~KingOfNothing

KingOfNothing
Poeta azarado
Nome: Irrelevante
Status: Usuário
Sexo: Masculino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 18 de Julho
Cadastro:

Poesia: "Queria tanto voltar a ser criança..."


Postado

Queria voltar a ser criança. E nunca ter embarcado nesta dança.

Ter a pureza de pensamentos pueris e infantis. Sem conhecer nada sobre a mesa.

Eu não sabia o que era viver. Eu não sabia o que era morrer.

A inocência me garantia bondade que hoje em dia se perdeu na idade.

A ignorância é, de fato, uma benção. Uma doce musica sem dança, uma doce canção.

A besta ainda era filhote. Se alimentava de pequenas ignorâncias, ouvidas por pura sorte.

A besta falava muito em meu ouvido. Ela dizia: "Venha! Seja meu amigo!" Não era um demônio. Era eu mesmo. Uma fera sem dono. Uma história sem texto.

Queria voltar a ser criança. Queria nunca ter embarcado nesta dança.

Queria esquecer que os humanos sãos complicados. Um pequeno ser que não se importava, em falar sobre os exilados.

Deus era meu amigo. O único que falava comigo. Até hoje ele é. Mas, suas palavras não chegam a pé.

Queria voltar a ser criança. E nunca ter embarcado nesta dança. Passos de depressão sem justificativa. Passos de euforia sem muita tentativa.

Os adultos são tão complicados. Se enterram em problemas e tem seus corações e mentes sequestrados.

Queria tanto voltar a ser criança...
-- Thiago Araujo. 1999-Infinito


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...