~Tacco

Tacco
The Eternal "T"
Nome: André Soares
Status: Usuário
Sexo: Masculino
Localização: Petrolina, Pernambuco, Brasil
Aniversário: 2 de Maio
Idade: 14
Cadastro:

Liberdade e Igualdade - Ficha


Postado



I could have beer for breakfast, my sanity for lunch
Tryin' to get over how bad I want you so much
Innocence for dinner, pour somethin' in my cup
Anything and everything just to fill me up
But nothing ever gets me high like this
Poison — Rita Ora.


Mostrar Spoiler: Jean Raul Salles
Liberdade e Igualdade

ͼNome Completoͽ
► Jean Raul Salles.

¢Nome:
¹¢Jean — ► Significando "agraciado por Deus"; "a graça e misericórdia de Deus"; "Deus perdoa" ou "Deus é cheio de graça", é uma variante francesa de "João", pois o mesmo vem do hebraico "Iohanan", que é a junção de "Yan" (que significa "Javé", "Jeová" e "Deus") e "Hannah" (que significa "graça"), ou seja, o sigificado do nome "Jean" é a junção dos significados provenientes dois elementos que compõem o nome hebraico "Iohanan".

²¢Raul — ► Vem do francês e significa "lobo conselheiro" ou "o que segue o conselho dos lobos", "combatente prudente". O seu termo francês de origem (Raoul) é uma latinização do germânico (Radulf). Mas não acaba por aí, "Radulf" fora gerado do nórdico antigo (Rádúlfr), que é de onde vem os próprios significado do nome "Raul" por ter como junção os elementos que formam os significados.

³¢Salles — ► É um sobrenome supostamente francês e de caráter religioso, pois, como o próprio significado do nome diz, ele é uma "homenagem à São Francisco de Salles". Ele e o seu "irmão" (Sales, com apenas um "l") significam a mesma coisa, pois são uma mesma homenagem a um santo homenageado pela igreja católica e algumas outras religiões.

ͼIdadeͽ
► 23 anos.
► 19/12.
► Signo de sagitário — (sagitariano).


ͼNacionalidadeͽ
► ( ) Inglesa
► (X) Francesa
► ( ) Austríaca


ͼSexualidadeͽ
► Jean é Bissexual, ou seja, sente atração pelos dois sexos.

ͼClasse socialͽ
► ( ) Nobreza
► ( ) Clero
► (X) Burguesia


ͼStatus profissionalͽ
► ( ) Monarca
► ( ) Guarda
► ( ) Estudante
► (X) Outro: músico


ͼPersonalidadeͽ
► Jean apresenta uma personalidade bem peculiar se for considerado a sua idade e outros quesitos relacionados ao seu redor. De fato, sua aparência também não é algo que reforça o pensamento de alguém que supõe que sua personalidade é do jeito que é.
Jean é bastante conhecido por sua coragem exacerbada, pois simplesmente não consegue sentir medo com facilidade nem com atos que muitas pessoas desmaiaram só de escutar que alguém os fez. Se engana quem pensa que tudo é puro fingimento, pois pode ter certeza, a coragem presente em Raul já fez muita gente se assustar. Entretanto, não é como se fosse fazer atos suicidas para provar sua coragem, afinal, não dá a mínima importância para os pensamentos dos outros quanto a ele mesmo. É aí que surge outro ponto em sua personalidade: sua autenticidade. Não respira nem come o que os outros acham dele e não precisa saber disso para sobreviver. É algo que não importa para o Salles. Dizem que é um dos pontos que mais gostam nele. Definitivamente seus pais não sabem de onde ele tira todo esse jeito autêntico de ser, pois os mesmos não o completo contrário nesse quesito; vivem dando atenção para os pensamentos alheios sobre eles mesmos.
Dado as circunstâncias do que faz para viver, pode-se notar mesmo nem conhecer Jean que ele apresenta uma criatividade acima da média, pois gosta de compor poemas e novas músicas. Faz isso quando precisa extravasar seus sentimentos ou apenas por querer mesmo. Sabe brincar com as palavras, fazendo delas sua principal arma. Sua oratória é excepcional, podendo convencer pessoas facilmente do que é certo ou errado, fazendo-as agir exatamente como ele quer. Não usa essa "habilidade" para manipular pessoas ou algo do tipo, pois diz que "acha melhor usar essa habilidade em prol do seu trabalho". Muitas pessoas ficam impressionadas quando o Salles começa a cantar suas músicas, pois são expressivas demais para uma simples pessoa. Podemos dizer que é uma habilidade natural dele: usar as palavras tanto como armas quanto como instrumentos que causam felicidade e outros tipos de emoção.
É alguém bem sarcástico. Usa o sarcasmo em todas as horas do seu dia. Inclusive, sua voz já apresenta naturalmente um tom desse gênero quando ele está falando com uma pessoa com quem não gosta ou não possui tanta afinidade. Em falar em "relações com os outros", Raul é um tanto quanto rancoroso e vingativo, detalhes esses que não combinam em nada quando são juntados em uma situação especifica. Gostaria de mudar a si mesmo nesse quesito, mas sabe que é mais forte que ele o rancor crescendo e consumindo seu coração. Tenta ser calmo sempre que pode, mas consegue perder a cabeça facilmente. E isso junto com sua coragem o fazem uma pessoa bem fácil de se irritar, chegando quase ao ponto de ser explosiva. Mas, ao contrário de sua calma, sua curiosidade não se perde por motivo algum. É capaz de cometer muita loucura pelo simples motivo de ser tomado pela curiosidade. Ela é a única coisa que o faz se perder quanto ao seu grande alto controle.
Por mais que não pareça, seu auto controle é um dos pontos chave para obter-se sua personalidade. Seu lado rancoroso e vingativo não o fazem perder a cabeça como a falta de calma o faz, ele apenas faz Jean colocar novos objetivos na mente, que, no caso, é se vingar de alguém. Quase nada supera o controle que ele tem sobre si mesmo. Se estiver em condições normais, nunca fará nada que não queria, pode ter certeza absoluta disso, mas, se for exposto a situações que envolvem a perda de calma, já pode esperar vê-lo perder de forma completa o controle que tem sobre suas ações. Sua paciência se apresenta como uma paciência mediana; não é tão grande, mas também não é tão pequena. Apenas sabe se adequar a situação que exige espera. Ele também é péssimo com julgamentos; não sabe julgar ninguém, não porque não quer, mas sim porque não sabe. Não sabe julgar nem a si próprio! Segue a sua intuição para dizer se aquilo que faz está bom ou ruim, simples assim.
É uma pessoa bem inteligente, sabe aplicar a lógica no seu cotidiano e não faz questão de demonstrar sua inteligência para as pessoas, pois sabe que parte da burguesia apresentam pouca formação educacional e não gosta que pensem que está tirando vantagem só por ter crescido em uma casa que ler e escrever se mostram verdadeiras tradições de família. Por mais que não pareça uma pessoa típica de ter atos bondosos, o Salles adora dar pequenas aulas carregadas de informações para as crianças. Gosta de ver o sorriso delas; sabe que isso pode parecer besteira, mas é a mais simples verdade. Uma das coisas que seus pais também lhe ensinaram foi a organizar tudo por onde passar, pois, segundo eles, a "organização é uma das melhores coisas que se pode ter na vida". Por esse motivo, o Raul é muito organizado; tanto ao ponto de fazer uma lista mental das coisas que vai fazer no dia e etc.
Pode ser uma consequência de sua coragem, mas, mesmo não sendo, é algo que merece ser enaltecido. Jean sabe se impor muito bem. Sabe mostrar presença, por mais que o ridicularizem para qualquer coisa que seja ele sempre arrumará um jeito de dar a volta por cima. Quem o vê assim, nem imagina que apenas tem 23 anos de vida. Ele, de certa forma, parece maduro demais parao que sua idade e classe social "permitem". Por isso é constantemente confundido com alguém da nobreza ou do clero. Sim, isso já aconteceu muitas vezes e parece que sempre continuará acontecendo até as pessoas procurarem se informar mais sobre o Salles. Falando nisso, Jean é esperto; não é nem um pouco inocente para as coisas do mundo e não se deixa enganar por simples dizeres inventados por qualquer pessoa. Gosta de traçar um perfil psicológico das pessoas com quem vive seu cotidiano, só que isso, bom, é mais uma mania do que um ponto de sua personalidade propriamente dito.
Sim, Jean é muito vaidoso. Gosta muito de cuidar da própria beleza. Sempre gosta de observar sua imagem em coisas que oferecem a capacidade de refletir as coisas, não ao ponto de ser narcisista, mas realmente gosta de se observar e preservar uma aparência bonita e bem apresentável. A aparência dele realmente é bem apresentável, fazendo o mesmo se tornar um tanto quanto orgulhoso nas questões estéticas e de organização. O Raul ama fazer jogos com as pessoas, para ele isso é pura diversão. Gosta de fazer pequenos jogos com o intuito de "investigar" a pessoa com quem fala para saber como ela se sai com enfrentamentos, jogos de flerte e sedução, etc. Adora ver as reações das pessoas quando percebem que ele é um jogador nato e profissional.
Em questão da convivência com pessoas desconhecidas, Jean usa de uma pacificidade impressionante (quer dizer, quando não está querendo se vingar). A pessoa pode o confrontar e começar a ameaça-lo, mas, ele usará toda a pouquíssima calma que existe em seu ser para não se irritar e começar uma briga. Essa situação é completamente diferente com seus amigos mis próximos, pois, a partir do momento em que confia em uma pessoa e a deixa entrar na sua vida, começa a demonstrar que tem um pavio curtíssimo e que não quer machucar ninguém planejando suas tão destrutivas vinganças. Em falar nelas, ele não exatamente machuca as pessoas nelas, talvez um pouco, mas esse não é o foco da coisa. Com suas vinganças ele busca mais um baque psicológico do que físico, deixando as pessoas meio chocadas quando escutam seus planos com atenção.
Pode parecer meio frio por causa de seu modo de falar com as pessoas, mas na verdade nem é tão gelado assim. Sua presença pode sim causar algumas sensações, mas na maioria das vezes é algo quente que invade o coração, por isso dizem que o Salles tem bastante presença. Vendo por outro lado, a aparência de Jean passa a imagem de uma pessoa com capacidades manipuladoras exemplares e muito fria e indiferente com todos. Como já dito, a sua aparência apresenta esses problemas de passar algo que ele não é. Ele pode sim ser um pouco frio e até um tanto quanto indiferente, mas se importa com as pessoas ao seu redor. Não é necessariamente uma pessoa puritana e muito bondosa, mas pelo menos tem princípios e uma índole que seguem esse padrão do lado do bem.
Tenta não ser indelicado quando se trata de "falar as verdades", mas sabe que por mais que tente, dificilmente conseguirá não ser um verdadeiro indelicado de marca maior. Tudo isso se deve pelo fato de ser verdadeiramente direto e odiar rodeios desnecessários. Se tiver que falar algo, simplesmente abra a sua boca e fale. Não se pode fazer rodeios que no final se mostram completamente fora de cogitação de tão sem sentido que são. Não trata seus amados jogos como enrolação ou qualquer coisa do tipo, pois sinceramente gosta de saber até onde as pessoas vão dentro do jogo em prol da vitória. Juntando isso com sua capacidade grande de sinceridade... Bom, não se torna algo muito legal para pessoas sensíveis e que não aguentam o peso das verdades. Esses traços de sua pessoa são tanto valorizados quanto odiados pelas pessoas próximas, mas não é como se ele pudesse fazer algo a respeito e começasse a sair mentindo a vontade. Isso não é certo.
Acima de tudo, Jean é uma pessoa que é bem fácil se manter uma boa convivência, isto é, quando o Raul não está mal humorado! No geral ele se apresenta como uma pessoa que não se tem muito problema em estar no mesmo local que ela, e, no final de tudo, conclui-se que ele é desse jeito mesmo.


ͼAparência e Descriçãoͽ
Imagem 1 -

Imagem 2 -

Imagem 3 -

Imagem 4 -

Gif 1 -

► A beleza de Jean é algo incontestável; não se pode negar que ele é uma pessoa que nasceu dotada de beleza. Tudo começa com seus cabelos lisos de cor castanha escura. Seus fios achocolatados (que se encontram presentes com essa mesma cor em todas as partes com pelos do seu corpo) sempre acabam por chamar um pouco de atenção por causa do pouco mas considerável brilho presente neles.
Seus olhos são de uma cor azul muito próxima ao do azul marinho, mas mais claros que os mesmos. Eles deixam transparecer uma certa pureza e leveza que muitos ficam surpresos. Somado ao rubor natural nas suas bochechas e sua pele macia e clara o fazem parecer uma, como todo o definem na primeira vez que o veem, linda criança. Sim, classificam o rosto dele como "rosto de criança" pelo fato de apresentar feições bem delicadas para sua idade. Seus lábios não são cheios e nem vermelhos demais, são apenas lábios pequenos e de cor um tanto quanto apagada. Normalmente esse ponto em sua boca acaba passando despercebido pelas pessoas que o observam, mesmo que atentamente.
Seu queixo acaba sendo um ponto um tanto quanto engraçado em sua face. Ele tem um pequeno "buraco" ou "covinha", queira dizer como quiser, que o faz parecer ser dividido em duas partes. Não se sabe exatamente se isso meio que "aperfeiçoa" a beleza facial dele ou apenas se mostra um empecilho para a sua aparência exuberante. Suas orelhas são até que "delicadas", por assim dizer. Além disso, elas têm uma característica interessante: são as primeiras coisas que ficam vermelhas em seu corpo quando ele está com raiva. Esse fato é bem engraçado quando visto de perto, pois as suas orelhas ficam completamente vermelhas quando está enfurecido; de fato muito interessante.
Seu corpo é algo que também apresenta fatos interessantes: mesmo sem praticar nenhum tipo de habilidade física diariamente, ele apresenta músculos definidos; não volumosos nem estupendamente chamativos, mas sim muito atrativos (esteticamente falando) e saudáveis para o seu corpo em si. Sempre foi bem magrinho, isso nunca mudou, e, segundo a lógica, era para ele continuar assim para o resto da vida, mas parece que a genética foi favorável a ele e o presenteou com músculos definidos surgidos do verdadeiro nada!
Jean possui 1,78 de altura e pesa em torno de 68 quilos. Seu tipo sanguíneo é O positivo.


ͼPhotoplayerͽ
► Josué Wiese.

ͼCotidianoͽ
► O cotidiano de Jean é até que bem simples. Sempre acorda cedo para verificar e fazer uma lista mental de todos os seus afazeres no dia; pois assim acha melhor para se organizar e tudo mais. Normalmente ele gosta de ficar andando um pouco longe de casa para pensar melhor sobre as coisas, afinal, ele gosta bastante de se adiantar nas coisas até em pensamentos. Quando não há eventos surpresa e/ou envolvendo seu trabalho, assim são suas manhas.
No período da tarde, o Raul se dedica a sua criatividade e seu trabalho. Se houver apresentações nesse período, ele se apresenta e aproveita para gastar um pouco de tempo criando poemas e novas melodias. Esse horário do dia é o intermediário do horário que não tem muito para ele fazer (manhã) até o que é — na maioria das vezes — o mais lotado para ele: a noite.
A noite Jean se depara com algumas apresentações nos mesmos lugares que são todas as suas performances: bares, em casas com festividades, etc. Cobra pouco por suas apresentações, mas são tantas que acaba rendendo. A noite, o Salles canta muito; espalhando sentimentos felizes por onde passa, afinal, esse é o intuito do que escolheu para fazer da vida.


ͼHabilidadesͽ
1.Canto;
2.Cozinhar;
3.Atuação;
4.Apresentação em público — oratória.

ͼApoia a Revolução Francesa?ͽ
► (X) Sim
► ( ) Não
► ( ) Indecisão


ͼExplique seus motivos para sua decisãoͽ
► Como já revelado; Jean vive na classe social da burguesia e por isso sabe tudo que se passa por ela em questões econômicas. Sabe que a situação que vivem é insustentável para qualquer tipo de país próspero em todos os sentidos. Apoia com todas as forças a revolução, e, se encontrar alguém que pensa o contrário, terá o prazer de fazê-lo mudar de ideia.

ͼGuarda-Roupasͽ
Roupa 1 -

Roupa 2 -

Roupa 3 -


ͼPalavra Chaveͽ
► Viva La France.

ͼPar românticoͽ
► ( ) Eu escolho
► (X) A Autora Escolhe
► ( ) Antes de um definitivo par, prefiro que meu personagem tenha outros amantes
► ( ) Não quero


ͼHistóriaͽ
► A história do Salles não é nada de muito impressionante. Ele nasceu de pais que cultuavam uma cultura bem culta de educação e aprendizado; não é atoa que é por causa deles que Jean sabe ler, escrever e ter outros conhecimentos a mais, separando-o da grande taxa de semi-analfabetos presente onde vive.
Laucya, sua mãe, tem uma espécie de uma super-proteção para com o Raul, mesmo com ele já tendo mais de vinte anos. César, seu pai, tenta diminuir essa proteção, pois ele sabe o quanto isso pode ser chato para Jean. Enquanto crescia, ele já se mostrava bem flexionado a realizar atividades que envolviam qualquer uma das artes cênicas, pois ele acabava, mesmo sem querer, se mostrando uma pessoa excelente para realizar tais atividades. Nunca viveram regalias, pois, mesmo se quisessem, não poderiam conseguir uma riqueza muito grande na classe em que estavam. Em falar nisso; quando tinha dezessete anos, questionava bastante a todos que se viam obrigados a passar por esses regimes econômicos.
Como já dito, sua história não é nada impressionante nem muito motivadora, mas, uma das coisas que aconteceram que surgiu como um baque no emocional de Jean foi ver a sua primeiro canto em público dar certo! Todos aplaudiram o menino de treze anos que demonstrara um talento descomunal para tal coisa. Sua mãe e seu pai são pintores amadores, mas que parecem ganhar uma quantia considerável para viver. Eles á tentaram ensinar a arte de pinta para seu filho, mas parece que o mesmo apenas quer cantar mesmo.


ͼAlguma arma?ͽ
► Jean não possui nenhuma arma propriamente dita, pois acha que suas palavras já são o suficiente para tentar controlar a situação quando ela sair do controle.

ͼAcompanhará MESMO a fanfic?ͽ
► Com certeza.

ͼAlgo a acrescentar?ͽ
► Não.


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...