Casas de Theneder - Interativa


Postado

Casas de Theneder - Interativa

OS FUNDADORES



Almir Aymon Equus




Nascido apenas alguns anos depois de Cristo — século I —, Almir fora o mais corajoso entre os três fundadores da escola. Era constantemente positivo, otimista e adorava fazer brincadeira de tudo — provocando raiva em Llídio —, contudo algumas vezes, a maioria, gostava de se gabar sobre muitas coisas; A maior parte do tempo sobre batalhas e guerras conquistadas. Era bastante competitivo, nunca negando uma boa disputa, e corajoso em quase tudo que fazia. Segundos lendas, e livros da época, o mesmo havia sido um grande cavalheiro e um temido mago — extremamente habilidoso com a arte de transfiguração, tornando-se um grande e imponente garanhão. Foi morto assim como passara sua vida, numa batalha.

Hemilia Cossé Lacerta




Hemilia era a mais bondosa e gentil de todos. Com seus cabelos níveos e pele leitosa, e clara, a mulher encantava seus inimigos e os distraia da batalha; Aí os mata. Com sua personalidade positiva, altruísta e amigável, Hemilia encantava todos ao seu redor e possuía centenas de pretendentes, contudo seu coração pertencia ás artes cerebrais. Literatura, artes ou música eram seus passatempos preferidos, sendo seguidos por ler e andar pelos claros vales de Malitt. Nascera no mesmo século, no mesmo dia e na mesma hora que Almir e Llídio, tendo seus destinos traçados juntos. Faleceu com apenas seus mil e trezentos anos de idade, e ainda não possuía sinais de rugas em sua face. Acusada por assassinato e morrera envenenada, por cicuta. Foi uma grande maga, dominando os encantamentos mais difíceis.

Llídio Bouborn Lupis




Este foi um homem difícil de se lidar. Llídio era o mais novo dos três, nasceu quarenta segundos depois de Hemilia e cinquenta e cinco após Almir. Sua alma era fria e dura , como o gelo mais espesso. Sua alma era repleta de mistérios e um tanto quanto obscura. Fora considerado por muitos um mago das trevas e/ ou o próprio diabo, mas Hemilia e Almir eram os únicos que lhe conheciam verdadeiramente e não o temiam. No campo de batalha era um verdadeiro monstro, sendo muitas vezes conhecido como Principe de Sangue. Era o melhor mago já visto, em Artes das Trevas, e dominava todas as modalidades das sombras que se pode imaginar. Com seus mil quinhentos e trinta e quatro anos, o mesmo morrera na forca.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...