~TaeChan

TaeChan
IWannaBeJustLkYourBodyLotion
Nome: TaeChan
Status: Usuário
Sexo: Feminino
Localização: Bauru, São Paulo, Brasil
Aniversário: 26 de Junho
Idade: 21
Cadastro:

Minha mentira


Postado

Minha mentira

Onde você está? Você realmente existe? Por que eu fico feliz e me sinto -de certa forma- consolada quando penso em você?
Quem é você verdadeiramente?

Às vezes, sinto que posso morrer... Que o mundo é cruel de mais para a vida de algumas pessoas. Mas, por que quando penso em você essa dor, o peso que o mundo joga sobre os meus ombros, desaparece? Você sabe ao menos quantas vezes me fez sorrir sem perceber?

Sem perceber, eu penso em você. Sem perceber, eu imagino você em minha vida; me sinto tão próxima mesmo estando tão longe. Mas, por quê? Por que tem que ser assim? Isso não pode ser um amor platônico. Eu apenas sinto como se estivesse enlouquecendo.

Sempre que algo ruim acontece, apenas imagino você dizendo "Tudo irá se resolver... Apenas sorria agora e mostre ao mundo que você está bem. Vamos, eu sei que você consegue ser forte! Eu acredito em você.". Mesmo apenas na minha imaginação, na minha tão fértil e fútil imaginação, você me dá apoio, você é o meu porto seguro.

Eu sorrio quando você sorri. Choro nas poucas vezes que te vi chorar. Sofro quando você sofre... Não sei dizer o que se passa na minha cabeça, ou no meu coração, mas eu sinto... Eu sei quando há algo de errado com você, ou quando o seu sorriso é verdadeiro.

Eu não posso dizer que isso é amor... A verdade é que eu não sei o que é amar alguém de verdade, ou ser amada. Eu não posso dizer verdadeiramente se o que sinto é puramente um "amor de fã" também, afinal, o que é o amor?

Se amar alguém é querer que ela seja feliz, querer sempre ver a pessoa bem, vê-la sempre dando o seu melhor sorriso, não se importando se não serei quem o colocará no rosto dessa pessoa... Se isso é amar, então talvez eu esteja te amando secretamente.

Revelar tudo isso para alguém parece uma loucura tão grande, mas se ao menos você escutasse... Continuaria sendo a maior loucura do mundo. Ah... Eu não sei por que estou agindo assim. O que deu em mim? Talvez seja a realidade me tomando, tentando me mostrar que a vida não é como uma história que se escreve e que no fim todos vivem felizes para sempre...

Meu "happy end" parece que nunca chegará; minha vida acabará sendo uma daquelas histórias sem um final... Aquele tipo de conto que o autor desiste de terminar. Uma história monótona, tão chata quanto contar quantos fios de cabelo cai da cabeça de alguém até que ela os perca por completo. Assim é a minha vida quando eu não olho para uma foto sua sorrindo e penso "yah, o que você está fazendo agora?".

A sua vida parece ser divertida... Sei muito sobre você, a propósito, apesar de você não saber da minha existência. Mas não tenha medo! Eu sequer poderei te ver de longe pessoalmente. Isso dói, mas é a verdade... Serei apenas realista sobre isso. O mais perto que poderei chegar de você é nos meus sonhos!

Ciente de que estou sozinha, permita-me apenas te imaginar mais perto, pois se eu não tiver você em meus pensamentos, quem eu terei? Apenas como um bom amigo... Isso já basta. Mesmo que seja apenas um amigo imaginário... Acho que eu preciso de você.

Algumas pessoas saem da nossa vida por vontade própria. Outras são literalmente tiradas à força dela, seja por você mesma, seja pela vida. Isso dói muito... Eu pensava que sorrir era menos doloroso e que seria uma forma de mostrar ao mundo que eu posso ser forte, mas... Eu não sou...

Mentiras! Tudo se transformou em mentiras. Quando foi que eu perdi todas as pessoas que estavam ao meu redor? Pessoas que eu realmente amava... Quando foi que eu tive que passar a imaginar você ao meu lado para poder desabafar e chorar silenciosamente no vazio escuro do meu quarto? Minha imaginação se tornou o meu único consolo; meu único refúgio do mundo que me apedreja pelas costas.

Eu me sinto tão cansada... Queria poder desistir... Desistir de tudo, completamente. Uma forma covarde de se resolver os problemas, mas eu confesso que às vezes eu durmo, pedindo para não ter que acordar no dia seguinte. Eu podia ficar apenas nos meus sonhos, junto a ti. Apenas neles eu posso ser feliz. Apenas neles eu posso sorrir de verdade... Apenas neles a única mentira é você, mas essa é uma mentira boa. Essa é a minha mentira!

Não há para onde fugir, então, enquanto dou o meu melhor sorriso para o mundo, continuarei a esperar sozinha pelo meu tão esperando alívio do viver. Posso continuar mentindo para mim mesma sobre a sua existência até lá? Esse seria o meu único real motivo para sorrir de verdade.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...