~TheSadness - Clan Impossibile

TheSadness
Nome: ✎ Onee da @Hanna13Uzumaki ✎ Otaku ✎ Gamer ✎ Conselheiro ✎ Escritor ✎ Kawaii xD ✎ Dark trevoso u_u
Status: Usuário
Sexo: Masculino
Localização: São Paulo, São Paulo, Brasil
Aniversário: 17 de Março
Idade: 12
Cadastro:

☾ C.O.N.T.A.M.I.N.A.T.I.O.N W.O.R.L.D ☽


Postado

🔥 FICHA PARA PERSONAGEM [HUMANO] 🔥

I'M SURVIVE


Nome & Sobrenome: Leonard Swan

Idade & Signo: 22 / Peixes

Personalidade: Leonard é uma pessoa muito extrovertida, rebelde, independente e pensativo. Sempre está à favor do que é justo e defendendo aquilo no que acredita. Às vezes, por conta da sua rebeldia e desobediência, pode parecer rude, mas guarda sentimentos muito profundos dentro de si e esconde uma personalidade sensível e frágil. Faz-se de valentão e sério na frente das outras pessoas para esconder quem realmente é. É uma pessoa extremamente inteligente e curiosa e sempre está pensando sobre a vida e as razões dos fatos.

Aparência & Descrição:








Leonard tem cabelo gradiente num conjunto de castanho e vermelho, olhos cor-de-mel amarelados. Seus lábios, que quase sempre estão roçando um no outro por conta de sua mania, são avermelhados tom-de-sangue, e pequenos e delicados como o seu nariz e queixo. É magro, porém nem tanto, e seu cabelo cobre toda a sua cabeça, liso e com uma franja chegando até o nariz porém não cobrindo completamente os olhos.

De Quem Pegou a Aparência: Yuuta Togashi (Chuunibyou demo koi ga shitai)

Passado / História: Foi criado numa família de alta classe desde sempre, e seus pais sempre lhe deram tudo o que queria, menos o que ele realmente precisava: carinho. Os pais eram muito ocupados com seus trabalhos importantes (o pai, um importante empresário do governo, e a mãe uma jornalista dedicada), e nunca lhe deram muita atenção. Frequentemente fugia de casa, brigava na escola ou invadia casas vizinhas para chamar a atenção dos pais. Sempre teve um amor muito grande pelos livros, e era o que o confortava nos momentos de tristeza. Sempre estava se perguntando o que havia de errado com ele e porque ele se sentia uma pessoa horrível. A única coisa, além dos livros, que conseguia acalmá-lo e esquecer de todos os problemas frequentes, era Alana, a pessoa por quem sempre fora apaixonado, uma das pessoas que teve sua casa invadida por Léo durante seus momentos de rebeldia. Aos 13 anos, começou a mutilar os próprios pulsos e prossegue até atualmente.

Música Representativa Da Personagem: My Demons - Starset

Par: Alana Shmidt

Sexualidade: Bissexual 👫 👬

Gosta: Ler, escrever, desenhar, pensar, ouvir música, metáforas, sinceridade, chamar a atenção dos pais, mutilar-se.

Não Gosta: Mentiras, pessoas que acham ter o poder sobre tudo, machismo.

Segredos: É bissexual, está escrevendo um livro, se mutila, gosta de fazer desenhos sangrentos (deixo como exemplo um dos meus desenhos em que uma garota arranca o próprio coração para dar à pessoa que ela ama :v)


Traumas & Fobias: Tem agorafobia (medo de estar em meio à multidão, em filas ou em locais que tenha um grupo muito grande de pessoas).

Medos: Perder os seus pais e as pessoas que ama. Descobrirem os seus segredos.

Manias: Roçar os lábios um no outro frequentemente.

Doenças: É asmático.

Roupas:
Combate:



Casual:



Banho


Onde Estava Quando Aconteceu A Explosão: Estava em casa, escrevendo em seu livro.

Objeto De Valor:
Um anel dado por sua mãe, que o faz lembrar dela e de seu pai sempre que estão ocupados demais.


Animal De Estimação?: Nenhum

🔥 Reação Ao 🔥


Ver os zoombies: Não entraria em pânico, somente acharia a situação muito estranha e manteria a distância, tentando encontrar qualquer arma útil para se defender de qualquer possível ataque.

Um Amigo/Parente/Pessoa morrer: Entraria numa depressão profunda, deixando toda a sua rebeldia e sua pose de valentão deixar-se levar, e seu corpo seria invadido por toda a tristeza, e seus olhos pelas lágrimas. Se mutilaria mais frequentemente do que já era acostumado, teria pesadelos com o falecido e, se a morte fosse dos seus pais ou de alguém muito próximo, ele buscaria vingança de sua morte.

Ser Mordido: Não contaria para ninguém, para não correr algum risco, e se manteria longe de todos os outros.

Descobrir que há pessoas com poderes especiais: Ele acharia o máximo, e começaria a investigar mais sobre tudo isso pois sempre foi uma pessoa muito curiosa.

Ciente que sua personagem esteja em minhas mãos?
Sim.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...