~BooBaka

BooBaka
,-,
Nome: Samantha
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: 7 de Agosto
Idade: 19
Cadastro:

Homophobic - Interativa


Postado

Mostrar Spoiler:
You Are Sooooo Gay!

🌠 Fanfic aqui
◤Ficha◥


❝Nome:❞
Alan Byers.



❝Idade:❞
17 anos.



❝Signo:❞
Leão.




❝Aparência:❞
Dylan O'Brien






•Descrição:
Alan tem 1,65 de altura, ou seja, baixinho. Ele tem a pele pálida, cabelos e olhos escuros e diversas marquinhas de nascença espalhadas pelo corpo. Ele também tem astigmatismo, o que faz com que ele tenha que usar óculos. Por mais que ele precise, ele detesta, por isso, assim que sai da sala de aula ele os tira do rosto enxerga alguma coisa? Não. Mas pelo menos ele se sente mais confortável.



❝Personalidade:❞
.



❝Sexualidade:❞
(✗)Pansexual.



❝Passivo, Ativo ou relativo?❞
Relativo, mas ele prefere ficar por baixo.



❝ Gostos:❞
.



❝ Desgostos:❞
.



❝Favoritos:❞
Livros:

Músicas:
Livin'on a Prayer - Bon Jovi

Séries:
Doctor Who
Game of Thrones
Stranger Things




❝Matéria* que mais gosta:❞
Artes, Filosofia e Literatura.



❝Estilo de roupa:❞
Casual:


Pijama:

Esse pijama foi um presente de Natalie, mesmo mudando de país ela mantém contato e foi atenciosa o bastante pra lhe mandar como presente de aniversário. Mesmo sendo o completo oposto do que ele usaria normalmente ele sempre se sente alegre quando está o usando. Faz com que ele se sinta mais próximo dela.

Festa:

Por mais que seja popular, Alan odeia festas. Ele só iria pra alguma se fosse completamente forçado por Noah, o que resultaria em um Alan emburrado com uma roupa emprestada de alguém e reclamando a noite inteira.

Baile de máscaras:
Só se for completamente obrigado, detesta esse tipo de coisa.



❝Qualidades:❞
É animado.
É muito compreensivo.
Não tem preconceito algum.
Todos sempre tem assunto com ele.




❝Defeitos:❞
É avoado.
É preguiçoso.
É lerdo, nunca entende o que está acontecendo e definitivamente é sempre o último a saber das coisas.




❝Como acaba conhecendo Noah Foster?❞
Alan foi escolhido pelo diretor como o mais apropriado para mostrar a escola para os alunos novos, então foi ele quem o ❝recepcionou❞ na entrada do colégio. Além disso Noah e Alan são colegas de quarto.



❝Qual a relação com Noah?❞
Eles são colegas de quarto e melhores amigos. Alan foi a primeira pessoa que foi falar com Noah e acabou por se tornar alguém agradável pra se ter por perto. Noah não sabe que Alan é panssexual e acaba por sempre confessar pra ele o quanto detesta a nova escola porque está cercado de Gays. Alan é completamente liberal e sempre tenta fazer com que Noah veja que homossexuais não são tão ruins assim, mas respeita a opinião do melhor amigo.



❝Deseja par, se sim, quem?❞
Você pode escolher por mim?



❝Algum fetiche?❞
Por marcas. Adora marcar e principalmente ser marcado. Alan não gosta muito de gente melosa e nem de pessoas carinhosas demais, portanto algo mais agressivo é sempre agradável. E ele também fica excitado com a ideia de que pode acabar sendo pego fazendo algo que não deveria. A possibilidade de haver alguma chance de alguém o ver numa situação sexual o deixa muito excitado. No fundo é um pervertido, está sempre disposto a tentar coisas novas pra agradar o parceiro.



❝Historia:❞
Alan vem de uma grande linhagem de artistas: seus bisavós administravam um circo, sua avó era cantora e seu avô era escritor, seu tio por parte de pai é pintor e é mais que óbvio que seus pais seguiram a linhagem da família.
Alan é filho de Jean Byers e Alice Frank. Só isso já é o suficiente para que ele tenha dinheiro o suficiente para sair jogando na rua. Jean Byers não é ninguém menos do que o ator/diretor mais bem sucedido no momento. Ele dirigiu e atuou em diversos filmes muito famosos e conquistou grande parte dos corações das pessoas (principalmente de garotas). Sua mãe, Alice, além de atriz é bailarina. Faz vários espetáculos em diversos países e é muito boa no que faz. Louis está seguindo os passos do tio, enquanto Levi pretende ser escritor, assim como o avô, o que torna ainda mais aceitável a aspiração de Alan de se tornar ator como o pai. Alan teve uma infância completamente normal para um filho de gente famosa. Nunca houve nada como fotos suas espalhadas por todo o lado nem nada do tipo, mas quando era pequeno fez várias aparições em filmes como ator mirim. Os problemas de Alan só começaram quando ele entrou na puberdade. Aos 14 anos, Nate, seu amigo de infância, lhe contou que era transsexual e confessou que estava apaixonado por ele. Natalie, como gostava de ser chamado, era um garoto (agora Alan sabia que era uma garota, apenas tinha nascido no corpo errado) muito doce e uma ótima companhia, mas o relacionamento deles durou apenas seis meses e logo a garota teve que se mudar. Aos 15, ainda desiludido com sua primeira paixão, Alan acabou se envolvendo com Dakota (mais conhecido como Dake), um garoto muito popular na escola. Dake foi quem convenceu Alan a fazer grande parte das maiores burradas que ele já fez (jogar uma cadeira no carro do professor de matemática, pichar o portão da escola com piadinhas sexuais ou até mesmo experimentar algumas drogas). Dake era seu melhor amigo e em pouco tempo já era muito mais que isso. Tirou sua virgindade e foi o primeiro cara que definitivamente o atraiu de verdade. Ele era loiro, muito sexy e tinha aquele ar desleixado e meio ❝foda-se todo o resto, só quero me divertir!❞ e foi inevitável se apaixonar. Dake o incentivou a colocar diversos piercings, beber e, claro, a continuar com as drogas esporadicamente. Isso até ele ser transferido para um internato para delinquentes no Canadá. Ao que parece seus pais não eram muito fãs do que ele andava fazendo. Eles terminaram no dia em que Dake foi embora, deixando Alan, mais uma vez, de coração partido, afinal, por mais errado que Dake fosse, eles ainda se amavam e a despedida foi dolorosa para os dois. Para Jean, Dake foi a gota d'água. O pior de tudo aquilo foi descobrir que seu filho de 15 anos era viciado em cocaína e que até mesmo já tinha transado em troca da droga (mais uma vez incentivado por Dake). Alan assumiu toda a responsabilidade para evitar que Dake fosse processado e como punição foi mandado para esse internato (que seu pai teve que pesquisar primeiro, já que queria ter certeza de que Dake estaria bem longe de Alan). Ele está no internato a dois anos inteiros e mudou completamente nesse tempo que passou. Seu pai o obrigou a tirar os piercings (mas ele ainda tem as marcas e, se alguém olhar com atenção, pode perceber facilmente as marcas em sua pele) e parar com todas as drogas (o que foi bem mais difícil.) Logo Alan se tornou o que todos chamam de nerd e queridinho dos professores, mas o fato de que a rebeldia o atrai continua da mesma maneira.




❝Deseja cenas de sexo?❞
Yep.



❝Carro/Moto?❞
Moto.



❝Família:❞
✾ Pai
Johnny Depp

❇ Nome:
Jean Byers.

❇ Idade:
48 anos.
❇ Trabalho:
Ator e diretor.

❇ Relacionamento:

✾ Mãe
Jennifer Aniston


❈ Nome:
Alice Frank.
❈ Idade:

❈ Trabalho:
❈ Relacionamento:

✾ Irmão mais velho
Louis Tomlinson

❇ Nome:
Louis Byers
❇ Idade:
❇ Trabalho:
❇ Relacionamento:

✾ Irmão mais velho
Grant Gustin

❈ Nome:
Levi Byers
❈ Idade:
❈ Trabalho:
❈ Relacionamento:

✾ Irmão mais novo

❇ Nome:
Oliver Byers
❇ Idade:
❇ Trabalho:
❇ Relacionamento:



❝Algo a mais?❞
A avó de Alan (mãe de Jean) é francesa, mas quando se casou com o avô dele, assumiu o sobrenome do marido. O fato de ter descendência francesa faz com que Jean só fale em francês em casa, o que resultou em todos os seus filhos aprenderem o idioma e ter o sotaque como algo muito comum. Sem perceber Alan as vezes começa a falar em francês e tem algumas palavras que ele realmente não consegue traduzir, por exemplo ❝mãe,❞ ❝pai,❞ ou ❝irmão.❞
Ele também não consegue controlar e acaba falando em francês quando está muito nervoso ou excitado.



Escutando: A voz do Luba *-*
Lendo: Promoções de livros (acabei de fazer aniversário, quero presente)
Assistindo: DESAFIO DA VERGONHA ALHEIA (LubaTv mozão/senpai)
Comendo: Esfirras
Bebendo: Coca verde

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...