~Skyler-- - Clan Fantasy

Skyler--
> i'm a {girl.} <
Nome: ⊱✿. { スカイラー } .✿⊰
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Indisponivel
Aniversário: 9 de Outubro
Idade: 17
Cadastro:

Fichas ヾ(@^▽^@)ノ (Antiga)


Postado

☼ Zetsubou ☼






Batatinha filosofal quando explode nasce pau - WTF

➤ FICHΛ:

☯ Nome:
Anzu Sasaki


☯ Apelido:
Sassan - Apelido relativamente carinhoso que os amigos dela a deram
Anzushin - Apelido que ela mesma se deu e ela mesma se refere
Criança problema - Como era conhecida na escola, quem a conhece por mais tempo se lembra dele


☯ Idade:
16 anos


☯ Sexo:
Feminino


☯ Aparência:








Nico Niiyama - Kiznaiver

Anzu tem uma aparência infantil e frágil, além de ser bem excêntrica.
Seus cabelos são de uma cor alaranjada com algumas partes coloridas em listras verde água, anda com os cabelos amarrados em Marias-chiquinhas, sua franja tem um corte irregular que faz que o lado esquerdo seja menor que o direito, além de usar acessórios bem chamativos.
Seus olhos são de uma coloração arroxeada e bem brilhantes quando em estado normal, a fazendo parecer ainda mais alegre e interativa, suas sobrancelhas são curtas e seus olhos bem grandes.
Sua pele é quase pálida em bem macia, suas bochechas são levemente coradas e pouco grandes, fazendo com que muitas pessoas tenham vontade de puxar.
Sua altura é de aproximadamente 1,55 e ela pesa 46kg, seus seios são um pouco grandes e suas pernas não muito finas.


☯ Personalidade
Anzu é uma pessoa totalmente idiota e infantil, é extremamente avoada e desligada, sempre se mostra a sorrir e faz brincadeira por tudo. Tudo que ela demonstra ser é natural, ela nunca faz nada forçado, o que faz muitas pessoas se perguntarem de ela não é uma criança de nove anos preso em um corpo de dezesseis.
Mesmo por se demonstrar alegre, simpática e fofa, Anzu é uma verdadeira traiçoeira e não é do tipo que se põe as pessoas em primeiro plano, ela nunca faz algo que não vá favorecer ela de alguma maneira, e ela deixa isso bem claro.
Seus pais a chama de "criança problema", pois da mesma forma que ela é infantil e brincalhona ela também consegue ser extremamente violenta, principalmente com pessoas que não conhecem e tentam tocar nela, e perturbada.
Anzu não tem nenhuma moral, assim como aparentemente não sente dor e medos comuns.
Ela não consegue entender os sentimentos das pessoas e nem mesmo seus próprios sentimentos, ela é quase como uma boneca, apesar de parecer tão aberta ela é difícil de se "ler".
Anzu consegue transmitir desconforto nas pessoas, e também o jeito de "Não estou nem ai" causa insegurança nas pessoas que sempre se perguntam se ela possui algum tipo de sentimento, e de fato ela não tem compreensão emocional. No passado, Anzu nunca viu nenhuma demonstração de afeto e nunca entendeu as emoções dos outros, fazendo dela uma pessoa muito fria no futuro e incompreensiva. Ela consegue falar de coisas pesadas (como matar, torturar e humilhar) como se não fossem nada, e com um sorriso no rosto ainda.
Anzu pode ser um pouco solitária, não liga se a pessoa ou um grupo se afasta dela ou se acusem ela de algo, ela permanece neutra e age normalmente, uma de suas manias é sentar e começar a balançar os pés sorrindo e cantarolando alguma música, mesmo sabendo que vai incomodar as outras pessoas.
Muitos pensam que podem passar a perna nela e acharem que ela é tão idiota que não vai perceber nada, um dos pontos fortes de Anzu é ser muito observadora, ela consegue sentir quando as pessoas estão mentindo e sempre faz de tudo pra coloca-las contra a parede, fazendo muitas perguntas como qualquer "criança" curiosa.
Anzu possui um estilo meio único e excêntrico, Ela é do tipo que veste Crocs com meia e usa um vestido fofo com uma calça, mas em geral, ela gosta muito de coisas coloridas que ela possa combinar do jeito dela, ela também é extremamente apaixonante por maquiagem e gosta de cuidar da aparência, mas em geral, gosta de coisas confortáveis e fofas.

Quando irritada ela tende a ter um comportamento indiferente, seus olhos brilhantes se tornam opacos e ela, antes sorridente e faladeira, se torna uma pessoa calada e mau-humorada. Muitos tem medo de chegar perto dela por experiencias no passado.

[Colocarei algumas coisas sobre a personalidade dela no passado em ´´Algo mais``]


☯ Sexualidade:
Bissexual (nos dois casos ela é passiva)


☯ História:
Anzu antigamente era uma criança perturbada e agia estranhamente das outras crianças, por ser adotada, seus pais não sabiam o que ela tinha passado em sua família passada e ela nunca queria contar. (Imagine o que quiser, huhuhu)
Anzu começou a mudar muito em sua nova família, mudando principalmente sua personalidade agressiva para uma personalidade mais adorável e infantil. Anzu aos 12 anos começou a criar sua imagem de ´´garota boa´´ depois que mudou de escola, sendo um tipo de mascote para sua turma, por ser fofa e frágil.
Mas muitas vezes tinha recaídas, graças a sua esquizofrenia, e voltava a ser agressiva, principalmente com homens que tentavam encostar nela (ela era muito assediada) e nos colegas que ela achava que ia fazer mal a ela.
Depois de vários anos de tratamento psicológicos ela realmente mudou e foi transferida para o Internato.

[Tenho um pouco de duvidas sobre o que seria esse internato, por isso, vou deixar em aberto a historia dela se você quiser mudar]


☯ Gostos & Desgostos
Gosta de coisas doces, como se fosse uma criança de verdade, além de sempre estar comendo (não só doces, qualquer coisa); Gosta muito de animais de pelúcia ou coisas fofas demais para apertar ou dormir; Quando está sozinha em algum gramado ou lugar aberto sem fazer nada gosta de esmagar formigas, além de gostar de olhar as nuvens deitada na grama; Gosta de filmes de terror/suspense, além de livros do gênero, ela afirma que pra ela é melhor tipo de leitura; Gosta de coisas que vem do Japão (em geral), pois acha muito fofo; Adora cantar, mas apenas quando está sozinha (geralmente pra lua)

Sair ao sol sem proteção, pois é muito branca e odeia ficar vermelha; Praia e areia, não é muito a dela; Odeia coisas amargas como café; Odeia propagandas; Odeia pessoas que a olham com um olhar de pena; Odeia circos e coisas relacionadas a circo. (Ela surta)


☯ Qualidades & Defeitos:
Sua coragem, apesar de não demonstrar, gosta de se por na frente das outras pessoas quando elas estão com medo, mesmo não sabendo que isso é um ato que demonstra afetividade, ela costuma fazer coisas para as pessoas sem saber que o que está fazendo é bom (como proteção)
Seu jeito fofo e sua inocência, por mais que ela faça o que faça continua tão inocente quanto uma criança.


Sua personalidade problemática e insensibilidade.


☯ Medos:
Seu medo de Circos é puramente psicológico


☯ Par? Quem?
Disponível


☯ Relação com...
• Par:
Ela não sabe oque é amor ou carinho, para ela essas coisas não existem pra ela. O seu par é uma das pessoas que ela julgou "valer a pena" e que se aproximou dela por a achar interessante ou algo do tipo. Apesar de não saber, tudo que ela passa quando está perto dele a faz ter "sentimentos estranhos" ou inexplicáveis. Ele mostra a ela uma coisa que ela nunca sentiu, e ela se mostra super interessada nele (ou nela), ela procura mostrar mais seu lado fofo e sem querer quer proteger ele.

• Professores e funcionários:
É uma dor de cabeça pra o professor, ela é do tipo que não tem interesse nas coisas que ele fala, como aulas e etc. Ela dorme muito, e Quando ele vai questiona-la ela responde da maneira mais inocente possível, como se ela achasse que aquilo estava certo.

• Colegas e terceiros:
Digamos que é bem estável, ela não meche com eles e não liga muito. Ela sempre os observa quando senta em sua cadeira, rindo, vendo "quem vale a pena e quem não vale". Muitos dos seus colegas se aproximam dela por curiosidade, ela mostra quem é, e apenas os que ficam perto dela por a achar interessante ou algo do tipo ela considera como amigos


☯ Você está ciente de que o seu personagem poderá morrer no decorrer da história?
Claro ç.ç


☯ Algo mais?
> Sobre a parte que eu disse que ela não sente dor, ela diz sofrer de Sindrome de Riley-Day, mas na verdade tem haver com o passado que ela não quer contar a ninguém

> Sobre o seu passado que ela não quer contar: Ela foi criada pelo circo de seus tios depois que seus pais morreram, ela era mantida em cativeiro junto com outras crianças e eram obrigadas a trabalhar lá, com estímulos de drogas e torturas, Anzu conseguiu perder todos seus neurônios sensoriais, fazendo-a insensível a dor, pressão, calor e coisas assim, além de não conseguir chorar.

> No passado, ela sofria de Esquizofrenia, por isso atacava muito os colegas quando irritada, achando que eles queriam fazer mal a ela. E apesar de ter passado por tratamentos, ela ainda é psicologicamente instável.

> Pode fazer qualquer mudança nela, só peço que não mude muito a personalidade problemática dela (a não ser que seja pra deixar mais problemática e.e)

> Espero que goste ★~(◡ω◕✿)



------------------------------------------x-------------------------------------


❁ Dispair of high school ❁




• Nome / Sobrenome •
Nashiro Kurona Lewis Miller.

• Apelido •
Shiro > Como os amigos ou pessoas próximas a chamam
Inner > Quase como uma zoação por causa da dupla personalidade dela.

• Idade / Data de nascimento / Signo •
15 anos
09/10
Libriana

• Sexo •
Feminino

• Opção sexual •
Heterossexual

• Seme ou Uke / Tachi ou Neko •
-x-

• Aparência •










Mahiru Banba - Akuma no Riddle

Seus cabelos são longos e prateados, chegando na cintura, ela geralmente prende os cabelos em um coque de cabelo alto. Sua franja é bagunçada em um corte em V um pouco repicado. Seus olhos são de uma coloração arroxeada, seus olhos são um pouco caídos, como se estivessem tristes e sua cicatriz se encontra no lado esquerdo do rosto.
Sua pele é branca quase pálida, seus braços e pernas são finos e seus seios são um pouco grandes (Na verdade médios)
Tem 1,65 de altura e pesa 48 kg.

• Personalidade •
Ela é meio complicada por ter dupla personalidade. De manhã, ela é uma garota meiga e divertida, desajeitada, tímida e um tanto infantil, seria bem difícil não gostar dela por ser uma pessoa extremamente cativantes e inocente, seu tom de voz é baixo e sua voz fraca e doce, é uma ratinha apavorada, mas sabe se defender.
Ás vezes um pouco insegura de si, tem medo das pessoas a abandonarem por conta da sua outra personalidade, e por a acharem estranha demais, por isso sempre anda um pouco curvada como se fugisse dos olhares espinhosos e das criticas.
Depois do por do sol, ela é uma pessoa que pode ser fria e um tanto rude, é um pessoa sanguinária e sensual, não deixa que ninguém passe a perna nela e é bem observadora, conhece a pessoa só no modo de agir e sabe quando alguém esta mentindo ou escondendo algo dela, seu tom de voz é mais grossa e é bem intimidadora, não liga muito pro que acontece com as pessoas. É uma pessoa totalmente oposta da Shiro, por isso ela a chama de "Kuro", sua personalidade sombria que "protege" ela. Por ela ser fraca e inocente demais, muitas pessoas tentam lhe passar a perna, mas Kuro está sempre de olho.
Ela as vezes conversa com a mesma na sua mente, Kuro no começo era apenas sua amiga imaginaria que ela criou na sua mente para protege-la dos pais, agora parece ter virado uma companheira para a vida inteira, e quando as duas começam a conversar chega a ser um pouco engraçado, pois o tom de voz e expressões mudam a cada resposta.
Shiro afirma que as vezes Kuro aparece quando ela está em perigo, como quando é convencida a fazer algo errado ou que a vá prejudicar ou quando sua vida está em jogo.

• Gostos •
Shiro:
Desenhar, escrever historias quando não tem nada para fazer, cafunés e pessoas que são carinhosas com ela. ADORA doces, principalmente bolo, se você quer chamar a atenção dela é só mostrar um pedaço de bolo de morango. Bichos de pelúcia, ou qualquer coisa fofa em formato de animal fofo. Ficar em cima das árvores.

Kuro:
A lua, sadismo e sangue, gosta de aprontar com os outros e fazer brincadeiras, se esconder e observar as pessoas, gosta de desenhar coisas que tem haver com morte e adora armas manuais, sua preferida são martelos. Adora quando fazem o que ela manda e ameaçar as pessoas, também uma grande amante de café.

• Desgostos •
Shiro: Sua outra personalidade, que sejam desleais a ela e se aproveitem de sua gentileza, despedicio, coisas amargas, o por do sol

Kuro: Sua outra personalidade, coisas fofas e doces, ser subestimada ou que façam mal a sua outra personalidade (não que ela se importe, mas é um caso de logica, se a outra sumir, ela some também), pessoas despreziveis, o nascer do Sol.

• Pai & Mãe •
Mortos

• Outros parentes •

○ Nome / Sobrenome ○
Ray Miller

○ Idade ○
21 anos

○ Tipo de parente ○
Irmão mais velho
-x-

○ Nome / Sobrenome ○
Veronica Rodrigez

○ Idade ○
34 anos

○ Tipo de parente ○
Tia por parte é mãe


• Par? Sim (X) | Não ( ) •

• História •


Foi adotada por uma familia aos 6 anos, depois da morte dos seus pais verdadeiros.
Tudo começou bem e a sua familia era gentil, até seus 10 anos...
A mãe dela entrou em depressão profunda por causa de seu pai que nunca ia para casa e ela achava que vivia com outras na rua, e de fato vivia.
Para descontar a raiva e a infidelidade, a mãe de Shiro ficava dizendo toda hora "Por que você nunca me obedece ?" "Por que você é tão inútil ?" "Me arrependo todos os dias de ter te adotado" o que fazia Shiro ficar bastante triste.
A única pessoa que ficava ao lado dela era seu irmão, e muitas vezes eles brigavam feio por causa disso.
Toda vez que fazia algo "errado" a mãe dela a trancava em um quarto escuro sem água, luz ou comida, ela ficava lá por dias e dias.
Para Se proteger, Shiro criou uma amiga imaginária para conversar quando estava presa, e essa amiga dizia para ela fazer coisas horríveis com Deus país para acabar com o sofrimento, mas Shiro ainda tinha esperança de ver sua família junta outra vez.
Até que um dia a sua mãe a atacou com uma faca, passando de raspão no seu rosto, deixando uma cicatriz, ela já estava no seu ápice, nesse tempo.
Ela colocou tranquilizante na bebida da mãe e a trancou na jaula dela, e quando seu pai chegou em casa ela fingiu que nada tinha acontecido e então colocou arsênico no café dele e o jogou na jaula com a mãe, que ao ver o marido morto se suicidou ali mesmo.
Porém, não era Shiro fazendo aquilo, e sim sua amiga imaginária Kuro.
Ao acordar, Shiro chorou muito, e quando seu irmão chegou em casa ele apenas pegou Shiro e fugiu para a casa de sua tia, que apesar horrorizada, acolheu os dois e ajudou a esconder o assassinato.

• Traumas e/ou Medos •
Cárcere privado e Jaulas

• Segredos? •
A morte de seus pais e seu passado.

• Pet (Opcional) •
-x-

• Vícios? •
Doces (Shiro)

• Algum transtorno ou doença? •
Dupla personalidade

• Hobbies •
-x-

• Algo mais? •
-x-

---------------------------- // ---------------------------- // ----------------------------

( reѕpoɴdαм eм % )


• Chances de matar alguém: 0% (Shiro) 100% (Kuro)
• Cнαɴceѕ de ѕe vιɴɢαr: 0% (Shiro) 99% (Kuro)
• Cнαɴceѕ de тrαιr αlɢυéм: 0% (Shiro) 40% (Kuro)
• Cнαɴceѕ de Arrυмαr вrιɢα: 0% (Shiro) 60% (Kuro)
• Cнαɴceѕ de ғαzer αlɢo "errαdo": 0% (Shiro) 70% (Kuro)
• Cнαɴceѕ de ѕe αpαιхoɴαr: 100% (Shiro) 60% (Kuro)
• Cнαɴceѕ de ғαzer мυιтαѕ ιdιoтιceѕ: 50% (Shiro) 5% (Kuro)

---------------------------- // ---------------------------- // ----------------------------

Perguntas:

a) Mataria alguém no "jogo"?
A Kuro sim, mas claro, com motivos ou ambições

b) Sabe que seu personagem se for aceito ira me pertencer e eu posso fazer o que eu quiser com ele?
Claro, faça qualquer mudança necessária

c) Quem é a pessoa mais importante para o seu personagem?
Para a Shiro seu irmão mais velho, para Kuro, de certa forma, a Shiro (já que vivem no mesmo corpo)

d) Seu personagem é influenciado facilmente?
Shiro sim, Kuro não

E consegue influenciar os outros facilmente?
Shiro não, Kuro sim



------------------------------------------x-------------------------------------


Are You Maria? 




 

Ficha

Nome Completo:
Akemi Shimizu ( "Akemi" formado através da união dos elementos ake, que quer dizer “brilhante” e mi, que significa “bonita, bela”; "Shimizu" que significa água pura)

Apelido:
• Aki - Uma abreviação de seu nome, e chamada assim por suas amigas

• Ichi-chan - Usado pelo par, Ichi é uma abreviação de "Ichigo" que significa "morango", devido ao aroma de Akemi, além de fazer um jogo de palavras com "Ichi" que significa "Primeira" (o que faz muita gente achar que esse é o real significado do apelido)

• Bonnie - Outro apelido dado por suas amigas, Bonnie, traduzido para o português significa Coelho, isso pelo fato das pessoas a assimilaram muito com uma coelha por ser Branca e fofa, além de ser seu animal favorito.

Idade:
17 anos

Aparência:

 


 


 
Vocaloid IA

Tem cabelos brancos mas dependendo da luz fica com uma cor rosada bem longos, mais ou menos até abaixo do bumbum, com uma franja repicada em um corte rebelde, e as duas mechas que ficam na lateral seu cabelo uma de cada lado são presas em tranças, além de dois fios que ficam no topo de sua cabeça ser comparado com orelhas de gato. É difícil explicar o cabelo de Akemi, ele tem um corte bem delicado e em camadas, tendo fios mais longos que os outros, além de ter fios meio rebeldes no topo de sua cabeça, mas tudo isso só faz do seu charme e muitos consideram seu cabelo muito belo e chamativo apesar de possuir uma cor neutra.

Seu olhar é bem chamativo, seus olhos são grandes e possuem uma coloração azul profunda, mas a depender da luz pode vir a tomar uma mistura de cores como roxo, um azul mais claro ou mais escuro, o que leva as pessoas a se perguntarem qual a real cor dele Que nem Akemi sabe dizer direito . Seus olhos refletem sua inocência diante do mundo, seu olhar muitas vezes é vago graças ao seu jeito avoado e distraído, muitas vezes indecifrável.

Tem uma pele albina, que combina com seu cabelo, sua pele é macia e quente, e seu cheiro é de morango. Tem lábios finos e sobrancelhas finas, sua aparência é delicada e infantil, parecendo assim uma boneca de porcelana. Seu corpo é magro e totalmente proporcional, não chega a ter seios grandes e nem tão pequenos, estão na media, assim como suas coxas e seu bumbum. 

Mede 1,65 e pesa exatamente 48kg. Suas três medidas são 79/85/83. 

Personalidade:
Ela tem uma personalidade 'Dandere'. Ela é quase completamente desprovida de emoção, tipicamente com uma expressão em branco e falando de forma triste. Tem uma voz suave e acolhedora, Akemi é uma menina de poucas palavras, uma vez que, ela mesma não tem certeza sobre o que dizer, muito menos pensar, também não possui senso comum. Essas características podem sugerir que ela sofre a síndrome de Savant, Akemi tem grandes habilidades reconhecidas, além que conseguir fazer tudo com facilidade, ela aprende rápido as coisas e tem um incrível talento para desenhos e uma memória fotográfica, capaz de observar uma paisagem a tarde e desenha-lá pela noite perfeitamente com todos os detalhes.

Akemi pode ser timida e desligada, mas não é totalmente impossível dela fazer amizades, quando ela conquista a amizade de alguém, Akemi se torna uma pessoa fofa e cativante, além de se apegar muito rápido a seus amigos, se tornando Leal e companheira. Muitos a acham fofa, e de fato é. Ela também tende a fazer tudo que as pessoas mandam, por mais impossíveis que seja, até coisas como se fantasiar de Maid ou de Neko. (Geralmente ela aparece fantasiada dizendo que tal pessoa mandou), Akemi tem atitudes bem infantis, além de ser totalmente inocente, sendo também totalmente influenciável.

Ela é um tanto excentrica, como se vivesse em seu próprio mundo. Como resultado, tipicamente, ela reage para situações de uma forma não convencional e opera diferentes morais dos outros, ou seja, ela age de acordo com que ela pensa ou sente. Por exemplo, às vezes, Akemi tenta dar as pessoas palavras encorajadoras, mas que as deixam confusas em vez de motivadas, além de muitas vezes a própria garota se perde mas palavras ou não fala com tanta certeza. Akemi pode ser considerada uma pessoa idealista, capaz de ter fé nos outros com bastante facilidade e é rapidamente convencido do potencial do outro, desconsiderando a base do quão difícil seja o objetivo da pessoa, ela apenas considera o quão determinada é a pessoa.

Akemi é facilmente motivada por comida e, em particular, parece ser Amante de bolos Baumkuchen. Ela consegue apreciar os gestos mais simples de gentileza e fica feliz com qualquer coisa que as pessoas ofereçam a ela, como uma simples flor ou uma carta de amizade/amor. Quando se apega a algo se torna possessiva e ciumenta.

Akemi, é muito perfeccionista e pontual, odeia quando alguém se atrasa ou não faz algo certo, ela se vê como uma pessoa que deve corrigir tudo que as pessoas fazem de errado, é apesar de não levantar seu tom de voz quase nunca a garota se mostra bem irritada.

Mais sobre síndrome de Savant: 
http://www.tuasaude.com/sindrome-de-savant/ ;

Historia:
Foi uma criança quieta e gentil, sempre manteve sua personalidade doce quando criança. Akemi era uma garota com pouca presença, muitas vezes as pessoas se assustava quando a percebiam no local e sempre perguntando "Desde quando você está ai?". Isso era doloroso, ela sentia que um dia todos iriam esquece-la. Sua mãe preocupada com esse problema, decidiu que Akemi deveria se destacar mais, e como era tímida quis que ela se destacasse em atividades, ela deveria ser perfeita em todas elas, só assim teria atenção.
A mãe dela e tratava como uma boneca dela, só deveria fazer as coisas que ela tivesse ordenado e a mesma coisa com as roupas dela, sua mãe sempre controlou Akemi para agir da forma que lhe fosse mais conveniente.
Akemi era muito triste, pois seus pais não se importavam com seus sentimentos ou desejos, ela não gostava de atenção, ela só queria ser feliz.
A partir dos anos que se passavam, Akemi teve sua personalidade totalmente reconstruída, sendo o que ela é hoje, um branco.

Manias:
• Morder o lábio inferior quando pensativa.
• Girar o lápis quando está pensando em o que fazer.

Gostos:
• Desenhar.
• Pelúcia e bonecas
• Ler livros e escrever historias quando não tem nada para fazer
• Cafunés e pessoas que são carinhosas com ela.
• ADORA doces, principalmente bolo, se você quer chamar a atenção dela é só mostrar um pedaço de bolo Baumkuchen.
• Bichos de pelúcia, ou qualquer coisa fofa em formato de animal fofo, como coelhos, que é outra paixão dela.
• Ficar em cima das sacada da janela e olhar o por do sol ou para a lua, isso é algo que ela faz todo dia 
• Cozinhar

Desgosta:
•Café
• Que sejam desleais a ela e a maltratem
• Despedidas
• Insetos
• Praia e sol. 
• Desperdício de comida
• Pessoas que desmotivam as outras
• Pessoas não pontuais
• Desorganização

Medos:
• Palhaços, um medo um tanto ridículo, mas Alejo não se sente nem um pouco confortável perto deles.
• Errar e ser condenada por isso.

Par:
Ruki Mukami


Música que a define:
The Snow white princess is - VOCALOID


Música que define a relação com o par:
Romeo and Cinderella - VOCALOID


Estilo de roupa:
Roupas mais fofas e confortáveis, gosta muito de saias e vestidos, e raramente é vista de shorts ou calças





Estilo musical:
Gosta de músicas calmas, as doem menos os ouvidos

Quer ecchi/hentai?

Hehehe, pode mandar



Reação quando descobrir que:

>Os rapazes são vampiros:
Irá ficar um pouco surpresa, já que não acreditava em tais coisas, mas ainda sim não os tratariam como abominação, apenas ficará um pouco surpresa e também bem curiosa.

>O porquê de estar lá:
Ficaria igualmente surpresa, arregalando os olhos, mas logo voltaria ao seu estado normal, não sentiria medo, apenas ficaria também mais curiosa.

> Estar apaixonada pelo par:
Ficará confusa, ela nunca amou ninguém na vida e ver que está com "sentimentos estranho" a deixará sem jeito e bem "bugada". Mas ainda sim seria bem mais próxima dele, quase como sua sombra, queria testar aquele sentimento.

>Há alguém que pode fazer o que quiser contigo:
Ela terá um pouco de medo, já que não pode prever o que podem fazer com ela.

> Você não poderá mais ver sua familia:
Não ficará tão triste, já que não era tão apegada a eles, é como se um peso enorme tivesse saido de suas costas.

>Seu par está apaixonado por você:
Mais feliz que ela no momento? Impossível! Ver que foi correspondida por alguém que gosta tanto é muito legal, um sorriso se esboçou no rosto da albina que não tinha ninguém que o tirasse dela, pela primeira vez uma expressão viva sairia de seu rosto branco.

>O que aconteceu com Yui Komori:
Ficaria triste por ela, claro, e se imaginou morrendo sem conhecer sua filha direito. Akemi praticamente tomou as dores para ela, do jeito que é sensível e chorona, se perguntando o por que daquilo ter acontecido, mesmo que ela não tivesse a conhecido.

> Você pode ser a Maria:
Ficará mais surpresa do que o normal, provavelmente ficaria com os olhos arregalados por um bom tempo, não sabia se aquilo era bom ou não, não saberia como agir, não sabia o que poderia acontecer com ela dali pra diante, apenas ficou com os olhos arregalados e um pouco nervosa por isso.

>Haverá uma garota extra que poderá tomar seu par de você:
Ela ficaria muito inquieta, Akemi se apegou demais a ele desde o início, ver uma outra pessoa tomando ele tão facilmente dela seria algo que ela reprovaria com todas as forças do mundo. Possivelmente ficaria mais ao lado dele, ou agarrada em seu braço como uma criança para evitar qualquer aproximação suspeita, mesmo se não funcionar alguma hora, ela tinha que se esforçar devidamente pra mostrar pra ele o quanto ela gosta dele, mesmo se tiver o risco dele se desinteressar por ela algum dia. Se um dia isso acontecer de verdade, ela teria duvidado se seu amor era realmente real é se ele estava apenas a tratando como um brinquedo, mas mesmo com essas dúvidas não desistiria dele!

Relação com:

Os vampiros:
• Tem uma atração amigável por Shuu, foi com quem ela se deu bem no começo por incrível que pareça, e apesar de seu jeito curioso no começo quando descobriu que ele era interessado em música, ele não reagiu mal a ela e nem a expulsou do espaço dele, eles "interagem" juntos na sala de música, ele a acha agradável por não ser barulhenta, além de gosta de ouvir ela no piano.

• Não é muito próxima de Reiji, quase não trocam palavra, mas ela admira seus bons modos e ela tenta ser o mais educada possível para não levar um sermão dele.

• Sua relação com Ayato é boa, ele gosta de abusar dela e manda-la fazer algo pra ele, muitas vezes gosta de fazer brincadeiras que ela cai facilmente, também não reage a ela de forma negativa. Ele também é o motivo pelas vezes que ela aparece fantasiada de alguma coisa ou faz uma coisa totalmente idiota.

• Sua relação com Laito também não é muito próxima, ela realmente não sente vontade de falar com ele ou interagir, visto que ele é um pervertido ela prefere manter distância, assim como lhe foi aconselhado.

• Subaru não gosta do seu jeito "branco" e indecifrável, mas também não a trata com grosseria ou gritos, ele simplesmente não liga pra ela, apesar dela estar disposta a fazer amizade com ele ou se aproximar.

• Sua relação com Kanato é muito boa pra falar a verdade, ele é o melhor amigo dela no lado dos Sakamakis, mesmo que por vezes ele caçoe dela ou grite com a garota quando estiver tendo um de seus "ataques", Akemi ainda sim não se desgruda dele. Ela é uma das poucas pessoas que podem "falar" com o Teddy ou mesmo tocar nele

• Yuma apesar da aparência é uma pessoa gentil aos olhos dela, ela adora ajudar ele no jardim e ele tambem parece achar a companhia dela agradável

• Gosta de ficar com o Kou, muitas vezes eles são vistos juntos cantando em Karaokês. Muitos pedem para ela não ficar muito próxima dele, visto que ele é um interesseiro e ela facilmente manipulada.

• Azusa é um dos melhores amigos dela no lado dos Mukamis, visto que os dois tem um pouco em comum. Akemi gosta muito da companhia de Azusa, muitas vezes os dois são vistos sentados juntos, até mesmo os momentos de silêncio entre os dois são agradáveis. "Você não sente dor?" A inocente garota pergunta para o garoto masoquista, muitas vezes Azusa machuca Akemi e a pergunta se ela também gosta, isso é algo que faz o par ficar bastante irritado.

Par:
Seu relacionamento com o par no começo era totalmente neutra, Akemi o respeitava e nada mais que isso, já Ruki se questionava que tipo de garota era ela e o por que agia de forma tão neutra, ele a via como uma garota fragil e que era facilmente manipulada e submersa, e mesmo sabendo que ele era um vampiro, Akemi não ficou com medo ou demonstrou estar, e aquilo irritava Ruki. Ele queria que ela temesse diante dele, afinal, ela era um vampiro sadico lutando com uma jovem e inocente garota que não conhecia quase nada do mundo, mas mesmo que ele a visse assim ele não conseguia fazer nada contra ela. Era estranho, por que a presença de Akemi causava isso? Estava errado!
Ele então decidiu fazer com que a garota se tornasse sua bolsa de sangue, a faria temer, mas quando a colocou contra a parede aquele dia ela perguntou "Ei, que cor você queria ser?". Ele não entendeu a pergunta, apenas ficou calado, "Se eu fosse uma cor, acho que eu seria Translucido".
Talvez depois desse dia tudo mudou para eles, Akemi acabou forjando um vinculo com Ruki, começou a segui-lo, a sentar perto dele, ele foi uma das pessoas que chamaram a atenção dela (incluindo Azusa e Kanato) e que ela quis fazer amizade rapidamente. Não sabia o por que, mas Ruki chamava a atenção dela, ela queria saber mais sobre ele, e com ele também era a mesma coisa. Os dois conversavam sobre seus passados, e por isso Akemi passava a admira-lo cada vez mais, ela adorava a relação dele com os irmãos e passou a o chamar de "Mamãe", o que o faz ficar um tanto irritado e pedir para ela não o chamar assim.
A relação dos dois chega a ser bem fofa graças a Akemi, mas aos poucos ela estava se tornando submissa dele, e por fim completamente apaixonada.

As outras meninas:
Sempre tímida, no começo agia de forma neutra e nunca queria ser notada por elas, mas a albina não entendia que o fato dela ser a mais misteriosa das noivas fizeram com que elas a notasse e até mesmo tentasse abrir sua casca de ovo, se tornando assim, uma garota fofa e amigável perto delas, sendo quem ela realmente é.
Akemi adora elas, ela geralmente é feita de cobaia para penteados ou roupas, uma verdadeira boneca, e apesar disso ela não se importa nem um pouco, já que ela também de diverte muito com elas.
Não gosta de vê-las tristes ou sofrendo, faz de tudo para ajuda-las e muitas vezes a defendem com toda sua voz e calma, Akemi é uma ótima conselheira (ou pensa que é, já que na maioria das vezes ela mesma se buga em seus conselhos) e muitas garotas a buscam quando com problemas, por ser bem calma e atenciosa, Akemi sabe lidar com vários problemas ao mesmo tempo, sempre tentando ser o mais madura possível, apesar de aparentar ser só uma garotinha.


Pode fazer qualquer mudança necessária nela, deixo em suas mãos ´u`


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...