~BooBaka

BooBaka
,-,
Nome: Samantha
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: 7 de Agosto
Idade: 19
Cadastro:

Kamigami No Fukki - Interativa


Postado



► Nome:
♪ Kise Haruka ♪

► Idade:
15 anos

► Altura:
Ele tem 1,49 e se odeia por não chegar aos 1,50
Triste história, não? Me inspirei muito forte em um antigo amigo meu, ele era tão baixinho… o menor das três salas do 8° da escola…



► Peso:
Não é falta de educação perguntar o peso das pessoas?!
(。ŏ﹏ŏ)
...

41 kg
...

► Personalidade:
Haruka nunca consegue segurar o que está pensando, geralmente ele acaba por dizer e logo em seguida tem sempre aquela voz na sua cabeça “Eu disse em voz alta de novo...”, o fato de fazer isso tantas vezes sempre acaba por o deixar envergonhado, então é muito comum que fique com as bochechas vermelhas. Ele se irrita muito fácil com algumas coisas, tipo quando o confundem com uma garota ou com uma criança (o que acontece direto), quando o subestimam por sua altura ou aparência infantil demais. Haru é um garoto realmente animado, mas definitivamente é ansioso demais, o que acaba fazendo com que ele tenha algumas crises de pânico de vez em quando. Ele é bem tagarela e muito sorridente, mas tem grande dificuldade de se expressar e parece que toda a sua pouquíssima coragem desaparece na frente de uma câmera. Ele tem o costume de guardar tudo o que sente apenas para si e dificilmente se abre para alguém de fora. Desde alguns acontecimentos no passado, conquistar sua confiança é algo realmente difícil, mas ele se esforça quando se trata de um time, afinal, um time sem confiança é como um pássaro sem asas, segundo seu pai.

► Aparência:
Sena Izumi - Love Stage





Se Haru algum dia dissesse que é um homem másculo com toda a certeza estaria mentindo. Ele realmente já foi confundido diversas vezes com uma garota. E com uma criança, tanto pelo jeitinho infantil quanto pela altura. Ele tem olhos bonitos que ninguém consegue descrever a cor e cabelos loiros que são claramente algo genético, já que todos os seus irmãos têm a mesma cor de cabelo. É pequeno e atrapalhado, tirando o fato de que está sempre usando roupas largas ou grandes demais para seu pequeno corpo, visto que ele detesta fazer compras na seção infantil e as roupas "normais" são grandes demais pra ele. Ele usa óculos de grau, mas não gosta deles, vive esquecendo onde os colocou e acaba por passar mais tempo sem eles no rosto.


► História:
Haruka é o filho mais novo de uma família com quatro filhos. Seus pais, ambos técnicos de times, se conheceram através de um campeonato, quando ambos lideravam times de basquete muito fortes, tanto é que só se conheceram na final. Depois de uma pequena rixa, acabaram por se apaixonar e casar, quando tiveram o primeiro filho: Kise Ryouta. Kise, como o mais velho, tinha o direito de ser chamado pelo sobrenome, já que herdaria a maior parte das coisas (palavras dele). Seus pais lhe ensinaram a jogar basquete, e logo de cara perceberam o talento dele. Ele era simplesmente incrível, não só no basquete, mas em praticamente tudo o que fazia, conquistando destaque sem fazer o menor esforço. Seus irmãos mais novos, Shin e Kayo, logo percebendo que o mais velho ficaria com toda a atenção se não fizessem algo logo, começaram a se focar em diversas atividades, sendo que Shin se deu maravilhosamente bem nas aulas de canto, dança e natação, enquanto Kayo era uma atriz formidável para apenas uma garotinha de 9 anos, além de tocar flauta doce com uma habilidade impressionante e ser excepcionalmente boa em beisebol. Haru, o filho mais novo, começou a se sentir pressionado para ser bom em alguma coisa. Qualquer coisa. Só não queria ficar para trás. Mas Haru teve bem mais dificuldade em achar algo em que fosse melhor que seus irmãos; sem mais o que fazer, Haru foi atrás de sua mãe, essa que passou a lhe arrastar para diversos clubes de diversas coisas diferentes. Haru era péssimo em xadrez, não tinha a menor noção de como se segurava um taco de beisebol e não tinha a menor ideia de qual lado da flauta tinha que assoprar. Derrotada, Nagisa tentou diversos esportes, começando com natação. Ele era bem rápido, mas Shin era incrivelmente melhor naquilo que ele. Se Haru ganhasse duas medalhas de prata, Shin chegava em casa com três de ouro, sendo assim, desistiu da natação no ano seguinte. Acabou por tentar o teatro, quem sabe não superava Kayo? Errado. Tudo bem, ele ficou com o papel principal e Kayo com o secundário, mas era um papel feminino. Ele não queria fazer Julieta Capuleto. Logo após a peça, um homem chamado Fujinuma Yukio disse ser um empresário e que se interessou nas crianças, então logo eles ganharam espaço na mídia. Kise estreiou como modelo, Kayo como atriz mirim e Shin decidiu apenas atuar em alguns filmes ou pequenos comerciais. Haru, envergonhado demais por ser reconhecido pelo papel feminino, concordou que faria apenas alguns comercias, mas ainda não estava satisfeito. Só poderia ganhar de algum de seus irmãos se fosse uma garota bonita? Nunca! Haru decidiu que não queria mais se parecer com uma garota, então entrou para o clube de atletismo da escola, onde, por incrível que pareça, foi um grande destaque. Era muito mais rápido que os outros garotos, e realmente fez diferença na equipe, estava encantado com o fato de ter enfim descoberto algo em que era bom. Por mais que ainda se parecesse com uma garota, a sensação de ser bom em alguma coisa era tão agradável que ele nem ligava mais. Logo após isso, parecia que as coisas finalmente estavam dando certo para ele. Descobriu que além de bom em atletismo, era bom desenhando, tocando violino, piano e jogando basquete. Lógico, Kise praticamente o humilhava no basquete, mas ele se divertia tanto jogando que, pela primeira vez na vida, não se importou com o fato de não chegar aos pés do seu irmão. Era divertido, isso que importava. Enfim entrou para o time de basquete, onde, por incrível que pareça, ninguém no time ligou para o seu tamanho. Ele e Kise eram uma boa dupla, por mais que Haru ficasse de reserva. Sua mãe parecia ter desistido de desistir do emprego e acabou por se aquietar com o clube de vôlei. Surpreso com isso, passou a praticar com a mãe e participar de algumas partidas, nada que influenciaria no desempenho do clube de basquete, já que era apenas reserva. Tudo estava ótimo, até que Haru se descobriu apaixonado por um dos garotos do time. Eles eram da mesma sala, então não foi surpresa se aproximarem quando descobriram gostos em comum, mas Haru estava mesmo apaixonado. Não contaria sobre seus sentimentos de maneira alguma, mas já que eram amigos, ele poderia ao menos contar que gostava de garotos. E foi o que ele fez. Contou àquele garoto que gostava de garotos e foi xingado, rebaixado e humilhado. Na frente do time, que a essa hora tinha ido ver o que estava acontecendo. Foi assim que Kise descobriu sobre sua sexualidade. E esse também foi o motivo de ter desistido de jogar basquete e tentado o suicídio. Se sentia nojento e humilhado, foi a primeira vez que confiou totalmente em alguém e aquilo tudo havia acontecido. Kise foi quem o encontrou no banheiro masculino com os pulsos cortados e as roupas encharcadas de sangue. Depois desse acontecido, tanto Kise quanto Haru viviam pedindo para se mudar (por sorte o ano já estava acabando), coisa que aconteceu durante as férias. Ao chegar no Kami, tudo o que Haruka queria era esquecer o ano anterior por completo, então, quando lhe perguntaram se ele queria entrar para algum clube, apesar de ter passado os olhos pelo clube de basquete, decidiu que se dedicaria apenas ao vôlei.

► Família:


♗ Kise Shibazaki:
Sena Seiya - Love Stage





Pai. 45 anos. É treinador do time de basquete do Kami, foi contratado recentemente. É divertido, mas assustadoramente rígido quando se trata do esporte. Se tem alguém que não desiste, é esse homem. Está decidido em fazer o Kami campeão novamente. Quando não há mais opção e ele precisa de algum jogador, não hesita em pedir aos outros filhos, já que praticamente obrigou a todos eles que aprendessem a jogar seu tão amado esporte. Ele é conhecido pelo Japão como “Caronte” o barqueiro que na mitologia grega levava as almas para o Hades. Isso pelo fato de ter levado o time horrível de seu antigo colégio às semifinais, colégio esse que tinha o time de basquete apelidado de “Demônios.” Por mais que seja rígido, Shibazaki adora envergonhar os filhos ou deixar eles “bravos” consigo, principalmente Haru e Kayo, que segundo ele são os que se irritam mais fácil.

♗ Kise Nagisa:
Sena Nagisa - Love Stage





Mãe. 42 anos. Não para em um emprego. É treinadora, mas não decide qual esporte gosta mais. Já treinou duas equipes de natação, três de basquete, duas de vôlei e seis de atletismo e uma de beisebol, além de uma de vôlei (no ano anterior á mudança). Antigamente ela arrastava Haru para qualquer esporte que decidisse treinar, o que o fazia ficar indeciso sobre o que gostava. Desde pequeno acompanhou sua mãe e as trocas malucas de emprego dela. Nunca soube como a escola confiava tanto nela, mas acha que é porque ela SEMPRE tem resultados. Haru sempre achou que seus pais eram adolescentes em corpos de adultos.

♗ Fujinuma Yukio:
Sagara Rei – Love Stage





Tio (de consideração). 39 anos. Trabalha como empresário da família Kise, pois viu potencial em todas as crianças deles, desde uma pequena apresentação em uma peça da escola, peça essa onde Haru foi Julieta, Ryouta foi o pai dela, Shin foi o Romeu e Kayo foi a mãe de Julieta. Não havia nada demais naquela peça, tirando o fato de praticamente todos os atores principais serem fantásticos (ao seu ver, pelo menos. Haru achava que estava ridículo de vestido) e, por mais incrível que pareça, serem irmãos. Ficou encantado de cara e logo foi atrás dos pais das crianças com esperança de que pelo menos um deles se tornasse seu cliente. Yukio tem uma pequena implicância em arrumar papeis femininos para Haru de vez em quando, coisa que o resto da família só encoraja, já que segundo eles, Haru fica uma graça de vestido. Por mais que seja quase uma brincadeira boba da parte deles, Haru se sente muito irritado com isso, mas não pode negar que adora ter Yukio por perto. Além do mais, Yukio é a única pessoa que consegue botar um pouco de juízo naquela família, sendo de longe o mais responsável naquela maldita casa.

♗ Kise Ryouta:
Kise Ryouta - Kuroko no Basket





Irmão mais velho. 17 anos de idade, cursa o terceiro ano e é o melhor jogador de basquete que Haru conhece. É muito animado, extravagante e um excelente mentiroso. Por mais que Haru morra de inveja da maneira em que Ryouta é maravilhosamente bom em tudo e qualquer coisa, ele realmente ama seu irmão. Ele o admira muito e definitivamente tem como sua meta ultrapassar o irmão em alguma coisa (qualquer coisa!)
♗ Kise Shin:
Sena Shougo - Love Stage







Irmão mais velho. Gêmeo de Kayo. 16 anos de idade, cursa o segundo ano e acabou de entrar para o time de natação, onde se destacou no nado de costas e teve um tempo melhor que o próprio capitão do time. É escandaloso e não cala a boca nem por um segundo, não se segurando e acabando por envergonhar Haru o tempo todo.

♗ Kise Kayo:






Irmã mais velha. Gêmea de Shin. 16 anos, cursa o segundo ano e se inscreveu como ajudante do time apenas para vigiar seu irmão mais novo. É muito intrometida e não se segura nenhum pouco, quando se sente curiosa sempre pergunta e não liga para respostas grosseiras desde que possa extrair alguma informação dali. Definitivamente é uma garota persistente e ótima em conseguir informações sobre as pessoas. É uma grande fofoqueira, mas não costuma revelar coisas sobre sua família e amigos

► Sexualidade:
Homossexual.

► É seu primeiro contato com o vôlei?
( ) Sim
() Não

► Como você encara o esporte?
No começo era apenas curiosidade, mas depois de realmente entrar em um time, virou uma de suas paixões

► Já jogou vôlei em alguma outra escola?
() Sim
( ) Não

► Qual o seu temperamento em quadra?
Ele não fica muito tempo quieto. Por mais que todos sempre fiquem de olho na bola, ele fica de olho no adversário e nos movimentos deles, principalmente no dos olhos, é assim que ele consegue deduzir o próximo movimento e estar no exato lugar em que a bola vai cair. Por mais que seja afobado fora de quadra, quando está jogando parece outra pessoa. Sempre concentrado, mas não tira o sorriso do rosto, não importa o quão difícil seja o adversário, ele só aceita a derrota quando a partida acaba. Ele costuma fazer sinais com os olhos e expressões faciais, coisa que ele ensinou para todo o time assim que entrou para a equipe. Quando ele vai tentar uma jogada nova que nunca fez na vida (geralmente copiando o adversário) ele pisca três vezes seguidas com os olhos e dá um sorriso, o que significa que está confiando que o time vai o cobrir caso não consiga acertar de primeira.

► Número da camisa:
09

► Em qual posição joga:
Ponteiro, mas quando estava na outra escola ele era o líbero.
É melhor na defesa, mas não fica muito atrás no ataque. É bom, mas muito melhor na defesa.
Sua mãe fez questão de o fazer jogar em todas as posições, então ele sabe como substituir alguém, mas ele brilha mesmo quando é o ponteiro ou o líbero


► É especialista em alguma jogada?
♔ Haru tem o raciocínio muito rápido e acaba por ler os movimentos do adversário com uma facilidade que até mesmo ele acha estranho, sendo fácil para ele descobrir onde a bola vai cair

♔ Tem uma facilidade muito grande para copiar e aperfeiçoar jogadas de adversários, exemplo, em um jogo no fundamental ele observou um garoto fazer um mesmo movimento duas vezes e, quando ia tentar pela terceira vez, teve tanto a bola quanto o movimento roubados. Haru aperfeiçoou o movimento depois de tentar fazer umas três vezes no jogo. Seus colegas de time sabem que ele tem essa vontade arriscada de tentar algo novo no meio de um jogo, mas ao invés de ficarem bravos eles lhe dão cobertura, pois quando ele consegue é algo realmente incrível de se ver

♔ Haru é muito rápido e por ser pequeno, tem uma grande facilidade para se mover entre os colegas de time, o que faz com que pegue a bola com mais facilidade


► Habilidades especiais:
♔ Seu salto não é muito alto, mas ele tem um equilíbrio incrível —diferentemente de quando está fora da quadra — durante o tempo em que fica no ar, o que faz com que ele fique mais estável e consiga cortar a bola com uma técnica assustadora.

♔ Seus cortes são muito fortes e tem uma precisão certamente assustadora. Conquistou boa parte de sua força no basquete, mas por mais que sejam fortes, pelo fato de serem tão precisos, o adversário pode acabar por prever onde a bola cairá, o que lhe seja frustrado e faz com que se concentre mais na defesa
♔ Haru tem uma capacidade assustadora de prever os movimentos do adversário, quando ele tem algum tempo para trocar informações com alguém que estivesse no banco (geralmente um ajudante observador ou o técnico) ele formaria estratégias incríveis


► Tem algum sonho?
Ele sempre quis ser jogador profissional de basquete, mas ficou meio desmotivado depois de tudo o que aconteceu, então passou a se dedicar ao vôlei

► Codinome?
Blur
"Blur" pode ser traduzido como "borrão" ou "mancha", quando ele passa voando por seus adversários tudo o que eles vêem é realmente um borrão passando por eles.
O apelido foi dado inicialmente quando ele ainda era um jogador de basquete, mas como ele sempre foi veloz em qualquer esporte que praticasse, o apelido pegou.


► Tem alguma mania?
♔ Morder os lábios quando está pensando/ formulando estratégias

♔ Ele tem o hábito de ficar descalço e de ficar mexendo os dedos dos pés quando ansioso (mesmo dentro dos tênis)

♔ Cobrir o sorriso com as mãos (ele fazia isso mais para cobrir o dente meio quebrado, mas se tornou um hábito)

♔ Arranhar os braços até que fiquem realmente vermelhos quando está nervoso. A dor ajuda na concentração

♔ Quando está nervoso/com medo ele começa a tremer

♔ Ele tem mania de olhar sempre nos olhos das pessoas quando estão conversando, mas quando mente sempre desvia o olhar

♔ Ele costuma se encolher, corar e gaguejar quando vai falar com algum garoto que ele realmente acha bonito

♔ Ficar arrumando os óculos o tempo todo

♔ Esquecer que os óculos estão no seu rosto e ficar procurando

♔ Subir as escadas nas pontas dos pés e descer dando pulinhos

♔ Pedir para ser carregado nas costas por amigos mais altos


► Faz algum ritual antes de entrar em quadra?
Ele vai ao banheiro, beija as cicatrizes que tem nos pulsos e lava o rosto, antes de dizer a si mesmo que está tudo bem e que sua família estará lá para o ajudar e que tem companheiros confiáveis que não vão lhe abandonar. Ele faz isso para aumentar sua auto estima e conseguir jogar direito

► Gosta:
♔ Abraços


♔ Desenhos


♔ Música
♔ Milkshake
♔ Irritar os amigos
♔ Frio
♔ Café/Chá
♔ Tocar piano/violino
♔ Livros
♔ Doces
♔ Mexer no cabelo dos outros
♔ Subir em árvores


► Desgosta:
♔ Calor
♔ Abraços suados
♔ Ser confundido com uma garota (morre de vergonha)
♔ O fato de Kise não deixar nenhum garoto se aproximar dele
♔ Ser tratado como um inútil
♔ Ser subestimado pela sua altura e aparência infantil
♔ Ser confundido com uma criança, o que acontece em praticamente todos os jogos (ele fica puto)
♔ Das palavras “viadinho,” “travesti” ou “bixinha.” Eles sente nojo de si mesmo e vontade de chorar quando ouve algo do tipo
♔ Palavrões
♔ Quando mentem pra ele
♔ Quando se sente um inútil
♔ Quando chora na frente das pessoas


► Medos:
♔ Aicmofobia — medo de agulhas de injeção ou objetos pontudos (fica tremendo desesperadamente)
♔ Aracnofobia — medo de aranhas (fica pálido e prende a respiração)
♔ Astrapofobia — medo de trovões e relâmpagos (se esconde sob as cobertas ou vai procurar consolo no quarto de alguém, geralmente chorando pois detesta o barulho)
♔ Automatonofobia — medo de bonecos de ventríloquo, criaturas animatrônicas, estátuas de cera (qualquer coisa que represente falsamente um ser sensível) [ficaa nervoso, suado e tremendo, desviando o olhar constantemente quando vê algo do tipo. Tem a paranóia de que vai começar a se mexer por conta própria. Idem para manequins de lojas, sempre passa longe deles)
♔ Cacorrafiofobia — medo de fracasso ou falhar (fica hesitante e trêmulo, começa a gaguejar e sente pontadas na cabeça, muitas vezes não sabendo lidar com a pressão)
♔ Claustrofobia — medo de espaços confinados ou lugares fechados (ele desmaia se ficar muito tempo trancado e quando entra em um elevador ele saí tonto e quase caindo, como se estivesse bêbado)
♔ Coulrofobia — medo de palhaços (ele se agarra a alguém, tremendo e congelado, sem saber o que fazer e querendo chorar)
♔ Entomofobia — medo de insetos (igual a aracnofobia)
♔ Escopofobia — medo de estar sendo observado (fica olhando em volta compulsivamente)




► Hobbie?
♔ Ele joga Basquete desde que se entende por gente, incluindo quando está estressado e, por mais que no momento esteja apaixonado pelo vôlei, o basquete ainda faz parte dele e é comum lhe ver praticando.

♔ Fora o basquete ele também praticava natação e atletismo.

♔ É completamente apaixonado por vídeo games e não fica nem um segundo sem.

♔ Ele toca piano e violino também





► Defeitos:
♔ Ele é irritante
♔ Inseguro
♔ Medroso
♔ É manhoso quando se sente triste ou com medo
♔ Se envergonha com facilidade
♔ Fala sem pensar e acaba por dizer coisas constrangedoras
♔ Segue apenas suas emoções e acaba por desrespeitar algumas ordens do capitão


► Qualidades:
♔ Sempre pensa mais nos outros que em si mesmo
♔ Consegue arrancar sorrisos dos outros com facilidade
♔ É muito otimista e o último a perder as esperanças
♔ Não desiste nunca, não imposta a situação em que esteja
♔ É sempre honesto, mesmo que acabe por magoar alguém, se sentir que é certo ele dirá a verdade
♔ É extremamente leal aos seus amigos e jamais faria algo para os prejudicar, mesmo que no final o prejudicado for ele
♔ É muito carinhoso e preocupado com aqueles que gosta


► Algo mais?
♔ Ele não gosta de andar em qualquer meio de transporte porque se sente muito enjoado, principalmente se é antes de uma partida, ele prefere sempre ir a pé
♔ Ele sente inveja de Kise
♔ Ele não assumiu a sexualidade para a família porque tem medo do que vão pensar, mas Kise sabe e é muito super protetor e desconfiado, tanto que vira e mexe ele aparece para "dar uma olhada nos treinos" só para ter certeza de que nenhum garoto no time reparou "demais" no seu irmãozinho



Kise tentando fazer com que alguém escute um dos seus ataques de ciúmes:

Alguém reagindo ao ataque de ciúmes do Kise:

♔ Seus irmãos não tem o menor respeito com sua privacidade e realmente sempre invadem seus treinos, seu quarto, o seguem e até mesmo sabem a senha de seu celular
♔ Kise tem muito medo de deixar Haru sozinho porque acha que ele pode se sentir inseguro de novo e tentar o suicídio novamente. Ele ficou tão paranóico com isso que até mesmo seus outros irmãos ficam preocupados se não tiverem notícias de Haru de hora em hora
♔ Quando Haru foi falar com (inventa um nome pro fdp que quase acabou com a vida do Haru pq senão eu vou pegar um ódio do nome que nunca mais vou poder escrever algo do tipo), ele o chamou (sozinho) para um canto do vestiário (que só estava sendo ocupado pelo time reserva e os jogadores do segundo time que estavam treinando antes), os jogadores titulares (Kise e o povo lá) estavam na quadra treinando. mas o Kise sentiu falta do irmão mais novo e foi atrás dele, e aí a confusão toda aconteceu (agora com a presença dos titulares, que foram atrás do Kise que saiu correndo no meio do treino). Ou seja, o time todo (primeiro, titulares e reservas e o segundo apenas os titulares) o viu sendo humilhado, então ele pegou o trauma e detesta o vestiário
♔ Ele lascou o dente da frente quando era mais novo. Até hoje não lembra como aconteceu, mas tem o dente meio lascado e morre de vergonha de rir/sorrir e acabar mostrando o dente, por isso cobre a boca quando o faz
♔ "Se eu comer agora, vou vomitar! Se eu não comer, também vou vomitar. Se eu entrar num carro, vou vomitar! Estou super hiper enjoado!" - Haru quase sempre se sente assim antes de um jogo importante, tendo que ficar um tempinho de fora da partida as vezes para se recuperar
♔ Haru tem muito medo de jogar contra o pessoal de sua antiga escola porque ele tem certeza que o boato se espalhou por todos os outros clubes
♔ Haru pegou a mania de Kise de acrescentar "cchi" ao final do nome das pessoas que respeita
♔ Haru nunca se acostuma com o fato de haver garotas paparicando Kise e Shin para qualquer lugar que os dois vão, assim como não registrou a quantidade de garotos atrás de Kayo e nem a razão pela qual diversas garotas ficam em cima de si. Ele era tão adorável assim?
♔ Se alguém for definir a família Kise em algumas palavras, certamente seria infantis e competitivos. Eles fazem competições entre si o tempo todo. Quem come mais rápido, quem ganha mais medalhas, quem faz as tarefas mais rápido, corridas... cada momento do dia é um novo momento para se competir com a família. Os adultos fazem questão de participar dessas coisinhas bestas, adicionando ainda "de quem as crianças gostam mais". Eles são um caos
♔ Haru se descobriu alérgico à frutos do mar e nozes, desde um ataque alérgico que o fez ficar semanas no hospital, ele cortou tudo o que tinha a ver com essas coisas, não come nem peixe agora
♔ Haruka adotou um cachorrinho chamado Karupin
[sim, é o Ren de dmmd]



Ah, já ia esquecendo, a história do Kise (tirando o que eu especifique ali em cima) continua a mesma coisa. Ele estudou com o Kuroko, Kurokocchi saiu do time e pá, então Kise e Haru já estão acostumados com o pessoal invisível da família Kuroko, afinal estavam no mesmo time e eram "amigos" (mais por parte de Kise), sendo assim, ele nota Tetsuki como nota qualquer outra pessoa (acrescentando que ele realmente se esforçou para se acostumar, já que Kuroko começou no time mais baixo, assim como ele e conseguiu ser titular no primeiro time, Haru o admirava muito)


Enfim, foi isso...
O que achou? Muito ruim? Exagerado? Você pode alterar o que quiser, sabe?
Xoxo <3

Escutando: All Star - Smash Mouth
Lendo: A Seleção
Assistindo: Daiya no A
Jogando: Amor Doce
Comendo: Lays
Bebendo: Pepsi Twist

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...