~RoxieHart

RoxieHart
STAR
Nome: Error 404
Status: Usuário
Sexo: Indisponivel
Localização: Indisponivel
Aniversário: 3 de Janeiro
Idade: 18
Cadastro:

Fichas


Postado

Run your mouth
So everyone can hear
Hit me with the worst you got
And knock me down
Baby, I don't care
Keep it up and soon enough you'll figure out
You Wanna Be
A
Loser like me
Nome Completo:
Alana Giovanni Bertalazzo
Apelido:
Lana – todo mundo a chama assim
Como rivais costumam o chamar?
Pizza Queimada – ela tem descendência italiana e a escola inteira sabe disso, mas o parte do queimada é porque ela é negra.
Idade:
16 anos
Loser ou Popular?
Loser
Aparência:
Lana tem uma aparência jovial e divertida, tem um cabelo cheio estilo afro, se orgulha da sua descendência e gosta de mostrar isso sem abrir seus lábios finos geralmente com batom vermelho ou rosa chamativo que quando sorriem mostram lindos dentes brancos e brilhantes, seu sorriso sempre ilumina o ambiente e ajuda as pessoas a se sentirem bem, afinal é muito contagiante, seu sorriso e sua risada, geralmente alta não importa se for o momento errado. Seus calos são negros e encaracolados, as vezes ela o prende, mas é bem raro, pode muda-lo de todas as maneiras sem afeta-lo, fazer tranças, prender, deixar cheio, o que faz muitas garotas terem inveja. Sua pele é pouco bronzeada, seu corpo curvilíneo, tem cintura fina e uma bunda grande e notável, o que se nota bastante já que tem 1,63, seus seios são pequenos, porém mesmo assim ela chama a atenção de vários garotos e garotas com seu corpo.




Leigh Anne Pinnock
Sexualidade:
Bissexual – preferência em meninos
Personalidade:
Lana é uma garota muito divertida. Ela faz amigos com muita facilidade. Ela é a garota que pode lhe fazer rir quando você está triste e que sempre pode ouvir seus problemas e entende-los. Não é boa com conselhos em áreas que não entende muito, então não se sente muito segura em ajudar alguém quando alguém vem a ela com um problema que ela não sabe como resolver, mas sempre sente péssima quando não pode ajudar alguém.
Ela fala tudo o que pensa na hora que pensa, não importa se for o momento errado, ri sempre muito alto e fala muitos palavrões o tempo todo. Ela ficar quieta quando a mandam fazer isso é algo impossível, parasse que ela tem crise de ansiedade, pois não consegue nunca ficar parada em um lugar só. Nunca faz o que mandam ela fazer, a não ser que queira fazer isso, para ela, toda ordem tem uma maneira de ser distorcida em seu benefício ou apenas para constranger alguém.
Não gosta de usar nenhum tipo de violência física com ninguém, quando tem um inimigo, tem suas vinganças e, quando é apenas algo bobo, só usa seu sarcasmo e ironia, mas ela também faz isso com os amigos. Gosta de ajudar seus amigos e faria tudo por eles, sendo que não é seletiva quanto as amizades, por isso não entende pessoas com preconceitos, tipo, a preferência sexual, a cor da pele ou quem são os pais dela não definem a pessoa, apenas o que ela ou ele faz e é. Muitos acham que ela é uma inocente garota que faz amizade com todos, mas sabe reconhecer os falsos. Quanto a falsidade, ela não se importa com as pessoas desse tipo, porém, se mexerem com ela, ela terá sua vingança e com certeza a pessoa irá se arrepender. Ela é uma ótima estrategista, principalmente quando motivada.
Odeia pessoas falsas e hipócritas, sendo que reconhece uma de longe, adora expor essas pessoas e suas verdadeiras intensões para todos verem que ela não presta.
História:
Nasceu e cresceu numa família pequena, classe média, vida boa, nada de marcante aconteceu em sua vida, ela sempre estudou na McKinley, então sabe os segredos de todo mundo, ela sempre conseguiu fazer amigos rapidamente e as pessoas confiavam nela, as pessoas nem percebiam que contavam tudo para ela, então, se traíam sua confiança, ou a humilhavam na frente de todas, ou até iam para a mesa dos populares e ficavam zoando ela de lá, ah, péssima escolha, ela espalhava seus segredos para toda a escola, e por sorte, ninguém nunca descobriu seu segredo.
Família:
Aisha Bertalazzo – 38 anos – Advogada

Aisha e a filha sempre se deram muito bem, tem vários assuntos em comum e estão sempre conversando, além de que Lana meio que pede sua opinião para tudo, mas Aisha exige um pouco demais da filha.
Michael Bertalazzo – 40 anos – Empresário

Eles sempre se deram muito bem, ele sempre foi um pai super protetor, e ela sempre adorou seus conselhos, então conta quase tudo para ele, a mãe é sua verdadeira confidente.
Gostos:
Dançar
Cantar
Tocar piano
Desgostos:
Populares
Traição
Falsidade
Defeitos:
Mentirosa
Vingativa
Qualidades:
Otimista
Humilde
Segredos:
Vou mandar
Manias:
Passar batom, não sai de casa sem e sua cor preferida é a vermelha.

Bebe?
(X) Sim ( ) Não
Fuma?
( ) Sim (X) Não
Usa algum tipo de droga?
(X) Não ( ) Sim
Par romântico?
( ) Não (X) Sim
Estilo de música que curte:
Pop e pop/rock
Estilo de roupas:
➤Casual:



➤Formal:



➤Festas:



➤Praia:


➤Pijama:


Relacionamentos:
➤Amigos:
Está sempre os fazendo rir e os animando quando estão tristes e sempre fazendo ver o lado bom das coisas.
➤Inimigos:
Apenas os ignora, mas quando enchem o saco demais ela expõe os seus segredos.
➤Par:
É igual ao relacionamento com amigos, só que mais fofo e romântico, mas ele é o único com quem é honesta sobre seus sentimentos, quando está triste, feliz, com raiva, ela sempre pode se abrir com ela.
➤Diretora Sylvester:
A diretora não vai com a cara de uma adolescente que nunca reclama da vida
Músicas:
➤Música da audição pro Glee:
Oh Freedom – The Gospel Singers

➤1ª Música tema do personagem:
Got A Secret – The Pierces

➤2ª Música tema do personagem:
Chandelier – Sia

➤3ª Música tema do personagem:
Here’s To Never Growing Up – Avril Lavigne

➤Outras:
Black Magic – Little Mix

Break Free – Ariana Grande

Carousel – Melanie Martinez

➤Música para Casal:
Need You Now

Voz:
Grupos que vai pertencer:
(X) Coral ( ) Lideres de torcida ( ) Futebol Americano ( ) Teatro ( ) Natação (X) Jornal (X) Dança ( ) Banda da Escola
Grupo social: (marque apenas um)
( ) Atleta ( ) Mean Girl ( ) Líder de torcida ( ) Nerd (X) Invisível
Algo mais?
Ela faz parte da coluna de fofocas do Jornal da Escola.


Nome completo:
Dorothea Annabelle Montgomery
Apelido:
Doty ou Belle
Idade que diz ter:
17 anos
Quando Nasceu:
1672
Aparência:



Photoplayer:
Amanda Seyfried
Personalidade:
Ela nunca foi parte de nenhuma panelinha das populares, sempre preferiu os estudos, sempre quis parecer sexy e isso a deixava popular, pois só ficava com os garotos mais populares da escola. Mas ela não podia fazer parte das populares (não é burra, como ela pensa) então ameaçava o trono da rainha, e sempre que a rainha da escola é má com ela, ela apenas diz “você tem inveja” já que seus seios são muito grandes. No fim elas sempre tiveram essa rixa e ela nunca se deixou perder, afinal é uma vampira, então timidez nunca foi e não é com ela. Fala tudo o que quiser, mas se controla se for o momento errado, afinal não quer atrair má fama. Sabe que as aparências importam, mas não são tudo.
Preza muito pela inteligência e pelo estudo. Ela possui inteligência de sobra e gosta de estudar, aprender cada vez mais para nunca estar errada para não passar vergonha, ela odeia sentir vergonha, e quando era viva ela nunca pôde trazer nada ruim para o sobrenome da família. Mas também tem seu lado arrogante, afinal, é uma vampira, ela gosta de se exibir com sua inteligência, mas só as vezes. Estar sempre certa é uma vitória. Cada livro que lê se fixa na memória dela, sendo a pessoa que mais é recorrente para pedir ajuda ou conselhos.
Se tem uma coisa que faz ela se sentir horrível é quando a mesma se dá motivo para chorar em público. Doty é durona, quase nunca chora na frente dos outros, principalmente de quem causou o choro, mas ela se sente horrível quando demonstra fraqueza na frente de todos. Se ela é uma vampira forte, por que não consegue manter a aparência e agir como uma? Ela é muito autocrítica consigo mesma, então qualquer sentimento incomum que a deixe distraída do que ela realmente tem que fazer, ela repreende e nunca, nunca mesmo, se deixou ter um sentimento profundo por alguém.
História:
Ela nasceu em uma família rica em Salem, ela cresceu muito bem, vivendo no luxo, sendo muito bem educada, com os melhores tutores e tudo o que o dinheiro podia pagar, até que sua irmã foi acusada de bruxaria, ela entrou em pânico, amava demais a sua irmã para deixa-la morrer na fogueira, não se importava se era uma bruxa ou não, então ela começou a se relacionar com o homem que estava a acusando de bruxaria, ela era uma garota boa e tal, mas estava fazendo aquilo pela irmã, quando a mesma teve a data de morte na fogueira marcada, Doty largou o homem, brigou com ele, num ataque de raiva completo e mais intenso de todos que já tinha tido na vida, então ele contou para a família dela, esperava que mandassem ela para a fogueira, mas o pai decidiu que ela devia ser castigada, então o irmão a levou até a floresta e deixou lá para morrer, haviam lendas que havia um monstro na floresta, outras que tinha uma matilha inteira lá, mas no momento aquilo não importava para Annie, ela se escondeu para passar uma noite na floresta, depois viu que o corpo do irmão estava lá, os intestinos comidos, vísceras saindo de dentro de sua barriga seu nenhum órgão, sangue para todos os lados, tinham sido os monstros. Ela correu para dentro da floresta, afinal não podia voltar para casa, depois de três dias, encontrou um vilarejo do outro lado da floresta, não pareciam pessoas normais, eram todos jovens, estranhos, pálidos demais para quem morava onde o sol se põe, nenhum deles parecia cansado mesmo o sol estando nascendo quando chegou.
Eles a convidaram para entrar, mas como eram muitos e muito fortes, logo percebeu que não poderia negar, eles contaram a história do que tinha acontecido com o irmão dela na floresta e perguntaram se ela queria vingança dos animais que tinham matado ele, ela disse que não, mas que queria vingança de outras pessoas, de toda a sua família, ela passou a sua última noite viva aprendendo sobre a cultura do povo do vilarejo, então eles voltaram a noite para Salem, transformaram Doty em uma vampira em uma das igrejas de Salem, então ela matou seu pai, depois sua mãe na frente dos irmãos mais novos, eles perguntaram se era realmente a irmã deles ou se era um demônio, então ela disse que os explicou o que tinha acontecido com ela e pediu que repassassem esse segredo para seus filhos e que esse se tornasse um segredo de família e que, se a cada geração e século que se passasse e ela precisasse se disfarçar de adolescente, que eles dissessem ser pais dela, então depois de um tempo ela deu uma foto para eles poderem repassar para todos quem é ela caso precisasse de ajuda um dia.
Depois de sair de sua casa, ela foi ao encontro do padre que tinha se relacionado para salvar a vida da irmã mais velha, ela entrou no quarto dele voando. Ele achou que eram desculpas para ele não achar que ela estava somente com ele para impedir a morte dele, ela tirou o vestido branco e a lingerie vermelha, a cor do diabo, ela perguntou a ele “És assim que vós mais gostas de mim?” ele concordou, mas então ela transformou os dentes em presas e os olhos azuis em vermelhos, então tentou ataca-lo, mas ele pegou sua cruz de madeira e a forçou contra o braço da garota, aquilo queimou e deixou uma marca, ela tentou ataca-lo novamente e ele apenas se defendeu a luta toda com sua cruz, até que Annie conseguiu mata-lo e tirar todo seu sangue, se não fosse levado a solo sagrado não se transformaria e ela deixou ele em sua cama, morto, dilacerado, e da janela, disse para ele “És assim que mais gosto de vós”. E saiu, sem se vestir novamente nem nada, a cidade toda estava dormindo, então atravessou a floresta e voltou ao vilarejo do clã. Onde conheceu a líder, que tinha acabado de voltar de uma viagem, disseram que queriam um tratado com os monstros da floresta, para poderem caçar também.
Gostos:
Ser vampira
Sua aparência
Se vingar
Desgostos:
Não conseguir o que quer
Quando acham que mandam nela
Pessoas em seu clã que se arrependem de se tornar vampiros
Relacionamentos:
Amigos:
Os trata bem sempre sorrindo, tenta amenizar as verdades e fala-las do jeito menos agressivo possível. Meio maluquinha falando coisas sem sentido em momentos aleatórios.
Inimigos:
Fria e séria sempre, as vezes olha para eles apenas para imaginar a cara deles quando ela realizar sua vingança, mas apenas em casos estremos.
Líder do Clã:
Ela adora Alex, são boas amigas, porém contudo todavia Doty fica realmente muito irritada quando Alex vem com o papinho de “não pode matar todo mundo por aí, existe um acordo com os lobisomens e você não pode deixar na cara que somos vampiros, existem muitos caçadores por aí”
Par:
Ela geralmente só fica com pessoas por sexo
Medos:
Só por ser a casa de um padre a casa seja solo sagrado e tenha transformado aquele queimador de mulheres em um vampiro e ainda vá reencontrar com ele.
Qualidades:
Determinada
Inteligente
Defeitos:
Vingativa
Honesta até nas piores horas
Sexualidade:
Bissexual
Quer par?
( ) Sim (X) Não
Ela só vai ficar com um monte de gente, e com ficar quero dizer que seja só sexo.
Roupas:
Dia a dia:
http://www.polyvore.com/cgi/set?.locale=pt-br&id=210203478
http://www.polyvore.com/cgi/set?.locale=pt-br&id=210204500
Festas:
http://www.polyvore.com/cgi/set?.locale=pt-br&id=210206248
http://www.polyvore.com/vampire/set?id=209502152
Pijama:


Algo mais?
Ela vive com os descendentes dos seus irmãos e diz que são seus pais e irmãos de verdade, os pais já contaram a história para os filhos e eles agem como se ela realmente fosse irmã deles, então ela meio que tem uma família.
George Montgomery – 45 anos – Neurocirurgião

Ele é fissurado em desmascarar a história, então pergunta para ela tudo o que já aconteceu, o que ele já viu o que não viu, porém não conta para ninguém o que ela diz que não aconteceu para não mandarem ele para um hospício.
Madison Montgomery – 42 anos – Advogada

Ela gosta muito dos conselhos dela, Madison é uma pessoa realmente engraçada e as duas adoram fazer coisas juntas
Hanna Montgomery – 16 anos – Estudante

As duas se adoram, estão sempre rindo juntas e Hanna até consegue fingir não ter medo dos “amigos” de Doty.
Lola Montgomery – 12 anos – Estudante

Lola e Annie não são muito próximas, mas as duas não se desgostam nem nada do tipo, apenas não tiveram seu momento de conexão como ela teve com Hanna e Leo.
Leonard “Leo” Montgomery – 10 anos – Estudante

Ela e o caçulinha da família tem várias piadas internas e estão sempre rindo juntos, gosta de pergunta coisas sobre o sobrenatural para ela, mas ela só responde o que os pais dele deixam ela dizer. Claro que as vezes ele é meio irritante, mas nada impossível de lidar.


Nome completo:
Alicia Christine Hudson
Apelido:
Ali
Idade:
16 anos
Aparência:



Photoplayer:
Shay Mitchell
Personalidade:
Violet é uma garota maluca e brincalhona, que está sempre brincando com tudo e todos, até nas horas erradas. É a melhor pessoa no mundo para te animar quando está triste, mas se pedir sua opinião ela será 100% honesta, não importa se for a coisa errada a dizer. Boa com conselhos, mesmo sendo preguiçosa, gosta de ajudar seus amigos. Tudo para ela pode ser um motivo de brincadeira, sendo que não leva nada a sério. Usa e abusa do sarcasmo e da ironia, sempre rindo alto e falando o que não deve, qualquer coisa que dê para transformar em ironia, trocadilho ou entender por duplo sentido, ela faz, o que faz ter alguns inimigos.
É uma pessoa autoconfiante que, se fala qualquer coisa, tem uma resposta para se alguém questionar suas ideias. Sempre tem uma resposta na pontada língua e talvez elas sejam agressivas, sarcásticas, ou talvez até só um mar de palavrões. É uma estrategista nata, sempre tem um plano, não importa se é de vingança ou para atacar algum lugar ou apenas pra fazer alguém confessar alguma coisa. Seus planos quase nunca falham. Não aceita não como resposta, então esse é um dos principais motivos para sempre saber o que responder para se favorecer.
É confiante e vingativa, não leva muitas coisas para o lado pessoal, mas se levasse metade dos Estados Unidos estaria morto. Confiante, sendo que nada a abala, mas se abalasse, metade dos Estados Unidos estaria morto. Manipuladora, sabe convencer as pessoas a fazer o que ela quer que elas façam, nem mesmo ela sabe direito como faz isso, mas quando faz alguém sempre acaba se ferrando e nunca é ela.
Teimosa, só aceita que as pessoas façam as coisas do jeito que ela e a acha que o jeito dos outros está errado e o dela é sempre melhor. Também é ótima líder, sendo que seus planos são ótimos, desde que as pessoas façam o que ela manda, o que raramente elas fazem, porque acham que ela não sabe tomar decisões.
Se tem algo que ela não suporta são quando as pessoas a subestimam ou quando alguém é machista. Essa é uma das partes onde ela mais não se vê como uma heroína, mas sim como uma justiceira. Ela não aceita desrespeito com ela ou com qualquer pessoa, não teria pena, remorso ou arrependimento de matar alguém que fez algo com um amigo dela, mesmo tendo poucos e não achando que é uma amizade real a maioria, se ela realmente se importar com a pessoa, qualquer um que faça qualquer coisa com ela irá se arrepender muito, ou nem terá oportunidade de pensar depois do que fez. Ela faria esse tipo de coisa por um amigo de verdade, mas faria bem pior se descobrisse que era mentira, que alguém de sua confiança traiu a mesma.
Existem duas palavras que não estão no seu dicionário:
Educação: ela fala tudo o que pensa na hora que pensa, não importa se for o momento errado, ri sempre muito alto e fala muitos palavrões o tempo todo. Ela ficar quieta quando a mandam fazer isso é algo impossível, parasse que ela tem crise de ansiedade, pois não consegue nunca ficar parada em um lugar só. Nunca faz o que mandam ela fazer, a não ser que queira fazer isso, para ela, toda ordem tem uma maneira de ser distorcida em seu benefício ou apenas para constranger alguém.
Feminilidade: ela sempre foi instruída a ser uma garota “princesa cor de rosa”, do tipo rica e metida, mas ela é uma moleca. Sempre fez tudo o que todos (principalmente os pais) diziam que não era coisa para uma mocinha, nunca gostou de nada assim, ser proibida de sentar do jeito que quiser, falar o que quiser, não ter preocupações ou responsabilidades, mas ela não resistiu a uma das coisas de meninas: uma amizade bem fofa e idiota, suas amigas são as únicas pessoas que ela confia e também as únicas pra quem ela conta seus segredos.
Mas, acima de tudo, ela é uma garota muito autoconfiante que faz tudo o que quer ignorando o julgamento dos outros, é muito teimosa, se bota algo em sua cabeça, jamais tira. Mesmo que não pareça, ela sempre sabe quando vai fazer algum tipo de merda, e geralmente quando faz é porque está pedindo que alguém preste atenção nela para ela realmente dizer que tem algo acontecendo, por mais que queira dizer, nem é o tipo de garota que chega chorando na casa das amigas para desabafar sobre a vida.
História:
Alicia cresceu em uma família de caçadores que não tinha nenhum clã, as regras para eles eram apenas proteger os mortais comuns, só defendiam de lobisomens e vampiros que realmente atacassem, só queriam o bem das pessoas. Ali cresceu na floresta, aprendendo a caçar monstro, mexer em armas, desde os 10 anos já poderia caçar monstros sozinha, mas descobriu que estavam procurando na região, pelo o que os pais tinham falado, procurar para caçadores normais era matar, então ela tentou converte-los, quando descobriu que era uma impressão completamente errada, ela entrou para o clã, óbvio que os pais reprovaram a ideia, mas, meses depois de ela entrar para o clã (com 14 anos), vampiros mataram seu irmão mais novo, Jackson, então os pais avisaram “É isso que acontece quando está nesses clãs” e pediram que ficasse longe da família, desde então mora com os avós em Blackstone.
Família:
Paul Hudson – 39 anos – É caçador

O pai gostava de ensinar ela como caçadora, mas foi o primeiro a culpa-la pela morte de Jack e agora não quer nem mais falar com ela.
Michelle Hudson – 37 anos – Não é caçadora

A mãe nunca a culpou pela morte da irmão, sabia que todos estavam sujeitos a morrerem pelas mãos desses monstros quando deixou o marido os treinar para serem caçadores.
Julianne “Julie” Hudson – 15 anos – Ainda está treinando para ser caçadora

As duas sempre foram muito amigas, e Julie é a única que não liga para as regras dos pais e sempre aparece em Blackstone para falar com Ali.
Edward Hudson – 15 anos – Caçador

Ele e a gêmea são opostos, Ed nunca gostou de Ali, nunca se deram bem, mas depois da morte do irmão ele ainda quis is na casa dos avós comprar briga com ela.
James Hudson – 13 anos – Está em Treinamento

Eles se davam bem, como James não tinha muito jeito para a coisa de caçador ela sempre o ajudava com armas e tudo o mais, porém eles tiveram que se distanciar depois da briga e ele ficou realmente triste com a morte do irmão gêmeo.
Emily Hudson – 67 anos – Caçadora Aposentada

Ela adora a avó, é bem engraçada e sábia, seus conselhos sempre ajudam Ali.
Samuel Hudson – 74 anos – Caçador Aposentado

Sam nunca foi um caçador de campo, mas seus planos eram ótimos, ele é meio caduco então ele só repete suas histórias de viagens e batalhas como caçador, só que as histórias cansam as vezes quando são repetidas muitas vezes.
Poderes:
Metamorfose
Pode se transformar na pessoa, coisa, ou animal que quiser.
Gostos:
Seus avós
Ler
Dançar
Desgostos:
Falsidade
Vampiros
Seus pais
Relacionamentos:
Amigos:
Ela está sempre sorrindo e os animando, também faz várias piadas e várias pegadinhas, assustar eles é um hobbie.
Inimigos:
Sempre sarcástica, seca, não presta muita atenção neles.
Líderes do Clã:
É mais amiga de Jordan do que de Caleb, mas é melhor amiga dos dois e os adora.
Par:
Treta de família deve ser o assunto mais recorrente, mas ele sempre acalma ela e sempre está a fazendo sorrir, ela geralmente é bem fofa e romântica, mas fica muito nervosa perto deste garoto em público e geralmente fica nervosa, vermelha e gagueja até.
Medos:
Perder sua família inteira
Qualidades:
Boa lutadora
Realista
Defeitos:
Manipuladora
Cobra demais de se mesma
Sexualidade:
Héterossexual
Quer par?
(X) Sim ( ) Não
Roupas:
Dia a dia:


Festas:


Pijama:


Algo mais?
Não


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...