~BooBaka

BooBaka
,-,
Nome: Samantha
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: 7 de Agosto
Idade: 19
Cadastro:

Destinos Cruzados - INTERATIVA


Postado


Mostrar Spoiler:

♡ Entrego meu Destino a você, Sakamaki Laito. ♡
Destinos Cruzados


~ Ficha ~

➸ Nome & Sobrenome:
Hoshino Haruka - Flor de Primavera vinda do campo Estrelado.
Hoshino - Campo de Estrelas.
Haruka - Flor de Primavera.

Acho que deu pra perceber que eu gosto de colocar o sobrenome na frente, mas como geralmente sou a única que faz isso, você pode inverter quando colocar no capítulo...

➸ Apelido:
♡ Seus amigos tem o costume de lhe chamar de Haru-chan, seus irmãos sempre lhe chamaram por Hoshi-chan (significa Estrela). Seus "pais" sempre lhe chamam pelo nome.

➸ Idade:
Tem 15 anos.
Nasceu dia 07 de Agosto.
Seu signo é Leão.


➸ Nacionalidade:
Japonesa.

➸ Aparência:








Ela tem cabelos longos e lisos que vão até o final das costas, numa coloração semelhante a do céu pela manhã. Seus olhos são se um tom que beira o cinza tempestuoso. Ela tem uma voz gostosa de se ouvir, que, como diz seu otouto, faz qualquer um relaxar. Sua expressão é quase sempre serena, quase entediada. Haru não costuma sorrir muito, mas quando o faz, por mais discreto que seja, sempre acaba chamando a atenção. Sua pele é tão pálida quanto a neve, mas possui algumas cicatrizes de pequenos acidentes que não conseguiu evitar, sendo que o lugar com mais marcas são suas mãos. Ela é baixinha, mas nada tão absurdo.

➸ Personagem de quem retirou a aparência:
Ela é a Sonozaki Noriko, do anime Kiznaiver.


➸ Personalidade:
Haru é uma garota que tem dificuldades para se expressar, já que não entende nem as próprias dores, não entende as dores dos outros. É a pior pessoa a quem você pode recorrer quando se trata de conselhos, seus pensamentos são quase tão confusos quanto seu jeito de agir. Parece estar quase sempre dormindo em pé, mas é o extremo oposto, ela sabe exatamente tudo o que acontece com todos a sua volta, embora não ligue muito. Não tem a menor ideia do que machuca ou dói, ou melhor deveria doer, já que só sente um pequeno formigamento. Acaba sempre por se cortar com a faca quando está cozinhando ou pegando uma xícara muito quente e só percebendo que queimou a mão quando de repente não consegue mais segurar a xícara, afinal, embora não sinta dor, ela se machuca. Não tem muito interesse em si mesma, muito menos nos outros, mas faz seu melhor para falar com os outros. Não costuma fazer piadas, nem nada do tipo, mas pessoas descontraídas sempre acabam por conseguir lhe arrancar um sorriso. Não sabe de muita coisa por não conviver com muita gente, então é fácil lhe enganar. Ela mantém uma certa amizade com as outras garotas, mas sempre acha que elas não gostam de si, então por mais que esteja sempre por perto, não fala muito. Por incrível que pareça, é uma garota bem silenciosa e geralmente acaba entrando nos cômodos na hora errada ou então ouvindo conversas particulares.

➸ História:

A vida de Haru sempre foi meio complicada. Quando era pequena, por volta de uns dois anos de idade, Haru estava correndo pela casa quando escorregou em um tapete e caiu, rolando escada abaixo. Isso não era uma surpresa, considerando que Haru era incrivelmente desastrada. O que foi mesmo uma surpresa era que Haru abrira um corte na testa que não parava de sangrar, mas não demonstrava reação alguma, agia como se nada tivesse acontecido. Preocupada, sua mãe decidiu lhe levar ao médico e, sua surpresa não poderia ser maior: Haru foi diagnosticada com Síndrome de Riley-Day, que é basicamente uma desordem do sistema nervoso autônomo que afeta o desenvolvimento e a sobrevivência dos neurônios sensoriais, simpáticos e parassimpáticos no sistema nervoso autônomo sensorial, resultando variáveis sintomas incluindo: insensibilidade à dor, dificuldades em comer, vômitos, apneia e problemas na pressão arterial. Insônia e irritação também podem ocorrer. É uma doença sem cura e o tratamento consiste basicamente em evitar possíveis acidentes, medicamentos para controlar vômitos e ingestão de cafeína para controlar a pressão.
Como se só isso já não fosse ruim o bastante, Haru tinha que ir ao médico cada vez que alguma coisa acontecia: desde um dedo furado num alfinete à uma queimadura com uma xícara de café. Sua mãe tinha uma espécie de super preocupação realmente assustadora. Mas tudo mudou depois que sua mãe faleceu em um incêndio no escritório em que trabalhava. Seu pai, um homem que quase nunca estava em casa, quase não pareceu ligar para a morte da esposa. Após uns três meses, se casou novamente com uma mulher inglesa que já tinha três filhos: Lelouch, Charlie e Nunnally. Marianne, sua madrasta, era quase tão negligente quanto seu pai. Os dois passavam até mesmo dias fora de casa e as crianças tinham que se virar por conta própria. Lelouch, como o mais velho, sempre tomava conta dos outros, embora a diferença de idade fosse de três anos, sendo que Haruka era a mais nova.
Como se não bastassem os problemas em casa, Haruka sempre sofreu bullying, desde que se entende por gente. Era sempre a mesma coisa: Haru estava sozinha, eles chegavam, a provocavam, diziam coisas ruins pra ela e batiam nela até que não conseguisse se levantar sozinha. Essas coisas aconteciam o tempo todo, mas como não sentia dor, ela nem ligava. Quando ela se deu conta de uma coisa: se ela desse o dinheiro para eles assim que chegassem, eles paravam de lhe importunar. Quando ela não tinha dinheiro, batiam nela até não poder se mexer, então ela reclamava que iria ficar com feridas, mas nunca falava nada sobre dor e garantia que na próxima vez estaria com o dinheiro. Foi nessa época em que conheceu Miyuki Katsuki, um garoto que também tinha Síndrome de Riley-Day. Miyuki tinha um irmão mais velho da mesma idade que Charlie: Miyagi Akira. Quando Haru perguntou o porquê de terem nomes diferentes, tudo o que obteve de resposta foi que seus pais tinham concordado que o filho mais novo carregaria o sobrenome da mãe. Não foi difícil se aproximarem, já que eram tão parecidos em vários aspectos, logo já eram parte da "família". Cresceram juntos, Miyagi e Miyuki praticamente moravam na mesma casa que os Hoshino, então não foi surpresa alguma quando Miyuki se declarou apaixonado por Haruka.
Tudo ia bem desde a chegada de Miyuki e Miyagi: agora as surras de Haru eram divididas em Haru e Kacchan, então não ficavam tantas marcas nos dois quanto quando eles apanhavam separados. Todos tinham companhia e a personalidade animada de Miyagi sempre animava os outros, tudo estava bem. Até um dia, enquanto eles iam pra escola, houve um acidente com um carro. Nunnally foi pega em cheio. Ficou hospitalizada por meses e, quando finalmente teve alta, já não podia mais andar nem enxergar. Se acostumar com a nova rotina foi bem difícil, mas Nunnally continuava a mesma de sempre, e isso era o que importava.
Lelouch arranjou um emprego como assistente de uma mulher muito influente: Katherine. Ele acabou por deixar escapar durante uma conversa com a chefe que tinha duas irmãs mais novas muito bonitas, mas que uma era cadeirante e que ele precisava de dinheiro para as despesas, por isso arranjara o emprego. Katherine, imteressada na parte de irmã-mais-nova-bonita-e-não-cadeirante fez contato com Haru, oferecendo dinheiro para as despesas de Nannally em troca de que ela lhe fizesse um servicinho.

[color=#00FF00]➸ Personagens que participaram da história:

⚀ Hoshino Akemi


・ Trisha Elric - Fullmetal Alchemist
Se ainda estivesse viva teria 37 anos, foi casada com Hoshino Shibazaki, Okaa-san. Trabalhava como secretária em um escritório que pegou fogo, era assistente de Osamu. Foi uma das seis vítimas que perderam a vida. Era muito simpática e sempre sabia quando algo estava acontecendo. Ela podia ler até mesmo a mais fechada das pessoas como um livro totalmente aberto, coisa que surpreendia as pessoas o tempo todo. Ninguém lhe escondia um segredo. Mas parece que a única pessoa que não conseguia ler era seu marido/chefe. Super preocupada e carinhosa, sempre pensava mais nos outros que em si mesma.


⚁ Hoshino Osamu


・ Yagami Soichiro - Death Note
45 anos, foi marido de Akemi, atualmente casado com Marianne Lamperouge. Otou-sama. Trabalha como advogado em uma das empresas de Karl. Quase nunca para em casa, além de ser extremamente negligente e não se importar com os filhos a não ser que haja alguém olhando. É um fumante e recentemente começou a beber. Haru o odeia mais que tudo e acha que foi ele quem causou o incêndio que matou sua mãe apenas para se livrar da esposa sem ter o nome manchado pela palavra divórcio. A principal razão para pensar assim é o fato de ele ter se casado com tão pouco tempo desde a morte da mãe.

⚂ Hoshino Marianne


・ Irina Jelavic - Ansatsu Kyoushitsu
42 anos, atual esposa de Hoshino Osamu. Madrasta (Okaa-sama). Trabalha como assistente de Osamu. É tão ruim quanto Shibazaki no sentido de ser negligente, mas consegue ser ainda pior por se fazer de coitada e fingir se importar com as crianças. Ela também foi quem teve a brilhante ideia de ter mais uma criança (Rin) para receber assistência do governo.


⚄ Hoshino Lelouch


・ Lelouch Vi Britannia - Code Geass
19 anos, o mais velho dos cinco filhos do casal, Haru constuma o chamar respeitosamente por Onii-sama. Trabalha como assistente de Katherine no seu emprego de fachada, afinal, para todos os humanos, ela e Karl são humanos também. É super carinhoso e muito bem educado, tem um comportamento digno de um lorde. Faria tudo e qualquer coisa por seus irmãos mais novos e tem o maior orgulho e apreço por eles. Ele adora jogar xadrez e é praticamente imbatível, nenhum de seus irmãos conseguiram ganhar dele nem sequer uma única vez.

⚄ Hoshino Nunnally


・ Nunnally Vi Britannia - Code Geass
17 anos, segunda filha do casal (Nee-sama). Quando tinha doze anos de idade, Nunnally foi atropelada por um homem bêbado e acabou por perder a movimentação das pernas e sua visão, ficando confinada à uma cadeira de rodas. Apesar de tudo isso, Nunnally está sempre sorrindo e, por mais que seja mais próxima de Lelouch que dos outros três, sempre se preocupa com todos e tenta lhes deixar alegre, não importa a situação. Nunnally adora origamis e sempre diz que se um dia uma pessoa fizer mil origamis, ela terá seu maior desejo realizado.

⚅ Hoshino Charlie


・ Rollo Lamperouge - Code Geass
16 anos, terceiro filho (Nii-san). Embora ele e Nunnally sejam extremamente parecidos, não são gêmeos. De todos os irmãos, Chalie é aquele que é o mais frágil. Ele é muito sensível e parece um gatinho assustado. Charlie é muito próximo de Haruka, talvez até seja aquele de quem é mais próxima. Os dois passam boa parte do tempo juntos, além de ter o mesmo amor por flores e pinturas.


⚀ Hoshino Rin


・ Yukimura Seiichi - Prince of Tennis (quando era pequeno)
Rin tem apenas 10 anos e é o casula da família (Otouto). Ele é quem mais sofre com a falta dos pais, já que não entende muito bem o porquê de não gostarem dos filhos e o que é tão importante para que fiquem dias fora de casa. Mas, em compensação, é o mais mimado dos filhos, já que todos os irmãos mais velhos tiram, no mínimo, duas horas por dia para ficar com ele e fazer o que ele quiser. Ele adora chocolates e simplesmente ama preparar uma refeição. Adora a sensação de se sentir um chefe de cozinha e, adora mais ainda quando Haruka e Charlie (seus irmãos mais próximos) vão lhe ajudar a cozinhar.


⚁ Miyuki Katsuki

・ Agata Katsuhira - Kiznaiver
15 anos. Melhor amigo de infância de Haruka (e apelidado por ela de Kacchan). Sua sensibilidade à dor e os seus próprios sentimentos estão entorpecidos. Seu humor raramente muda e ele dá pouca atenção às outras pessoas. Fora isso ele é extremamente parecido com Haru, tanto na forma de pensar quanto na forma de agir.


⚂ Miyagi Akira

・ Nakajima Atsushi - Bungou Stray Dogs
16 anos. Irmão mais velho de Miyuki e melhor amigo de Charlie. Ao contrário do irmão mais novo, parece que ele sente demais. É muito alegre e enérgico, não costuma ficar parado e está sempre arrastando Charlie, Haru e Miyuki por aí.


➸ Gostos:
♘ Flores


♘ Chá/Café


♘ Música


♘ Abraços


♘ Frio


♘ Doces


♘ Sentir a natureza


♘ Adormecer apoiada no tronco de uma árvore


♘ Seu lugar favorito no mundo era a cabana que sua mãe costumava alugar para "férias" na época das flores de cerejeira


♘ Subir/Se pendurar nas árvores


➸ Desgostos:
♞ Calor


♞ Chuva forte/ Tempestades


♞ Não saber o que fazer


♞ Não saber se fez algo errado ou não


♞ Chorar na frente de outras pessoas


♞ Quando não consegue dormir por estar pensando demais em outras coisas


♞ Acordar cedo depois de não dormir de noite


♞ Ficar sozinha


♞ Se sentir inútil


➸ Acredita em destino?
Com toda a certeza. Ela acredita que o destino é justo, algo parecido com a lei de troca equivalente: Uma pessoa não pode ganhar algo sem dar algo em troca. Você deve dar algo de valor para ganhar algo de igual valor. Em troca de sua dor, ela ganhou Miyuki e Miyagi. Em troca de uma vida a sós com sua mãe, ganhou uma vida agitada com muitos irmãos. O destino pode acabar te tirando algo precioso, mas te dará algo tão precioso quanto o que lhe foi tirado, pois é justo.

➸ Medos/ Fobias/ Traumas:
✗ Aracnofobia — medo de aranhas (fica pálida e prende a respiração)

✗ Astrapofobia — medo de trovões e relâmpagos (se esconde sob as cobertas ou vai procurar consolo no quarto de alguém, geralmente chorando pois detesta o barulho)

✗ Automatonofobia — medo de bonecos de ventríloquo, criaturas animatrônicas, estátuas de cera (qualquer coisa que represente falsamente um ser sensível)

✗ Claustrofobia — medo de espaços confinados ou lugares fechados

✗ Entomofobia — medo de insetos

✗ Escopofobia — medo de estar sendo observado


➸ Manias:
☆ Morder os lábios quando está nervosa

☆ Se encolher e esconder o rosto quando chora porque não quer que pensem que ela é fraca


☆ Dormir no ombro de qualquer pessoa que esteja ao seu lado


☆ Mexer no cabelo/coçar a nuca quando está ansiosa, nervosa ou pensando



➸ Hobbies –
★ Escrever poesia


★ Ler


★ Cozinhar


★ Tocar Piano


★ Tocar violino


★ Pintar


★ Desenhar


★ Nadar


★ Fazer origami

★ Cantar

➸ O que faria...
♣ Se descobrisse que estaria apaixonada?


Ficaria boa parte do tempo avoada, pensando nele e nos mais simples detalhes que a maioria ignora. Como o quanto seu rosto fica calmo quando está deitado, como sua voz fica rouca de ansiedade antes dele lhe morder, nas coisas que ele gosta ou até mesmo na maneira em como seu lábios se mexem quando ele está falando. Tudo isso lhe deixaria ainda mais atrapalhada e certamente a faria ficar extremamente vermelha quando o visse por perto.

♣ Se o destino realmente existisse?
Não ficaria nada surpresa pois tem certeza que ele existe. Ficaria meio confusa e hesitante, mas se sentiria mais feliz por realmente comprovar a existência.

♣ Se descobrisse que vampiros realmente existem e que está cara a cara com eles?
Acharia muito estranho, ficaria confusa e iria à uma biblioteca pesquisar sobre vampiros e o que fazer com eles, já que não teria a menor ideia de como lidar com alguém tão diferente dela. Não sentiria medo algum, afinal as pessoas geralmente teriam medo de se machucar, mas ela não sente dor, então apenas acharia esquisito.

➸ Estilo:
Meias, sempre acima do joelho, geralmente brancas ou pretas.


Suas unhas estão sempre pintadas de um tom escuro.


Ela costuma usar camisetas folgadas.


Saias rodadas.


Ela costuma trançar os cabelos.


➸ Par:
Laito-san


➸ Música que defina sua personagem:


Karma - Kagamine Rin
Acho que a música inteira combina com a situação e com os pensamentos dela sobre o pai, por isso não consegui pegar um trecho só.

➸ Música do par:


Me diga alguma coisa, eu preciso saber
Então tire meu fôlego, e nunca mais solte
Se você me deixar invadir seu espaço
Eu terei o prazer, lido com a dor

E se no momento eu morder meus lábios
Querido, saiba que neste momento
Isso é algo maior do que nós, mais forte do que êxtase
Me dê uma razão para acreditar - Love Me Harder, Ariana Grande


➸ Frase que a defina:
♔ "Todo mundo quer ser especial para alguém, seja por emoções positivas ou negativas. Todos querem deixar uma marca em outra pessoa. Todos querem se conectar a alguém."

♔ "O ser humano morre não quando o seu coração deixa de bater, mas quando, de alguma forma, deixa de se sentir importante."


Não consegui escolher uma só, Gomen

➸ Hentai?
Yep.

➸ Algo mais?

✓ Ela adora bichinhos de pelúcia.


✓ Sempre cumpre uma promessa.


✓ Eles têm um gato chamado Karupin.


✓ Miyuki era apaixonado por ela e, até recerber a ̶a̶m̶e̶a̶ç̶a̶ proposta, Haru tinha quase certeza de que se algum dia fosse namorar, seria com o Kacchan.


✓ Seu bem mais precioso é um pequeno pingente de celular em forma de coração, ele foi o último presente que sua mãe lhe deu e, quando teve seu celular confiscado quando chegou a mansão, ela o tirou do celular e o colocou em uma correntinha para usar como colar.


✓ Quando ela chegou na mansão, Laito não parava de reclamar dizendo que a escolha das garotas foi injusta com ele porque ficou com a "boneca quebrada" que não sentia dor.


Enfim, foi isso
Xoxo <3


Escutando: Beside You - 5 Seconds of Summer
Lendo: Percy Jackson e o Ladrão de Raios
Assistindo: How I Met Your Mother
Jogando: Heavy Rain
Comendo: Pipoca
Bebendo: Guaraná

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...