~picole

picole
[.hemmings.!];
Nome: /baby!t gabsismy[america]; .babidosarocha.❥ ↓princesadeilléia↓
Status: Usuário
Sexo: Indisponivel
Localização: Nao-Me-Toque, Rio Grande do Sul, Brasil
Aniversário: Indisponivel
Idade: Indisponivel
Cadastro:

-As long as you love me ▲


Postado

Oi minha vidinha,
Eu poderia começar dizendo que te amo e que não vivo sem ti, entretanto, eu falo isto todos os dias e não me canso de dizer. Eu te amo Gabriela, e contando que você me ame eu poderia fugir de casa e morar numa rua deserta, morrer por não ter cuidado de mim. Todavia, eu morreria feliz, pois contando que você me ame, eu morreria em paz.

Contanto que você me ame
Poderíamos estar passando fome
Poderíamos estar sem casa
Poderíamos estar sem dinheiro

Contanto que você me ame
Serei sua platina
Serei sua prata
Serei seu ouro


Alguns tempos atrás eu me sentia perdida Gaby. Eu me sentia um nada, uma garota sem ninguém. Era lógico que eu tinha os meus amigos, eu sabia que podia confiar neles para tudo, entretanto, eu sabia que faltava algo. E esse algo se chamava Gabriela.
Não sei se você se conhece tão bem quanto eu te conheço. Você Gaby é uma ótima amiga, eu sei poço confiar em você para tudo. VOCÊ AMA GRITAR COMIGO, e ainda é maravilhosa o suficiente para me pedir perdão por uma briga que eu estava errada. Consequentemente você sabe tudo sobre mim. Todos os meus segredos, os meus defeitos, os meus podres e até mesmo as tão poucas qualidades minhas. Você ama ser chamada de vidinha e adora me chamar do mesmo. Sua cor preferida é roxa e a mesma odeia a combinação pipoca com sazon. Você ri das minhas piadas mesmo elas sendo horríveis e podres. Gabriela, você é uma menina companheira que sempre esta ao meu lado mesmo que em muitas vezes eu esteja errada. Você é o motivo do meu sorriso, pois, falando com você eu tenho certeza que não estou sozinha neste mundo.
Eu poderia continuar a falar das suas qualidades, eu poderia ficar o dia todo dizendo como você é perfeita aos meus olhos. Porem, eu tenho mais coisas a falar.
Eu nunca vou me esquecer do dia em que tu me chamou no PV do wpp para falar sobre uma fanfic. Não vou me esquecer da MP que me mandou, no final da mesma havia um “eu te amo”. Foi o primeiro eu te amo que você falou para mim... Vou te falar uma coisa: Eu ainda tenho guardada nas minhas mensagens essa MP e gosto de a ler quando estou me sentindo sozinha. Sei que não vou me esquecer de quando debatíamos sobre uma fanfic, ou sobre a opção sexual de nossos ídolos
Quantas vezes já não choramos juntas? Choramos por uma maldita história em que a protagonista se auto-mutila pois o amor da vida dela a traio com sua ex, e não superada namorada. Choramos quando um loiro de olhos cor de céu ressurge dos mortos e a primeira palavra que ele diz é “Ruivinha?”. Ou até mesmo quando a personagem principal acorda de um coma de cinco anos e encontra o seu antigo amor se decaindo, choramos pois ele a humilha só para provar o seu amor pela namorada. Não só choramos com estórias, eu e você choramos juntas por tantas coisas... Lembro-me de quando eu fiz uma grande merda e você chorou a noite toda por isso. Ah... Pode ser egoísmo o que vou te falar agora, mas, eu me senti tão feliz quando soube disto. Era como se a garota perdida que sentava no fundo da sala para não ser notada e passava a aula toda escrevendo encontra-se sua coragem e enfrentar todos aqueles que riam dela. Eu me senti amada, me senti feliz por saber que você estava comigo. Não me importaria se deu tivesse que dar minha vida pela sua. Contando que você me ame.
Oh Gaby, você não sabe como eu sou grata por ter entrado na minha vida. As madrugadas sem sua companhia seriam chatas, gritar seria um ato banal se você não tivesse me mostrado o quanto isso é legal. Aquele grupo no wpp seria nada sem você. A questão é que eu passei uma madrugada inteira escrevendo um belo texto cheio de “eu te amo” ou “sem você eu seria uma menina perdida” e acabei me esquecendo de que, não importa o tanto de linhas que escrevo, ou as quantas palavras difíceis eu iria usar. Contando que você saiba que te amo, quaisquer palavras seriam nada comparadas ao carinho que sinto por você.
Eu fiquei pensando em tudo o que eu tinha que dizer neste jornal. E a conclusão que tirei é que: Contando que você me ame eu poderia me jogar em um rio mesmo sabendo que não sei nadar.
Contando que você me ame Gaby, qualquer coisa além disso, seria banal para mim, pois sem duvidas algumas eu te amo também.
Feliz aniversário meu amor, quando eu for te conhecer irei te bater por me trocar muitas vezes, e então irei te abraçar, e falar que eu agradeço a Deus por ter te colocado em minha vida.
E olhe, eu te ignorei esses dias todos, e fiz você pensar que tinha me esquecido de seu aniversário, mas meu amor, eu SEMPRE vou estar com você, S E M P R E vou me lembrar do seu aniversário, e por Deus, eu SEMPRE vou te apoiar.
Eu tinha este texto guardado desde ontem, eu ia esperar dar 23:59 para eu postar, mas me senti mal e além do mais, eu estava muito ansiosa.
Contando que você me ame







Conte comigo para tudo, parabéns vidinha.
Amo você ♥


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...