo vai, Sachi chora, Akemi abandona o pobre do namorado, Akemi restaura sua amizade com Sachi e Akemi e Yuki começam a namorar.
Akemi simplesmente ignora sua amizade com Sachi, ignora que sua MELHOR AMIGA morre de amores pelo cara, ignora que seu ex namorado QUASE SE MATA POR ELA e fica com Yuki que, obviamente, também está cagando para a Sachi. Ele deixa bem claro que a ama como amiga. Pior friendzone da história! Sério.

MAS AÍ!!! No meio disso tudo, surge uma esperança!
Um amigo de Yuki, Eiji - eu simplesmente me esqueci do sobrenome dele, este é o mais dito no mangá. Eiji se apaixona por Sachi. Sabe de seus sentimentos doentios - porque, sinceramente, isso é doentio - e se declara para ela.

Eiji aparece desde o primeiro capítulo, sendo frio e calculista. Vendo ele nos primeiros capítulos e sua relação engraçada com a Sachi, tava mais do que na cara que ele se apaixonaria por ela e se tornaria o rival de Yuki - bom, isso antes de Yuki cagar para a Sachi e ir com o rabinho abanando para a amiga dela.
Eiji é um fofo! Ele aguenta muito pela Sachi.
Mesmo sabendo que a menina é completamente apaixonada pelo amigo, Eiji ignora tudo e entra com tudo no fogo para fazer Sachi amá-lo. A trata com muito carinho e a MERDA dessa protagonista fica sempre no "Oh~ Será que um dia vou esquecer o Yuki?"; só para deixar claro, enquanto ela pensa isso, o cara tá lá namorado com a amiga e está cagando em triplo pra ela. "Não adianta! Não importa tudo que o xxxx" - esqueci o sobrenome do Eiji kk - "faça, o Yuki está sempre em primeiro lugar no meu coração!".

No início, eu até compreendi.
Pow, era o primeiro amor dela, essas coisa são complicadas.
Mas, o mangá tendo 6 volumes e aquela situação idiota se estender até o volume 5, eu já estava ficando preocupada. O que eu fiz? Não suportei mais a merda do lenga-lenga e pulei para o volume 6, com o intuito de ver como aquela merda saltitante terminaria.

Eu achei que não poderia ser pior.
O mangá termina com Yuki AINDA com Akemi, ou seja, nada mudou. Eu não entendi o que rolou direito, não sei se a Akemi o abandonou pelo ex ou se eles continuaram juntos; pelo andar da carruagem, acho que Yuki e Akemi terminaram juntos.
A Sachi deu um fora no Eiji por ainda amar o Yuki - sabe? O carinha que tava cagando e andando para ela?? Esse mesmo! - e o Yuki continua cagando para a Sachi.

Eu agradeço que tive a impaciência de ler esta titica até o fim e pulei logo para o 6. Se eu tivesse lido até o fim, eu acho que explodiria, nem estaria com raiva.
Eu acho que NUNCA, em toda a minha vida, vou encontrar um mangá tão ruim quanto esse! Sem mentira nenhuma! Prefiro ler 3 coletâneas de one-shots sobre como estudantes colegiais transam ao se conhecerem, se amam e ficam felizes para sempre, do que voltar a pôr os meus olhos nessa merda de cavalo. '^'

A história dá o fim com a seguinte conversa entre Yuki e Eiji:

"Desculpa, Eiji, eu te trouxe muitos problemas" - ele diz isso, porque toda vez que Sachi saia com Eiji, esse peido de Armadura de Sagitário aparecia no meio e a cadelinha ia correndo atrás.

"Não foi sua culpa" - não lembro mais do diálogo, explodi depois daí. '^'

XXX


CHEGA! EU NÃO AGUENTO MAIS FALAR DESSA MERDA! ;------;
Por que não existem sites com notas para as obras, seria tão mais fácil!

Eu sei que agora, mesmo tendo esperança em encontrar boas obras como "Lovely Complex", "Hana Yori Dango" e outras, eu terei trauma de mangás shoujo por um bueno tempo. '^'

Bom, KISSUS! ;3;


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...