~BlueOceans

BlueOceans
Leitora
Nome: Blue | Babi | Barbie
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Florianopolis, Santa Catarina, Brasil
Aniversário: 29 de Março
Cadastro:

Ficha ✗ Forbidden ✗


Postado



Nome:
Cloe Shimizu Brandwell

Idade:
16 anos

Apelidos?
Clo {gosta do apelido}
Slut-chan {Laito a chama assim e ela não suporta}


Aparência:
Seus cabelos são longos e loiros, repicados, chegam até o meio de suas costas, e são geralmente deixados soltos, mas de vez em quando são presos em um rabo de cavalo alto com a franja solta. Seus olhos são azuis, sua altura é mediana de somente 1,64, seu corpo é curvilíneo e suas medidas proporcionas, tendo um busto de tamanho médio que se complementa perfeitamente com as coxas torneadas, a cintura fina e quadril um pouco mais largo, a deixando com uma forma elegante e atraente.




Personalidade:
Ela é um pouco mais reservada, prefere ler um livro em silêncio do que sair e ficar perto de outras pessoas, com a exceção daqueles de quem ela gosta e se sente confortável por perto.
Não gosta de falsidades por isso sempre tenta ser o mais honesta possível sem ser grossa, sendo gentil e simpática com quem merece, e sempre fazendo tudo ao seu alcance para ajudar as pessoas de quem gosta.
Tem uma grande paciência, é calma e a emoções que sabe controlar melhor é a raiva, sendo raras as vezes que ela explode de raiva e fala o que vier a cabeça sem medir as palavras antes, e sempre que isso acontece ela se acalma rapidamente e pede desculpas.
Não é exatamente boa em esconder suas emoções, e quem prestar um pouco mais de atenção nela conseguirá ver o seu humor, motivo pelo qual ela prefere ficar sozinha quando não se sente bem, o que se transforma em uma indicação do que ela esta sentindo para quem a conhece.
É muito observadora, consegue descobrir coisas sobre você mesmo que mantenha trancado a sete chaves, e se for preciso usará as informações que conseguiu contra você, mas nunca irá manipular alguém sem ter um motivo, mas quando tem que sabe chantagear alguém muito bem.
Ela esta na maioria das vezes com um bom humor, sendo uma pessoa alegre e uma boa companhia de se ter por perto, mesmo que não seja muito de fazer piadas ou até mesmo de iniciar conversas, preferindo a companhia de alguém em um silêncio confortável à uma conversa vaga, mas sempre constatando sua opinião quando o assunto é de seu interesse.
Tem um sono pesado e é extremamente difícil acorda-la, o que só piora devido ao fato dela odiar acordar cedo. É muito estabanada, sempre quebra algum copo ou esbarra em algum móvel.
Uma das horas em que ela fala sem parar é quando se trata de um assunto pelo qual ela é apaixonada, como livros ou culinária, podendo ficar horas conversando com alguém sobre aquilo.
É extremamente competitiva e orgulhosa, não gosta de admitir derrota ou que estava errada, e quando o faz é sempre de mau grado. Não é facilmente manipulada, e não gosta de ser tratada como um objeto, e muito menos como se fosse frágil e incapaz de fazer algo. E quando não gosta de alguém deixa aquilo bem claro, e quando se dirige a pessoa não o faz com nenhuma gentileza, sendo grossa e sarcástica.


História:
É a mais nova de dois irmãos, filha de James, o CEO de uma importante empresa e Aya, uma mulher vinda de uma rica e tradicional família japonesa, e por ser mulher e a caçula nunca deram muita importância para ela, já que tudo que ela serviria para seria se casar e formar uma aliança vantajosa para a família, coisa que ela sempre abominou.
Sua mãe sempre foi muito restrita, fazia Cloe ter aulas de etiqueta todo dia para que soubesse se comportar como uma dama na presença de pessoas de importância, não aceitava que ela fosse a lugares sem a companhia dela ou de seu pai, acreditando que ter muito contato com pessoas as quais ela não aprovava fosse ser uma má influência para Cloe, e nunca deu muita atenção para sua filha além de quando ela fazia algo do qual Aya desaprovava e sempre deu mais atenção para os dois filhos, Lucien e Nico, que algum dia tomariam o lugar do pai. Já seu pai sempre passava tempo com ela, e mesmo com a desaprovação da mãe, a incentivava a aprender a tocar piano e trazia livros de presente para Cloe sempre que viajava para algum lugar, ou seja, sempre.
Já seus irmãos, um ela amava e o outro odiava. Lucien, o mais velho, sempre foi muito focado em ser o herdeiro de seu pai, já que não seria decido por ordem de nascimento mas sim por mérito, e despreza ambos os irmãos, mas Cloe mais que Nico, já que acha que ela é inferior à ele e só irá servir para uma aliança vantajosa. Nico, o do meio, por mais que também queira ser o herdeiro, trata a sua irmã como uma princesa e odeia o jeito que Lucien a despreza, sempre a defendendo.
A partir de seus 11 anos sua mãe começou a impor mais regras, a obrigando Cloe a ter ainda mais aulas de etiquetas, chegando a quase cinco horas por dia. As únicas pessoas com quem ela tinha contato e que ela suportava eram seu pai e Nico, mas com o tempo seu pai foi ficando cada vez mais ocupado e mal tinha tempo para ficar na companhia da filha, ainda que trouxesse livros para ela e seu irmão virou a única pessoa com qual ela realmente falava com, e nas horas em que ele não estava por perto sempre recorreu à livros.
Quando ela tinha 13 anos, a empresa de seu pai desvalorizou muito e a família estava prestes a perder tudo o que tinham, sua casa, seus bens e toda sua fortuna, e seus pais estavam tão desesperados que agarraram a primeira oportunidade que apareceu de se recuperar. Essa oportunidade foi Karheinz, que ofereceu comprar parte da ações e lhes oferecer um generoso empréstimo, sem ter de devolver o dinheiro, tudo por somente uma coisa, sua única filha assim que ela completasse 17 anos.
Obviamente Cloe não sabia desse acordo, mas havia ficado extremamente suspeita com seja lá qual milagre os pais fizeram para saírem da miséria em tão pouco tempo.


Gosta:
Ama ler
Gosta de lugares ao ar livre
Adora frio
Ela gosta de qualquer comida doce, mas principalmente chocolate
Gosta de cozinhar, mas só consegue cozinhar sobremesas, sendo um desastre em pratos principais e até mesmo uma salada ela consegue arruinar
Adora fotografia
Ama tocar piano
Gosta de chá e café
Gosta de música clássica
Ela gosta de filmes de terror


Não gosta:
Não gosta de frutos do mar
Não gosta de locais muitos barulhentos ou pessoas que falam muito alto
Ela odeia calor
Não gosta de pessoas egocêntricas ou falsas
Odeia acordar cedo
Ela não gosta de receber ordens
Não gosta de ser subestimada


Manias:
Morder o lábio inferior quando nervosa ou pensativa
Pentear os cabelos com os dedos


Hobbies:
Ler, sempre carrega um livro consigo caso se sinta entediada ou fique sem nada para fazer
Cozinhar, mas só consegue cozinhar sobremesas, sendo um desastre em pratos principais e até mesmo uma salada ela consegue arruinar


Tem algum medo/trauma/fobia?
Tem escotofobia, ou seja, medo irracional de escuro, começa a ter ataques de pânico se ficar em escuro absoluto.
Altura


Par:
Reiji Sakamaki

Relação com o par:
Os dois sempre discutem e trocam provocações, pois ela não gosta de ser mandada por alguém, ela sempre questiona e vai contra as ordens de Reiji, e ele odeia que ela o contrarie e desobedeça suas ordens, fazendo com que ele a puna, geralmente sugando seu sangue até ela beirar desmaiar e as vezes sendo sadista, mas mesmo assim há momentos em que ele demonstra carinho em relação a Cloe, principalmente quando exagera e ela acaba desmaiando. Reiji é bastante possessivo com ela e não gosta que seus irmãos tentem alguma coisa, sempre os ameaçando se os vir muito perto dela, também sente muitos ciúmes dela e e trucidaria qualquer um que ousasse se aproximar dela com segundas intenções. Ela já é mais calma e não sente tantos ciúmes, preferindo ser mais ardilosa e simplesmente deixar bem claro a quem ele pertence quando alguma garota vem com segundas intenções.
Mesmo que com várias razões para isso, ela não se sente ameaçada ou com medo na presença dele, ela sente que pode confiar nele e que ele não irá desaponta-la. Reiji gosta da companhia dela e se sente confortável para agir mais livremente na sua presença, sabendo que ela não irá julga-lo. Ele sabe quando algo a afeta de um jeito negativo, e o fato dela não ser muito boa em esconder as emoções muito bem só ajuda, e quando ela se isola ele geralmente tenta anima-la com chá e é carinhoso lhe abraçando e reconfortando-a.
Ele aprecia seus bons modos e por mais que fique irritado quando ela o desobedece não deixa de sorrir um pouco, gostando de saber que ela não o teme e gosta de tentar ensina-la a cozinhar, por mais que acabe desistindo quando ela arruina o mesmo prato pela terceira ou quarta vez, e zoando ela por ser tão desastrada e ameaçando-a quando ela quebra alguma coisa, mesmo que seja uma ameaça sem fundamento e que não será comprida, mas sempre elogiando-a quando ela prepara uma sobremesa, já que nisso ela é extremamente talentosa.


Relação com as outras garotas:
É gentil desde o começo, mas como ela não as conhece direito prefere se fechar e evitar conversas, mas com o tempo ela notou que elas são boas pessoas e passa a ficar mais na presença delas, se abrindo e as conhecendo. Logo Cloe se apegou, e começou a se sentir confortável e a confiar nelas, ela faria qualquer coisa para ajuda-las, e mesmo não sendo a melhor conselheira sempre tenta ajuda-las com seus dilemas e problemas.

O que ela faria se:

✖ Descobrisse que está apaixonada:
Negação, ela negaria pra si mesma e para todos que a confrontassem sobre o assunto, mas por mais que tentasse se enganar falando que não nutria sentimentos por Reiji, não conseguiria deixar de lado o sentimento toda vez que o visse, e quando se pegava pensando nele em momentos aleatórios, coisa que acontecia bastante, corava e se repreendia, mas ela obviamente sabia que mentir para si mesma não levaria a lugar nenhum, conseguindo aceitar que estava apaixonada por Reiji, mesmo que não fosse exatamente o que ela teria imaginado que fosse acontecer, não conseguia evitar que um fantasma de um sorriso surgisse em seu rosto toda vez que pensa nele, mas ainda tenta manter a compostura em sua presença, fingindo que sente absolutamente nada, mesmo que seu coração batendo fortemente e seus bochechas rosadas provem o contrário.

✖ Descobrisse que os meninos são vampiros:
Primeiramente ficou em estado de choque, não conseguia processar essa informação, mas quando a ficha caiu ficou um pouco assustada, já que nunca foi exatamente fã de vampiros e sangue sempre a deixou agoniada, mas não deixou de agir com eles do mesmo jeito que agia antes, o que pode ser considerado algo estúpido a se fazer, mas na sua cabeça o pior que poderiam fazer com ela era sugar seu sangue. A ideia de fugir passou pela sua cabeça, mas após algum tempo pensando sobre maneiras que poderia escapar acabou desistindo, sabendo que seria impossível e acabaria sendo pega e as consequências não iam ser nem um pouco boas.

✖ Descobrisse que seus pais possuíam um acordo com Karl e que elas eram o pagamento:
Ficou furiosa, não gosta que alguém tome decisões por ela ou que a tratem como um objeto, e ser um pagamento para a família sair da míseria a deixou extremamente irritada. Ela também ficou um pouco triste mesmo tentando não demonstras, pois afinal, seus pais a venderam como se fosse um animal a ser doado e não uma filha, e isso a magoou.

Irá querer Ecchi/Hentai?
Sim *---*

Posso fazer o que me vier na mente com sua personagem caso ela seja aceita?
Sim

Algo a mais?
Tem miopia no grau 1.25, mas geralmente usa lentes de contato, usando óculos quando esta com preguiça e vai ficar a maior parte do dia em casa.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...