~Jophiel

Jophiel
YOUNGBLOOD
Nome: ↱ Jhon Lucas ↲
Status: Usuário
Sexo: Masculino
Localização: Macapa, Amapá, Brasil
Aniversário: 26 de Maio
Cadastro:

~Jophiel - YOUNGBLOOD


從星星重生
*̥̥⋆̥.writer+°:gemini18.ೃ*
☄ .Sєиѕє8.•.Fαll Oυт Bσу. ☄
ǫᴜᴇᴍ sᴏᴜ ᴇᴜ? ǫᴜᴇʀ ᴅɪᴢᴇʀ... ᴅᴇ ᴏɴᴅᴇ ᴇᴜ ᴠɪᴍ? ᴏ ǫᴜᴇ ᴜᴍ ᴅɪɑ ᴘᴏssᴏ ᴍᴇ ᴛᴏʀɴɑʀ?
ᴀᴄʜᴏ ǫᴜᴇ ᴇᴜ sᴏᴜ ᴇxɑᴛɑᴍᴇɴᴛᴇ ɪɢᴜɑʟ ɑ ᴠᴏᴄê. ɴᴇᴍ ᴍᴇʟʜᴏʀ, ɴᴇᴍ ᴘɪᴏʀ.
ᴘᴏʀǫᴜᴇ ɴɪɴɢᴜéᴍ ɴᴜɴᴄɑ ғᴏɪ ᴇ ɴᴜɴᴄɑ sᴇʀá ᴇxɑᴛɑᴍᴇɴᴛᴇ ɪɢᴜɑʟ ɑ ᴠᴏᴄê ᴏᴜ ɑ ᴍɪᴍ.

+ ゚*。:゚Ficha - Titanic ゚*。:゚+

Postado

𝒱𝑜𝒸𝑒̂ 𝓅𝓊𝓁𝒶, 𝑒𝓊 𝓅𝓊𝓁𝑜, 𝓁𝑒𝓂𝒷𝓇𝒶?


𝙸 held it 𝓉̲𝓇̲𝓊̲𝓉̲𝒽̲, with him who sings
𝒯o one ᴄ̶ʟ̶ᴇ̶ᴀ̶ʀ harp in divers tones,
͕͗T͕͕͗͗ʜ͕͕͗͗ᴀ͕͕͗͗ᴛ͕͗ men may rise on stepping-stones
Θf their dead ʂelves to higher things.
Alfred, Lord Tennyson, “In Memoriam A.H.H.




「𝓝𝓸𝓶𝒆 𝓒𝓸𝓶𝓹𝓵𝒆𝓽𝓸」

Cᴀssɪᴀɴ Eᴍᴏʀʏ Fɪᴛᴢɢᴇʀᴀʟᴅ

Cassian – nome de origem latina, que significa vazio.
Emory – nome de origem inglesa, que significa poderoso.
Fitzgerald – sobrenome de origem irlandesa, com significado teutônico.

「𝓐𝓹𝒆𝓵𝓲𝓭𝓸𝓼」

Cass – apelido geralmente usado por amigos mais próximos.
Mory – apelido dado pelo seu pai, Ronan.

「𝓘𝓭𝓪𝓭𝒆」

23 anos. Nasceu no dia 15 de Abril de 1889 - Áries ♈

「𝓝𝓪𝓬𝓲𝓸𝓷𝓪𝓵𝓲𝓭𝓪𝓭𝒆」


Irlandês. Nasceu em Dublin, na Irlanda.

「𝓐𝓹𝓪𝓻𝒆̂𝓷𝓬𝓲𝓪」



Cassian tem estatura corporal alta e boa forma física; é magro, mas musculoso. Seus encantadores olhos azuis criam certa harmonia com sua pele clara, e os cabelos cor de chocolate, naturalmente lisos, são desalinhados, e ele costuma deixá-los na maioria das vezes em uma pequena franja caída para frente. Suas sobrancelhas são finas e escuras, seus lábios são finos e naturalmente rosados. Já seu nariz, é médio e tem um formato proporcional ao seu rosto, que por sinal é bastante macio, pois o mesmo nunca deixa a barba crescer.

「𝒫𝒽𝑜𝓉𝑜𝓅𝓁𝒶𝓎𝑒𝓇」



「𝓒𝓵𝓪𝓼𝓼𝒆 𝓢𝓸𝓬𝓲𝓪𝓵」

Segunda Classe

「ℋ𝓲𝓼𝓽𝓸́𝓻𝓲𝓪 」

Cassian Emory Fitzgerald nasceu no dia 15 de Abril de 1889 em Dublin, na Irlanda. Seus pais eram Lana e Ronan Fitzgerald, ambos comerciantes. Sua infância não teve nada fora do comum, pois mesmo que seus pais não tivessem muito dinheiro, eles sempre davam um jeito de manter o bem-estar de todos dentro da casa, não deixando faltar nenhum dia sequer comida na mesa. Foi somente na adolescência que a vida de Cassian começou a entrar em declínio, quando seu pai – a quem ele era mais apegado – foi diagnosticado com uma doença terminal e sem tratamento. Ele basicamente o assistiu morrendo aos poucos em seu leito, até o dia de sua morte de fato. Depois disso, ele entrou em depressão e passou a ficar a maior parte do tempo no sótão de sua casa, um lugar sujo e abafado, mas que para ele era seu maior refúgio. Ele denominou o lugar de o Palácio, por conta das histórias fantasiosas que passara a criar ali, numa tentativa quase desesperadora de fugir da realidade. As paredes logo foram completamente preenchidas por desenhos e pinturas, uma das coisas das quais ele também adorava fazer, mas nada que fossem comparadas a escrita, onde sua imaginação não tinha limites. Estes hobbies acabaram aos poucos o ajudando a se recuperar da perda, levando-o a voltar para a escola, onde havia parado de frequentar desde a morte de seu pai. Cassian sempre fora um garoto muito tímido, e ele frequentemente usava isso como desculpa quando alguém perguntava o porquê dele ainda não ter uma namorada. Então, foi quando numa das festas particulares de seus amigos da escola, que Cassian acabou dormindo com sua melhor amiga. A experiência não foi nada prazerosa como ele imaginava, e depois de um tempo questionando sua sexualidade, acabou se interessando por alguém de verdade pela primeira vez, e Cass no fundo não ficou surpreso por esse alguém ser um garoto; foi assim que ele teve certeza de que era gay. Nunca se martirizou por conta disso, apenas ficou surpreso, mas contente por ter descoberto um pouco mais de si mesmo. Não demorou muito para conversar com sua mãe Lana a respeito, e, para a sua surpresa, ela o aceitou de braços abertos. Entretanto, Cassian não se sentia confortável compartilhando isso com pessoas de fora, até porque sabe o quanto a maioria delas é preconceituosa e nem um pouco mente aberta quanto sua mãe. Anos depois, sua mãe Lana casara novamente, dessa vez com um importante médico da cidade chamado Ryan McMahon. Só que nem tudo era as mil maravilhas, já que o mesmo era abusivo e extremamente violento. Cassian tentou avisar a mãe, a qual deixou bem claro que não se separaria do marido, pois, apesar de tudo, aquele homem era o único que sustentava a casa – depois que a vida de viúva comerciante acabara não vigando. Um dia, quando chegara da escola, Cass se deparou com sua mãe inconsciente e com a cabeça ensanguentada num canto da sala. Ryan, seu padastro, choramingava dizendo que havia sido um acidente, mas depois que se recompôs, rapidamente partiu para cima de Cassian, deixando o inconsciente também. Quando recobrou a consciência horas depois, seu padastro e o corpo de sua mãe havia sumido, e ele nunca mais soube do paradeiro dos dois. Traumatizado, acabou por ir morar com sua avó paterna Arabella, em Queenstown, a única parente próxima que tinha. Com vinte e um anos, começou a escrever seu primeiro livro profissional chamado Resquícios de Nós Mesmos, uma biografia mascarada de ficção, que posteriormente fez bastante sucesso no país. Com tamanha repercussão, Cassian conseguiu uma boa quantia em dinheiro, e então somente assim pôde começar a sonhar alto e planejar reconstruir sua vida em Nova York. E por isso está tão ansioso para subir a bordo do navio Titanic e partir em direção a América.

「ℱ𝓪𝓶𝓲́𝓵𝓲𝓪」


Matthew Macfadyen

Ronan Sean Fitzgerald | Pai | 43 anos | Morto

Ronan Fitzgerald vem de uma família de humildes camponeses do interior de Donegal, na Irlanda. Mudou-se para Dublin aos 18 anos, onde montou um pequeno negócio e posteriormente construiu sua família ao lado de sua esposa Lana. Sempre fora muito brincalhão, e seu longo bigode era certamente uma de suas características mais marcantes. Tinha uma relação bastante estreita com seu filho Cassian, orgulhava-se muito dele e ajudava-o sempre que podia. Infelizmente, anos depois, acabara falecendo de uma doença terminal.



Keira Knightley

Lana Donovan McMahon | Mãe | 39 anos | Morta

Lana nasceu em Dublin, e fora abandonada ainda recém-nascida na porta de um casal de idosos, com quem morara até os 17 anos. Eles cuidaram dela como se fosse deles, mas com o passar do tempo, eles iam ficando cada vez mais doentes e sem condições de cuidar da mesma. Então, não demorou muito para Lana sair de casa e se aventurar no mundo a fora. Conheceu Ronan, com quem casara e tivera um filho alguns anos depois. Ela era do tipo durona, que não gostava muito de demonstrar sentimentos, mas ela sempre se preocupara com o filho Cassian, tanto que o aceitara completamente quando ele assumira sua homossexualidade. Após a morte do marido, casara-se novamente, dessa vez com o médico Ryan McMahon, e assim conseguiu mudar de vida. Infelizmente, em meio a uma de suas brigas domésticas, Lana fora empurrada por Ryan e acabou tropeçando e batendo fortemente a cabeça numa coluna. Seu corpo nunca fora encontrado.



Helen Mirren

Arabella Montclair Fitzgerald | Avó | 68 anos | Viva

Arabella Fitzgerald passou grande parte de sua vida morando no interior de Donegal, vivendo apenas do campo. Ela teve Ronan quando era bem jovem, e sempre se sentiu mal por não poder dar do bom e do melhor pro filho. Então, quado ele decidiu ir morar em Dublin, ela não questionou sua decisão. Após a morte do marido, ela sentiu-se muito solitária vivendo naquele fim de mundo, e então rapidamente foi morar em Queenstown. Quando soube da morte do filho, Arabella achou que não fosse aguentar tamanha dor, principalmente com o falecimento de sua nora em um curto período de tempo. Felizmente, ela ainda tinha seu neto Cassian, com quem possui uma relação bastante amigável, e não negou que ele fosse morar em sua casa junto com ela.




「𝓟𝒆𝓻𝓼𝓸𝓷𝓪𝓵𝓲𝓭𝓪𝓭𝒆 」

Cassian é tímido, curioso e bastante inteligente. Ele costuma ter um sentido inato de idealismo e moralidade, e por isso protege aqueles que ama com unhas e dentes, deixando rapidamente suas inseguranças de lado. Ele não é do tipo que puxa assunto e sai falando coisas da sua vida para qualquer um, ele geralmente só fala se falarem com ele primeiro. Entretanto, quando passa a ter uma certa intimidade com a pessoa, ele se solta e tornar-se provavelmente o cara mais interessante que essa pessoa conhecerá. Pois Cassian tem muito conhecimento sobre muitas coisas, e sempre fica entusiasmado quando vê uma oportunidade de compartilhá-los com alguém. Ele tem forte sentido filosófico, e questiona bastante as coisas da vida, mas ele raramente externaliza esses pensamentos, pois não gosta de ser visto como um louco ou estranho mais do que já é.

「𝓞𝓻𝓲𝒆𝓷𝓽𝓪ç𝓪̃𝓸 𝓢𝒆𝔁𝓾𝓪𝓵」

Homossexual

「ℳ𝒆𝓭𝓸𝓼 𝒆 ℳ𝓪𝓷𝓲𝓪𝓼」

Cassian tem agorafobia, que se caracteriza pelo medo de lugares e situações que possam causar pânico, impotência ou constrangimento, e ofidiofobia, que refere-se ao medo de serpentes. Duas de suas manias mais marcantes é a de ficar mordendo as unhas, mas sem nunca as roer de fato, e a de fumar cigarros e charutos quando se sente pressionado ou ansioso com alguma coisa.

「𝓖𝓸𝓼𝓽𝓸𝓼 𝒆 𝓓𝒆𝓼𝓰𝓸𝓼𝓽𝓸𝓼」

「𝒢𝑜𝓈𝓉𝒶」

Livros | Jazz | Romantismo | Pinturas de quadros | Desenhos | Nuvens | Pôr do Sol | Doces do chocolate | Botânica | Jogos que o desafiem mentalmente | Aves silvestres | Esculturas | Comidas picantes | Pessoas gentis | Silêncio |

「𝒟𝑒𝓈𝑔𝑜𝓈𝓉𝒶」

Multidões | Serpentes | Traições | Qualquer tipo de abuso | Preconceito | Mar | Insetos | Festas fora do controle | Bebidas quentes | Dançar | Tirar fotografias | Acordar cedo | Lugares altos | Pessoas esnobes | Entrevistas |


「𝓒𝓸𝓶𝓸 𝓼𝒆 𝓼𝒆𝓷𝓽𝓲𝓾 𝓪𝓸 𝒆𝓼𝓽𝓪𝓻 𝓷𝓸 𝓣𝓲𝓽𝓪𝓷𝓲𝓬」



Os sentimentos de Cassian foram ambíguos quando ele botou os pés no transatlântico, uma parte dele ficou extremamente apavorada por estar cercado por tanta água e não ter muito para onde ir, mas a hora ficou muito eufórica e esperançosa, imaginando sua nova vida em Nova York.

「𝓞 𝓺𝓾𝒆 𝒆𝓼𝓹𝒆𝓻𝓪 𝓭𝓪 𝓿𝓲𝓪𝓰𝒆𝓶」

Cass apenas deseja seguir uma viagem tranquila e sem imprevistos, mas ele também tentará aproveitar os momentos ali no navio, seja divulgando seu livro – talvez desenvolvendo uma nova história – ou tentando fazer novas amizades. E, quem sabe, deixar seus receios de lado e ter uma pequena aventura a bordo.

「𝓢𝓾𝓪 𝓻𝒆𝓵𝓪ç𝓪̃𝓸 𝓬𝓸𝓶 𝓸𝓼 𝓸𝓾𝓽𝓻𝓸𝓼 𝓹𝓪𝓼𝓼𝓪𝓰𝒆𝓲𝓻𝓸𝓼」

Ele tentará se relacionar o melhor possível com eles, não se importando nem um pouco de qual classe ou família a pessoa é. Entretanto, ele provavelmente passará a maior parte do tempo bastante solitário, e alheio aos outros passageiros. Ele sabe ser gentil e atencioso, principalmente com os fãs do seu livro, mas não consegue ficar calado quando alguém começa a invadir o seu espaço.

「𝓓𝒆𝓼𝒆𝓳𝓪 𝓹𝓪𝓻? 𝓢𝒆 𝓼𝓲𝓶, 𝓻𝒆𝓵𝓪ç𝓪̃𝓸 𝓬𝓸𝓶 𝓸 𝓶𝒆𝓼𝓶𝓸」

Sim, Cass sonha encontrar um grande amor, mesmo estando em um mundo tão preconceituoso como aquele. Certamente teria que ser alguém que soubesse lidar com seu jeito, fazendo-o se soltar aos poucos. Teria que ser um cara que o fizesse enxergar o mundo com outros olhos, que fizesse Cassian sentir-se livre e experimentasse coisas que nunca teria coragem de fazer sozinho. Seriam pessoas distintas, mas almas que se completam.

「𝓒𝓸𝓶𝓸 𝓲𝓻𝓪́ 𝓪𝓰𝓲𝓻 𝓭𝓲𝓪𝓷𝓽𝒆 𝓭𝓸 𝓷𝓪𝓾𝒇𝓻𝓪́𝓰𝓲𝓸」

No início, Cassian entraria em pânico, sem saber o que fazer. Mas com a ajuda de seu par, ele conseguiria se estabilizar um tempo depois, o suficiente para botar todos os seus conhecimentos de sobrevivência em prática. Ele tomaria bastante bebida alcoólica para aquecer-se antes de imergir no mar congelante, e tentaria encontrar rapidamente algum destroço em que pudessem ficar em cima, ou fazer qualquer outra coisa que pudesse garantir sua salvação e a de sua pessoa amada.

「𝓒𝓾𝓻𝓲𝓸𝓼𝓲𝓭𝓪𝓭𝒆𝓼 𝒆 ℱ𝓪𝓽𝓸𝓼」

— Cassian usa óculos de grau quando precisar ler alguma coisa pequena.
— O dia e o mês de aniversário de Cass, é o mesmo de quando o RMS Titanic afundou.
— Ele soa muito quando começam a questionar sobre sua sexualidade, não por vergonha de ser quem ele é, longe disso, mas sim por medo do que possam fazer com ele. Claramente um trauma das vezes em que fora espancado.
Resquícios de Nós Mesmos conta a história de um garoto chamado John Beltran, que perde os pais em um acidente exploratório e passa anos perdido na floresta, enfrentando seus próprios demônios, uma clara alusão a como se sentiu quando seus pais morreram.
— O que Cassian nunca soube, é que Ryan McMahon enterrou o corpo de sua mãe no quintal de sua própria casa, e viajou para a América no intuito de se esconder do crime cometido, só que no meio da viagem ele teve um ataque cardíaco e faleceu.

「ℱ𝓪𝓿𝓸𝓻𝓲𝓽𝓸𝓾 𝓪 𝒇𝓪𝓷𝒇𝓲𝓬」

Claro.

「𝓒𝓲𝒆𝓷𝓽𝒆 𝓭𝒆 𝓺𝓾𝒆 𝓪𝓰𝓸𝓻𝓪 𝓼𝒆𝓾 𝓹𝒆𝓻𝓼𝓸𝓷𝓪𝓰𝒆𝓶 𝓷𝓸𝓼 𝓹𝒆𝓻𝓽𝒆𝓷𝓬𝒆」

Sim, mas cuidem bem do Cass tá.


Permalink Comentários (0)

[13/06/2017] Homo Sensorium (em construção)

[21/05/2017] °;⊹。Ficha - Nerve.ೃ*

[16/05/2017] Tag das 50 perguntas


Atualizações do Usuário

Usuário: ~Jophiel
Favoritei a história
História: Lonely
História: Lonely
Sobre como Wolfgang se sentia sozinho e perdido, e como Kala sempre aparecia nos momentos certos. [Especial de Natal || Kala e Wolfgang || Drabble]
Usuário: ~Jophiel
Favoritei a história
História: I'm yours
História: I'm yours
Uma noite de Wolfgang e Kala. Porque ela era seu objeto de adoração, e enquanto a tivesse, tudo estava bem. [Após 2º Temporada | Wolfgang/Kala | Drabble | + 18 só por via das ..
Usuário: ~Jophiel
MEU SENSE8 TÁ VIVÍSSIMO
Usuário: ~Jophiel
Favoritei a história
História: Animal Instinct
História: Animal Instinct
Elliot Campano é um homem quase chegando aos seus trinta anos, divorciado e que única ocupação é escrever colunas pessimistas para um jornal. No entanto, ele vê isso tudo mudar ..


Dados do Usuário

Tumblr: discodisperso.tumblr.com

Twitter: twitter.com/isohlweiler

Animes Favoritos:
Naruto, Bleach, Love Hina, Death Note e Mirai Nikki.

Bandas ou Músicos Favoritos:
Fall Out Boy, Twenty One Pilots, Imagine Dragons e Bastille.

Citação Pessoal:
O sentimento mais primitivo do ser humano é o de sempre querer alcançar o proibido e desejar o que lhe é negado.

Filmes Favoritos:
Interestelar, Um Cadáver Para Sobreviver, Fragmentado, As Vantagens de Ser Invisível, O Sexo dos Anjos, Sr. Ninguém, A Viagem de Chihiro, Kill Bill e Jogos Vorazes: Em Chamas.

Gênero de Música favorita:
Pop, Eletrônica e Rock Alternativo.

O que você encontra no meu quarto?:
Basicamente livros, e muita bagunça heuhue

Poeta ou Escritor Favorito:
J. K. Rowling, Koushun Takami, Stephen King, Lauren Kate.