~Mercurio_

Mercurio_
Don't be afraid to dream...
Nome: Bala de Goma
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

New Vision²


Postado


Ash Stymest as Jonathan Parker



Dados Pessoais


Nome Completo:
Jonathan Parker


Idade:
17 Anos, nascido em 21 de novembro


Apelido:
➝ É chamado pela maioria de Jonathan, porém, alguns o apelidam de John


Aparência:






Signo:
Escorpião


Cidade de origem:
Queens, Nova Iorque


Cidade atual:
Nova Iorque


Pais:
Peter Parker (Homem-Aranha) e Charlotte Witter (uma das entidades que usam o codinome de Mulher-Aranha, a situação presente da mulher é em estado de coma)


➝A relação dos dois sempre foi muito boa, Jonathan tem muito orgulho de seu pai e o ama muito.


História:
Jonathan viveu num apartamento com sua mãe, Charlotte, sempre soube quem era seu pai verdadeiro, mas teve que conviver com a desculpa considerada pelo garoto, “esfarrapada” que a vida de Peter era muito corrida e ele era muito ocupado. Aos 10 Anos do garoto, Peter chegou com algumas malas e ali, decidiu ficar, junto de sua esposa e seu filho. Três meses depois do 14° aniversário de Jonathan, sua mãe sofreu um acidente e infelizmente, entrou em coma. Seis meses se passaram e Charlotte conseguiu sair do coma, porém, após dois anos, ela morreu.


Personalidade:
Jonathan é basicamente um alguém extrovertido. É um garoto forte, tanto emocionalmente como fisicamente, é raro vê-lo chorar, mas quando isso acontece, prefere ficar quieto, sem falar com ninguém. É um ótimo conselheiro, e quando alguém está triste, com uma conversa simples, ele tenta fazer com que a pessoa desabafe. Convencer pessoas não é uma de suas maiores virtudes, mas as vezes, com muita persistência, consegue convencer alguém. Jonathan leva um incrível e estranho jeito com crianças, age como uma e chega a ser fofo vê-lo brincar com elas, quando um bebê começa a chorar, o que para muitos, parece ser um desafio, para ele, é só questão de alguns minutos e pronto! Resolvido. Diferentemente de Alaska, John é uma pessoa paciente, raramente perde o controle, mas quando isso acontece, tem as respostas "na ponta da língua" e não se responsabilizará por suas palavras. Como citado no começo, é um pessoa extrovertida, com um ótimo senso de humor e não tem muita vergonha. Ele é um garoto safado, nada que tenha muito exagero, sabe a hora de parar. Uma de suas virtudes é o fato de saber reconhecer muito bem quando alguém está mentindo para ele, basta olhar a pessoa nos olhos.


Maiores segredos:
Não conta para as pessoas sobre sua mãe, sempre que toca nesse assunto, o garoto fica extremamente sensível. Por isso, não gosta de falar sobre isso.


Gostos:
Cachorros
Festas/Shows
O nascer e o por do sol
Pizza
Fazer as pessoas sorrirem
Dormir
O inverno
Ler


Desgostos:
Nozes (é alérgico
Abacate
Que "deem em cima dele"
Injustiça
Pessoas infantis demais para a idade que tem
Pessoas melosas/grudentas


Hobbies:
Ler


Talento secreto
Toca violão muito bem


Medos/Fobias/Traumas:
Hemofobia, medo de sangue (medo não seria a palavra certa... Ele não gosta de ver sangue)
Jonathan tem medo da solidão, de morrer sozinho


Maior sonho:
Se formar


Cinco músicas para o personagem:
➝Treat You Better - Shawn Mendes
➝I Took a Pill In Ibiza - Mike Posner
➝Hym For The Weekend - Coldplay
➝Cold Water - Justin Bieber
➝Stressed Out - Twenty One Pilots


Maiores Habilidades:
Assim como Peter, Jonathan possui força, resistência, reflexos, equilíbrio, agilidade e velocidade sobre-humanas. Consegue escalar paredes e assim como todos esses já citados, o garoto também herdou de seu pai o tal "sentido aranha"(sentido de aranha precognitivo que o avisa do perigo iminente).
Durante alguns anos, treinou artes maciais e luta muito bem



Dados Complementares:


Relação com os heróis:
Se dá bem com a maioria, alguns não preferem ficar com ele por conta do seu jeito um pouco agitado


Relação com os vilões:
Faz algumas piadinhas estúpidas, mas não gosta muito deles.


Como costuma se comportar na academia (New Vision)?:
Jonathan é do tipo de aluno que simplesmente vive brincando, senta no fundo, na última carteira. É um garoto esforçado e tenta fazer todas as lições pedidas, as vezes esquece e suas notas, são regulares.



Crie um pequeno "texto" com o personagem nas seguintes situações:


Uma conversa com um herói:
–Pai?... -dei dois "soquinhos" na porta e entrei em seu quarto.- ...Preciso te contar uma coisa -sentei ao seu lado e ele também se sentou na cama
–Pode falar -ele me encarou. Eu não sabia sua reação, se ele iria ficar feliz por isso, ou querer me matar.
–Eu... -passei a mão pelo rosto e pelo meu cabelo. Suspirei.- ...Estou gostando de uma garota.
–Sério filho?! E quem é ela?... -meu pai disse sorrindo, ele parecia alegre, então, também sorri.
–É... -fui interrompido. Que ódio!.
–Jonathan, você ficou estranho depois de me contar isso, você está nervoso... Quem é ela?
–Eu me apaixonei pela filha do Coringa... -suspirei e olhei para o rosto do meu pai, ele estava com uma sobrancelha arqueada, fiz a maior burrice da minha vida, não devia ter falado dela- ...Eu não queria! Juro! Mas aquela garota... Eu não sei o que ela tem, eu não sei o que ela fez comigo!
–Olha, tudo bem que o pai dela não é a melhor pessoa do mundo, mas nós, infelizmente, não mandamos nos nossos sentimentos. Não estou falando para se afastar dela, muito pelo contrário... Você acha que eu escolhi gostar da sua mãe?... -balancei a cabeça em modo negativo- ...Quer saber de uma coisa? Chega nela e rouba um beijo.
–Já pensei nisso... -sorri e me levantei- ...Obrigado pai, boa noite.
–Boa noite. -ele sorriu e eu saí do quarto, estava feliz por não ter levado um tapa, um tiro ou algo parecido.


Uma conversa com um vilão:
A sala era grande e confesso, bem bonita. Peguei o celular, vi as horas e o guardei novamente, provavelmente eu iria chegar atrasado para a aula. Bufei e voltei a encarar o palhaço sentado no sofá à minha frente
–Então quer dizer que você gosta da minha filha? -finalmente o silêncio foi quebrado pela pergunta daquele homem, ou melhor, estava mais para uma afirmação.
–Quem te disse isso? A Alaska? -arqueei uma sobrancelha e ele sorriu.
–Você acha mesmo que ela vai me dizer uma coisa dessas?... -o palhaço gargalhou e eu comecei a ficar com um pouco de medo. Sim, Alaska tinha à quem puxar- ... E não garoto, não foi ela. Você sabe quem eu sou, portanto, descobri sozinho.
–Tá, tchau, eu preciso ir para a aula... -peguei minhas coisas e fui em direção à porta.
–Você não vai para lugar nenhum meu querido... -olhei para trás e vi uma arma apontada para mim- ...O que sente por ela?
–Primeiramente, por gentileza, o senhor poderia largar a arma?... -ele colocou a arma no chão- ...Obrigado. Na verdade, o que eu sinto pela sua filha não é algo normal, eu não sei o que ela fez comigo, não sei o que eu realmente sinto...
–Vem... -ele pegou a arma e se levantou, passou por mim e foi andando até a porta- ...Você é surdo garoto? -ele disse com a arma em mãos e eu o segui, o palhaço me levou até a garagem e abriu a porta de uma BMW branca- ...Entra no carro. Vou te levar pra lá -estava com medo do que podia acontecer, nunca o vi dirigindo mas ele não era a pessoa mais civilizada do mundo, então o encarei- ...Você quer que eu te ameace?
–Não precisa -entrei, com medo, mas entrei.
Ele parou o carro um pouco distante da Academia, estava feliz por ter chegado, tentei abrir a porta mas estava travada.
–Não quero ver minha filha sofrer por sua causa. Portanto, decida-se. -ele me encarou, de um jeito sério e eu finalmente, saí do carro.


Um momento Hot:
Como eu tinha dito na outra ficha... Eu não sei fazer hot (;-;), desculpa, mas eu permito.


Uma conversa com o melhor amigo:
Estava sentado em cima da cama, comendo pipoca e assistindo série. Não tinha nada para fazer, até que alguém invade meu quarto.
–Engole isso! -Russell jogou meu caderno em cima de mim e se sentou ao meu lado
–Obrigado pela gentileza, como posso retribuí-lo? -respondi com um certo sarcasmo e colocando o caderno no chão.
–Ah! Vai se foder Jonathan! -ele pega uma pipoca do balde- ...Tá vendo o que?
–Série, na verdade, voltei a assistir The Walking Dead, eu tinha parado faz um tempo
–Ah tá... Já viu Breaking Bad? -Russell pegou o celular do bolso e logo em seguida, guardou, prestando atenção na TV.
–Terminei a quarta temporada ontem, falta uma pra mim acabar. Bem foda -voltei a comer pipoca.
–Bem foda mesmo -rimos e voltamos a prestar atenção na série.
(Conversa básica sobre séries, não me bate)


Uma conversa com o par:

–Jonathan, eu já falei mil vezes para não me chamar de anjo e você continua com essa merda!

–Nossa, calma -peguei o celular dela e saí correndo, irritá-la era um prazer, tomei uma certa distancia e comecei a rir.

–Devolve! -ela gritou.

–Vem pegar... -ela veio até mim e tentou pegar o objeto, o que não deu muito certo, eu era um pouco mais alto.

–Me devolve isso agora!... -Alaska disse pausadamente, aquilo me fez rir- ...Qual é a graça Parker?

–Parker? Nossa, que brava -devolvi e a beijei.

–Seu idiota

–Tem razão... Seu idiota

–Meu? -ela me abraçou.

–Seu, só seu... -a abracei de volta- ...Te amo.



Estilo:
Jonathan não usa muito roupas formais, em ultimo caso o garoto resolve colocar um terno, mas bem raramente. As peças que mais podemos encontrar em seu guarda-roupas seriam as calças jeans, moletons e algumas camisas. Nunca gostou muito de bermudas.



Detalhes:

Uniforme:



Filosofia de vida:
"Ser feliz sem motivos é a mais autêntica forma de felicidade"


Livro favorito:
Ele gosta bastante de Harry Potter e acha os livros bem legais, porém, não tem algum que ele fale ser seu favorito.


Música favorita:
Faded - Alan Walker


Mataria alguém para salvar outra?:
Dependendo da pessoa...


Salvar a humanidade ou o amor da sua vida?:
A humanidade, mesmo que seus dias ficassem horríveis


Como se sentiria por ter matado um inocente?:
Arrependido


Viveria com culpa?:
Não. Depois de alguns dias, esqueceria


Ama quando?:
O deixam dormir


Odeia quando?:
Falam mal de seu pai ou de sua família


Defina seu personagem em uma palavra:
Extrovertido


Palavra chave:


Churros (♥)


Vai comentar a fanfic em todos os capítulos?
Vou.




Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...