~BlueOceans

BlueOceans
Leitora
Nome: Blue ❣
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Florianopolis, Santa Catarina, Brasil
Aniversário: 29 de Março
Idade: 15
Cadastro:

Ficha ✖ Desaparecidas, em torno de pesadelos ✖


Postado





☘ 𝓔𝓇𝒾𝓈 ℳ𝒶𝓇𝒾𝑒 𝓗𝑜𝓁𝓂𝑒𝓈 ☘

❝ If no one in the entire world cared about you,
did you really exist at all? ❞





🍁 NOME & SOBRENOME 🍁

『 Eris Marie Holmes

Eris - originado do latim, significa 'coberta de ouro', e também era o nome da deusa grega da discórdia

Marie - forma francesa do nome alemão Maria

Holmes - é um sobrenome da língua inglesa com várias origens. É uma variante do sobrenome Holme, que pode ser derivado de um nome para alguém que viveu ao lado de uma árvore de azevinho (holm em Inglês Médio). Ela já foi muitas vezes chamada de Sherlock como trocadilho por ter o mesmo sobrenome que o famoso detetive criado por Arthur Conan Doyle, e também devido ao seu raciocínio rápido e fascínio por livros de mistério e investigação.』





🍁 IDADE 🍁

『 17 anos, nasceu dia 02/05, sendo do signo Touro ♉️ 』





🍁 NACIONALIDADE 🍁

『 Escocesa 』





🍁 PAIS EM QUE VIVIA 🍁

『 Escócia 』





🍁 APARÊNCIA 🍁









🍁 DESCRIÇÃO DA APARÊNCIA 🍁

『 Eris possui longos cabelos que chegam até sua cintura, de uma tonalidade roxa escura e por mais incrível que pareça natural, suas madeixas são lisas na raiz mas conforme descem vão formando cachos mais soltos, seu cabelo é volumoso e é quase sempre deixa solto.
Seus olhos são seu traço mais fascinante, Eris possui heterochromia, o que faz com que seu olho direito seja um azul claro e o esquerdo vermelho rubi.
Seu rosto possui traços delicados, seu nariz levemente arrebitado e seus lábios possuem um tom rosado natural, deixando-a com uma beleza clássica, sua pele é alva e tão perfeita quanto a de uma boneca de porcelana, sendo levemente rosada nas bochechas.
Sua altura não é muita, tendo parado em 1,62cm de altura, o que faz com que muitas pessoas comentem em sua baixa estatura deixando-a irritada. Mas mesmo com sua pequena estatura, seu corpo é bem desenvolvido na medida certa, tendo um busto de tamanho médio que se complementa perfeitamente com as coxas mais grossas e torneadas, a cintura fina e quadril um pouco mais largo, a deixando com uma forma elegante e atraente. 』





🍁 PERSONALIDADE 🍁

『 Eris é alguém que pode ser considerada uma dama, sempre com a cabeça erguida, é gentil com todos que conhece, a não ser que lhe deem um motivo para ser grossa, e quando lhe dão ela não poupa esforços em ser irônica. Não fala palavrões de jeito nenhum, e é um fracasso na hora de xingar alguém por isso, a ironia e o sarcasmo são o máximo de crueldade que ela consegue.

É um pouco tímida com quem não tem intimidade, e sempre foi uma garota mais quieta, gostando mais de ler um livro em silêncio do que ir à uma festa ou algum evento. Mesmo sendo alguém mais introvertida, ela se abre mais na presença de pessoas de quem gosta e em quem confia, mostrando seu lado alegre e carismático, que tenta ao máximo ajudar e dar conselhos, mesmo não sendo a melhor conselheira. Por mais que não seja muito de fazer piadas ou até mesmo de iniciar conversas, preferindo a companhia de alguém em um silêncio confortável à uma conversa vaga, Eris é uma boa companhia de se ter por perto, por seu bom humor que as vezes infecta as pessoas e elas acabam dando um sorriso, nem que seja um fantasma de um.

Ela é calma e paciente, a emoção que mais tem facilidade em controlar é a raiva, sendo raras as vezes que ela explode e fala o que vier a cabeça sem medir as palavras antes, e sempre que isso acontece ela se acalma rapidamente e pede desculpas.

É muito observadora, as vezes consegue descobrir coisas sobre você mesmo que mantenha trancado a sete chaves, e se for preciso usará as informações que conseguiu contra você, mas nunca irá manipular alguém sem ter um motivo, mas quando tem que sabe chantagear alguém muito bem. É uma excelente estrategista, sempre com solução para tudo e resposta para todos na ponta da língua. Tem uma memória fotográfica impressionante e uma cultura acima da média, por isso aprende rapidamente e está quase sempre certa, mas quando a raridade dela estar errada vem a acontecer tem um pouco de dificuldade de admitir devido a sua teimosia.

É extremamente competitiva e orgulhosa, não gosta de admitir derrota ou que estava errada, e quando o faz é sempre de mau grado. Não é facilmente manipulada, e não gosta de ser tratada como um objeto, e muito menos como se fosse frágil e incapaz de fazer algo, pois por mais que sua aparência induza as pessoas a pensarem que ela é frágil devido a sua estatura pequena e ela realmente pode não ser a mais forte fisicamente, possui uma força emocional impressionante e consegue lidar com muitas coisas que a maioria das pessoas desmoronaria diante. Algo que nunca gostou foi de receber ordens ou ser mandada que nem um cachorrinho, quando é confrontada esquece sua timidez por completo e fala o que pensa, as vezes jogando seus bons modos pela janela.

Se tem algo que Eris não suporta são mentiras e falsidades, por isso tenta ser o mais honesta possível sem ser grossa, e fica muito irritada quando alguém mente para ela, sendo um ato um tanto difícil de passar despercebido para ela.

Se quiser deixa-la constrangida faça-lhe um elogio, Eris é alguém que cora com facilidade e possui dificuldades de acreditar no que as pessoas dizem e quando é elogiada só falta ela cavar um buraco na terra e se esconder lá dentro. Mesmo não tendo uma mente muito inocente, possui um pouco de dificuldade em ver a malícia das coisas e muitas vezes pode ser interpretada com alguém inocente, mas não se engane, a maioria das coisas pervertidas que passam por sua cabeça não são faladas em voz alta.

Uma coisa difícil de se fazer é acorda-la, Eris possui um sono extremamente pesado e sendo alguém preguiçosa, o bastante para ficar no escuro por não querer levantar e andar dois metros até o interruptor, ela fará qualquer coisa por alguns minutos a mais de sono. É muito estabanada, sempre quebra algum copo ou esbarra em algum móvel, ela é aquela pessoa que acha um hematoma na perna e não faz ideia de onde veio. 』





🍁 GOSTOS 🍁

『 ⇒ Ama ler, sempre leva um livro consigo caso fique entediada ou sem nada pra fazer
⇒ Gosta de lugares ao ar livre
⇒ Adora frio
⇒ Morangos são sua fruta favorita, ela os come desde puros até cobertos de chocolate derretido, se contém morangos é provável que ela irá amar
⇒ Ela gosta de qualquer comida doce, mas principalmente chocolate
⇒ Ama dormir, mesmo que sejam cinco minutos a mais, ela ira passa-los dormindo com o maior prazer
⇒ Gosta de cozinhar, o que melhor sabe fazer são sobremesas
⇒ Ama tocar piano
⇒ Gosta de chá e café, o segundo a mantendo acordada por horas dependendo da quantidade que tomar, mas não gosta da bebida pura, a achando amarga demais, e só toma se for junto de leite
⇒ Gosta de música clássica 』





🍁 DESGOSTOS 🍁

『 ⇒ Ela não gosta de frutos do mar, desde peixes a camarões, por algum motivo esse tipo de comida a deixa extremamente nauseada
⇒ Não gosta de locais muitos barulhentos ou pessoas que falam muito alto
⇒ Odeia coisas desorganizadas, o que a faz sempre organizar suas coisas aos mínimos detalhes
⇒ Ela odeia calor, ela sempre diz quando questionada que pelo menos no frio você pode adicionar mais camadas de roupa, enquanto no calor nem mesmo ficar sem roupas lhe ajudará
⇒ Não gosta de pessoas egocêntricas ou falsas
⇒ Odeia acordar cedo
⇒ Não gosta de receber ordens
⇒ Não gosta de ser subestimada
⇒ Odeia perder 』





🍁 MANIAS 🍁

『 ⇒ Morder o lábio inferior quando nervosa ou pensativa
⇒ Pentear os cabelos com os dedos, especialmente quando eles se encontram molhados
⇒ Usar as pessoas como apoio, colocando seu cotovelo em um dos ombros da pessoa, mesmo se ela for mais alta. 』





🍁 VICIOS 🍁

『 ⇒ Morangos, ela simplesmente ama morangos, algumas pessoas podem até mesmo classificar seu amor pela fruta como um vicio, mesmo a roxeada negando
⇒ Livros, Eris lê desde pequena e ler livros é parte de quem ela é, mas as vezes ela exagera, e já chegou a possuir mais de trinta livros não lidos 』





🍁 FOBIAS & MEDOS & TRAUMAS 🍁

『 ⇒ Tem pavor de qualquer tipo de inseto, quase tem um ataque cardíaco quando vê um e fica desesperada
⇒ Ela tem astrofobia, ou seja, medo irracional de trovões e raios, sempre que tem uma tempestade ela cobre os ouvidos e fica paralisada, as vezes se escondendo, até que a tempestade passe
⇒ Ela possui um trauma de água, não em pouca quantidades como a utilizada para tomar banho, mas sim oceanos e piscinas, explicado na história 』





🍁 HISTÓRIA 🍁

『 Os pais de Eris não possuíam o que podemos chamar de casamento feliz, na realidade, o matrimonio era nada mais que um contrato entre duas famílias para juntar os negócios. Sua mãe, Lyra, sempre possuiu um espirito livre e um gosto por aventura, e um casamento arranjado era o oposto do que desejava, mas ela não era permitida nenhuma opinião sobre o assunto, e acabou por se casar com William, um homem sério e recatado, que mesmo não querendo se casar com alguém que seus pais escolheram, nunca iria ir contra os pedidos, para não dizer ordens, deles.

Os dois eram mais que opostos, e a relação que possuíam era conflituosa, os ideias deles nunca haviam sido nem remotamente parecidos, o que resultou em a casa deles virando um ambiente hostil durante os primeiros meses de convivência. Aos poucos, talvez tenha sido a convivência ou simplesmente aquele sentimento que nós nomeamos de amor, as brigas se tornaram menos sérias, muita vezes terminando em risos ou sorrisos contidos, mas o que realmente selou o sentimento deles um pelo outro foi a noticia de que Lyra estava grávida.

Após nove meses de gestação, na primavera do ano 1830 Lyra deu a luz à uma pequena garotinha, a qual ela e o marido chamaram de Eris, achando que seria apropriado nomear sua primeira filha com o mesmo nome da deusa grega da discórdia, afinal, foi com a discórdia que o relacionamento deles começou.

Eris teve uma boa infância, sempre brincava nos jardins do casarão da família e ambos os seus pais a enchiam de carinho e amor. Ela especialmente gostava de fazer companhia à sua mãe enquanto a mesma pintava um quadro ou pedir para seu pai ensina-la a ler, atividade que logo a pequena descobriu possuir uma enorme paixão.
Aos seus seis anos, foi anunciado que Lyra estava novamente grávida, porém desta vez era um menino, que recebeu o nome de Alexander, um garotinho que cresceu para se tornar uma alegre criança de três anos, até que a vida decidiu não ser nada benevolente com os Holmes, quando Lyra começou a ter tosses constantes e desmaios, logo foi diagnosticada com tuberculose, o que era o mesmo que receber uma sentença de morte.

Isso não desmotivou William de procurar inúmeros tratamentos para esposa, com a esperança de algo funcionasse e ela sobrevivesse, até mesmo Eris se juntou ao pai na busca por uma cura, mas no final, tudo foi em vão.

Pode-se dizer que a vida de Eris nunca mais foi a mesma depois da morte de sua mãe, até porque realmente tudo havia mudado. Seu pai se isolou completamente, se tornando frio e mal dando atenção para seus filhos, e Alex cresceu sem o amor maternal que Eris havia recebido durante toda sua infância, então ela mesma se encarregou de estar lá para seu irmãozinho em maneiras que as governantas não estariam.

Após alguns anos, uma normalidade havia se instalado na vida Eris. Seu irmão, agora com onze anos, havia se tornado uma mini versão masculina de Lyra, possuindo um espirito livre e não sendo o fã número um de obedecer regras, enquanto Eris por mais que também não gostasse muito, nunca havia chegado ao ponto de Alexander, que havia ganhado certa fama com as governantas, que pediam demissão em questão de semanas, as vezes dias. Porém, algo que Eris realmente não queria fazer era seguir os passos dos pais e ter um casamento arranjado, pois por mais infantil que pudesse parecer ela ainda possuía esperanças de se casar com alguém por amor e não negócios. Eris estava começando a achar difícil arranjar desculpas para não se casar com os pretendentes que seu pai arranjava, ou até mesmo os ousados que vinham até seu pai pedir a sua mão, até que chegou ao ponto em que ela não tinha mais como escapar.

Seu pai, que desde a morte de Lyra havia começado a perder alguns de seus mais valiosos parceiros de negócios devido a sua atitude, estava beirando o desespero para fazer uma aliança vantajosa, e sua filha que estava na idade perfeita para se casar era o jeito mais prático de consegui-la, o que o fez praticamente obrigada a passar algumas semanas na companhia de uma das famílias que possuía um bom pretendente, mas devido à tal família ser francesa, Eris teria de ir de caravela até o litoral da França, já que de carruagem só chegaria ao litoral da Inglaterra.

Tal detalhe não seria um problema, e logo após dois meses de acordos Eris foi mandada, contra sua vontade, para o litoral da Inglaterra onde embarcaria para a cidade de Saint-Malo na França, de onde iria para Paris conhecer seu provável futuro marido. A viagem por mar demoraria cerca de três dias, dois caso os ventos cooperassem, mas infelizmente o trajeto não seguiu como esperado.

Algumas horas após o barco partir do porto inglês, Eris já havia se acostumado com os balaços do transporte, se encontrando lendo tranquila em sua cabine, quando notou que os balanços haviam se tornado mais bruscos e constantes. Obviamente algo estava errado, e ao subir ao deque para perguntar à alguém sobre o que aquilo se tratava, notou as densas nuvens cinzas e o agitado oceano, logo percebendo que eles haviam navegado para o meio de uma tempestade. Rapidamente gotas d' água começaram a cair das carregadas nuvens, e o deque se transformou em completo caos. Pessoas correndo para se abrigar e objetos sendo levados pelas ondas que de tempos em tempos conseguiam subir a altura do barco, fazendo com que o deque começasse a se encher de água.

Eris, abismada, tentou voltar a sua cabine antes que algo acontecesse, mas a combinação de um pesado vestido com longas saias e o bruto balançar do barco fez com que ela escorregasse e deslizasse até uma das bordas do barco, batendo sua cabeça com grande força. Sentindo um quente líquido escorrendo pelo seu pescoço e encontrando sangue onde havia batido a cabeça, Eris tentou se levantar, somente para falhar novamente e mais uma vez escorregar. Aos poucos as tentativas de se erger e o ferimento foram deixando-a fraca, até o ponto que seus esforços foram diminuindo e ela deixou que a escuridão tomasse conta de si. 』





🍁 PARENTES 🍁

『Mãe de Eris 』

『 Lyra Holmes. Uma mulher alegre e gentil, mesmo nas piores das situação ela ainda conseguia manter um sorriso no rosto, sempre foi a pessoa mais otimista da família. Sua grande paixão sempre havia sido a arte, se orgulhava em ser chamada de pintora, possuindo um cômodo inteiro dedicado à pintura. Amava ambos os seus filhos incondicionalmente, sempre tentando ensina-los as mais variadas coisas, como piano para sua filha, não tendo tido tempo de ensinar muito à seu filho por não ter tido muito tempo ao seu lado. Possuindo um espírito livre que na maioria das vezes não era muito bem aceito pela sociedade, Lyra com a idade foi obrigada a ser mais séria e não desafiar tanto as regras como fazia em sua juventude, mas nunca deixou de achar a maneira como as pessoas viviam um pouco sufocante. 』



『 Pai de Eris 』

『 William Holmes. Um homem sério e calculista, que desde pequeno foi moldado para assumir os negócios da família, deixando com pouco tempo livre durante a infância, fazendo com que ele se tornasse fechado e muitas vezes frio. Ama seus filhos incondicionalmente, apesar de ter dificuldades em demonstrar, e sempre esperou somente o melhor de ambos. Amava muito sua esposa, e a morte de Lyra somente o fez um homem mais fechado do que era antes, e todo o progresso que ela havia feito em faze-lo se abrir e ser mais alegre foi destruído quando ela faleceu. 』



『 Irmão mais novo 』

『 Alexander Holmes. um garotinho tão alegre e rebelde como a mãe, apesar de ser mais maroto do que Lyra jamais foi, tem a incrível habilidade de se meter em encrencas, já tendo recebido inúmeros sermões de seu pai. Em parte todo seu lado maroto vem de ter perdido a mãe tão cedo, além de ter herdado o desgosto de Lyra pelo modo sufocante e restrito de viver que ele era obrigado a ter. Considera sua irmã sua melhor amiga, ela sempre esteve lá por ele e Eris sempre o ajudava a escapar de encrencas quando podia, pode-se dizer que ele ficou revoltado quando Eris foi obrigada à ir para a França, mas completamente devastado quando ela nunca voltou. 』





🍁 ESTILO DE ROUPAS 🍁

『 Ao conhecer o século XXI e realizar que o modo como as pessoas se vestiam mudou completamente, é um eufemismo dizer que ela havia ficado curiosa, pois Eris estava completamente estática para conhecer as novas peças que poderia usar, tendo sempre odiado aquelas pesadas saias e os sufocantes corpetes que era obrigada a usar constantemente. Acabou se apaixonando por os mais vários tipos de saias e blusas compostas, um estilo digamos mais comportado e elegante, e devido a sua baixa estatura sapatos de salto viraram uma obsessão, ainda que mais de oito centímetros a deixem aflita, já que os que ela costumava usar antigamente eram extremamente baixos e desconfortáveis quando mais altos. 』





🍁 TIPO DE SANGUE E CURIOSIDADES SOBRE ELE 🍁

B-
『 Seu sangue possui um sabor um tanto peculiar, não sendo exatamente doce, mas sim uma agradável mistura entre amargo e doce, que dependendo do local onde for retirado será mais doce ou mais amargo, seu pescoço é um dos locais mais amargos, enquanto sua clavícula e pulsos os mais doces.





🍁 CURIOSIDADES SOBRE A PERSONAGEM 🍁

『 Possui uma memória quase fotográfica, consegue se lembrar de detalhes de todos os livros que já leu(não são poucos)
Tem um ótimo senso de direção, mesmo que só tenha estado no lugar uma vez ela conseguirá andar de olhos fechados sem se perder
Seu instrumento favorito é o piano e Eris o toca incrivelmente bem
Eris possui uma baixa imunidade, ficando doente facilmente 』





🍁 PAR 🍁



『 Reiji Sakamaki 』



Sobre você:


JÁ FAVORITOU?
Yep

JÁ COLOCOU EM SUA ''BIBLIOTECA''?
Sim

LEU AS REGRAS?
Li sim.
Yuri Koneko, 17 anos, possui uma personalidade explosiva.

CONFIA EM MIM?
Claro Nina-chan

ACEITA HENTAI, LEMON E ECCHI?
Claro, quem não aceitaria ;3

SABE QUE SUA PERSONAGEM ESTÁ EM MEU TOTAL COMANDO E QUE PODE SER ABUSADA SEXUALMENTE, TORTURADA, PUNIDA E MORTA?
Sim

ACEITARÁ OS TERMOS QUE PASSAREI PARA TODAS?
Yep

VAI DETALHAR?
Sim

VAI COMENTAR EM TODOS OS CAPÍTULOS?
Vou sempre fazer o possível para comentar o quanto antes, as vezes eu atrase um pouquinho devido ao colégio ou compromissos, mas sempre irei comentar, e meus comentários geralmente estão mais pra textos, então nada de comentários pequenos vindos de mim.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...