Garota de 15 anos se suicida e deixa uma carta macabra escrita em latim.


Postado

Garota de 15 anos se suicida e deixa uma carta macabra escrita em latim.

De todas as notícias do blog Assombrado.com.br essa foi a que mais me inquietou, pois de qualquer forma tem relação com o assunto que eu tenho grande conhecimento.
Uma garota de 15 anos se suicidou e deixou uma carta escrita em latim, na qual a tradução era:
"Ela concordou. Os ataques tem que ser mais fortes, ela vai lutar. Enquanto estamos perto, o coração está cinza. Exclamou 'não' e perguntou sobre o modo de partir, já que ele governará. E não obstante em escutar minha voz, as vezes ela olha acima, para ele. Lembre-se, só uma mente perturbada se apega a aqueles que amam.
Há um ano teve um sonho. Viu tudo ser seu, desde que enviasse um presente, a vida. Algo inocente, poderia ser um desastre. Ela tinha a necessidade de um acordo, para poupar o chefe da família, aquele que obedecia o evangelho. Mas tudo na Terra há de morrer. Nada é feito de graça e as dívidas voltam velejando em algum tempo. Portanto a escolha deve ser feita por si mesmo, a partir daí eu a fiz.
Para a família, o dom de uma menina é de ver e ouvir e sentir.
Felizmente nós conseguimos. Esta alma estava fraca, a mente perturbada não sustentou a paixão pelos céus.
Por isso foi mais fácil trazê-la para o nosso lado. Quando eles atacam, vão até o último resquício da alma.
Deixo a carta como uma forma de explicação.
GAAP"
Eis a minha análise sobre isso:
"Os ataques tem que ser mais fortes, ela vai lutar", ela tentava sair da situação em que estava, mas de certa forma Gaap e seus demônios mantiveram-na com a mente atribulada e na fraqueza espiritual, a qual lhe afastava de Deus. Ao exclamar não e perguntar sobre o modo de partir "já que ele governará", provavelmente estava negando a posse do demônio sobre si. Ao olhar para cima, para Ele, ela olhava para Deus, desobedecendo assim, a voz de Gaap. "Teve um sonho. Viu tudo ser seu, desde que enviasse um presente, a vida.", Gaap, prometeu-lhe tudo o que queria, mas em troca ela deveria dar-lhe algo, no caso uma alma, já que é isso o que esse demônio ambicioso quer. O que de forma indireta se refere à passagem bíblica em que Jesus é tentado por satanás no deserto, o qual lhe ofereceu o mundo inteiro. "... tinha necessidade de um acordo, para poupar o chefe da família, aquele que obedecia o evangelho.", o que deixa bem claro que ela teria de sacrificar o pai, para se livrar. Já que ele era, ou é obediente ao evangelho, nada mais 'saboroso' para Gaap do que a alma de um fiel, não pensando pelo lado que, ao matá-lo pelas mãos da garota, sua alma diretamente iria ao encontro de Deus, mas de forma duvidosa ele deixa na carta o verbo passado "era", me deixando a concluir que o pai da garota também estava afastado do evangelho de Cristo. "Esta alma estava fraca", deixando claro que ela desviou-se do caminho de Deus. Assim ele conclui que a vitória foi dele, ao conseguir fazer com que ela tirasse a própria vida. Me refiro à ele como principal escritor da carta, pois a tal está escrita na terceira pessoa, e ele faz referências à ela, como se ele mesmo estivesse falando. A garota fez pacto com esse poderoso demônio, levando ao extremo suas 'consultas' a ponto de não poder escapar das dívidas que criou com ele. Então, de certa forma, Gaap veio atrás da alma que tanto almejava.
Essa é minha visão diante deste caso.

Escutando: Dark Horses - Switchfoot
Comendo: sanduíches
Bebendo: suco de laranja

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...