~Stories_forever

Stories_forever
Giovanna Machado
Nome: Giovanna
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: 1 de Fevereiro
Idade: 16
Cadastro:

Ficha - The Precious Heir


Postado

Ficha - The Precious Heir

[centro]{Inscrição}
*Nome: Alexandre Firefield

*Idade: 20

*Aparência: O cabelo é bem preto, raspado em corte meio exército. Olhos azuis como piscinas com olheiras pelas noites em que tem pesadelos e não dorme direito. Um sorriso certinho e branco que está sempre presente.

*Photoplay:
Logan Lerman











[centro]*Por que quer entrar na Seleção? Sempre admirou muito a princesa e tem um senso de salvador que gostaria de usar para ajudar o país, então decidiu tentar para poder conquistar sua princesa e ajuda-la a governar.

*De qual casta sua família era antes do sistema de casta cair?
3

*Província:
Dakota

*Profissão que exerce(pode ser soldado ou guarda no castelo, mas daí é bom caprichar na história): Na verdade não possui uma profissão exatamente. Ajudava sua mãe com a venda de doces, mas não era isso que realmente queria fazer. Porém nunca correu atrás de outra coisa.

*Personalidade(bem detalhada. Inclua frases, reações, pensamentos, não deixe só adjetivos soltos): Alexandre odeia seu nome pelo simples fato de ser muito sério, coisa que ele não consegue ser por muito tempo. Quando o assunto é realmente muito sério ele tratará com todo o cuidado e se policiara ates de falar qualquer coisa, mas se a conversa estiver ocorrendo na hora do jantar, por exemplo, ele vai fazer piadas bobas apenas para poder fazer os outros rirem.
"Se eu falar eu vou falar bobagens, melhor ficar na minha."
É muito protetor, ou seja, vai defender qualquer um a qualquer momento. Não sabe lidar com a cabeça quente e prefere tentar entender dois lados da história antes de agir sob impulso e depois se arrepender.
Tem uma mania irritante de se perder no que fala por ter TDAH, então às vezes para no meio de uma frase e começa de novo porque já não sabe o que ele mesmo está falando.
Costuma ser uma pessoa muito tranquila e amiga de todo mundo, mas não experimente provoca-lo porque ele vai devolver na mesma moeda, por mais que demore.
É bastante teimoso, se alguém coloca ideias na sua cabeça ninguém vai poder tira-la.
"Só vão tirar essa ideia da minha cabeça se arrancarem a cabeça toda".
Tem vícios em colocar apelido em todo mundo, sempre. Pode demorar, lerdar, mas uma hora ou outra ele vai lhe chamar por algum apelido bem idiota.

*Família:
Mãe: Helena Firefield

Helena é uma mulher muito bondosa e simpática. Tentou educar seu filho mesmo com diversos problemas e sempre o ensinou a ser o mais cavalheiro possível.
Alex considera sua mãe também sua melhor amiga e tenta ajudar o máximo possível por ser o filho mais velho.[i]

Pai: Gregory Firefield

Gregory é um homem tão bom quanto a esposa. Mesmo nas maiores dificuldades ele vai manter um sorriso no rosto. Se dá muito bem com o filho e estará sempre entrando em contato.

Irmã: Alicia Firefield

Alicia é uma adolescente meio maluca. Apaixonada por histórias de romance, acha que a vida se resume a um livro de história adolescente onde o príncipe vem a cavalo, mas seu irmão não permite que garotos se aproximem então a Seleção para ela foi uma benção.[i]

*Elabore um resumo sobre a história de seu personagem: Alexandre teve uma vida normal. Sua avó cuidava dele enquanto a mãe trabalhava em uma loja de doces pela qual ele tinha paixão, aos poucos sua avó envelheceu e ele cuidou de sua irmã mais nova com unhas e dentes como se ela fosse uma boneca de porcelana inestimável.

*Hobbies/Habilidades: Gosta muito de cozinhar, com a loja de doces acabou aprendendo a fazer diversos doces pelos quais ele é apaixonado e espera que os outros também se apaixonem.
É um desenhista fantástico, consegue passar realidade através de seus desenhos.
Sabe tocar violão, mas na verdade não gosta muito e só usaria esse dom em um momento de urgência extrema onde isso fosse obrigatório.

Responda em poucas palavras como se fosse seu personagem:
1. Por que você acha que merece ganhar?
Eu não estou aqui como os outros. Eu não quero simplesmente poder e uma princesa. Quero amor e poder ajudar, é só o que desejo.

2. Os fins justificam os meios? Do que você seria capaz de fazer para chamar a atenção da princesa? Jogaria sujo?
Não, está falando sério? Todos aqui queremos algo bem parecido e devemos conquistar a princesa pelo nosso jeito e não tentando tirar os outros da jogada.

3. Nos conte como foi a sua reação ao saber da Seleção da Princesa e o que levou você a se inscrever.
Bom, eu estava em casa sentado na sala. Alicia estava com um olho no livro e outro na televisão, acho que ela estava tendo um xilique interno porque eu já havia dado bronca nela por não parar de falar.
Minha mãe cozinhava biscoitos e o cheiro estava muito gostoso por sinal. Ela me entregou um e no momento em que eu ia morder ouvi meu nome sendo dito na televisão e derrubei o pobre biscoito.
Eu me assustei, não achei que fosse passar. O tempo pareceu parar e milhares de ideias e hipoteses passaram na minha mente e só fui entender que realmente havia ocorrido o que ocorreu quando eu cheguei em Angeles.

4. Caso ocorra um ataque durante seu tempo na seleção, qual seria sua reação?
Ataque? Isso pode acontecer? Nossa... Talvez eu pensasse na princesa de primeira, ou em alguém que precise de ajuda, mas eu não tenho certeza. Posso entrar em desespero e sair correndo puxando todo mundo comigo.


*Sabe que pode não ser escolhido? Sei, afinal de contas eu to abusando pacas de você, né?
*Sabe que pode morrer? Sei...
*Você planeja ler mesmo que seu personagem não seja escolhido, ou seja eliminado? Meu amor, eu vou ler qualquer coisa que você publique.
*Sabe que posso fazer qualquer coisa com ele? Sei.


Escutando: Jumpshot

Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...