~Sapinho9870

Sapinho9870
Ser humano
Nome: Joao
Status: Usuário
Sexo: Masculino
Localização: Manaus, Amazonas, Brasil
Aniversário: 25 de Julho
Idade: 14
Cadastro:

Riuki Tsuyoidesu


Postado

Riuki Tsuyoidesu

FICHA:

❧Nome:
Riuki Tsuyodesu Kata
Seu nome significa Riuki forte pois Riuki não possui uma tradução.
❧Signo:
Signo de virgem pois nasceu dia 21 de setembro de 1997 tendo 17 anos atualmente, nasceu as 12 horas da manhã.

❧Personalidade:
Riuki possui o melhor sobrenome possível para sua personalidade, pois ela é forte tanto no físico (mas claro, ela n é musculosa, só forte o suficiente para carregar suas amigas) quanto na sua personalidade, ela não deixa ninguém tentar ser superior a ela, mas também ela não quer ser superior que ninguém, ela apenas não quer que as pessoas tentem a rebaixar com palavras. Ela chega a ser muito humilde, e sem nem um problema de dividir suas coisas, mas tem um certo problema com egoísmo alimentar. Sendo muito divertida e inteligente ela consegue arrumar colegas facilmente, tanto usando sua inteligência ou seu senso de humor que fazem as pessoas rirem, mas ela não é perfeita e nem quer isso, muitas vezes algumas piadas que ela faz não são tão engraçadas, mas com o possível ela arruma e consegue deixar tudo perfeito. Sendo muito perfeccionista seu quarto nunca está desarrumado, mas claro ela comete pequenos erros pelos quais ela se esquece com por exemplo ela esquece de tirar as roupas de cima da cama, ou que suas gavetas estão desarrumadas. Segue a regra de decepcionar ninguém e deixar tudo ótimo para todos, com isso ela é muito pacificadora ou até mesmo tranquilizadora, mas consegue ser muito desastrada.
Pode parecer que ela vive uma vida cheia de felicidade e harmonia, mas ela também tem um lado sério quando falam de alguém que ela gosta ou quando alguma coisa em sua vida tem que mudar, como por exemplo: quando veio para os Mukami, suas emoções foram mudando, pois não é fácil ficar aturando vampiros, e acaba se arrependendo mais ainda por suas opções seguidas, deixando ela mais deprimida tanto pelo passado quanto pelo presente, mas esconder isso é a melhor opção que ela achou.
❧Passado: (MUITOS detalhes. [Coloque como foi sua vida antes e depois que voltou da mansão, e como foi seu retorno pra lá -após eles terem sido revividos.-])
Riuki nasceu as 12 horas da manhã e estava bem próximo do almoço e sua mãe disse que ela seria uma menina muito forte e saldável quando crescer, e com isso ela deu o nome dela de Riuki Tsuyodesu que significa Riuki forte, Riuki veio do nome de sua avó que era muito batalhadora, e que morreu defendendo sua família durante uma guerra entre a família inimiga, os Yatsuga. Como sua mãe prévio ela cresceu muito forte e saldável, mostrando ser perfeccionista, tanto nos seus deveres de casa e na escola, quanto em seu quarto. Riuki aprendeu piadas com seu pai e com isso virou a humorista de sua família, ela tinha um irmão gêmeo que participava de suas piadas e aventuras nos sítios de sua família, e quando possível ela se vestia de menino para enganar seus pais, e com isso ela nunca teve problemas em ter amigos ou até mesmo de usar calça. Sua família não era muito rica e por isso ela ganhava presentes mais diferentes dos que ela queria, mas ela não ligava para os presentes em seus aniversários, ela queria ser feliz com sua família e viver cada dia de sua vida como se fosse o último. Em sua escola ela não era muito diferente de sua casa, ela fazia piadas e brincava muito, mas suas notas eram baixas pois ela se dedicava muito nas brincadeiras e esquecia o que era principal. Em um dia, quando voltava mais cedo da aula ela entrou em casa silenciosamente e viu seu pai brigando com sua mãe, eles gritavam sobre as notas da filha e ficavam discutindo de quem era a culpa, ouvindo tudo o que eles diziam ela se sentou do lada da porta do quarto aonde os pais estavam, e ficou chorando sobre o assunto, e toda vez que ouvia sua mãe gritar ela chorava mais ainda, mas sempre evitava fazer barulho. No outro dia ela resolveu se dedicar mais ainda aos estudos e acabou sendo a aluna mais inteligente de sua sala, sempre levando a seus pais notas elevadas, e nunca mais deixando seus pais brigarem por ela, mas claro que não abandonou seus amigos, ela apenas deixou de ser irresponsável.
Em seu aniversário de 15 anos, ela recebeu uma linda festa, e lá estavam seus parentes, amigos e outros familiares, e enquanto dançava e bebia refrigerante em volta de suas amigas, ela acabou vendo lá no fundo, passando pela porta do enorme salão de festas, um garoto que aparentava ter a mesma idade que ela, de cabelos negros e com a pele parda, e tinha um corpo nem tão musculoso, podia dizer que era ideal. Ele andava pelo salão sem saber o que fazer, e era obrigação dela fazer a recepção de sua festa, ela se aproximou e perguntou:
-Posso ajudar em algo? Ele olha para ela e responde:
-Não, a não ser que você me ofereça companhia!
-Sim eu posso lhe oferecer! Afinal você parece confiável. Ele sorrio para ela e foram se sentar em uma das mesas.
Passaram o resto da festa conversando e descobrindo coisas novas sobre os dois, e o garoto disse seu nome, que era Kanto, mas resolveu deixar o resto de seu nome em oculto. Próximo do final da festa Kanto leva Riuke para um canto do salão e com voz seria ele diz:
- Tenho que lhe dizer algo!
- O que? Pergunta Riuke com um tom e uma cara assustada.
-Eu sou da familia Yatsuga!
Depois disso Riuke empurra Kanto para frente e chorando corre para o portão, mas quando na metade do caminho pessoas usando preto passam pela porta anunciando “Essa família não pode mais sobreviver, depois de declarar guerra aos Yatsuga capturando um de nossos filhos!” e logo um deles aponta uma arma que tirou do bolso para Riuke e já em lagrimas ela grita “Nãoo!” e se ouve o disparo, e quando perdia as esperanças de que iria viver, ela pode ver... Kanto se colocando a frente de Riuke, o sangue de Kanto se espalha pelo rosto dela e logo ela pega o corpo de seu “amado” do chão e o abraça, e as últimas palavras dele foram: “Fuja agora!ou eu terei morrido em vão” e logo seu irmão gêmeo aparece perguntando se tudo estava bem e em pouco tempo ela o agarra pelo braço e se escondem em um esconderijo no salão, e os dois ficam lá. Depois que a família prende todos os reféns eles gritam bem alto para todos ouvirem:
-Se Riuke Tisuyodesu Kata não aparecer nos iremos matar um por um, até que não reste ninguém!
E logo Riuke se desespera e começa a chorar, pois não vai aguentar tudo isso que está acontecendo, logo eles começam a realmente matar um por um que estava na festa.
Com o passar de duas horas já foram mortos a metade das pessoas da festa e Riuke decide se entregar e quando ia sair seu irmão pergunta:
-Tire seu vestido! Afinal você não que sujá-lo, né?
Ela acha estranho mas resolve obedecer e logo antes dela sair seu irmão puxa ela para dentro do lugar e a amarra com uma corda que estava jogada no chão e logo ela vê ele vestindo seu vestido e colocando um pano em volta de seu cabelo deixando apenas seu rosto a mostra, e logo ele diz” talvez isso ajude!” e ele sai do lugar com vestido e tudo e Riuke consegue ouvir o som do tiro que eles acertaram em seu irmão, e desesperadamente ela grita e chora, mas os tiros que eram lentamente um depois do outro acabaram sendo rápidos e logo ela percebeu que todos tinham morrido.
No outro dia policiais encontraram Riuke desacordada e como ela possuía apenas 15 anos ela foi mandada para um orfanato e lá ela ficou até os mukami a adotarem, e isso foi dois anos depois de entrar, e lá conheceu os irmãos vampiros, lá ela vivia como uma presa e toda a alegria que ela possuía ia caindo mais ainda, e a cada dia ela se arrependia por ter ido para aquele lugar, mas sabia que precisava fazer isso, e afinal ela não estava sozinha, ela tinha outras meninas para com quem conversar. Lá ela conheceu um vampiro chamado Ruki, ela percebeu que tinha o nome parecido com o dela, mas ele a tratava de jeito diferente e realmente era um Sádico com coração frio, e por seu jeito de ser e sua inteligência Riuke sente algo por ele, e do jeito mais diferente que a tratava deixava ela confusa de quem era Ruki, ou se ele era mesmo o tal vampiro ruim, parecia que a odiava, pois ele começou a fazê-la sofrer ainda que pouco, mas a fazia sofrer, e ela não sabia que por eles serem sádicos era bom ou totalmente o contrario. Ela não queria deixar essa coisa crescer,por seu sentimento por Ruki , e junto a suas amigas em um ato de vingança elas queimam a mansão e vão embora. Riuke resolve trabalhar em uma especie de loja de cafe chamada Cafe´s Store, lá ela era garçonete e tinha que se vestir de forma fofa o que foi fácil para ela. E com isso ela arruma um apartamento para nele morar, mas com o tempo percebeu que tinha algo de errado, e descobriu que nem tudo estava acabado, ela sentia que algo não terminou, e teve um péssima reação ao saber que iria por conta própria a casa dos mukami's para descobrir o que estava acontecendo, onde ela terá que enfrentar novamente os irmãos vampiro e acender seu sentimento novamente,ela pega um táxi para ir até a mansão nessa ida ela passa por vários sentimentos dentro de si mesma, e acaba se sentindo confusa e resolve descer do táxi e continuar o caminho a pé.
ela aparece pela mansão pelo final da tarde, e percebe que não era a unica a voltar para a mansão, todas as outras que antantes tinham colaborado para incendiar a mansão Mukami estavam lá, e por incrível que pareça, a mansão estava em perfeito estado, nem parecia que tinha pegado fogo, e era inacreditável, cada pano, sofá, quadro, parede e talvez os próprios vampiros, ela observa as garotas e resolve ir embora para seu antigo e agora seu quarto. Ao entrar no quarto ela fica impressionada novamente com a perfeição, como tudo estava bem? parecia que tiveram a eternidade para resolver aquilo, pois a mansão era revestida com pedras e madeira e tinha que algo ter se destruído com o fogo, mas mesmo assim, ela estava muito exausta e precisava descansar na cama. Logo apos, ela mudar sua roupa, e vai se deitar na cama,vagarosamente ela fecha seus olhos e tenta sonhar e ter a esperança de que não venha a ter problemas novamente. Quando ela começa a pegar no sono, sente uma presença diferente, parecia muito tenebrosa e assustadora, quando ela abre os olhos ela pode ver:
-Achou mesmo que ia conseguir se livrar de mim tão facilmente?

❧Aparência:
1,79 de altura, sendo considerada alta por muitos. Possui cabelos longos e castanhos bem parecidos com ruivo, como sempre ela prefere dar uma mudada todos os dias (tapa no visual hihi) alguns dias ela está kawai e outros ela está com um visual com mais estilo, em maioria ela está usando uma saia com uma camisa de colégio. Usa laços em seus cabelos, por causa de seu trabalho, mas prefere uma tiara de flores. Pode estar sempre mudando suas lentes de contato, mas seus olhos são verdes claro.





Gosta:
felicidade
Amigos
Coisas arrumadas direitinho ou não
Comida somente para ela
Mudar de roupa
Lentes de contato
Livros com boas histórias
❧Desgosta:
Pessoas metidas
Andar muito
Livros com histórias nada a ver.

❧Vícios? Doenças? Manias:
ela tem o vício de comprar muitas lentes de contato, ela sempre tenta se controlar mas parece impossível.
mania de usar blusas escolares.
❧Medos/Fobias/ Traumas?
tem medo do escuro e mais ainda de altura.
Ela não gosta de ver sangue, pois o sangue de seu antigo "amado" foi jogado em sua cara
❧Par: Ruki ( o que não esmaga)

❧Relação com as garotas:
Sua relação com elas é uma relação de amizade, mesmo que algumas não gostem dela, ela faz de tudo para mudar isso usando todo seu trabalho duro, e pelas outras garotas chega a ser considerada uma batalhadora, mesmo que com defeitos.
❧Música tema:
Babymetal—Gimme chocolate
❧Reação ao...

❧Saber que o par está vivo:
Sua reação foi breve, mas significativa, ela quebrou tudo o possível em seu novo apartamento que tinha alugado, e acabou sendo despejada por: Provocar barulho, Violência sonora e porque os vizinhos reclamaram. Ela não aguentava saber que estava sem casa, mas sabia que teria que ser abrigada novamente na mansão Mukami e ter que SOBREVIVER novamente aos vampiros.
❧Saber que irá voltar para a mansão:
Sua reação foi mais tranquila que antes, afinal tinha sido expulsa de seu apartamento que a pouco tempo tinha conseguido e pensou” tudo bem, gastei todo meu dinheiro com lentes mesmo”
❧Que se apaixonou pelo par:
Foi uma surpresa saber que tinha se apaixonado por Ruki, mesmo ele tendo feito todas aquelas crueldades com ela. Ela já sabia que não conseguiria nada com aquilo afinal ela era humana e ele vampiro, mas logo se lembrou de crepúsculo. Com certeza ele tornara a vida dela um inferno, apenas por telo mandado para lá, e com isso o que antes era não vai ser o mesmo atualmente, e começa a se arrepender de ter matado ele,mas mesmo assim o melhor era esquecer essa paixão que agora parecia não existir
❧Algo mais? –
Geralmente pode encontrá-la dentro de seu quarto ou da biblioteca quando estiver lendo, mas geralmente ela fica colhendo flores no jardim ou com suas novas amigas.
E as mais proximas a chamam de Hulk


No happy ending for me


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...