~suellenhphg

suellenhphg
Realms of Fantasy
Nome: Suéllen
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: São Joao Batista, Santa Catarina, Brasil
Aniversário: 6 de Abril
Idade: 16
Cadastro:

Ficha para fanfic "Os Talentos Do Fogo"


Postado

Ficha para fanfic "Os Talentos Do Fogo"

Nome e significado: Wildler (sou a louca dos nomes estranhos, se acostume. Ou não.) Nomes geralmente vem com um significado legalzinho como “Homem bravo”, “coragem”, “esperança, paz”. Mas Wildler não tem sua origem muito honrosa; o apelido vem de swindler, que significa ladrão, fama que ele tomou no reino. Seu verdadeiro nome é desconhecido.

Idade: 19 anos.

Aparência: Douglas Booth











Duas músicas que representem seu personagem: Counting Stars - OneRepublic, Future Looks Good -OneRepublic, Secrets - OneRepublic (escolhi 3 porque não sou obrigada a nada u.u)

Personalidade: De todos os termos que poderiam ser usados para descrever este rapaz, nada se encaixaria melhor que “Vento”. Uma forma estranha de comparação, mas como ele próprio gosta de se enxergar, o vento é uma mistura de sensações. Pode começar como algo prazeroso e bem-vindo, como uma leve brisa em tardes ensolaradas. Assim como em minutos, pode se tornar em algo desagradável como um temporal com ventania ou um vento forte num dia de inverno, roubando tudo pra si e trazendo desgraças. Wildler não é o tipo de rapaz que tem muitos amigos, e não faz muito o papel de bom moço. Não é mau, apenas não tem jeito pra gentileza. É calmo em boa parte do tempo, embora sempre todos achem ele rude e grosso. O tipo que xinga dizendo calmamente, como se elogiasse a pessoa ao dize-la “vá se ferrar”.
Guarda seus problemas pra si, embora que esteja sempre pronto para ouvir por pura curiosidade e dar sua opinião aos outros (que será muito sincera, acredite); não é muito leal e tem um grande hábito de não se apegar a nada, incluindo pessoas.

História: Ninguém sabe de onde ele veio, quem são seus pais, sua família, ou qualquer outra informação. Na verdade, por mais que uns julgam ser mentira, esta parte que vou contar, nem ele mesmo conhece. Quando Wildler tinha seus 4 anos, não havia muita coisa que ele conhecesse do mundo. Mal mal tinha conhecimento da fala e não sabia ler, muito menos sabia algo sobre o lugar que vivia. Mas o que esse menino teve que enfrentar fora algo que até os adultos mais bem vividos não suportariam ver; Um ataque dizimou a casa de seu povo. Foi horrível e sangrento. Ele viu moradias de seus vizinhos e a sua própria ser devorada por chamas. Crianças gritarem e chorarem pouco antes de serem despedaçadas. Familiares e conhecidos caídos mortos no chão, e os próprios pais sendo decapitados na sua frente. Ele não sabia que tipo de criaturas eram aquelas, nunca ouvira falar. Mas ele sabia que eram reais, que não tinha delirado, pois eram tão monstruosas que sua imaginação jamais chegaria a este ponto; A silhueta eram de homens, porém tinham a pele azulada um tanto corroída, a mandíbula esgaçada demais e os olhos, brancos e cegos.
Em meio de sua fuga pelo bosque, ele tropeçou nos galhos secos das árvores e rolou até bater no tronco de uma, folhas cobrindo o corpo pequeno e desacordado. A cabeça sofreu uma faturação muito grave e ele perdeu todas as suas memórias. Por mais que uma criança tão jovem não fosse saber muita coisa a essa idade, parece meio trágico para alguns ele não saber sua própria origem, não lembrar nem de seus pais. Mas se soubessem parte desta história, talvez mudassem de ideia e passassem a preferir que o jovem Wildler nunca tenha suas lembranças recuperadas novamente.

Família/Casa: Não se lembra da sua real. Após perder sua memória, ele passou a viver por conta própria em florestas, cavernas e etc (Eu não conheço muito a história de GOT, acho que nem dá pra perceber isso né kkkk enfim, quis participar mesmo assim porque... sim kk Então, como não sei como funciona o lance das casas, pensei em fazer com que ele não pertencesse a nenhuma. Se quiser, pode fazer com que ele lembre com o tempo de sua história, talvez até por magia, e acabe sabendo a que casa pertencia, cuja qual esta você vai ter que criar porque eu realmente não faço a mínima ideia de como funciona isso haushaushau

Como foi parar nas mãos do Rei? Não é lá muito fácil viver sozinho e sem um lar, dá pra imaginar. Por ser muito novo e com suas memórias perdidas, o garoto não tinha muita noção sobre coisas boas e ruins, e assim passou a roubar e tomar pra si tudo o que via pelo caminho para sobreviver ou apenas por achar legal e não ter bom senso. Com o tempo, ele virou mestre em furtar coisas, tanto que ficou conhecido como swindler ou, como muitos preferem chamar, Wildler.
E em um dia não muito feliz do ano passado, Wildler teve a má sorte de ser pego pelos guardas em um dos poucos momentos que ele desistiu de roubar alguém (uma idosa que carregava uma cesta de frutas e que, ao convencê-lo a entregar as maças e o dinheiro do dia de volta, gritou pelos soldados para pegar o ladrão). Desde então, está preso junto aos outros ladrões capturados no reino.

Você é do bem ou do mal? Embora ele faça muitas coisas consideradas ruins, como roubar, não ter boa educação, más manias e péssimo comportamento, Wildler não é realmente uma pessoa do mal. Nunca jamais machucou um inocente, nem mesmo quando eles corriam atrás dele para bate-lo... e tentar recuperar seus pertences. Ele realmente gosta de roubar, perceba. Mas, como já dito, jamais machucou alguém, nem mesmo gritou com uma pessoa.

Gostos: Imagine um Robbin Hood da vida. Sujeito malandrão, adora maças (imagine a bondade *ou dor* no coração que ele teve o dia que desistiu da cesta da idosa), escalar árvores e correr (não de pessoas, embora as vezes se divirta com isso. Mas quando não há nada pra fazer, tem o costume de dar uma corrida, as vezes até para se acalmar ou pensar).

Desgostos: Sol, calor. Lugares fechados. Assassinos ou qualquer pessoa que considere ruim (que pra ele se resume a machucar gente. Ladrões tá de boa :) )

Medos: Às vezes tem pesadelos com criaturas horrendas (nem te conto o que U.U rsrs), mas ele não sabe o que é ou o que significa. Costuma pensar, ou ao menos tenta acreditar, que são apenas sonhos sem significado algum.

Fraquezas em combate: Nunca lutou. Meio que tudo se torna uma fraqueza pra ele.

Manias: Roub... tá, parei kkkk Sente necessidade de se movimentar quando está pensativo ou incomodado com algo, nem que seja andar em círculos.

Relação com os outros competidores: Como já conhece o Sr. Sem Educação Wildler, ele não vai lá muito com a cara de pessoas muito bem comportadas (as ricas então...), arrogantes e sabichonas. Se agrada mais com pessoas humildes e de bom senso de humor, e tem um vacínio particular por viajantes.

Habilidades: A prática do roubo o tornou um ótimo fugitivo. Jamais fora pego antes, nem mesmo de outros ladrões ou malfeitores que ele já ousou roubar. Tem bons reflexos, é rápido e muito ágil, porém não é bom de luta.
O único fato de ele ter sido capturado foi porque ele estava cercado e um dos guardas estava muito perto, não dando chance para ele correr.

Arma: Um punhal forjado em ouro que roubou (novidade) de um grandalhão mal-encarado em um bar, provavelmente roubado de uma outra pessoa ainda.

Estilo de luta: Não sabe :p

É assassino? Não (ainda :3 )

Podem confiar em você? Provavelmente não. Mas aqueles que faz amizade (raros casos, mas ele deve ter um ou dois amigos), estes podem confiar a vida.

Dragão ou magia: Magia (elemento do ar)

Quer par?: Sim. Gosto de casais :3 Mas que não seja uma sem sal, please. Uma tão educada quanto o Wildler é perfeito u.u se for ladra é pra casar kkk

Orientação Sexual: Hétero.

Como imagina o seu par? Ou uma tipo a Hermione da vida, para contrariar o gosto do Wildler sobre pessoas superinteligentes e “educadinhas”. Ou uma no estilo dele, mais grossa mesmo. E melhor em combate que ele (talvez uma ladra que seja melhor ou supere ele, algo assim. Só não seja uma sem sal, peloamordedeus, sério isso.

Relação com seu par: Do tipo que vive implicando um com o outro, com briguinhas e tals.

Morreria por seu par? Sim. Por aqueles que ele ama, que cai entre nós é uma lista com muito poucos nomes, ele faria de tudo pra proteger. Isso vale para amigos.

Concorda em comentar no máximo de capítulos? Tchácomigo.

Concordar com a interpretação que a autora tiver sobre seu personagem e como ela o representara? Tranquilis.

Algo mais? Como um bom ladrão, ele é ótimo em esconder coisas. O punhal que falei permanece com ele mesmo na prisão, e ele provavelmente conseguiria ter fugido há muito tempo se realmente desejasse. No entanto, ele fez amizade com dois irmãos; Ivan (23 anos) e Caitlin (17 anos). Caitlin, mesmo muito doente, é mantida junto com os presos, ambos os dois julgados traidores do rei (ninguém sabe bem o motivo da traição e os dois jamais contam). Todos os ladrões são obrigados a trabalhar nas minas ou celas, mas estes dois devem ficar presos em uma prisão mais distante e superprotegida, dificultando a fuga deles. Wildler acabou por ficar lá na prisão, esperando a oportunidade (e ter um plano) para que os 3 consigam fugir juntos.
Caitlin poderia ser uma opção de par para Windler, se quiser. No caso, Caitlin odeia ser limitada por sua doença que não a permite grande força física, como o simples ato de correr. É amigável com quem gosta, porém um chute no saco com aqueles que ela não for com a cara. Corajosa, não tem medo de enfrentar ninguém, podendo ou não se defender.

(aparência - Alona Tal)




Já Ivan é um amorzinho, totalmente contrario da irmã. Gentil e educado (Windler gosta de implicar com ele sobre isso), não teria coragem de matar nem uma mosca (não por não poder - olha esses músculos, G-zuis -, é mais por não gostar de ferir ninguém mesmo. Mas se quiser, ao contrário do Wildler, Ivan manda bem em luta.)

(aparência - Luke Mitchell)






E também seria bom você não excluir/parar a fanfic, só falando e pah... Isso dói o coração </3

P.S: Se quiser/gostar da capa, pode usa-la ^^ Só falar comigo que te passo um link com uma qualidade melhor pra você baixar.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...