~V4L3T - Clan Akatsuki

V4L3T
" Tic Tac... "
Nome: Valentin
Status: Usuário
Sexo: Masculino
Localização: Recife, Pernambuco, Brasil
Aniversário: 7 de Julho
Idade: 19
Cadastro:

Ficha - " Another universe (INTERATIVA). "


Postado


"The world is dyed with the color of blood. It will never be able to go back to the way it was before".
("O mundo é tingido com a cor do sangue . Isso nunca vai ser capaz de voltar para o jeito que era antes").

>>> FICHA <<<
____________


>>> Nome: Mikhail Liev Blackstone.
- Apelidos: Miki(Detesta) | Khail | Kael | Levi. -


>>> Idade: 18 anos . +648 | 07-07 | Câncer.

>>> Gênero: Masculino.

>>> Aparência: Luka Crosszeria(Uragiri wa boku no namae wo shitteiru).
-----> Descrição: É um homem alto, tendo 1,84 de altura e 76 kg. Tem cabelos negros e olhos meio puxados na cor prata, muitas vezes podendo ser confundindo com um azul, possui piercings de prata na cartilagem de sua orelha esquerda.
Tem traços leves, mas maduro, o que lhe dão um ar jovem e misterioso, pele bastante clara, boca fina, nariz pequeno e afilado.
Ombros e costas largas, braços fortes com duas tatuagens "X" vermelho conhecida como "Cruz sangrenta" por causa da marca Zess em seu ombro. - que antes de se tornar um demônio, eram brancas - , músculos e peitoral definido, porém nada exagerado, com porte atlético, é um rapaz bem atraente.







-> Gifs




-





-





-






-





-






>>> Personalidade:
Tem uma personalidade calma, é anti-social e vive isolado, isso as vezes acaba por atrapalhar a sua vida, é muito inteligente e calculista, gosta de " executar seus planos " sem improvisações e sim como eles foram planejados, é muito inteligente, a ponto de deixar qualquer um sem fala e muito observador, sendo capaz de perceber coisas que poucos perceberiam, com uma inteligência fora do normal, possui um raciocínio dedutivo assustador, além de ser perfeccionista e detalhista, sempre questiona tudo o que lhe é dito ou apresentado, sendo sempre extremamente cuidadoso e analítico. Ele é muito bom em enganar seus oponentes, sendo capaz de contar mentiras e meias-verdades sem demonstrar sinais involuntários, alguns de seus métodos de investigação são altamente frios e calculistas. Sua força reside na sua confiança em suas decisões.
É duro consigo mesmo e visa mais os outros do que a si próprio, às vezes finge ser preguiçoso, mas na verdade, ele realmente trabalha duro e além disso se preocupa muito com seus subordinados e amigos, considerando-os como sua família. Sua mente é cheia de coisas aleatórias, parece estar sempre no “mundo da lua”, perdido em seus pensamentos, mas só parece mesmo.
Tem uma atitude muito passiva, calma e aparentemente apática. Junto com seu comportamento passivo, parece sempre "economizar energia" e nunca exerce esforço em nada menos que seja absolutamente necessário. Além de ser calmo e paciente, prova disso é que ele fala pouco e raramente grita ou fica com raiva, embora pareça estar irritado frequentemente, por raramente sorrir ou rir na frente dos outros.
Para os outros, é visto como mais um garoto que apenas gosta de ficar sozinho. Possui uma personalidade serena, e não se importa com a opinião alheia, se falam mal dele, prefere simplesmente ignorar, já que a opinião de alguém ou um xingamento não alterarão em nada sua vida. Normalmente está com os fones de ouvido, gosta de ficar sozinho na maioria das vezes para ouvir música, desenhar ou dormir.
Ele é bastante sombrio e imperceptível, é pouco notado, se ele não quiser que o notem sua presença é zero(kuroko da vida) e não sabem distinguir muito bem o que ele sente, mesmo que olhem em seus olhos, normalmente está com uma expressão neutra, só saberão o que ele está sentindo se ele quiser mostrar.
Seus sentimentos são intensos, sua consciência é pesada, e seu cérebro parece ter sido criado para importuná-lo, nesses momentos vai para algum lugar onde possa estar sozinho e então bota tudo para fora.
Sua palavra é sua honra, se promete algo, cumpre e não gosta quando fazem o quebrar alguma promessa. Odeia demonstrar que está triste ou abalado, não gosta nem de demonstrar dor para que as pessoas não sintam pena dele ou tenham o gostinho de vê-lo acabado. Adora sua liberdade, não suporta que critiquem sua maneira de agir e pode partir de uma hora para outra se sentir que algo está faltando em sua vida, mas logo volta.
Não é fácil se aproximar dele, pode ser um pouco difícil de se conviver devido à sua personalidade sarcástica, normalmente é mal compreendido por ser aparentemente mal humorado, mas se conhecido de verdade, mostra ser um garoto Brincalhão que adora estar com os seus amigos e bastante simpático, será como um irmão mais velho, um garoto que nunca deixa na mão aqueles que possuem sua confiança. Com quem ama abre uma nova parte de seu coração, que normalmente é escondida pela raiva e pela solidão, quando está com quem ama é carinhoso, chega a até ser romântico as vezes, na verdade tem um coração mole, mas prefere morrer do que admitir isso. Finge ser gentil com seus inimigos e as vezes acaba se tornando amigo deles, bem , só parece mesmo, se ele não tiver nada contra você ele te trata normalmente, se não gostar ele dirá "Por favor, aceite minhas desculpas por não ser amigável" , ele é educado apenas com seus superiores, é um pouco ciumento também(mas esconde isso).



>>> História:
Kael nasceu num clã de demônios no Japão, localizado no meio de uma floresta e isolado dos humanos, teve uma infância bastante dura, só vivia pra ser forte e treinar, porém numa noite quando foi se divertir com uns amigos fora da floresta, conheceu uma garota, de início pensou em mata-la, pois uma regra absoluta dos demônios é: "Ao encontrar um humano, não deixe que ele o toque, são uma praga...", e ia fazer-lo, mas não conseguiu, teve pena, e antes que percebessem sua ausência, voltou, depois nunca mais voltou a vê-la e tentou esquecer este dia.
Passado uns anos, alguns meses antes da guerra(vou chamar esta merda de "Guerra Santa") contra os mortais, estava treinando de novo na mesma floresta do incidente que houve á algum tempo, não muito longe de onde estava, sentiu uma presença e foi ver. Num campo que tinha por ali, alguém parecia estar descansando na grama, chegou perto pra tentar saber quem era, e, de imediato reconheceu a pessoa, era a mesma pessoa do dia que acabou encontrando por acidente antes, quando era menor.
Não sabia se desta vez ficava com raiva ou a matava logo, quando olhou pra frente viu que a mulher o percebeu e já estava tentando fugir dele, antes que ela conseguisse, em questão de segundos, já estava atrás dela e a prensou numa árvore que tinha por perto, então apenas sussurrou bem devagar e friamente em seu ouvido: "Mecha um músculo, ou então, tente fugir de novo, e seu corpo estará boiando naquele lago, porém, sem vida."
Ao dizer isto, a soltou, enquanto o corpo dela escorregava até o chão, o mesmo ia se afastando um pouco dela, estava tentando pensar em um modo de ajeitar as coisas, principalmente pra ele, quando chegasse seria interrogado de o por quê estar com o cheiro de um humano.
Então apenas andou até o lago que havia ali e foi se lavar pra tentar tirar um pouco do cheiro, mesmo que não fosse como as águas do clã que limpava tudo ou tirava qualquer cheiro, esperava que talvez pudesse tirar um pouco, até serviu pra alguma coisa.
Já de roupa, foi até onde deixou a moça, ela ainda estava do mesmo jeito, só que um pouco pensativa e olhando para a lua, apenas prestou atenção na mesma de novo, quando perguntou: "Vai me matar?", ele apenas negou com a cabeça, sentou-se na grama e ficou admirando as estrelas, antes que percebesse já estavam conversando, viram que eram muito parecidos.
Todas as noites, eles se encontravam pra conversar, e sem perceber, Kael estava tendo sentimentos pela jovem, isso acabava afastando muitos companheiros seus por causa do cheiro das suas emoções.
Numa noite, por causa desses mesmos sentimentos, ele fez uma promessa, "Eu nunca vou trair você...".
Quando ele voltou pra casa de um de seus encontros com a mortal, ele encontrou seu irmão gêmeo(Luze) - mais novo - , tinha voltado de sua missão, com informações sobre os humanos, o que fez a Guerra Santa ser adiantada, ou seja, a humanidade só teria apenas alguns dias ou uma semana.
Passou os dias, mas antes que a Guerra Santa desse início, ele foi atrás de sua amada - sim, agora ele já consegue aceitar os sentimentos - , foi ao mesmo local que sempre combinavam, mas chegando lá, tudo estava morto, apenas pôde encontrar seu irmão com ela inconsciente nos braços dele enquanto Luze tinha uma expressão sádica no rosto, mas satisfeita pelo que fez, ainda assim, como Kael, ele tinha uma expressão raivosa no rosto, "Meu próprio irmão... Se afeiçoando a uma praga como esta!", ao dizer isso enojado, jogou o corpo da mulher em direção ao mais velho, em seguida foi em sua direção, antes que chegasse perto de Mikhail, deu tempo dele afasta-la cuidadosamente pra longe, foi uma luta difícil, ambos tiveram um mesmo treinamento, porém seu irmão fingiu que ia ataca-la, isso o fez baixar a guarda e foi ferido gravemente, principalmente tendo suas asas arrancadas, estava muito fraco pra se levantar, Luze pensou que o tinha matado, por isso o mesmo foi se reunir com os outros.
Passou algumas horas, sentiu uma mão pequena sobre seu rosto e pequenas gotículas, abriu os olhos e a viu chorando, ele estava morrendo, e ela não queria isso, tristemente, ele disse: "Sinto muito por fazê-la chorar, mas querida Rune... Posso lhe prometer que esta será a última vez.", ao dizer isso ele fechou os olhos esperando seu fim, "M-ik-i, Você iria dar sua vida por mim, até... Desistir de sua i-mor-tali-d-ade, então... Deixe-me fazer o mesmo por você, fique com minha alma, assim, do mesmo jeito, ficaríamos juntos, mas desta vez, para sempre."
Quando ela disse isso, Kael um pouco cambaleante sentou-se e olhou nos olhos dela, parecia decidida, então ele simplesmente ativou a "Roosenvelt", do chão cresceram galhos com espinhos e nas pontas deles tinham rosas brancas, elas foram envolvendo o corpo da jovem, quanto mais os espinhos tocavam a pele dela, mais ela sangrava, isso faziam com que as rosas ganhassem vida, sendo tingidas com um vermelho vivo, enquanto isto o rapaz já tinha recuperado parte de sua força e só faltava a alma dela, chegou perto do corpo adormecido e com um forte pesar falou: "Rune... Você sangrou por mim, me deu sua vida, prometo que cuidarei e guardarei suas lembranças, suportarei suas dores... Terminarei com isto rápido, de modo que não precise sentir mais nada, descanse em paz.". Ao dizer essas palavra, ficou de frente pra ela e com a mão atravessou seu peito perfurando o coração dela, assim tirando sua vida.
Então as belas flores vermelhas e os espinhos desapareceram, enquanto o corpo sem vida de Rune caia nos braços dele. Passou um tempo admirando seu rosto, que mesmo sem vida continuava belo. Passado alguns minutos, incinerou o corpo da amada até que ele virasse cinzas e as jogou ao vento.
Terminado tudo foi em direção da Guerra Santa, matou todos os membros de seu clã, restando apenas um, Luze. A quem não tinha encontrado.
Passou aproximadamente 648 anos, acabou fazendo amizade com um humano chamado Nícolas, era uma boa pessoa, viviam numa casa partilhada, porém só viviam eles dois lá, ninguém alugava por causa de Kael.
Foi uma das pessoas que ele considerou importante além de Rune, mas foi morto depois de alguns meses de causa desconhecida, isso fez a polícia desistir do caso, mas ele não, tinha um suspeito, e seguiu o cheiro dele, tinha sido seu irmão.
Desta vez, lutaram pela última vez, o resultado já era previsto, porém antes de Kael finalizar sua vitória, disse ao seu irmão: "Você julga os seres humanos como pragas, mas se você for parar pra pensar, somos piores que ele. Nós, aqueles que começamos com tudo, corrompendo-os e corroendo-os dia após dia. Devastando e acabando com tudo... Simplesmente, um vírus.".
Depois desse dia, agora tenta seguir em frente, mas não imaginava que fosse na merda de um internato, seu amigo tinha o inscrito/matriculado lá antes de morrer, mas sem escolha, se era essa a última vontade de Nícolas, assim seria.




>>> Gostos:
Dias frios e chuvosos | Tocar piano | Ouvir música | Desenhar | Filmes e Series | Mangás e Animes | Dormir com o barulho da chuva | Fitar as pessoas | Artes marciais | Surpresas ou atitudes imprevisíveis | Leite e café | Escuro | Animais | Crianças | HQ's | Jogos no geral | Se sentir útil | Preto| Livros| Parkour | Natação | Caminhadas a noite| Números, coisas complexas e difíceis| Estudar | Deitar a cabeça no colo das pessoas | Jogos.

>>> Desgostos:
Pessoas: Metidas , fúteis , frescas , superficiais , mimadas , que o subestimam ou que julgam um livro pela capa| Falsidade, mentiras e traições| Frescura| Acordar cedo| De se sentir impotente | Injustiças | Remédios | Hospitais | Olhares de pena | Coisas muito apertadas | Ter muitos olhares em si | Sentir ciúmes | Que gritem com ele.


>>> Orientação sexual: Heterossexual.


>>> Objeto que sempre carrega consigo: Sim, um colar que pertencia á Nícolas, o amigo dele(a polícia pegou pra tentar descobrir alguma coisa, depois que não teve mais utilidade, devolveram á ele).




>>> Sonhos: Se formar apenas.


>>> Medos/fobias: Têm medo daqueles relógio Cuco(uns que tem o passarinho dentro, quando era menor, foi pra um parque e o maldito do pássaro saiu bem na hora que ele passou, o que ele se lembra foi que teve que pagar pelo conserto, apenas isso) e de ser esquecido pelas pessoas importantes pra ele | Nenhuma.


>>> Grau escolar: Terceiro ano.


>>> Gênero genético: Demônio.


_________

-> Roupas:
- Casual -




- Escolar -



- Baile -



- Banho -



- Educação física -


_________

>>> Faz parte de algum clube? Artes(apenas desenho e pintura) | Natação | Esgrima | Artes marciais | Futebol | Basquete | Vólei | Dança | Música | Literatura ou do Livro.


>>> Observações: Sim, seus poderes de demônio:


- Força Sobre-Humana | Velocidade Sobre-Humana | Resistência Sobre-Humana -
- Telecinese -

- Pirocinese -

- Alteração da Matéria -
- Telepatia -


- Empatia -
- Controle Mental -
- Projeção Astral -


- Campo de Força -

- Raios Ópticos -
- Eletrocinese -


- Umbracinese -


É a capacidade mental na qual permite ao usuário o total controle sobre as sombras, podendo solidificá-las ou liquefazê-las, além de poder atacar adversários com sombras astrais ou físicas, usá-las para desaparecer nelas e até mesmo transportar-se por meio delas. Outras variações permitem ao usuário subjugar a luz. Consegue manipular a própria sombra, a aumentando, diminuindo, fazendo movimentos diferentes e criando pequenos objetos com ela (como facas etc).
Consegue se camuflar no escuro e paralisar uma pessoa, “segurando” sua sombra; pode paralisar pessoas congelando suas sombras dando o mesmo efeito nas mesmas.
Possui a habilidade de gerar, controlar e manipular a sombra, formando formas diferentes e a deixando rígida, além de se fundir a sombra, ficando invisível e deixar um ambiente totalmente escuro.
Sua manipulação de sombras se eleva, soltando rajadas sombrias e tendo um controle mais volátil das sombras, podendo até fazer lâminas com ela
Podendo se teletransportar pelas sombras e também acaba recebendo outro efeito, as sombras conseguem mexer com essa pessoa, ela agora pode apresentar alguns sinais das sombras ao redor dele(a).
Consegue fazer projeções perfeitas podendo até tornar sua sombra uma cópia sua a colocando no combate, também podendo se tornar sombras o quanto quiser.

- Teletransporte -

- Portais dimensionais -

- Parar o tempo(em caso extremo) -
- Super-Regeneração(ou regeneração super avançada) -

É a capacidade dos tecidos, órgãos ou mesmo organismos se renovarem ou ainda de se recomporem após danos físicos consideráveis. Deve-se à capacidade das células não afetadas de se multiplicarem e, em acordo com a necessidade, de se diferenciarem, a fim de recompor a parte lesionada.

- Toque de cura -

- Voo(Tanto com as asas quanto sem elas) -

- Aura da infertilidade -

Mutação que corresponde a uma aura capaz de desvanecer a vida e sugar a vitalidade de seres vivos ao seu redor. Pode ser controlada nos mais diversos graus, matando plantas e insetos, e até corroer matérias.
Pode invocar um escudo invisível, de utilidade defensiva que apodrece objetos e projéteis lançados contra ela antes de alcançar o próprio corpo. A presença em ambientes florestais pode causar no instantâneo decaimento das flores, a morte das folhas e o gelar do vento. A aura pode afetar todos ao redor, atribuindo aos próximos a sensação funesta de trevas, receio e entristecimento.
Dependendo de seu humor, a estabilidade do ambiente pode mudar, desbotando cores vivas e perturbando as emoções das pessoas ao seu redor. É possível canalizar a vitalidade sugada de um respectivo ambiente para si, tornando-se implacável e como suga a vida pra si, pode prolongar sua vida e desacelerar seu envelhecimento.
Os dedos tornam-se gelados e perigosos e a mão na hora pode chegar a aparecer as veias e de coloração negra, drenando boa parte da vitalidade de um humano para si. A presença do usuário torna as pessoas sonolentas e lerdas. Sente cada resquício de vida presente em um determinado ambiente, dificilmente sendo pego. Com apenas um toque, pode arrancar a consciência de um determinado ser por horas, simulando a morte e causar queimaduras negras que fragilizam o atingido.
Pode devastar florestar inteiras com um sopro gelado. Pode aplicar um “beijo mortífero” em determinada pessoa, levando-a beira da morte. Sua presença atrai tempestades e nuvens, uma onda de estragos que apodrecem madeiras e alimentos e deixar cidades escuras por dias. A influência da aura é tão forte que pode anular o uso dos poderes de cura dos outros.

(Obs: Pode tanto tirar quanto devolver a vida - Apenas se já tiver sugado a vida de algo, é tipo um carregador portátil, mas antes ele tem que estar carregado também, certo? - , mas com humanos e animais, é diferente já que não é um vegetal como plantas, só pode devolver, se o ser ainda estiver vivo, mesmo que quase a beira da morte.)

- Manipulação de probabilidade. -

É a habilidade de controlar a probabilidade dos fatos, desde que tome ação. Com isso, consegue fazer com que algo extremamente improvável aconteça, ou impedir gestos inteiramente cotidianos. Ou seja, você é capaz de fazer com que uma pessoa muito boa em futebol perca um gol ao chutar uma pedrinha em seu caminho.
Você consegue manipular a sorte e o azar, como o resultado de dados. As chances de alguém tropeçar enquanto foge de você são de uma para três, ou seja, esta pessoa irá tropeçar pelo menos uma vez a cada três ações. Consegue evitar escorregões e se equilibra facilmente quando alguém põe o pé na sua frente.
Controlando as decisões das pessoas, você quase sempre é escolhido por último para ser alvo de um ataque. Inimigos que possuírem outros alvos não lhe escolherão primeiro, a não ser que apresente ameaça maior, e aqueles que não possuírem escolha, hesitarão. Consegue acertar dois a cada três projéteis lançados.
Manipulando a própria sorte, seu controle da probabilidade é capaz de guiar seus movimentos, de modo que seus golpes atinjam o objetivo em duas a cada três execuções. A menos que outra pessoa lhe interrompa, você alcançará seu objetivo. Seus projéteis podem colidir com até duas superfícies para atingir o alvo. Pode até influenciar o clima, fazendo com que trovões, em áreas nubladas, atinjam ou deixem de atingir tal área.
Subconscientemente, você sabe a sequência correta de passos, rolamentos ou ações evasivas a se fazer para escapar de algo, como ser esmagado por um deslizamento de terra, atingido por uma flecha ou por uma bala. Mesmo que seus golpes não atinjam o oponente, podem influenciá-lo a cair em uma armadilha, como na mira de um projétil perdido ou fazê-lo tropeçar no chão.
Em uma luta, você sabe atingir os pontos fracos do alvo para facilitar seu objetivo, como acertar precisamente as juntas de seu joelho a fim de derrubá-lo, ou apertar sua clavícula e nocauteá-lo. Você nunca irá se perder em bifurcações, indo sempre pelo caminho certo.
Você consegue o maior êxito nas situações, sempre indo para o limite. Seus projéteis acertarão o alvo em nove a cada dez vezes. Seus golpes terão efeito sobre o oponente. Técnicas novas são moleza para você. Mesmo que caia de edifícios, saberá realizar os movimentos precisos para evitar a colisão mortal, amenizando os efeitos do azar.



__________________________x_______________________



----------------------------------------------x----------------------------------------


Gostou da Jornal? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...